Jump to content

Sexualidade


Recommended Posts

  • Replies 11.9k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Não dá para meter um gif no título do tópico?

Mão direita.

Tentei marcar encontro, o encontro foi marcado, e a pessoa não chegou vir ao café. Uma hora depois estava-me a dizer que afinal é casado e tem dois fillhos.

há 22 minutos, Pedro M. disse:

O Pablo Alborán assumiu a sua homossexualidade.

 

Por acaso nunca pensei que ele fosse homossexual, nunca me pareceu :haha: mas ele é tão gato e tem uma voz bonita :wub:

Aliás, mais depressa acho o Shawn Mendes gay do que ele :mosking:

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

"Estou aqui para vos dizer que sou homossexual, e não há problema, a vida continua a mesma. Preciso de ser um pouco mais feliz do que já era."

Parece que fui teletransportado para 2006. O discurso dele é tão antiquado como o do Goucha. :mosking: 

  • Like 1
  • LOL 1
Link to post
Share on other sites
há 12 minutos, João_O disse:

Por acaso nunca pensei que ele fosse homossexual, nunca me pareceu :haha: mas ele é tão gato e tem uma voz bonita :wub:

Aliás, mais depressa acho o Shawn Mendes gay do que ele :mosking:

 

há 6 minutos, Joel92 disse:

Nunca me enganou :giveheart:

Pelo que pesquisei a especulação já existia há um bom tempo.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 6 minutos, thass_hot disse:

Por favor! Era mais que evidente. Havia umas fotos dele e do Ricky Martin há uns anos atrás e eles correram logo a desmentir tudo...

Eu não vejo mal nessa foto, pode ser perfeitamente uma selfie de amigos. Fiquei admirado, mas desejo-lhe as maiores felicidades :giveheart:

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
11 minutes ago, Buwayh said:

"Estou aqui para vos dizer que sou homossexual, e não há problema, a vida continua a mesma. Preciso de ser um pouco mais feliz do que já era."

Parece que fui teletransportado para 2006. O discurso dele é tão antiquado como o do Goucha. :mosking: 

Não acho que seja necessariamente antiquado. Ainda há muitos países que estão muito longe de 2006, no que diz respeito à homosexualidade. Paises esses onde há pessoas que precisam de ouvir certas coisas que ele disse.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 16 minutos, Diogo Marreiros disse:

Não acho que seja necessariamente antiquado. Ainda há muitos países que estão muito longe de 2006, no que diz respeito à homosexualidade. Paises esses onde há pessoas que precisam de ouvir certas coisas que ele disse.

Meh... Nunca gostei muito de frases como "Não há problema", "E depois?" e "A vida continua a mesma". Parece que tentam tirar algo de positivo de uma coisa que é intrinsecamente negativa, como uma deficiência. Prefiro uma abordagem mais realista e natural. A homossexualidade não é fonte de felicidade ou infelicidade. É só uma orientação afetivo-sexual. O preconceito é que é uma fonte de estigmas e transtornos mentais. Frases como "[email protected] não me engana/nunca me enganou" é que contribuem para que quem está no armário prefira continuar lá fechado com medo de ser ridicularizado, e quem está fora dele continue a alimentar complexos de inferioridade de forma inconsciente.

Edited by Buwayh
  • Like 3
  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites
3 minutes ago, Buwayh said:

Meh... Nunca gostei muito de frases como "Não há problema", "E depois?" e "A vida continua a mesma". Parece que tentam tirar algo de positivo de uma coisa que é intrinsecamente negativa, como uma deficiência. Prefiro uma abordagem mais realista e natural. A homossexualidade não é fonte de felicidade ou infelicidade. É só uma orientação afetivo-sexual. O preconceito é que é uma fonte de estigmas e transtornos mentais. Frases como "[email protected] não me engana/nunca me enganou" é que contribuem para que quem está no armário prefira continuar lá fechado com medo de ser ridicularizado, e que quem já está fora dele continue a alimentar complexos de inferioridade inconscientemente.

Como disse, há pessoas que vêem a homosexualidade como um problema. Acho bem ele reafirmar que não tem nada de mal.

Percebo o que queres dizer tho

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, Diogo Marreiros disse:

Como disse, há pessoas que vêem a homosexualidade como um problema. Acho bem ele reafirmar que não tem nada de mal.

Percebo o que queres dizer tho

Também não o estou a recriminar. Provavelmente não se lembrou de nada melhor para dizer.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 1 hora, Buwayh disse:

Foi o que eu disse. Eu só acho que o discurso dele pode soar como uma mensagem de resiliência para com algo que não é um problema, mas sim problematizado pela nossa cultura machista. É como se tivéssemos nascido com uma falha e tivéssemos que aprender a viver com ela da melhor maneira possível, quando o problema vem de fora para dentro. Se calhar interpretei mal o que ele disse, mas eu sentia sempre um aperto no peito quando não era assumido e ouvia discursos desse género, há cerca de 12 anos atrás, porque parecia que eu tinha nascido com um defeito que eu deveria aceitar e que tudo o que eu receberia de fora seria condescendência, porque, no fundo, eu era intrinsecamente inferior às "pessoas normais", apesar de "a minha anormalidade" não prejudicar ninguém e eu não ter pedido para nascer com ela. Estes discursos de "Não faz mal" e "Vou tentar ser ainda mais feliz" parecem inofensivos, mas escondem uma natureza estigmatizadora que pode alimentar sentimentos de inferioridade. Não o culpo, porque provavelmente ele e muitos LGBTs não têm consciência disto, mas achei importante partilhar esta reflexão.

Não interpreto dessa forma. Mas acho que nem todos pensamos da mesma forma. 

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Faded disse:

Não interpreto dessa forma. Mas acho que nem todos pensamos da mesma forma. 

Posso tê-lo interpretado mal. 

Link to post
Share on other sites

Maltinha, acabei de ficar solteiro.

Estou mesmo cansado disto. A possibilidade de encontrares alguém que goste de ti exatamente da mesma forma que tu gostas dela é tão, mas tão pequena. Enfim. Uma frustração.

  • Sad 10
Link to post
Share on other sites
há 9 horas, Free Live disse:

A possibilidade de encontrares alguém que goste de ti exatamente da mesma forma que tu gostas dela é tão, mas tão pequena. Enfim. Uma frustração.

Eu que o diga. 

há 9 horas, srcbica disse:

Se te fizer sentir melhor, pensa que há pessoas que não podem dizer que acabaram de ficar solteiras, porque têm-no sido sempre. Pensa que a ti, ao menos, foi-te dada a chance de tentar, de ver se ia dar certo ou não. Neste caso, não deu. Tiveste a experiência e acredito que usufruíste dela. Não chegou a haver momentos que tornaram a relação eterna enquanto durou? Se sim, já trazes dela boas recordações. Se não, é porque de facto não valia mesmo a pena. Pensa que agora estás livre. Estás mais maduro. E, quando te der na gana, tentarás de novo.

Fizeste-me chorar!! 

Edited by VINTAGE
Link to post
Share on other sites
há 10 horas, Free Live disse:

De facto, houve momentos excelentes, mas se alguém que nunca namorou estiver a ler isto: não é tão mau assim. A sério. Nós vemos filmes com casais maravilhosos e temos expetativas de como são as relações, mas depois na realidade é tudo cru, nunca sabemos o que vai na cabeça do outro. Eu não fui traído, mas imagino que seja pior ainda, um verdadeiro "ficar sem chão". Namorar é fantástico, mas acabar é horrível, é como se a outra pessoa morresse.

Estou cansado de ser o rapaz "querido" mas que depois as coisas não evoluem. É frustrante. Melhor deixar de tentar, se aparecer apareceu.

Sim, eu, quando escrevi para tentares quando te der na gana, de facto não transpareceu que queria dizer para deixares as coisas rolarem. Tipo, agora é super normal não te apetecer procurar ativamente. Mas a vida vai acontecendo.

Os brasileiros, nesse aspecto, são muito melhores do que nós. São muito mais de deixarem as coisas acontecerem, de não se estressarem na procura de alguéme sobretudo em não forçar uma relação. São mais capazes de tentarem algo novo se se dão bem com uma pessoa. Pelo menos, é a ideia que me passam. Diferentemente daqui, em que a friendzone parece uma sentença perpétua.

Gostava de ver um "Casados à Primeira Vista" feito lá para ver se eles não seriam mais calmos em ir conhecendo a pessoa e só aí, sim, ver se dava certo. É que os daqui ficam nervosos à primeira coisa que possa colocar em risco uma junção feita por outras pessoas.

há 2 horas, VINTAGE disse:

Eu que o diga. 

Fizeste-me chorar!! 

Quéisso, menino?! Chora, não. A vida é bela. E as pessoas também. (nem todas)

  • Like 4
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...