Jump to content

Recommended Posts

O Capelo metia medo de tão mau que era!! A Helena Laureano coitadinha sofreu tanto nessa novela, ela chorava que nem uma desalmada! A Helena Isabel como D. Glorinha sempre refilona, adorava! O Marco "divava" sempre, a Sofia para lá de maravilhosa. Joana Solnado no seu melhor papel! Joana Santos na sua primeira vilã maravilhosa, a Ana Nave magnifica, aquela Madalena era tão Diva (Ana nunca mais teve personagens de jeito, Depois do Adeus ou Liberdade XXI talvez). O André Nunes na sua estreia em novelas (penso eu) esteve muito bem, aquele Gil ingénuo e humilde muito bem interpretado.

  • Like 4
Link to post
Share on other sites
  • Replies 523
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

<3      Esta também me faz lembrar a novela. O cantor desapareceu completamente do panorama musical, é pena

Os Açores são nove ilhas

E Portugal tem uma história, que não é para qualquer país... só não se aproveita isto em ficção porque não querem...

5 minutos atrás, Manú Silva disse:

O Capelo metia medo de tão mau que era!! A Helena Laureano coitadinha sofreu tanto nessa novela, ela chorava que nem uma desalmada! A Helena Isabel como D. Glorinha sempre refilona, adorava! O Marco "divava" sempre, a Sofia para lá de maravilhosa. Joana Solnado no seu melhor papel! Joana Santos na sua primeira vilã maravilhosa, a Ana Nave magnifica, aquela Madalena era tão Diva (Ana nunca mais teve personagens de jeito, Depois do Adeus ou Liberdade XXI talvez). O André Nunes na sua estreia em novelas (penso eu) esteve muito bem, aquele Gil ingénuo e humilde muito bem interpretado.

Verdade... acho que esta foi a primeira novela a ter cenas assim tão fortes de violência domestica, não?

A Helena Laureano é uma grande atriz, pena andar desaparecida!

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
5 minutos atrás, Forbidden disse:

Verdade... acho que esta foi a primeira novela a ter cenas assim tão fortes de violência domestica, não?

A Helena Laureano é uma grande atriz, pena andar desaparecida!

E era mesmo violenta, houve uma vez que caiu uma cómoda em cima da Helena, foi parar ao hospital e tudo! Aliás essa cena apareceu na novela mesmo! Isso foi bastante divulgado pelas revistas na altura. O Capelo estava em pânico pensar que a tinha magoado. Segundo ele, a Helena era muita generosa em cena, ela ficou na descontra depois disso. Mas já sabemos como a Helena é meia esgrouviada :P 

Ela estava (ou está) fazer o espectáculo da Cinderella no Gelo, praticamente todos dias não tem disponibilidade agora para televisão! Mas sim espero que a TVI sempre dela na Elisa ou nos projetos que se avizinham!

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Manú Silva disse:

E era mesmo violenta, houve uma vez que caiu uma cómoda em cima da Helena, foi parar ao hospital e tudo! Aliás essa cena apareceu na novela mesmo! Isso foi bastante divulgado pelas revistas na altura. O Capelo estava em pânico pensar que a tinha magoado. Segundo ele, a Helena era muita generosa em cena, ela ficou na descontra depois disso. Mas já sabemos como a Helena é meia esgrouviada :P 

Ela estava (ou está) fazer o espectáculo da Cinderella no Gelo, praticamente todos dias não tem disponibilidade agora para televisão! Mas sim espero que a TVI sempre dela na Elisa ou nos projetos que se avizinham!

Eu lembro-me de morrer de pena dela, por causa das cargas de porrada, que ela levava. O Henrique foi um dos vilões que eu mais odiei e desejei a morte. Foi um dos núcleos de violência doméstica mais bem representado e mais realista da ficção nacional.

Edited by Pamsf998
  • Like 3
Link to post
Share on other sites
9 minutos atrás, Pamsf998 disse:

Eu lembro-me de morrer de pena dela, por causa das cargas de porrada, que ela levava. O Henrique foi um dos vilões que eu mais odiei e desejei a morte. Foi um dos núcleos de violência doméstica mais bem representado e mais realista da ficção nacional.

Eu fiquei com pena do Henrique não ter morrido no final :( ele foi muito mau e não gostei muito do final dele, acabar sozinho...

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...
On 01/02/2016 at 21:28, Ivo disse:

Eu fiquei com pena do Henrique não ter morrido no final :( ele foi muito mau e não gostei muito do final dele, acabar sozinho...

Na altura pensei que se suicidasse, pelo menos deu indícios disso..

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 8 minutos, LFTV disse:

O final do Henrique foi péssimo. Para o vilão que ele foi devia ter sido enterrado vivo ou ter ficado com uma doença grave. Era o mínimo.

Há tantas vilãs que nunca pagaram por nada: Margarida (Fascinios), Julia (Sedução), Alice (OBDE), ficam livres e de boa saude no final.

Link to post
Share on other sites
On 01/02/2016 at 18:50, Forbidden disse:

Outra coisa que eu adorei nesta novela foi a forma como deixaram a Mariana ser como ela é, uma mulher da Natureza. Se fosse hoje em dia diziam logo que era doente e precisava de tratamento... do que me lembro da novela a família dela simplesmente aceitava-a como ela é, eu acho isso bonito.

Penso que nunca disseram qual era o problema da Mariana, mas acho que era autista ou assim. Lembro-me de dizerem que ela nunca quis ir à escola, nem sabia ler nem escrever...

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
há 11 minutos, LFTV disse:

O final do Henrique foi péssimo. Para o vilão que ele foi devia ter sido enterrado vivo ou ter ficado com uma doença grave. Era o mínimo.

Ficar sozinho, odiado por todos a aprodecer bem devagar.... Nem coragem teve para se suicidar...  A solidão é tramada. 

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, Forbidden disse:

Há tantas vilãs que nunca pagaram por nada: Margarida (Fascinios), Julia (Sedução), Alice (OBDE), ficam livres e de boa saude no final.

Sim é verdade. Mas essas ainda tiveram finais melhores. O do Henrique não foi nada de jeito.

Link to post
Share on other sites
há 7 minutos, LFTV disse:

Penso que nunca disseram qual era o problema da Mariana, mas acho que era autista ou assim. Lembro-me de dizerem que ela nunca quis ir à escola, nem sabia ler nem escrever...

E porque e que tinha que ter um problema?! Ela era assim e pronto. Foi essa naturalidade que eu gostei, a família aceitava-a como ela era.

Edited by Forbidden
Link to post
Share on other sites

Na altura li numa revista que o Henrique se ia suicidar no final, por isso estava à espera disso. Fiquei desiludido com o seu final.

Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, LFTV disse:

Penso que nunca disseram qual era o problema da Mariana, mas acho que era autista ou assim. Lembro-me de dizerem que ela nunca quis ir à escola, nem sabia ler nem escrever...

Era suposto ela ter alguma diagnose? Nunca pensei nisso... 

As vezes mais vale não haver uma diagnose, dar a culpa ao  "caráter" do que tentarem inventar alguma coisa e aborda-la mal. Como o menino do beijo do Escorpiao (filho das personagens da Paula Neves e do Rodrigo Menezes) que o puseram a comer bolachas e a fazer birras por não poder, e pouco mais... 

Link to post
Share on other sites
há 1 minutp, Forbidden disse:

E porque e que tinha que ter um problema?! Ela era assim e pronto. Foi essa naturalidade que eu gostei, a família aceitava-a como ele era.

Sim. Mas eu acho que ela tinha sim um problema. Não sei, mas os comportamentos dela eram um bocado estranhos. Mas eu também gostava da forma como a família a aceitava e protegia.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, LFTV disse:

Sim. Mas eu acho que ela tinha sim um problema. Não sei, mas os comportamentos dela eram um bocado estranhos. Mas eu também gostava da forma como a família a aceitava e protegia.

Hoje em dia qualquer coisa é um problema... podia ser autista, mas e então?! Não há cura pro autismo, portanto mais vale aceitar a pessoa como ela é do que impingir-lhe uma doença qualquer. Porque chamar tudo de doença?! Qualquer coisa é doença hoje em dia!

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 1 minutp, sue disse:

Era suposto ela ter alguma diagnose? Nunca pensei nisso... 

As vezes mais vale não haver uma diagnose, dar a culpa ao  "caráter" do que tentarem inventar alguma coisa e aborda-la mal. Como o menino do beijo do Escorpiao (filho das personagens da Paula Neves e do Rodrigo Menezes) que o puseram a comer bolachas e a fazer birras por não poder, e pouco mais... 

Sim. Às vezes mais vale não inventarem muito. No caso da Mariana nunca disseram se ela tinha algum problema. Ela era assim e pronto.

há 3 minutos, Forbidden disse:

Hoje em dia qualquer coisa é um problema... podia ser autista, mas e então?! Não há cura pro autismo, portanto mais vale aceitar a pessoa como ela é do que impingir-lhe uma doença qualquer. Porque chamar tudo de doença?! Qualquer coisa é doença hoje em dia!

Sim concordo. É mais importante aceitar a pessoa como é, do que propriamente saber se ela é autista ou doente.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, Forbidden disse:

Hoje em dia qualquer coisa é um problema... podia ser autista, mas e então?! Não há cura pro autismo, portanto mais vale aceitar a pessoa como ela é do que impingir-lhe uma doença qualquer. Porque chamar tudo de doença?! Qualquer coisa é doença hoje em dia!

Autismo é uma doença. não há como negar. Agora, claro que as pessoas com essa doença também merecem ser aceites e amadas.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, Ivo disse:

Autismo é uma doença. não há como negar. Agora, claro que as pessoas com essa doença também merecem ser aceites e amadas.

Eu prefiro ver alguém como uma pessoa com uma personalidade diferente do que como um doente, isso sim é mau.

E que eu saiba não há nenhum teste que diga que alguém é autista,  é algo apenas baseado no comportamento da pessoa.

Edited by Forbidden
Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, Forbidden disse:

Eu prefiro ver alguém como uma pessoa com uma personalidade diferente do que como um doente, isso sim é mau.

E que eu saiba não há nenhum teste que diga que alguém é autista,  é algo apenas baseado no comportamento da pessoa.

É algo que se sabe com o comportamento da pessoa. Dá para distinguir só de olhar e estar com a pessoa um bocado. Não pode ser visto como uma pessoa com uma personalidade diferente, existe medicação para controlar o autismo, se a pessoa não tomar fica muito agressiva consigo mesma e com os outros!

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Que saudades desta novela, os segredos, as intrigas, as vilãs, a personalidade da Mariana (e já agora ver a Joana Solnado no ecrão), a Maria Amelia e sobretudo as belas ilhas dos açores, e aqueles locais paradisíacos.

 

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
há 8 minutos, Ivo disse:

É algo que se sabe com o comportamento da pessoa. Dá para distinguir só de olhar e estar com a pessoa um bocado. Não pode ser visto como uma pessoa com uma personalidade diferente, existe medicação para controlar o autismo, se a pessoa não tomar fica muito agressiva consigo mesma e com os outros!

Pois, mas pra mim avaliar comportamentos de alguém e classifica-los como doenças é incorreto, isso não é ciência nem medicina. Pois "medicação", hoje em dia há medicação pra tudo :lol:

Tu vais nas cantigas que te contam, não se pode classificar algo como doença apenas com base em comportamentos de alguém, isso são apenas preconceitos culturais, mais nada. Tem que existir provas dessa doença, tem que ser comprovado com testes e exames.

Edited by Forbidden
Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, Forbidden disse:

Pois, mas pra mim avaliar comportamentos de alguém e classifica-los como doenças é incorreto, isso não é ciência nem medicina. Pois "medicação", hoje em dia há medicação pra tudo :lol:

Agora que me lembro, existe sim exames para diagnóstico. Tive um colega meu que tinha uns comportamentos "estranhos" e a mãe fez exames, penso que é para ver o cromossoma X ou lá o que é, e a partir desse exame dá para ver/comprovar se a pessoa tem autismo.

Tive um colega autista, e se ele não tomasse a medicação era super agressivo com as pessoas, tinha de tomar!

Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, Ivo disse:

Agora que me lembro, existe sim exames para diagnóstico. Tive um colega meu que tinha uns comportamentos "estranhos" e a mãe fez exames, penso que é para ver o cromossoma X ou lá o que é, e a partir desse exame dá para ver/comprovar se a pessoa tem autismo.

Tive um colega autista, e se ele não tomasse a medicação era super agressivo com as pessoas, tinha de tomar!

Pronto, se existe essa prova biológica já é diferente! Mas vais a ver por exemplos os ditos "distúrbios de personalidade" (tens dezenas deles) e não tens nenhuma prova científica ou biológica de que existam de facto como uma doença, e as pessoas aceitam isso com uma normalidade assustadora :O

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...