Jump to content

Intervalos na TV


Recommended Posts

  • Replies 228
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Sei que estás a ser irónica, mas é uma vergonha os exemplos que a Popota dá, "amizade, companheirismo, solidariedade com o próximo para quê"? O que importa é que ela "ela é linda, ela famosa, ela é um

Desculpa, a Popota é uma Diva.  Internacionalmente famosa, todos a conhecem. Eu, aliás, penso mesmo que ela devia ser considerada uma das maiores Divas de Portugal. <3 Os exemplos que o boneco tran

E o novo do MEO, com o Ronaldo numa versão «Sozinho Em Casa»? Que azeiteirice.

há 18 horas, Ambrósio disse:

No geral a publicidade está cada vez mais fraca, já não há anúncios marcantes como dantes. Até quando eu era pequeno, no início do século XXI, ainda havia alguns engraçados e tal, ficavam no ouvido etc. (alguns eu tinha medo, como o do "miau.pt" onde tinha medo do miar do gato ahaha).

Não sei se estas a falar no mesmo, mas lembro-me que o meu primo também tinha medo de um miar de um gato, mas era num separador da SIC, onde se podia ver uma "cauda" de um gato por de trás do logo... O meu primo metia-se debaixo da mesa! :haha:

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 1 hora, Mets TV disse:

É verdade, mas irritava levar sempre com isso :sarcastichand:

O objectivo deles era serem falados, por bons ou maus motivos xD

há 2 horas, Mets TV disse:

Não sei se estas a falar no mesmo, mas lembro-me que o meu primo também tinha medo de um miar de um gato, mas era num separador da SIC, onde se podia ver uma "cauda" de um gato por de trás do logo... O meu primo metia-se debaixo da mesa! :haha:

Não era separador, era mesmo um anúncio a um site de leilões, o miau.pt xD (se pesquisares o site, aquilo redireciona para o coisas).

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 1 hora, Mets TV disse:

É verdade, mas irritava levar sempre com isso :sarcastichand:

No Pingo Doce do Pachancho (Braga), quando tocava a música na época do Natal de 2009 (e só nessa época), toda a gente (menos eu?) desatava a cantar. Quando terminava a música, estávamos calados.

Em anos anteriores ainda tocavam a música de Natal de 2009 do Pingo Doce, até 2012 (pelo menos) no do Braga Parque. Só que, desta vez, cantei outra música, a do Pingo Azedo.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Segundo as leis actuais, anúncios a produtos com muito açúcar já não são permitidos para as crianças. Em 1991, em plena "geração gulosa", o prisma moral era diferente, como se pode comprovar neste anúncio da Dan Cake, que, se fosse produzido este ano, não deveria passar dos testes.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Mets TV disse:

Vocês não acham que a TVI já está a abusar nos intervalos? :haha:

Começa um programa (passados dois minutos), um intervalo, recomeça, outro intervalo de quase vinte minutos... :negative: CREDO!!!!!!!

Acho. É por este motivo que a minha avó nunca vê a TVI...

Devia haver um tempo máximo para os anúncios nos canais privados...

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 23 minutos, Televisão 10 disse:

Eu vejo a TVI a dar 20 minutos às vezes...

Impossível. E a TVI aumento os mini breaks para reduzir noutros intervalos o que acho péssimo.

Link to post
Share on other sites
há 4 minutos, SIM disse:

Impossível. E a TVI aumento os mini breaks para reduzir noutros intervalos o que acho péssimo.

Foi mesmo para ganahr mais money. :lol:

Mas é uma estrategia burra por os minis 2 minutos depois do começo, e mini braks de 2:30 segundos é outra burrice deles, as pessoas têm tempo de fazer zap.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 9 months later...
Citação

RTP excedeu limite para publicidade em 2016

As conclusões de uma auditoria encomendada pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) à empresa Mazars & Associados – SROC, S.A., que visa assegurar o cumprimento do contrato de serviço público, demonstram que «a concessionária cumpriu a generalidade das obrigações» em 2016.

Na globalidade, «as opções de programação dos dois canais do operador público de televisão [RTP1 e RTP2] foram coerentes com os requisitos dos serviços de programas generalistas, verificando-se que proporcionaram a complementaridade prescrita no contrato de concessão». Por sua vez, «a RTP3 cumpriu a exigência contratual de fornecer uma informação de referência e alternativa face à oferta de mercado», acrescenta o relatório.

Já em relação às três rádios de serviço público – Antena 1, Antena 2 e Antena 3 -, a auditoria mostra que as exigências colocadas pelo Estado «foram por estas respondidas na sua programação anual em 2016». Além disso, «acompanharam as inovações tecnológicas e encontraram-se disponíveis a partir do portal da RTP, nos respetivos sítios na internet e também nas redes sociais», como previa o contrato com o Estado.

Porém, «relativamente ao limite de tempo reservado à publicidade comercial, aplicável ao serviço de programas RTP1, o único da concessionária sujeito ao máximo de seis minutos por hora, contabilizaram-se 43 ocorrências de incumprimento, que totalizaram um excesso de 808 segundos face ao limite de 360 segundos imposto por lei».

«Contudo, se forem contabilizadas todas as ocorrências em que o limite foi ultrapassado, verifica-se incumprimento em 356 ocorrências, o que representa um total anual de 1.468 segundos excedidos para além do limite definido no Contrato de Concessão do Serviço Público de Rádio e Televisão», indica o relatório. Ou seja, no ano passado, a RTP excedeu em cerca de 24 minutos o limite para publicidade comercial.

As conclusões da auditoria, agora reveladas pela ERC na sua página na internet, apontam ainda outras situações de incumprimento ou de cumprimento parcial, como as referentes às obrigações de transmitir 16 horas semanais (RTP1) ou 20 horas semanais (RTP2) de programas com legendagem para pessoas com deficiência auditiva.

Perante estas conclusões, o Conselho Regulador da ERC recomenda que a RTP melhore com vista ao «escrupuloso cumprimento das obrigações contratuais de diversidade de programação em todos os seus serviços de programas, nomeadamente no que diz respeito à garantia de acesso de públicos com necessidades especiais a todos os programas».

Além disso, «não podem também deixar de merecer uma chamada de atenção os incumprimentos registados nos limites de tempo reservado à publicidade comercial, que carecem ainda de correção», sublinha a ERC.

https://www.atelevisao.com/rtp/rtp-excedeu-limite-publicidade-2016/

 

  • LOL 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 months later...
On 28/01/2017 at 23:00, Jenny disse:

E o novo anúncio ao Mokambo? A canção antiga era super animada (o que faz sentido para um produto que se toma ao pequeno-almoço para dar energia para o dia que começa), e esta nova parece uma canção de embalar!

Voltou... (pelo menos na rádio)

Link to post
Share on other sites
  • 2 years later...

Hoje, depois do jogo do Benfica, a TVI supostamente violou as leis portuguesas e emitiu um intervalo de 25 minutos.

Como é que é possível? O máximo por intervalo permitido por lei é de 12 minutos, mais ou menos.

Link to post
Share on other sites
há 18 minutos, ATVTQsV disse:

Hoje, depois do jogo do Benfica, a TVI supostamente violou as leis portuguesas e emitiu um intervalo de 25 minutos.

Como é que é possível? O máximo por intervalo permitido por lei é de 12 minutos, mais ou menos.

Eu não vi o intervalo, mas os 12 minutos não inclui as autopromoções. Se tiverem enchido aquilo de autopromoções.....

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...