Jump to content

Tony [brevemente]


Filipe

Recommended Posts

há 7 minutos, gualter007 disse:

Quem é que quer ver uma série sobre o Tony?
já estou a imaginar a Netflix a comprar isto para vender na Coreia 

 

Portugal tem pessoas muito mais interessantes, é verdade. Mas o povão é capaz de papar isto e até ser um hit. :ok:

Se não hitar, fica na fanbase e dizem que foi uma série promocional. :pinderica:

  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

Pode não se gostar do estilo do Tony ou até mesmo da sua postura, mas é inegável o impacto que ele tem. Por isso, sim, é uma série com muito potencial a nível de audiência e mesmo a nível de exportação também tem um produto muito forte, principalmente para França. 

  • Like 7
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

há 2 minutos, Free Live disse:

Acho interessante, espero que não passe dos anos 80/90 tal como a do Marco Paulo.

Quem serão os próximos? Xutos? GNR? :cryhappy:

Anos 80/90 será mais pó Mico Paulo... Pó Tony o maior impacto dele é anos 90/00... 

Para rivalizar e criar polémica séria interessante uma série da Ágata, não é preciso pensar muito no porquê ?

  • Love 2
Link to comment
Share on other sites

Eu acho interessante, tanto esta como a do Marco Paulo, pelo simples motivo de serem ficcionadas, gosto de ver os factos retratados por atores. A do Marco Paulo deixa-me um pouco de pé atrás porque sabe-se/especula-se muito sobre coisas que claramente não serão abordadas, o Tony nesse quesito parece-me ser mais aberto.

Ainda assim, acho muito cedo para tal, ele ainda tem (ou assim espero) uma longa vida pela frente.

  • Like 7
Link to comment
Share on other sites

há 1 hora, Free Live disse:

Acho interessante, espero que não passe dos anos 80/90 tal como a do Marco Paulo.

Quem serão os próximos? Xutos? GNR? :cryhappy:

o Toy de certeza... alias o Toy ao ver esta noticia já deve ter escrito a sua biografia e entregue a todos os canais para que a produzam...

  • LOL 3
Link to comment
Share on other sites

3 hours ago, Hugo said:

.A do Marco Paulo deixa-me um pouco de pé atrás porque sabe-se/especula-se muito sobre coisas que claramente não serão abordadas.

...Tipo a alegada homossexualidade do Marco Paulo? :winkglasses:

Pois, se ele tiver direitos para aprovar o guião, isso nunca vai ser abordado :haha:

O Tony Carreira sem duvida que vai meter menos limites no que pode ser abordado.

  • LOL 5
Link to comment
Share on other sites

há 4 horas, Free Live disse:

Acho interessante, espero que não passe dos anos 80/90 tal como a do Marco Paulo.

Quem serão os próximos? Xutos? GNR? :cryhappy:

Maria Leal:cryhappy: História com o Francisco, história com o Tiago Ginga. Material não falta.:fancy:

  • Love 2
  • LOL 1
Link to comment
Share on other sites

há 3 horas, Hugo disse:

Eu acho interessante, tanto esta como a do Marco Paulo, pelo simples motivo de serem ficcionadas, gosto de ver os factos retratados por atores. A do Marco Paulo deixa-me um pouco de pé atrás porque sabe-se/especula-se muito sobre coisas que claramente não serão abordadas, o Tony nesse quesito parece-me ser mais aberto.

Ainda assim, acho muito cedo para tal, ele ainda tem (ou assim espero) uma longa vida pela frente.

A do Tony é mais interessante porque ele não esconde nada aparentemente. 

Uma série sobre a vida do Marco Paulo tem muito menos material. Da vida amorosa nada se sabe, tem a carreira mas só isso para uma série é muito pouco. Claro há ainda a infância em Mourão e tal e as doenças que teve....

Do Tony há muito mais material, para além da carreira, tem o casamento, filhos, a vida em França, as dificuldades para se impôr na música, e se forem mais há frente na vida dele também há o divórcio. 

Eu se fosse diretor de programas de um canal e tivesse que escolher, escolhia a do Tony.

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

há 1 hora, Dimitri disse:

Se eu fosse diretor de programas fazia da Luciana Abreu , divórcios, barracos, bastidores de novelas, briga com a mãe, a irmã a querer ser cantora na sombra. Iconico 

Isso é demasiado material para gastar numa minissérie, teria de ser uma novela tipo Anjo Selvagem ou AUM.

  • Love 1
  • LOL 13
Link to comment
Share on other sites

há 17 horas, Hugo disse:

Eu acho interessante, tanto esta como a do Marco Paulo, pelo simples motivo de serem ficcionadas, gosto de ver os factos retratados por atores. A do Marco Paulo deixa-me um pouco de pé atrás porque sabe-se/especula-se muito sobre coisas que claramente não serão abordadas, o Tony nesse quesito parece-me ser mais aberto.

Ainda assim, acho muito cedo para tal, ele ainda tem (ou assim espero) uma longa vida pela frente.

Na minha opinião a do Marco Paulo tem mais potencial, porque aborda uma época mais distante. Portanto há uma melhor leitura dos factos e com mais informação. Em oposição a do Tony Carreira nem por isso.

Agora acho que o Marco Paulo não irá querer abordar nenhum tema polémico e nesse aspeto, pelos tristes acontecimentos na vida do Tony, a série com o Tony pode ser mais cativante para os espectadores. Até pela onda de apoio que existe a toda a família carreira.

Contudo, filmes e séries biográficas em que os próprios retratados andam a meter a mão no guião nunca são tão boas como podiam ser. Porque há sempre aspetos que ninguém quer falar.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

On 07/10/2021 at 22:49, Dimitri disse:

Se eu fosse diretor de programas fazia da Luciana Abreu , divórcios, barracos, bastidores de novelas, briga com a mãe, a irmã a querer ser cantora na sombra. Iconico 

Luciana Abreu, Maria Leal...duvido que não façam algo do género daqui a umas boas décadas.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Espero que não seja apenas uma série de elogio. Que fale dos plágios. Que fale do facto de todos os concertos serem com a música em playback. De ele não pagar aos músicos que o acompanham. 

Na verdade, depois de Amor Amor, acho que o filão dos pimba está ligeiramente saturado. 

Tony Carreira pode encher a Altice Arena, mas é muito pouco relevante na música portuguesa. 

Marco Paulo cantou no festival da Canção antes de 1974, revolucionou a música popular com uma imagem e um estilo completamente diferente. e ainda cá anda. 

Tony carreira é dinheiro. Está para a música como Cristina ferreira está para a televisão: é um epi fenómeno, que daqui a 20 anos n\ao vai ter qualquer relevância. 

  • Like 1
  • LOL 11
  • Shock 2
Link to comment
Share on other sites

há 10 minutos, Rita Carocha disse:

Espero que não seja apenas uma série de elogio. Que fale dos plágios. Que fale do facto de todos os concertos serem com a música em playback. De ele não pagar aos músicos que o acompanham. 

Na verdade, depois de Amor Amor, acho que o filão dos pimba está ligeiramente saturado. 

Tony Carreira pode encher a Altice Arena, mas é muito pouco relevante na música portuguesa. 

Marco Paulo cantou no festival da Canção antes de 1974, revolucionou a música popular com uma imagem e um estilo completamente diferente. e ainda cá anda. 

Tony carreira é dinheiro. Está para a música como Cristina ferreira está para a televisão: é um epi fenómeno, que daqui a 20 anos n\ao vai ter qualquer relevância. 

Como assim?

nazare-tedesco-nazare-confusa.gif

Link to comment
Share on other sites

Imagino que a perspetiva se centre na história do emigrante português que se tornou um sucesso na música. Ou seja, devem retratar os primeiros anos de vida artística, não estou a vê-los a avançar para os anos mais recentes, simplesmente porque em projetos de ficção não tem interesse mostrar uma história feliz. O que tem interesse é uma personagem que passa por dificuldades e no fim vence. Claro que o plágio e a morte da filha são desafios à felicidade da "personagem", mas isso ainda está demasiado fresco para ser retratado. O mesmo se passa em The Crown, se avançam muito no tempo até ao presente deixa de ser um documento "histórico", com distanciamento, para ser um documentário opinativo e demasiado enviesado. 

Quanto ao David Carreira, acho que é mais uma distração e mais uma prova de que vai ser um auto-elogio. Vai ser ainda mais difícil vender ao público a ideia de que é um produto distanciado do interesse do Tony. Penso que deviam optar por outra pessoa. 

Edited by Da ni el
Link to comment
Share on other sites

há 26 minutos, Rita Carocha disse:

Espero que não seja apenas uma série de elogio. Que fale dos plágios. Que fale do facto de todos os concertos serem com a música em playback. De ele não pagar aos músicos que o acompanham. 

Na verdade, depois de Amor Amor, acho que o filão dos pimba está ligeiramente saturado. 

Tony Carreira pode encher a Altice Arena, mas é muito pouco relevante na música portuguesa. 

Marco Paulo cantou no festival da Canção antes de 1974, revolucionou a música popular com uma imagem e um estilo completamente diferente. e ainda cá anda. 

Tony carreira é dinheiro. Está para a música como Cristina ferreira está para a televisão: é um epi fenómeno, que daqui a 20 anos n\ao vai ter qualquer relevância. 

Eu não sou fã do Tony Carreira, mas é mentira que seja pouco relevante na música portuguesa.

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...