Jump to content

Cable Guy

Membros
  • #Conteúdo

    2125
  • Registado Em

  • Última Visita

Reputação

3316 Excelente

Sobre Cable Guy

  • Rank
    TV é comigo!

Profile Information

  • Género
    Homem
  • Localização
    UK

Quem visitou o meu perfil

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Cable Guy

    A Teia [estreia segunda]

    Imenso potencial? É basicamente uma história parecida com o início da "Herdeira", só que em vez de ser no México começa no Reino Unido. Não traz nada de novo. Tudo repetitivo e mais que visto. Diogo Morgado pobre emigrante a tentar uma vida melhor O filho que lhe é retirado Um gang criminoso a tentar fazer-lhe a vida negra Uma freira sabichona a dar palpites sobre o que se vai passando Violência doméstica Mudaram os locais de filmagem e o nome das personagens, basicamente. O resto em tudo se assemelha a novelas recentes da TVI. Acho que o potencial que isto tem é um imenso potencial para continuar a aborrecer o grande público de novelas e fazer com que as pessoas se fartem ainda mais.
  2. Cable Guy

    Pesadelo na Cozinha [T2]

    "Episódios especiais" das novelas Ou estreia do "First Dates", uma coisa super low-cost
  3. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Não existe grande justificação para este formato ter apresentador. Se a TVI escolher adicionar um(a) apresentador(a), será basicamente para gravar introduções e coisas do género, à parte da acção. Porque não faz sentido nenhum ter um apresentador lá metido enquanto os participantes andam nas suas aventuras a tentar sobreviver com pouco ou nada, a meu ver isso iria estragar o feeling de documentário que o formato original tem e iria transformar-se numa coisa demasiado show off, tendo o apresentador lá metido no meio da rua ou da casa enquanto os participantes andam nus... seria muito parvinho fazer isso, dava um ar muito sensacionalista à coisa. O formato original não é sensacionalista, segue mais a linha de doc-reality. A TVI só teria a ganhar mantendo o formato original. Tal como ganhou em manter o "Pesadelo na Cozinha" fiel ao formato original.
  4. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Não, obrigado A versão original não tem apresentador, só narrador. E a Teresa está mais que gasta na apresentação de reality-shows.
  5. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Qual promo? A TVI apenas fez chamada para casting, n fez nenhuma promo Eu postei a promo para a versao americana, nas paginas anteriores, essa sim muito mais detalhada
  6. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Sem dúvida. Aqui fica o trailer da primeira temporada da versão que passou nos Estados Unidos:
  7. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Não vi a tua pergunta... E não foi eu que comecei a comparar os programas, até porque não tem comparação. Este programa não tem a ver com relacionamentos ou casamentos. Simplesmente comentei porque vi outras pessoas a dizerem "Acho engraçado criticarem este [por causa da nudez] mas já acham o Casados à Primeira Vista um grande programa" LOL
  8. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Concordo. Para mim a única diferença é o elenco, no caso do programa da SIC o contexto é casamentos (e não festas e sexo, como o LOT!) por isso escolhem pessoas mais bem-formadas e educadas, supostamente. Mas considero os dois programas deploráveis na forma como trivializam relacionamentos. Para mim o 'Casados' ainda é pior, porque trivializa o casamento, como se fosse uma coisa que se pensa em 5 minutos, até pode ser com um estranho qualquer, e "Olha, se não resultar, divorciamo-nos!"... Completamente ridículo. Mas voltando a este programa... Com ou sem censura das partes íntimas, espero mesmo que seja para as 21:30, pois é um programa que precisa de projecção e exposição e é feito a pensar no grande público. Tem momentos muito engraçados e caricatos e ao mesmo tempo dá que pensar e revela momentos ternurentos entre as pessoas, quando só têm a si mesmas para se apoiar - não há tarefas domésticas, não há roupas, não há telemóveis ou brinquedos... É uma experiência bem interessante de se acompanhar e merece ser vista pelo grande público.
  9. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Este programa a comparar com o da SIC é uma coisa muito mais inocente. O desafio é viver despojado de bens materiais durante mais ou menos 21 dias. Não se estragam relacionamentos. Ninguém vem casar com uma pessoa que nunca viu na vida (e posteriormente ser filmado durante as quezílias que levam ao (inevitável) divórcio). Acho o programa da SIC inenarrável. É uma estupidez do início ao fim e tenho imensa pena se realmente há gente tão desesperada por amor que acreditava que ia funcionar muito bem irem casar com uma pessoa que não conhecem de lado nenhum, só porque uns pseudo-peritos disseram que poderia funcionar. Desperdiçar o tempo dos familiares e amigos com casamentos de fantochada. Incrível. Ainda se fosse para ganhar um prémio, ainda percebia - o "Meu Odioso E Inacreditável Noivo" na TVI deu 100 mil euros de prémio à participante que tinha de tentar convencer a família que se ia casar com um gordo irritante. Com um prémio ainda se percebia. Mas o da SIC nem prémio tem, é mesmo só para se aproveitar de quem anda à procura de afecto e não tem a noção do que faz. Para mim é tão mau como o LOT.
  10. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Mas se mudarem perde a piada toda Em roupa interior seria muito fácil sobreviver... Ninguém teria vergonha de ir para a rua de roupa interior. Não seria um desafio suficientemente 'potente'. Penso que não haverá necessidade de censurar, até porque os participantes devem andar com as mãos a tapar as partes íntimas durante os dias em que estão nus... E, sim, eles mostram mamas em novelas e em séries como "Equador" que passou às 22:00, portanto não estou a ver qual o problema.
  11. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Sim, isto funciona melhor como programa semanal, ao estilo documentário e com narrador. É uma espécie de "evento televisivo", não é algo que se possa esticar em Extras, Diários e afins... não existe conteúdo para isso. Tal como não faria sentido 'esticar' o Pesadelo na Cozinha em diários, a meter o resto das filmagens nas cozinhas em blocos diários de imagens só para encher chouriços... Não existe conteúdo para isso.
  12. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Aqui no Reino Unido o máximo que se viu foram umas mamocas, até porque na maioria do tempo os participantes andavam com as mãos a tapar as partes íntimas. Não é nada de mais. É um programa para o grande público, não é algo de nicho, ou algo que mereça ir para o late-night
  13. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    Mas isto no original é uma experiência que dura 21 dias. E tem uma cronologia que faz sentido, desde os primeiros dias com 'tudo a nu' até depois irem recuperando objectos e roupas durante as semanas seguintes. Não tem conteúdo suficiente para exibir diários às 19h, nem nada que se pareça. É coisa para 5 ou 6 episódios semanais e isso já é esticando. A versão americana só teve 8 episódios.
  14. Cable Guy

    Contentor [brevemente]

    No Reino Unido o título foi "Life Stripped Bare". Nos Estados Unidos, chamou-se "Stripped" (foi emitido no canal de cabo Bravo) Penso que em Portugal ficaria bem um título como "Vidas Despidas", "A Vida Despida" ou algo do género E, sim, não tem nada de "pornográfico" - a começar pelo facto de que a nudez que existe não é nudez de contexto sexual Eu espero é que este programa vá para as 21:30, para ser verdadeiramente o sucesso que merece. Espero que não venha outra burrice do Bruno Santos e isto vá para o late-night e com bolinha vermelha, como se fosse uma coisa muito "chocante", quando na verdade o programa não tem nada de chocante.
  15. Cable Guy

    Novidades de Programação TVI

    Esse, sim, adorava que fosse apresentado pela Olivia Ortiz Aqui no Reino Unido foi sempre semanal. Acho que só teve para aí 4 ou 5 episódios, já não me lembro. Foi mesmo tipo 'experiência social' - uma coisa curta e intensa. Não foi o típico reality-show. É mais tipo "doc-reality". E não teve apresentador, só narrador.
×