Jump to content

O Futuro da Televisão


TheSecret

Recommended Posts

há 1 hora, srcbica disse:

"Agora escolha": O futuro da TV está nas suas mãos

A Netflix está a realizar o seu primeiro teste de "narrativas ramificadas" com a série animada da DreamWorks "As Aventuras do Gato de Botas" e o programa em stop-motion "Buddy Thunderstruck".

http://mag.sapo.pt/tv/atualidade-tv/artigos/isabel-ii-deve-abdicar-do-trono-tv-interactiva-em-crescimento

ADORO!!!!!??

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...
  • Replies 340
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Forbidden

Sinceramente, a tv esta cada vez pior. E sempre a mesma coisa, nao ha programas diferentes! E so novelas, talk shows, talent shows, etc, não me admiro que que cada vez menos pessoas vejam as generalistas. Não há mais nada que possam fazer para além disto? Ha imensos reality shows que podiam fazer que ainda nao fizeram... e mesmo dentro da ficção esta na altura de fazer coisas diferentes, e sempre a mesma coisa (triângulos amorosos, vinganças, crimes...). Podiam fazer series ou novelas sobre os d

Ruben

Eventualmente não tenho grandes dúvidas que irão existir leis anti-monopolistas exatamente para evitar aquilo que está a acontecer com a Disney, Warner e outros. Basta olhar para redes sociais e para os processos que o Facebook tem andado a levar continuamente nos EUA, na UE, na Austrália e não só, e que muitos deles tencionam mesmo separar o Instagram e o WhatsApp do Facebook. O mundo dos streaming, tal como o mundo das redes sociais, ainda só está no seu início, está agora a explodir e ainda n

Mundo

É sim uma questão de fidelização, João. Repara que nunca mencionei questões de qualidade, uma vez que as séries cada vez se tornam mais próximas da qualidade cinematográfica. É impossível negar. Mas é um facto que o formato "novela" é muito mais vantajoso para um canal (principalmente na realidade portuguesa) e facilita a visualização em tempo real, pelo seu número de episódios. Numa série é fácil pores-te "em dia" na internet  e veres episódios atrasados, numa novela nem tanto. Aliás, se r

há 1 hora, Harry Cameron disse:

Sim Bloody e acho que tens toda a razão. O problema também é bué esse, o facto de na vida tudo ser feito de ciclos e a era da televisão está lentamente a desvanecer-se muito por conta disso. Mas isso vai totalmente de encontro ao que eu disse no meu comentário, quando afirmei que a internet é o futuro e não vale a pena continuar a fingir que não.

A TVI em 2006 estava em pleno início de reinado, acabada de se tornar líder no ano anterior, e o cabo ainda não era o fenómeno que é hoje e ainda estava longe de fazer mossa ás generalistas, por isso também não e por aí. :P 

Que a net e o streaming é o futuro isso é inegável, a questão é que eles não estão a planear o futuro condignamente, cada vez mais as pessoas se afastam dos produtos portugueses, pois estes são visto como de qualidade inferior, quando o futuro chegar, que já vem chegando, ninguém vai querer saber dos produtos portugueses, eu realmente temo pela ficção "televisiva" (novelas e series) em Portugal, que acho que no futuro vai ser nenhuma.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Isso é verdade os canais (principalmente a SIC e a TVI) não estão a planear bem o futuro. Acho bem que a SIC coloque os seus programas na integra na net e a TVI tem o TVI Player mas só isso não chega, é preciso procurar também outras soluções de negócio.

On 24/10/2017 at 11:19, Duarte com D disse:

Que a net e o streaming é o futuro isso é inegável, a questão é que eles não estão a planear o futuro condignamente, cada vez mais as pessoas se afastam dos produtos portugueses, pois estes são visto como de qualidade inferior, quando o futuro chegar, que já vem chegando, ninguém vai querer saber dos produtos portugueses, eu realmente temo pela ficção "televisiva" (novelas e series) em Portugal, que acho que no futuro vai ser nenhuma.

Também não vejo um futuro assim tão negro para a TV. Os produtos portugueses (novelas, séries, telefilmes, etc) vão continuar a ter o seu lugar e tem cada vez mais qualidade e são os produtos mais vistos da tv tradicional.

Acho que o futuro da tv passa pelas várias plataformas. Os nossos canais tem que ver o que se faz lá fora e adaptar essas estratégias de negócio para a realidade portuguesa.

Link to comment
Share on other sites

há 2 horas, JCBF disse:

Isso é verdade os canais (principalmente a SIC e a TVI) não estão a planear bem o futuro. Acho bem que a SIC coloque os seus programas na integra na net e a TVI tem o TVI Player mas só isso não chega, é preciso procurar também outras soluções de negócio.

Também não vejo um futuro assim tão negro para a TV. Os produtos portugueses (novelas, séries, telefilmes, etc) vão continuar a ter o seu lugar e tem cada vez mais qualidade e são os produtos mais vistos da tv tradicional.

Acho que o futuro da tv passa pelas várias plataformas. Os nossos canais tem que ver o que se faz lá fora e adaptar essas estratégias de negócio para a realidade portuguesa.

Olha, eu concordo com quase tudo aquilo que escreveste. Não será de admirar que, no mínimo, os canais venham a rentabilizar os seus produtos no youtube. No mínimo, porque o máximo será os canais passarem a ficar mais dependentes da net, da mesma maneira que a rádio ter-se-ia extinguido se não houvesse automóveis (eu não consigo imaginar uma alternativa ao automóvel onde a rádio pudesse continuar a ser ouvida).

Agora, com a parte de que os produtos portugueses terem mais qualidade... Não concordo nada. E a parte dos produtos mais vistos da tv serem portugueses é perfeitamente discutível. Para mim, são os mais vistos porque é impensável para a SIC de hoje colocar uma novela da Globo ou uma série americana verdadeiramente boas no primeiro horário e, mesmo que pusessem, as pessoas iriam estranhar atualmente. Idealizemos um cenário hipotético: "Game of Thrones", por exemplo, se tivesse sido aposta da SIC pelo menos na terceira temporada para dar às sextas às 21h não teria sido sucesso imediato, no entanto, se continuassem o processo, inclusive se fosse preciso com repetições à 1h em anos seguintes, por esta altura a sétima já poderia ser um enorme sucesso.

E as pessoas contra-argumentam: mas isso tudo está no cabo. É verdade, mas aqui dá novamente para usar o argumento de "as pessoas não estão habituadas". Apenas 40-50% da população vê as novelas, mas nem todos vêem por gostar. Vêem, porque não encontram nada melhor e, à falta de algo melhor, ficam-se pelos canais tradicionais. Além disso, a malta diz que faz uso do comando, mas facto é que há uma falta de vontade de, perante mais de 200 canais, passar além do canal 15 (o uso do número 15 é meramente exemplificativo; pode ser 12, 16...).

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

As televisões privadas deviam utilizar as tardes, onde têm péssimas audiências, para experimentar novos produtos e tentar captar publico mais novo.

Já nas manhãs, principalmente a TVI é impensável tocar no Você na TV.

No horário nobre, deve ser dada prioridade aos produtos portugueses, sejam novelas ou outra coisa.

Link to comment
Share on other sites

On 10/24/2017 at 11:19 AM, Duarte com D said:

Que a net e o streaming é o futuro isso é inegável, a questão é que eles não estão a planear o futuro condignamente, cada vez mais as pessoas se afastam dos produtos portugueses, pois estes são visto como de qualidade inferior, quando o futuro chegar, que já vem chegando, ninguém vai querer saber dos produtos portugueses, eu realmente temo pela ficção "televisiva" (novelas e series) em Portugal, que acho que no futuro vai ser nenhuma.

Mas as privadas não querem saber disso pra nada. Principalmente a SIC, que pode estar a falir mais vai gastar sempre os seus tostões finais com novelas portuguesas de 1500 episódios. :cool:

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

há 19 horas, LFTV disse:

Produtos de ficção portugueses vão sempre existir, caso contrário a profissão de actor seria extinta em Portugal.

 

há 14 horas, Ambrósio disse:

E ninguém está contra isso, mas existem diversas formas de fazer ficção.

Exato. Da mesma maneira que já fizeram curtas para o youtube, um dia alguém se pode lembrar de fazer uma novela online. A RTP vai lançar uma série para ser seguida nas redes sociais esta semana. Isto é praticamente o "Futuro Hoje" quanto a produtos de ficção portugueses. xD

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 2 horas, srcbica disse:

 

Exato. Da mesma maneira que já fizeram curtas para o youtube, um dia alguém se pode lembrar de fazer uma novela online. A RTP vai lançar uma série para ser seguida nas redes sociais esta semana. Isto é praticamente o "Futuro Hoje" quanto a produtos de ficção portugueses. xD

Pena ser na RTP. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 1 minuto, srcbica disse:

Mas a RTP não a vai transmitir. A transmissão é puramente online, por isso duvido que ser RTP ou outra coisa influencie. O que influencia ou deixa de influenciar é a falta de divulgação.

Chocado. Não fazia ideia :O Mas imagina que era transmitida na TVI e com promoção. Acho que podia resultar, ou pelo menos fazer resultados decentes xD

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

Agora mesmo, Duarte disse:

Chocado. Não fazia ideia :O Mas imagina que era transmitida na TVI e com promoção. Acho que podia resultar, ou pelo menos fazer resultados decentes xD

Na TVI, obviamente que faria resultados decentes. xD

Vai ao tópico e vê a novidade que a RTP resolveu criar. A série chama-se "Amnésia".

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 15 minutos, srcbica disse:

Na TVI, obviamente que faria resultados decentes. xD

Vai ao tópico e vê a novidade que a RTP resolveu criar. A série chama-se "Amnésia".

Eu sei qual é a série xD. Até fui eu que criei o tópico, mas um user antecipou-se por uns minutos xD Mas sempre pensei que fosse para transmitir na RTP em horário nobre. Eu acho que a ideia tem imenso potencial 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 6 minutos, Duarte com D disse:

Ou seja?

Penso que funciona assim: quantas mais views tiverem, mais os publicitários se interessam em pagar para divulgar na página do vídeo ou do instagram. Quanto ao instagram, eu não sei se é mesmo assim, que eu não tenho.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 9 minutos, srcbica disse:

Penso que funciona assim: quantas mais views tiverem, mais os publicitários se interessam em pagar para divulgar na página do vídeo ou do instagram. Quanto ao instagram, eu não sei se é mesmo assim, que eu não tenho.

O Instagram deve ser apenas para ajudar a promover :haha: E não sei como funciona esse RTP Lab, mas pelo menos o RTP Play dantes tinha muita publicidade.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 15 minutos, srcbica disse:

Penso que funciona assim: quantas mais views tiverem, mais os publicitários se interessam em pagar para divulgar na página do vídeo ou do instagram. Quanto ao instagram, eu não sei se é mesmo assim, que eu não tenho.

Sim mas agora a publicidade no youtube é cortada graças ao Adblock e outras cenas.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 2 horas, Duarte com D disse:

Vamos lá ver uma coisa, o que vai morrer é a forma de ver televisão, onde no futuro as pessoas vão ver o que querem, quando querem, aliás isso já nem é futuro é hoje.

Agora a SIC e a TVI vão morrer sim pois não estão as saber cativar essas pessoas a ir ver os seus conteudos online, dou o exemplo da TVI, tem N de novelas e series que podiam estar no TVI Player, mas só estão as que estão no ar, muita gente poderia estar a esta hora a rever uma Tempo de Viver, Ninguém como Tu ou Ilha dos Amores, mas a TVI não tem isso disponível.

Series é o futuro da TV, mas com qualidade e que valha a pena ver online, onde está essa apsota da TVI? No Max really, o pessoal que vê online é mais exigente, e não vai trocar series amaericanas por m*rdice, há que começar a inovar e fazer coisas novas que ainda não foram feitas em Portugal.

Mas um canal que nem uma novela de epoca (não venham com Anjo Meu, aquilo era à 20 anos atrás) tem, não se pode pedir coisas muito diferentes.

Duarte, a TVI não está a ser burra ao não descarregar esses conteúdos no TVI Player. Simplesmente seria impossível, pois deixaria a TVI sem material para a aplicação. Isto faria com que em poucos anos o TVI Player se tornasse numa plataforma útil apenas para o conteúdo inédito do canal e isto claramente iria traduzir-se em menos utilizadores diários. E imaginando que esses conteúdos ficavam todos disponíveis o que era da televisão? Uma pessoa podia ficar a ver novelas todo o dia e nem sequer ligar na TVI. Isso não é de todo o que o canal quer. Tal como quando o TVI Ficção estreou e nem sequer puseram novelas em horário nobre para não serem um estorvo às inéditas, o mesmo acontece aqui. Podiam sim ter uma novela a repor apenas no TVI Player, 365 dias por ano. Ou por exemplo, vender as novelas a 0,01€ por hora.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • 8 months later...
há 2 minutos, Mr. Robot disse:

lol.

A Warner acabou de ser comprada pela AT&T. Isto faz parte de um plano de expansão internacional da AT&T. 

E sim, acredita que há muitas séries icónicas da HBO, que o pessoal quer ver. Ainda para mais, porque a HBO Now decerteza que irá ter uma app nas boxes. 

Mesmo que não vingue inicialmente, eles vão continuar a insistir, porque têm imenso dinheiro e não querem saber se o breakeven em Portugal for daqui a 5 anos. Óbvio que estas coisas levam tempo. Mas lá está, falar sem saber...

Está bem, continua a pensar que Portugal é igual aos EUA, quando a mentalidade e o mercado são totalmente diferentes.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 3 minutos, ATVTQsV disse:

Se eu fosse da HBO iria comprar os canais TVCine e Séries. O HBO principal seria o TVSéries em termos de formato.

Para quê? Eles só se querem focar no streaming. Há até um rumor de que a AT&T quer fechar/substituir gradualmente alguns canais pelo HBO Now, devido ao cord cutting.

Link to comment
Share on other sites

há 3 minutos, Forbidden disse:

Está bem, continua a pensar que Portugal é igual aos EUA, quando a mentalidade e o mercado são totalmente diferentes.

Ninguém está a dizer que o mercado é igual, estou a dizer-te que uma gigante como a AT&T não penetra num mercado de ânimo leve. Tem uma estratégia bem delineada e fazem uma análise ao  mercado.

há 1 minuto, ATVTQsV disse:

Os EUA são os EUA e Portugal é Portugal. O cord-cutting não está na moda em partes do nosso continente. Temos de nos estar cientes da realidade cá do sítio.

Estava a falar do mercado americano, em que há muitos canais da Warner/HBO e alguns a dar prejuízo. 

Em relação a Portugal, se o HBO Now for integrado nas boxes das operadoras principais (meo altice, NOS) e for inferior ao preço do tvcine e series, quem paga para ver o tv series, transita para o HBO Now. 

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...