Jump to content

Cable Guy

Membros
  • #Conteúdo

    1829
  • Registado Em

  • Última Visita

Reputação

2812 Excelente

Sobre Cable Guy

  • Rank
    TV é comigo!

Profile Information

  • Género
    Homem
  • Localização
    UK

Quem visitou o meu perfil

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Cable Guy

    Stranger Things [Netflix]

    O júri dos Emmys que decidiu em ter esta série como uma das nomeadas para "Melhor Cinematografia" discorda da tua opinião Mas eu percebo o que tu dizes. Nalgumas cenas, principalmente nas que foram filmadas no bosque (na primeira temporada), quando certas personagens andam à procura de alguem, às vezes não se percebia muito bem o que se estava a passar, porque estava um pouco escuro. Mas eu penso que o objectivo era mesmo esse, criar confusão e suspense no espectador, dando a sensação que qualquer coisa pode aparecer de repente, do nada, na escuridão. Não é uma "falha", como tu dizes, mas sim uma escolha artística feita com um objectivo específico.
  2. Cable Guy

    Stranger Things [Netflix]

    Por falar em série bem produzida... A segunda temporada de "Stranger Things" recebeu esta semana 12 nomeações para os Emmys Melhor Série - Drama Melhor Actor Secundário - David Harbour (Jim Hopper) Melhor Actriz Secundária - Millie Bobbie Brown (Eleven) Melhor Direcção - Duffer Brothers Melhor Argumento - Duffer Brothers Melhores Efeitos Especiais Melhor Cinematografia Melhor Casting Melhor Supervisão Musical Melhor Montagem Melhor Edição Sonora Melhor Mistura de Som Lista completa dos nomeados aqui
  3. Cable Guy

    Stranger Things [Netflix]

    Pequeno teaser Season 3: Há uma novidade a chegar à pacata cidade de Hawkins... @Magazine E os outros episódios da Season 1? Que tal?
  4. Espero bem que não sejam as últimas temporadas. Principalmente de Celebrity Big Brother. O BB com anónimos já não me desperta interesse, mas o CBB sempre vai tendo umas temporadas fixes, não merece ser cancelado!
  5. Cable Guy

    Notícias SIC

    Quando a Teresa foi responsável pela ficção da SIC, ela teve alguns sucessos ("Floribella" - 2 temporadas, "Vingança" e "Aqui Não Há Quem Viva") mas também foi responsável por vários flops. "Jura", "Chiquititas", "Sete Vidas" não correram nada bem, foram enormes fracassos em termos de audiências. "Rebelde", a concorrente dos "Morangos com Açúcar", não foi um fracasso, mas também não correu exactamente muito bem, porque "Morangos Com Açúcar" continuou a liderar de forma folgada contra essa série juvenil da SIC. Já a Gabriela Sobral foi mais consistente em termos de novelas de horário nobre da SIC a obterem bons resultados de audiência. Mas foi péssima em tudo o resto, como directora de programas Mas a Teresa Guilherme a regressar à SIC será como apresentadora, duvido muito que a metam na direcção como consultora (de ficção ou entretenimento) tendo lá a Júlia também associada a cargos de direcção
  6. Cable Guy

    Notícias SIC

    Não... nunca liderou, esteve sempre bem distante da TVI. A estreia fez apenas 9,3 rating e 24.4% de share às 22:30, ficou em 9º lugar nos programas mais vistos do dia. E os episódios seguintes também foram um fracasso. https://www.dn.pt/arquivo/2008/interior/momento-da-verdade-acaba-sem-polemica-1136314.html No último episódio, fez 9,0% de rating e 20,8% de share. Isto em 2008. Quando a TVI fazia 40% de share com as suas novelas no mesmo horário. Mais alguns dados: 28 de Outubro 2008: "O Momento da Verdade" (21:30, SIC) 8.6% / 22.3% vs "Feitiço de Amor" (TVI, 21:30) 16.0% 39.6% 21 de Outubro 2008 "O Momento da Verdade" (21:30, SIC) 9.0% / 21.3% vs "Feitiço de Amor" (TVI, 21:30) 15.0% 35.2% 15 de Outubro 2008 "O Momento da Verdade" (21:45, SIC) 9.6% / 23.8% vs "Feitiço de Amor" (TVI, 21:30) 16.9% 40.6% 7 de Outubro 2008 "O Momento da Verdade" (22:45, SIC) 7.4% / 21.5% vs "A Outra" (TVI, 22:45) 14.8% / 47.6%
  7. Cable Guy

    Notícias SIC

    Concordo, mas teria de ser um grande formato para ela apresentar, ou então não serviria de nada. Só a Teresa a apresentar não é garantia de nada. Como pudemos ver com os flops "Biggest Deal" e "A Casamenteira". Ou mesmo na SIC, quando apresentou o reality-show "Momento da Verdade", que foi um gigantesco fracasso de audiências para a SIC.
  8. Cable Guy

    Notícias SIC

    A Tété a fazer-se ao piso, agora que chegou a nova direcção Seria sem dúvida bastante interessante Júlia e Tetecas a encontrarem-se nos corredores da SIC.
  9. Cable Guy

    Memórias RTP1

    Este estúdio era espectacular para a época Bem moderno, excelente design, mas também caloroso, e com excelente iluminação. Podia ser actual até nos dias de hoje, praticamente uma década depois.
  10. Cable Guy

    Love On Top 7 [brevemente]

    Não corriam rumores que o contrato com a NOS para o TVI Reality acabava em Setembro deste ano? Existe alguma confirmação disso? (Notícias, etc) Conhecendo a mentalidade da "TVI Low Cost" dos dias que correm, infelizmente não me admirava nada que renovassem o contrato, mesmo que isso signifique continuar a ter reality-shows desgastados e no ar todo o ano, com audiências inferiores, só para poderem ter mais um dinheirinho pelo exclusivo todos os meses.
  11. Cable Guy

    Casados à Primeira Vista [brevemente]

    Pela descrição, até não parecia mau. Depois fui ver um pouco de um episódio da versão britânica... é completamente ridículo. Pessoas que se oferecem para casar com outras que nunca viram antes na vida, apenas porque psicólogos e 'peritos' de dating e romance sugerem que eles serão compatíveis. Depois de se casarem perante família e amigos, as câmaras seguem-nos nas suas novas vidas para ver se o casamento consegue correr bem. Pois bem, podemos ver os resultados no Reino Unido: em 3 temporadas, todos aqueles que se casaram no programa acabaram por se divorciar ou anular o casamento (Podem ver as conclusões aqui.) Na versão americana, 90% dos casais também se divorciaram. Grandes peritos em compatibilidade, sim senhor. Obviamente isto é mais para show do que outra coisa.
  12. Cable Guy

    Stranger Things [Netflix]

    Para ti pode ser "qualquer coisa", para a maioria das pessoas "Stranger Things" não foi 'qualquer coisa'. A crítica foi unânime, tal como a recepção do público, ambas excelentes. Para mim, tem tudo para se tornar um clássico e uma série de culto. Aliás, já é uma série de culto. Tal como "Twin Peaks" se tornou um clássico. E não, não uso esse termo de forma leviana. Raramente chamo "clássico" ou "masterpiece" seja ao que for. É extremamente raro, visto que a maioria das séries e filmes me aborrecem imenso e são tão previsíveis, os filmes de Hollywood então estão mesmo cada vez pior.
  13. Cable Guy

    Dança Com as Estrelas

    É a tua opinião. A maioria dos telespectadores deu muito mais audiências ao "Pesadelo na Cozinha" do que a qualquer edição do "Dança Com As Estrelas". Quando é que o DCAE teve 18 e 20 de rating? Nunca, que eu saiba. Eu achava muito mais giro e refrescante se aos Domingos a TVI tivesse dois grandes reality-shows, tipo 21:30 Pesadelo na Cozinha 22:45 Perdidos na Tribo 2 / Naked & Afraid / Survivor / A Ilha Esta coisa dos talent-shows (com famosos ou com anónimos) é sempre mais do mesmo. Estão no ar o ano inteiro, todo os anos, torna-se tão previsível. Outros formatos trariam novidade e surpresa.
  14. Cable Guy

    Dança Com as Estrelas

    Acho muito bem. O "Pesadelo na Cozinha" sempre é algo mais fresh para a TV portuguesa do que o DCAE, que é novamente outro programa apresentado pela Cristina Ferreira, e mais outro talent show com famosos.
  15. Cable Guy

    Secret Story - Casa dos Segredos: O Reencontro

    Durante a semana, ou seja, nas actividades da casa, havia muito mais conversas e/ou actividades sugeridas pela produção relacionadas com segredos. Mesmo no último mês. E as galas foram 80% iguais às das edições anteriores, mas na minha opinião houve bastante mais abordagem aos segredos, nomeadamente nas conversas de confessionário do Goucha. É claro que não com a Gabriela e César, que o enredo desses era só arrufos de casal, mas com outros concorrentes, por exemplo com a Carina, Luan e Tiago, ele falava frequentemente de segredos e estratégias no confessionário. Até porque a Carina falou muito sobre segredos e jogo, a edição inteira, logo isso também era abordado no confessionário. É claro que é a produção que decide o alinhamento das coisas, mas sem dúvida que a Teresa, na maioria das edições que apresentou, estava sempre visivelmente mais entusiasmada por falar de arrufos, casalinhos e afins, do que falar de estratégias, segredos, jogo, pistas. Isso era tipo 5% das conversas da Teresa. E, nalgumas galas, se não houvesse um concorrente a revelar o seu segredo para o público, por vezes nem uma única vez ela falava de segredos, era só levar ao confessionário concorrente A e concorrente B para falarem do seu romance ou das suas zangas, e pouco mais.
×