Jump to content
João_O

Sociedade

Recommended Posts

-Uma adolescente de 16 anos pode fazer livremente um aborto mas não pode pôr u...m piercing. (?)

- Um jovem de 18 anos recebe 200 € do Estado para não trabalhar (?); um idoso recebe de reforma 236 € depois de toda uma vida do trabalho.

-O marido oferece um anel à sua mulher e tem de declarar a doação ao fisco.

-O mesmo fisco penhora indevidamente o salário de um trabalhador e demora 3 anos a corrigir o erro.

-Nas zonas mais problemáticas das áreas urbanas existe 1 polícia para cada 2000 habitantes; o Governo diz que não precisa de mais polícias.

-Um professor é sovado por um aluno e o Governo diz que a culpa é das causas sociais (O professor defende-se e é agressão ao aluno...)

- O café da esquina fechou porque não tinha WC para homens, mulheres e empregados. No Fórum Montijo o WC da Pizza Hut fica a 100mts e não tem local para lavar mãos. (onde está a ASAE?)

- O governo incentiva as pessoas a procurarem energias alternativas ao petróleo e depois multa quem coloca óleo vegetal nos carros porque não paga ISP (Imposto sobre produtos petrolíferos).

- Nas prisões são distribuídas seringas gratuitamente por causa do HIV, mas é proibido consumir droga nas prisões!

- Um jovem de 14 anos mata um adulto, não tem idade para ir a tribunal. Um jovem de 15 anos leva um chapada do pai, por ter roubado dinheiro para droga, é violência doméstica!

- Militares que combateram em África a mando do governo da época na defesa de território nacional não lhes é reconhecido nenhuma causa nem direito de guerra, mas o primeiro-ministro elogia as tropas que estão em defesa da pátria no KOSOVO, AFEGANISTÃO E IRAQUE.

- Começas a descontar em Janeiro o IRS e só vais receber o excesso em Agosto do ano que vem, não pagas às finanças a tempo e horas e passado um dia já estás a pagar juros.

- Fechas a tua varanda e estás a fazer uma obra ilegal, constrói-se um bairro de lata e ninguém vê.

- Se o teu filho não tem cabeça para a escola e com 14 anos o pões a trabalhar contigo num ofício respeitável, é exploração do trabalho infantil, se és artista e o teu filho com 7 anos participa em gravações de telenovelas 8 horas por dia ou mais, a criança tem muito talento, sai ao pai ou à mãe!

-Numa farmácia pagas 0.50€ por uma seringa que se usa para dar um medicamento a uma criança. Se fosse drogado, não pagava nada!

Fonte: https://www.facebook.com/OsIncorruptiveis

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 7 minutos, srcbica disse:

-Uma adolescente de 16 anos pode fazer livremente um aborto mas não pode pôr u...m piercing. (?)

- Um jovem de 18 anos recebe 200 € do Estado para não trabalhar (?); um idoso recebe de reforma 236 € depois de toda uma vida do trabalho.

-O marido oferece um anel à sua mulher e tem de declarar a doação ao fisco.

-O mesmo fisco penhora indevidamente o salário de um trabalhador e demora 3 anos a corrigir o erro.

-Nas zonas mais problemáticas das áreas urbanas existe 1 polícia para cada 2000 habitantes; o Governo diz que não precisa de mais polícias.

-Um professor é sovado por um aluno e o Governo diz que a culpa é das causas sociais (O professor defende-se e é agressão ao aluno...)

- O café da esquina fechou porque não tinha WC para homens, mulheres e empregados. No Fórum Montijo o WC da Pizza Hut fica a 100mts e não tem local para lavar mãos. (onde está a ASAE?)

- O governo incentiva as pessoas a procurarem energias alternativas ao petróleo e depois multa quem coloca óleo vegetal nos carros porque não paga ISP (Imposto sobre produtos petrolíferos).

- Nas prisões são distribuídas seringas gratuitamente por causa do HIV, mas é proibido consumir droga nas prisões!

- Um jovem de 14 anos mata um adulto, não tem idade para ir a tribunal. Um jovem de 15 anos leva um chapada do pai, por ter roubado dinheiro para droga, é violência doméstica!

- Militares que combateram em África a mando do governo da época na defesa de território nacional não lhes é reconhecido nenhuma causa nem direito de guerra, mas o primeiro-ministro elogia as tropas que estão em defesa da pátria no KOSOVO, AFEGANISTÃO E IRAQUE.

- Começas a descontar em Janeiro o IRS e só vais receber o excesso em Agosto do ano que vem, não pagas às finanças a tempo e horas e passado um dia já estás a pagar juros.

- Fechas a tua varanda e estás a fazer uma obra ilegal, constrói-se um bairro de lata e ninguém vê.

- Se o teu filho não tem cabeça para a escola e com 14 anos o pões a trabalhar contigo num ofício respeitável, é exploração do trabalho infantil, se és artista e o teu filho com 7 anos participa em gravações de telenovelas 8 horas por dia ou mais, a criança tem muito talento, sai ao pai ou à mãe!

-Numa farmácia pagas 0.50€ por uma seringa que se usa para dar um medicamento a uma criança. Se fosse drogado, não pagava nada!

Fonte: https://www.facebook.com/OsIncorruptiveis

Ai, não tenho paciencia pra esse tipo de textos simplistas, nem percebo onde querem chegar...

Sem me alongar muito, se o tal professor se defender será legitima defesa, como é que seria condenado?

E que tem fazer o aborto aos 16 anos? A emancipação vai sendo progressiva, aos 16 anos já se pode fazer várias coisas, outras aos 18.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 55 minutos, アンドレ disse:

Ai pode? :ph34r: Já me devem uma viagem ao Japão :japman:

Acho que ou estão a falar do Rendimento Social de Inserção ou de subsídios do IEFP.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

É tudo uma maravilha, nem temos 2 milhões de pobres no nosso país nem nada, oh!, damos um rendimento miserável que mal dá pra comer e já é muito pelos vistos :rolleyes:

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

@Francisca - o subsídio de desemprego é dado aos trabalhadores que descontam para a ss e que tenham o azar de ficar desempregados

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 14 minutos, jgsantos disse:

@Francisca - o subsídio de desemprego é dado aos trabalhadores que descontam para a ss e que tenham o azar de ficar desempregados

E aqueles subsídios de formação? São só para quem fez descontos no passado?

Share this post


Link to post
Share on other sites
quando saíu a notícia, pensei logo em suicídio.
Também pensei logo, até comentei com várias pessoas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 18 horas, Mr. Robot disse:

quando saíu a notícia, pensei logo em suicídio. :(

Eu acho que a Dolores O'Riordan também se suicidou, embora não tenham especificado a morte dela... ou então uma overdose acidental.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 38 minutos, Vítor Jardim disse:

Acho pouco provável. Os portugueses por norma odeiam o dinheiro. Basta ver os exemplos dos idiotas nojentos que fazem de tudo para impedir a prospecção de petróleo no Alentejo e principalmente no Algarve. Os ambientalistas não devem tardar com alguma desculpa para impedir Portugal de produzir lítio. Parece que já os estou a ver e a dizer que a exploração vai contaminar os lençóis de agua subterrâneos, e a poluição do ar e a dizerem que vai acabar com o turismo. Deve faltar pouco para começarem com as manifestações da treta e com os abaixo assinados. 

  • Confused 3
  • Angry 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, Manuel Silva disse:

Acho pouco provável. Os portugueses por norma odeiam o dinheiro. Basta ver os exemplos dos idiotas nojentos que fazem de tudo para impedir a prospecção de petróleo no Alentejo e principalmente no Algarve. Os ambientalistas não devem tardar com alguma desculpa para impedir Portugal de produzir lítio. Parece que já os estou a ver e a dizer que a exploração vai contaminar os lençóis de agua subterrâneos, e a poluição do ar e a dizerem que vai acabar com o turismo. Deve faltar pouco para começarem com as manifestações da treta e com os abaixo assinados. 

Pelo que fui lendo aqui e ali, o projecto do petróleo no Algarve pode não ser assim tão bom para a economia da região (qualidade do produto), pode ser prejudicial para a região que vive do turismo (acidentes, derrames, etc...).

www.publico.pt/2016/05/23/economia/opiniao/10-razoes-contra-a-exploracao-de-gas-e-petroleo-no-algarve-e-no-resto-do-pais-1732667

https://observador.pt/2018/02/10/municipios-do-algarve-contra-exploracao-de-petroleo-em-aljezur/

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 14 minutos, jgsantos disse:

Pelo que fui lendo aqui e ali, o projecto do petróleo no Algarve pode não ser assim tão bom para a economia da região (qualidade do produto), pode ser prejudicial para a região que vive do turismo (acidentes, derrames, etc...).

www.publico.pt/2016/05/23/economia/opiniao/10-razoes-contra-a-exploracao-de-gas-e-petroleo-no-algarve-e-no-resto-do-pais-1732667

https://observador.pt/2018/02/10/municipios-do-algarve-contra-exploracao-de-petroleo-em-aljezur/

 

 

Os acidentes e os derrames não são algo que aconteça frequentemente. As pessoas e organizações devem ser pagos pela OPEP que não quer concorrência. Não era bom termos gasolina e gasóleo abaixo de 1€?

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 3 horas, Vítor Jardim disse:

Mesmo que se inicie a exploração, provavelmente a licença será concedida a uma concessionária estrangeira, como já acontecia há 20 anos com o urânio. De que nos vale ter a matéria, se não temos instalações que a valorizem? Não poderá de modo algum contribuir de forma muito positiva para as contas do país. Pode trazer trabalho, mas traz também muitas outras complicações, como por exemplo ambientais e de saúde pública, que na minha opinião, sobrepõe-se a qualquer lucro que se possa obter através da extração. Já bastam os problemas que a produção de urânio acarretaram para Portugal. 

há 2 horas, Manuel Silva disse:

Tu tens noção do impacto da extração de petróleo? 

  • Like 2
  • Thanks 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 2 minutos, SIM disse:

Mesmo que se inicie a exploração, provavelmente a licença será concedida a uma concessionária estrangeira, como já acontecia há 20 anos com o urânio. De que nos vale ter a matéria, se não temos instalações que a valorizem? Não poderá de modo algum contribuir de forma muito positiva para as contas do país. Pode trazer trabalho, mas traz também muitas outras complicações, como por exemplo ambientais e de saúde pública, que na minha opinião, sobrepõe-se a qualquer lucro que se possa obter através da extração. Já bastam os problemas que a produção de urânio acarretaram para Portugal. 

Tu tens noção do impacto da extração de petróleo? 

Ele não está preocupado com a questão ambiental, só lhe interessa o $$$$... de que interessa isso se depois não tivermos planeta? Aliás, já dizem que as alterações climáticas são irreversíveis, a Terra está a morrer.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 3 horas, Manuel Silva disse:

Acho pouco provável. Os portugueses por norma odeiam o dinheiro. Basta ver os exemplos dos idiotas nojentos que fazem de tudo para impedir a prospecção de petróleo no Alentejo e principalmente no Algarve. Os ambientalistas não devem tardar com alguma desculpa para impedir Portugal de produzir lítio. Parece que já os estou a ver e a dizer que a exploração vai contaminar os lençóis de agua subterrâneos, e a poluição do ar e a dizerem que vai acabar com o turismo. Deve faltar pouco para começarem com as manifestações da treta e com os abaixo assinados. 

Antes de mais, o proprósito do Lítio seria mesmo reduzir a poluição, pois ia ajudar a produzir carros elétricos, o que só é bom do ponto de vista ambiental. 

E depois, tu tens noção do que o petróleo faz não tens? Eu sinto-me orgulhoso em saber que em Portugal não se extrai tal coisa. É um desespero a obtenção de petróleo quando este vai terminar em poucos anos. E depois? E depois temos um planeta que além de poluído já nem vai ter petróleo e iríamos ter de arranjar, mais tarde ou mais cedo, outra forma de produzir energia. Prefiro mais cedo ;) E já vamos tarde. 

Deves ser daqueles que pensa que os Verões em Outubro e Invernos em Abril são obra do divino espírito santo :rolleyes: 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 10 minutos, Tiago João disse:

Antes de mais, o proprósito do Lítio seria mesmo reduzir a poluição, pois ia ajudar a produzir carros elétricos, o que só é bom do ponto de vista ambiental. 

E depois, tu tens noção do que o petróleo faz não tens? Eu sinto-me orgulhoso em saber que em Portugal não se extrai tal coisa. É um desespero a obtenção de petróleo quando este vai terminar em poucos anos. E depois? E depois temos um planeta que além de poluído já nem vai ter petróleo e iríamos ter de arranjar, mais tarde ou mais cedo, outra forma de produzir energia. Prefiro mais cedo ;) E já vamos tarde. 

Deves ser daqueles que pensa que os Verões em Outubro e Invernos em Abril são obra do divino espírito santo :rolleyes: 

O Trump não acredita nas alterações climáticas :angel:

Segue a tradição do Bush no assunto, que não assinou o tratado de Quioto. Uma vergonha, visto que os EUA são dos paises que mais poluem, mas estão se borrifando pra questão ambiental.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deus nos livre do Petróleo, Portugal têm de investir nas energias renováveis não no Petróleo. Além de se um grande poluidor, vai estragar a paisagem( apesar das energias renováveis fazerem o mesmo, mas em menor escala e com menos gravidade!) . Há coisas que o dinheiro não compra!

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

A questão nem é a extração do petróleo em si, é mesmo a relação custo/lucro. Mesmo que houvesse exploração de petróleo, não seria suficientemente rentável a longo prazo, caso contrário já teria sido extraído.

há 1 hora, Tiago João disse:

Antes de mais, o proprósito do Lítio seria mesmo reduzir a poluição, pois ia ajudar a produzir carros elétricos, o que só é bom do ponto de vista ambiental. 

E depois, tu tens noção do que o petróleo faz não tens? Eu sinto-me orgulhoso em saber que em Portugal não se extrai tal coisa. É um desespero a obtenção de petróleo quando este vai terminar em poucos anos. E depois? E depois temos um planeta que além de poluído já nem vai ter petróleo e iríamos ter de arranjar, mais tarde ou mais cedo, outra forma de produzir energia. Prefiro mais cedo ;) E já vamos tarde. 

Deves ser daqueles que pensa que os Verões em Outubro e Invernos em Abril são obra do divino espírito santo :rolleyes: 

1) Não sabia que 200 anos de reservas em petróleo eram "poucos anos". Já o gás natural é meio milénio. Não me parece pouco.

2) A ideia de que podemos ter um planeta 100% verde é irrealista. Estás a falar numa mudança que é, para a tecnologia atual, impossível de alcançar. Podes diminuir o uso de petróleo, gás natural e outros recursos não renováveis, é verdade, mas não os consegues deixar de usar, de uma forma ou outra. Há fatores que não podes ignorar, desde da geografia ao facto de que todo o sistema de desenvolvimento e transporte de energia renovável, em grande escala, é muito mais complicado de fornecer do que aquilo que tens atualmente ao teu dispor. "Ser verde" é muito bonito, mas convém ser eficiente e neste momento não tens a capacidade para teres energias renováveis em grande escala de modo a que o seu fornecimento seja eficiente - gostes ou não, energia solar em grande escala não é eficiente, o mesmo se pode dizer de todas as outras energias renováveis.

Se queres algo eficiente e mais limpo que petróleo, carvão ou gás natural para fornecer a energia suficiente para as necessidades diárias de um país desenvolvido, a única opção que tens é a energia nuclear, mas até aí os ambientalistas fazem o drama, o horror e a tragédia só porque os desastres de Chernobyl, uma estação em péssimas condições de manutenção, e Fukushima, que só teve os problemas que teve por causa de mau posicionamento geográfico, aconteceram. 

Mais, algo que é igualmente muito engraçado entre os apoiantes de energia verde, é que são os primeiros a querer mais energia renovável, mais isto, mais aquilo, mas esquecem-se que a energia renovável é extremamente cara - o que é de esperar, tendo em conta a sua pouca eficiência. Se quiseres seguir esse caminho verde, estás à vontade, mas eu prefiro pagar muito menos por uma energia tão segura como a nuclear do que pagar bem mais por centenas de painéis solares pouco eficientes.

3) Podem não ser obra do espírito santo, e por muito que haja influência humana, a realidade é que não sabes qual é verdadeiramente o nosso impacto no que toca a alterações climáticas. Não é à toa que as projeções estão continuamente a mudar, umas melhores, outras piores. Isso é indicativo de muita coisa. Quem pensa que o clima da Terra ia ficar para sempre assim, com ou sem a nossa influência, é porque não estudou geografia como deve ser e não sabe que a Terra sempre teve períodos mais quentes e mais frios e que o clima terreste nunca parou no tempo. Um exemplo: as emissões de CO2, que é supostamente uma das grandes razões das alterações climáticas, já foram bem mais altas no passado e aquilo que se verifica é que a Terra, em vez de aquecer continuamente como popularmente se diz, teve ciclos onde foi mais fria e mais quente. Na década de 40 e 70 do século XX chegou-se mesmo a falar de uma nova Idade do Gelo, de tanto que a temperatura baixou. :rolleyes: Falando em Idade do Gelo, mais uma vez, gostes ou não, a tendência é que a Terra vá a sofrer uma nova Idade do Gelo, até porque tem vindo a acontecer entre cerca de 10 mil anos. 

Em 2000, o Painel Intergovernamental sobre as Mudanças Climáticas disse que a Terra ia aquecer 1ºC até 2010. O resultado, bem, mostrou que a Terra não só não aqueceu, como até arrefeceu, e se compararmos com dados anteriores, o padrão é exatamente dentro do comum com o padrão a nível climático que temos atualmente, onde tivemos várias épocas mais quentes e épocas bem mais frias.

Portanto, não é obra do Espírito Santo, mas também não somos assim os montros que muitos "cientistas" (que muitas das vezes nem cientistas são) levam a parecer que somos, só para que possam levar para a frente a sua agenda de que precisamos de mais e mais "energia verde", mesmo que essa seja completamente ineficiente para as nossas necessidades e que deixa de estar longe de ser uma alternativa viável às energias não renováveis, ou até mesmo à energia nuclear. 

  • Like 2
  • Thanks 1
  • Confused 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, Ruben Fonseca disse:

A questão nem é a extração do petróleo em si, é mesmo a relação custo/lucro. Mesmo que houvesse exploração de petróleo, não seria suficientemente rentável a longo prazo, caso contrário já teria sido extraído.

1) Não sabia que 200 anos de reservas em petróleo eram "poucos anos". Já o gás natural é meio milénio. Não me parece pouco.

2) A ideia de que podemos ter um planeta 100% verde é irrealista. Estás a falar numa mudança que é, para a tecnologia atual, impossível de alcançar. Podes diminuir o uso de petróleo, gás natural e outros recursos não renováveis, é verdade, mas não os consegues deixar de usar, de uma forma ou outra. Há fatores que não podes ignorar, desde da geografia ao facto de que todo o sistema de desenvolvimento e transporte de energia renovável, em grande escala, é muito mais complicado de fornecer do que aquilo que tens atualmente ao teu dispor. "Ser verde" é muito bonito, mas convém ser eficiente e neste momento não tens a capacidade para teres energias renováveis em grande escala de modo a que o seu fornecimento seja eficiente - gostes ou não, energia solar em grande escala não é eficiente, o mesmo se pode dizer de todas as outras energias renováveis.

Se queres algo eficiente e mais limpo que petróleo, carvão ou gás natural para fornecer a energia suficiente para as necessidades diárias de um país desenvolvido, a única opção que tens é a energia nuclear, mas até aí os ambientalistas fazem o drama, o horror e a tragédia só porque os desastres de Chernobyl, uma estação em péssimas condições de manutenção, e Fukushima, que só teve os problemas que teve por causa de mau posicionamento geográfico, aconteceram. 

Mais, algo que é igualmente muito engraçado entre os apoiantes de energia verde, é que são os primeiros a querer mais energia renovável, mais isto, mais aquilo, mas esquecem-se que a energia renovável é extremamente cara - o que é de esperar, tendo em conta a sua pouca eficiência. Se quiseres seguir esse caminho verde, estás à vontade, mas eu prefiro pagar muito menos por uma energia tão segura como a nuclear do que pagar bem mais por centenas de painéis solares pouco eficientes.

3) Podem não ser obra do espírito santo, e por muito que haja influência humana, a realidade é que não sabes qual é verdadeiramente o nosso impacto no que toca a alterações climáticas. Não é à toa que as projeções estão continuamente a mudar, umas melhores, outras piores. Isso é indicativo de muita coisa. Quem pensa que o clima da Terra ia ficar para sempre assim, com ou sem a nossa influência, é porque não estudou geografia como deve ser e não sabe que a Terra sempre teve períodos mais quentes e mais frios e que o clima terreste nunca parou no tempo. Um exemplo: as emissões de CO2, que é supostamente uma das grandes razões das alterações climáticas, já foram bem mais altas no passado e aquilo que se verifica é que a Terra, em vez de aquecer continuamente como popularmente se diz, teve ciclos onde foi mais fria e mais quente. Na década de 40 e 70 do século XX chegou-se mesmo a falar de uma nova Idade do Gelo, de tanto que a temperatura baixou. :rolleyes: Falando em Idade do Gelo, mais uma vez, gostes ou não, a tendência é que a Terra vá a sofrer uma nova Idade do Gelo, até porque tem vindo a acontecer entre cerca de 10 mil anos. 

Em 2000, o Painel Intergovernamental sobre as Mudanças Climáticas disse que a Terra ia aquecer 1ºC até 2010. O resultado, bem, mostrou que a Terra não só não aqueceu, como até arrefeceu, e se compararmos com dados anteriores, o padrão é exatamente dentro do comum com o padrão a nível climático que temos atualmente, onde tivemos várias épocas mais quentes e épocas bem mais frias.

Portanto, não é obra do Espírito Santo, mas também não somos assim os montros que muitos "cientistas" (que muitas das vezes nem cientistas são) levam a parecer que somos, só para que possam levar para a frente a sua agenda de que precisamos de mais e mais "energia verde", mesmo que essa seja completamente ineficiente para as nossas necessidades e que deixa de estar longe de ser uma alternativa viável às energias não renováveis, ou até mesmo à energia nuclear. 

As calotes polares estão a desaparecer, centenas de espécies animais extinguiram-se, tens noção da gravidade disto? Tens cidades na China que até ficam às cores, ficam cor de rosa, as pessoas tem que andar de máscara, e nem isso lhes deve proteger. O nosso planeta está a morrer! Não é exagero. Quer dizer, o ser humano é que vai morrer, o planeta Terra deve nos sobreviver, assim como sobreviveu às outras extinções em massa. Mas vamos nos preocupar com os $$ que é o que importa mais.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 1 hora, Fernandovisão disse:

Deus nos livre do Petróleo, Portugal têm de investir nas energias renováveis não no Petróleo. Além de se um grande poluidor, vai estragar a paisagem( apesar das energias renováveis fazerem o mesmo, mas em menor escala e com menos gravidade!) . Há coisas que o dinheiro não compra!

E Portugal não necessita de petróleo para produzir energia. Aliás, as energias renováveis em Portugal têm-se vindo a revelar uma aposta certeira. O país já tem aguentado nos últimos tempos vários dias a gastar apenas energias renováveis.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...