Jump to content
Ambrósio

Línguas/Idiomas

Recommended Posts

Uma vez o Ricardo Araújo Pereira esteve na dúvida numa edição da Mixórdia de Temáticas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 14 horas, BBFF disse:

Amigos, lamento ter de vos desapontar, mas rubrica é SEMPRE uma palavra aguda. 

Fonte: https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/rubrica-e-nao-rubrica/30783

@Televisão 10 e @LP 98. Há uns tempos, disseram-me que a maioria das palavras portuguesas não acentuadas é grave.

quanto muito é uma palavra grave. 

nem tente ciberduvidas iscte, cê tá enganadíssimo. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 8 minutos, Duarte disse:

quanto muito é uma palavra grave. 

nem tente ciberduvidas iscte, cê tá enganadíssimo. 

Sim, enganei-me a escrever. Não era aguda que deveria estar escrito, mas sim grave.

  • Love 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 2 minutos, BBFF disse:

Sim, enganei-me a escrever. Não era aguda que deveria estar escrito, mas sim grave.

mais descansado 

  • Like 1
  • Love 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, HugoMiguel disse:

Dizer no masculino não está errado.

Olha que acho que está. O @BBFF poderá esclarecer-te melhor...

Agora mesmo, BBFF disse:

Porque são muito chiques. A sua ascendência é de França, onde o substantivo é masculino :mosking:

A minha professora de Português diz que é do português do Brasil.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Televisão 10 disse:

Olha que acho que está. O @BBFF poderá esclarecer-te melhor...

A minha professora de Português diz que é do português do Brasil.

Eu sigo-me pelo linguista Manuel Monteiro e por Napoleão Mendes de Almeida.

Sim, o que eu queria explicar é que a palavra terá sido adaptada do francês.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

@BBFF

Descobri hoje que agora os erros ortográficos são uma estratégia de marketing.

Na Figueira da Foz, concelho onde vivo, gerou-se uma grande polémica durante a Feira das Freguesias. Em causa, uns cartazes das freguesias cheios de erros ortográficos: Afonço, igreija, mirador...

http://opalhetasnafoz.blogspot.com/2018/06/paneis-das-fregesias-xeios-de-errus.html?m=1

No entanto, ao que parece, foi uma estratégia de uma agência publicitária de Coimbra, que, através dos erros, pretendeu chamar a atenção das pessoas. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, Televisão 10 disse:

@BBFF

Descobri hoje que agora os erros ortográficos são uma estratégia de marketing.

Na Figueira da Foz, concelho onde vivo, gerou-se uma grande polémica durante a Feira das Freguesias. Em causa, uns cartazes das freguesias cheios de erros ortográficos: Afonço, igreija, mirador...

http://opalhetasnafoz.blogspot.com/2018/06/paneis-das-fregesias-xeios-de-errus.html?m=1

No entanto, ao que parece, foi uma estratégia de uma agência publicitária de Coimbra, que, através dos erros, pretendeu chamar a atenção das pessoas. 

Olha! Até é inteligente. Mas isso só funciona com erros mais «óbvios». No El Corte Inglês, há placas onde está escrito «Pedimos que em caso de incêndio, use as escadas.» Falta uma vírgula, mas ninguém deve perceber :mosking:

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 9 horas, Fernandovisão disse:

@BBFF Anda ver o que um Brasileiro me disse no twitter. Que tens a dizer sobre isto? :mosking:

Captura de ecrã 2018-07-01, às 00.45.46.png

A língua é a mesma como é óbvio, o dialecto é que é diferente, e esse sim é diferente do nosso, assim como o angolano o é por exemplo. Cada dialecto da língua portuguesa tem as suas particularidades, vocabulários próprios, etc.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 3 horas, Forbidden disse:

A língua é a mesma como é óbvio, o dialecto é que é diferente, e esse sim é diferente do nosso, assim como o angolano o é por exemplo. Cada dialecto da língua portuguesa tem as suas particularidades, vocabulários próprios, etc.

Não é bem um dialecto, eu chamo mais um sotaque até porque é a população que muda as palavras porque eles estão inseridos num acordo ortográfico tal como Portugal. Um dialecto é por exemplo o crioulo , falado em alguns PALOP

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Forbidden disse:

Sim, Cabra tem muito mais impacto, sem duvida. E p-ta :mosking:

Aliás, no geral eu acho que os nossos palavrões tem mais impacto que os ingleses.

Sim, é verdade. Eu acho que isso também pode ter que ver com, digamos assim, uma «banalização» dos ingleses. Por exemplo, no meu caso, eu oiço mais música inglesa/americana com palavrões do que portuguesa. Aliás, portuguesa nem estou a lembrar-me de nenhuma que eu oiça e que tenha. Americanas e inglesas há aos magotes. E lá está! A Luz até pode chamar a Madalena de bitch, mas duvido de que a pusessem a chamá-la de p**a, mesmo sabendo que a palavra também significa «cabra». Eu acho mesmo que, cá, os ingleses parecem mais suaves. Mesmo «f***-se» parece bem mais agressivo do que «fu*k» :mosking: Pelo menos, a mim parece.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, BBFF disse:

Sim, é verdade. Eu acho que isso também pode ter que ver com, digamos assim, uma «banalização» dos ingleses. Por exemplo, no meu caso, eu oiço mais música inglesa/americana com palavrões do que portuguesa. Aliás, portuguesa nem estou a lembrar-me de nenhuma que eu oiça e que tenha. Americanas e inglesas há aos magotes. E lá está! A Luz até pode chamar a Madalena de bitch, mas duvido de que a pusessem a chamá-la de p**a, mesmo sabendo que a palavra também significa «cabra». Eu acho mesmo que, cá, os ingleses parecem mais suaves. Mesmo «f***-se» parece bem mais agressivo do que «fu*k» :mosking: Pelo menos, a mim parece.

E os nuestros hermanos também são ótimos nisso, adoro o cabrón :lol:

O sangue latino é mais forte, não tem jeito.

E ela podia chama-la de p***, aliás, para uma oridinária que a tentou matar em bebé era mais que compreensível. Agora lembrei-me daquela cena de AUM em que a Daniela diz que é P*** :mosking:

 

  • LOL 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Forbidden disse:

E os nuestros hermanos também são ótimos nisso, adoro o cabrón :lol:

O sangue latino é mais forte, não tem jeito.

E ela podia chama-la de p***, aliás, para uma oridinária que a tentou matar em bebé era mais que compreensível. Agora lembrei-me daquela cena de AUM em que a Daniela diz que é P*** :mosking:

 

Eu sei. Não era por uma questão de «direito» ou de «moral», era mais porque achei que não iriam inserir o palavrão no guião :haha: Mas, se a Daniela disse, não sei... Mas deve ter sido mais esporádico. A Luz chama a Madalena de bitch muitas vezes. Não acredito em que a Mira/roteiristas a pusessem a dizer «p*ta» assim tantas vezes.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, BBFF disse:

Eu sei. Não era por uma questão de «direito» ou de «moral», era mais porque achei que não iriam inserir o palavrão no guião :haha: Mas, se a Daniela disse, não sei... Mas deve ter sido mais esporádico. A Luz chama a Madalena de bitch muitas vezes. Não acredito em que a Mira/roteiristas a pusessem a dizer «p*ta» assim tantas vezes.

Sim, mas também não era preciso usar tantas vezes... mas quando a Luz lhe foi ao focinho o p*ta calhava bem, não achas? :haha:

  • LOL 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, Forbidden disse:

Sim, mas também não era preciso usar tantas vezes... mas quando a Luz lhe foi ao focinho o p*ta calhava bem, não achas? :haha:

Acho que sim, sinceramente.

Lá está! Para usar um insulto tantas vezes, «p*ta» poderia ser de mais, mas «bitch» fica ridículo. Podia ser «cabra» ou algo do género. Ou, então, usar menos. Mas, claro!, isto é o menos. Fosse este o único problema d'AH e estaríamos nós bem.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, BBFF disse:

Acho que sim, sinceramente.

Lá está! Para usar um insulto tantas vezes, «p*ta» poderia ser de mais, mas «bitch» fica ridículo. Podia ser «cabra» ou algo do género. Ou, então, usar menos. Mas, claro!, isto é o menos. Fosse este o único problema d'AH e estaríamos nós bem.

A Herdeira é género comédia involuntária ou surrealismo :ph34r:

  • LOL 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 4 minutos, Forbidden disse:

A Herdeira é género comédia involuntária ou surrealismo :ph34r:

Sim. Só pode. Eu costumo ou odiar os vilões (tipo o Xavier do MS) ou amar (tipo a Júlia de Sedução.) Da Caetana só consigo sentir pena e vergonha alheia. E ela misturar o português com o espanhol… Ainda no outro dia, «- Blá-blá-blá, o Vicente Villalobito» :O Será que não há noção do quão parolo ficou? Meu Deus…  Perde credibilidade. Volta, Vilhena, com as tuas vilãs que podem ter tiradas cómicas/sarcásticas, sem se tornarem em bonecos ridículos. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 5 horas, Jota disse:

Ri bastante :rofl: 

Quando as funcionárias da minha escola dizem isso, eu digo que foi a professora de Português que disse, o que é verdade, e elas ficam envergonhadas...

 

@BBFF

Entretanto, hoje, na rubrica Bom Português do Bom Dia Portugal, só uma pessoa acertou nesta questão.

Como se escreve?

  • Vou beber uma sidra.
  • Vou beber uma cidra.

Resposta:

Spoiler

A resposta correta é a primeira. A bebida sidra escreve-se com "s". Cidra com "c" designa o fruto da cidreira. O pior é que, em inglês e em francês, a bebida sidra escreve-se com "c". Daí a confusão de muitos...

 

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quais são as línguas estrangeiras mais ouvidas nas zonas onde moram? Cá o mais próximo são as línguas romena e russa.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 4 horas, ATVTQsV disse:

Quais são as línguas estrangeiras mais ouvidas nas zonas onde moram? Cá o mais próximo são as línguas romena e russa.

Por agora, francês. Os emigrantes adoram falar a língua do país onde vivem...

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 20 horas, Televisão 10 disse:

Por agora, francês. Os emigrantes adoram falar a língua do país onde vivem...

É mesmo! E depois falam pessimamente, é só para dar o ar de sua graça... :rolleyes:

On 23/07/2018 at 12:05, ATVTQsV disse:

Quais são as línguas estrangeiras mais ouvidas nas zonas onde moram? Cá o mais próximo são as línguas romena e russa.

Aqui na Ericeira/Mafra é o inglês... no verão é dificílimo quase apanharmos algum português :lol:

  • Like 2
  • Love 1
  • LOL 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 23/07/2018 at 12:05, ATVTQsV disse:

Quais são as línguas estrangeiras mais ouvidas nas zonas onde moram? Cá o mais próximo são as línguas romena e russa.

ATVTQsV, as nossas terrinhas não são o Portugal multicultural da Rita Ferro Rodrigues. Para se ouvir uma língua estrangeira, é preciso ir à escola ou à loja do chinês :mosking: ou, lá está, esperar pelo verão e pelas suas versões da língua francesa. Na Praia da Tocha, ainda se ouve castelhano e ocasionalmente holandês, graças ao dono do único Hostel/escola de surf.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On ‎25‎/‎07‎/‎2018 at 03:08, srcbica disse:

ATVTQsV, as nossas terrinhas não são o Portugal multicultural da Rita Ferro Rodrigues. Para se ouvir uma língua estrangeira, é preciso ir à escola ou à loja do chinês :mosking: ou, lá está, esperar pelo verão e pelas suas versões da língua francesa. Na Praia da Tocha, ainda se ouve castelhano e ocasionalmente holandês, graças ao dono do único Hostel/escola de surf.

Nem sabia que a Praia da Tocha tinha um hostel. Sabia que tinha um hotel... por acabar.

Agora também se deverá ouvir italiano, uma vez que uns italianos abriram um restaurante por lá.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...