Jump to content

Sugestões e Novidades


Recommended Posts

  • Replies 329
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

ÀS 21H30 NO SUBFÓRUM FICÇÃO  

AMANHÃ ÀS 21H30  

Alto filme que estás a fazer. Que exagero, não?

Já muitas histórias foram publicadas neste forum e nunca passou pela cabeça de nenhum membro isso acontecer.

Pois eu sei, e confio na maior parte dos membros neste forum, mas ha sempre aqueles que não conheço.. E sim vou publicar a história (agora que penso melhor a história nem é nada de jeito) Espero que gostem.. Vou criar o tópico agora

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...
  • 3 months later...
  • 7 months later...

Bem, eu tenho uma história que tenho pensando há umas semanas em escrever, porém falta a "força" de comentários e de opiniões se a história está bem estruturada e original. Então, estou a pensar em publicá-la aqui no fórum. Aqui fica uma pequena sinopse:

 

1993:

A família Valadares está de partida para umas férias. O casal mais os seus três filhos já estão no carro. A família Valadares é uma família de prestígio, conhecida por produzir um vinho branco fantástico. Com pouco mais de uma centena de funcionários, têm imenso dinheiro. Porém, tudo muda quando a família sofre um gravíssimo acidente no meio da viagem, matando quatro das cinco pessoas. A pequena Vitória, de 3 anos, sobreviveu. É a esperança da família.

 

2013:

Vitória Valadares tem agora 23 anos. Alta, morena, bonita. Um sonho de mulher. Foi criada com a avó, que entretanto dirigiu a empresa dos vinhos por uns longos 15 anos, morrendo de uma doença que já tinha sido diagnosticada. Era tempo de Vitória dirigir a empresa. 

 

Mas não era o que Vitória queria.

 

Vitória nunca quis dirigir a empresa. Quis que a empresa acabasse, que morresse como a família morreu. E a empresa morreu. Então o que Vitória quis, o que foi feita dela? 

 

Seria a prostituição um mau caminho? Foi o que Vitória tinha pensado. Não pensou mais. Nem a mãe, nem a avó lhe deram o amor que deveria de ter. Não lhe ajudaram a escolher o caminho mais adequado. Vitória então escolheu o caminho da prostituição, para ganhar dinheiro. 

 

Alguns anos passaram, e Vitória continua no mesmo. E ganha bem.

 

Mas tudo irá mudar, novamente. Fenómenos estranhos, mortes inexplicáveis. Uma vingança sobrenatural. É tempo de Vitória pagar pelo que fez. O nome da família está manchado por causa dela. O destino está traçado.

 

Então, é isto. Com efeitos sobrenaturais, a família (sobretudo a mãe), irá se vingar em Vitória, pois acabou com a empresa que tanto trabalho deu, e manchou o nome da família. E a vingança irá ultrapassar os limites.

 

Digam-me o que acharam? :) Acham a história "parva"? :haha: 

Edited by Bloody
Link to post
Share on other sites

Bem, eu tenho uma história que tenho pensando há umas semanas em escrever, porém falta a "força" de comentários e de opiniões se a história está bem estruturada e original. Então, estou a pensar em publicá-la aqui no fórum. Aqui fica uma pequena sinopse:

 

1993:

A família Valadares está de partida para umas férias. O casal mais os seus três filhos já estão no carro. A família Valadares é uma família de prestígio, conhecida por produzir um vinho branco fantástico. Com pouco mais de uma centena de funcionários, têm imenso dinheiro. Porém, tudo muda quando a família sofre um gravíssimo acidente no meio da viagem, matando quatro das cinco pessoas. A pequena Vitória, de 3 anos, sobreviveu. É a esperança da família.

 

2013:

Vitória Valadares tem agora 23 anos. Alta, morena, bonita. Um sonho de mulher. Foi criada com a avó, que entretanto dirigiu a empresa dos vinhos por uns longos 15 anos, morrendo de uma doença que já tinha sido diagnosticada. Era tempo de Vitória dirigir a empresa. 

 

Mas não era o que Vitória queria.

 

Vitória nunca quis dirigir a empresa. Quis que a empresa acabasse, que morresse como a família morreu. E a empresa morreu. Então o que Vitória quis, o que foi feita dela? 

 

Seria a prostituição um mau caminho? Foi o que Vitória tinha pensado. Não pensou mais. Nem a mãe, nem a avó lhe deram o amor que deveria de ter. Não lhe ajudaram a escolher o caminho mais adequado. Vitória então escolheu o caminho da prostituição, para ganhar dinheiro. 

 

Alguns anos passaram, e Vitória continua no mesmo. E ganha bem.

 

Mas tudo irá mudar, novamente. Fenómenos estranhos, mortes inexplicáveis. Uma vingança sobrenatural. É tempo de Vitória pagar pelo que fez. O nome da família está manchado por causa dela. O destino está traçado.

 

Então, é isto. Com efeitos sobrenaturais, a família (sobretudo a mãe), irá se vingar em Vitória, pois acabou com a empresa que tanto trabalho deu, e manchou o nome da família. E a vingança irá ultrapassar os limites.

 

Digam-me o que acharam? :) Acham a história "parva"? :haha: 

 

Gostei e se decidires seguir em frente com a história, deverei acompanhar. :P E não, nem acho acho a história "parva", visto que na ficção, nem tudo tem de ter "sentido". 

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Bem, eu tenho uma história que tenho pensando há umas semanas em escrever, porém falta a "força" de comentários e de opiniões se a história está bem estruturada e original. Então, estou a pensar em publicá-la aqui no fórum. Aqui fica uma pequena sinopse:

 

1993:

A família Valadares está de partida para umas férias. O casal mais os seus três filhos já estão no carro. A família Valadares é uma família de prestígio, conhecida por produzir um vinho branco fantástico. Com pouco mais de uma centena de funcionários, têm imenso dinheiro. Porém, tudo muda quando a família sofre um gravíssimo acidente no meio da viagem, matando quatro das cinco pessoas. A pequena Vitória, de 3 anos, sobreviveu. É a esperança da família.

 

2013:

Vitória Valadares tem agora 23 anos. Alta, morena, bonita. Um sonho de mulher. Foi criada com a avó, que entretanto dirigiu a empresa dos vinhos por uns longos 15 anos, morrendo de uma doença que já tinha sido diagnosticada. Era tempo de Vitória dirigir a empresa. 

 

Mas não era o que Vitória queria.

 

Vitória nunca quis dirigir a empresa. Quis que a empresa acabasse, que morresse como a família morreu. E a empresa morreu. Então o que Vitória quis, o que foi feita dela? 

 

Seria a prostituição um mau caminho? Foi o que Vitória tinha pensado. Não pensou mais. Nem a mãe, nem a avó lhe deram o amor que deveria de ter. Não lhe ajudaram a escolher o caminho mais adequado. Vitória então escolheu o caminho da prostituição, para ganhar dinheiro. 

 

Alguns anos passaram, e Vitória continua no mesmo. E ganha bem.

 

Mas tudo irá mudar, novamente. Fenómenos estranhos, mortes inexplicáveis. Uma vingança sobrenatural. É tempo de Vitória pagar pelo que fez. O nome da família está manchado por causa dela. O destino está traçado.

 

Então, é isto. Com efeitos sobrenaturais, a família (sobretudo a mãe), irá se vingar em Vitória, pois acabou com a empresa que tanto trabalho deu, e manchou o nome da família. E a vingança irá ultrapassar os limites.

 

Digam-me o que acharam? :) Acham a história "parva"? :haha: 

 

Não acho parva e acho bem diferente, em vez do habitual cliché do querer recuperar a empresa de novo, teríamos uma família que se pretende vingar daquela que, outrora a esperança, é agora a principal responsável pelo declínio de toda a sua família. Acho que podes incorporar muitas vidas nessa trama, sejam alguns tios mais afastados, ou menos alguns núcleos da produtora de vinho...

 

Fico à espera da forma como Vitória pretende acabar com o seu próprio nome para poder ser feliz!

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Bem, eu tenho uma história que tenho pensando há umas semanas em escrever, porém falta a "força" de comentários e de opiniões se a história está bem estruturada e original. Então, estou a pensar em publicá-la aqui no fórum. Aqui fica uma pequena sinopse:

 

1993:

A família Valadares está de partida para umas férias. O casal mais os seus três filhos já estão no carro. A família Valadares é uma família de prestígio, conhecida por produzir um vinho branco fantástico. Com pouco mais de uma centena de funcionários, têm imenso dinheiro. Porém, tudo muda quando a família sofre um gravíssimo acidente no meio da viagem, matando quatro das cinco pessoas. A pequena Vitória, de 3 anos, sobreviveu. É a esperança da família.

 

2013:

Vitória Valadares tem agora 23 anos. Alta, morena, bonita. Um sonho de mulher. Foi criada com a avó, que entretanto dirigiu a empresa dos vinhos por uns longos 15 anos, morrendo de uma doença que já tinha sido diagnosticada. Era tempo de Vitória dirigir a empresa. 

 

Mas não era o que Vitória queria.

 

Vitória nunca quis dirigir a empresa. Quis que a empresa acabasse, que morresse como a família morreu. E a empresa morreu. Então o que Vitória quis, o que foi feita dela? 

 

Seria a prostituição um mau caminho? Foi o que Vitória tinha pensado. Não pensou mais. Nem a mãe, nem a avó lhe deram o amor que deveria de ter. Não lhe ajudaram a escolher o caminho mais adequado. Vitória então escolheu o caminho da prostituição, para ganhar dinheiro. 

 

Alguns anos passaram, e Vitória continua no mesmo. E ganha bem.

 

Mas tudo irá mudar, novamente. Fenómenos estranhos, mortes inexplicáveis. Uma vingança sobrenatural. É tempo de Vitória pagar pelo que fez. O nome da família está manchado por causa dela. O destino está traçado.

 

Então, é isto. Com efeitos sobrenaturais, a família (sobretudo a mãe), irá se vingar em Vitória, pois acabou com a empresa que tanto trabalho deu, e manchou o nome da família. E a vingança irá ultrapassar os limites.

 

Digam-me o que acharam? :) Acham a história "parva"? :haha: 

 

Ui, isto em filme era excelente.. Um filme de terror.. AMEI

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Gostei e se decidires seguir em frente com a história, deverei acompanhar. :P E não, nem acho acho a história "parva", visto que na ficção, nem tudo tem de ter "sentido". 

 

 

Não acho parva e acho bem diferente, em vez do habitual cliché do querer recuperar a empresa de novo, teríamos uma família que se pretende vingar daquela que, outrora a esperança, é agora a principal responsável pelo declínio de toda a sua família. Acho que podes incorporar muitas vidas nessa trama, sejam alguns tios mais afastados, ou menos alguns núcleos da produtora de vinho...

 

Fico à espera da forma como Vitória pretende acabar com o seu próprio nome para poder ser feliz!

 

 

Ui, isto em filme era excelente.. Um filme de terror.. AMEI

 

Obrigado pelos comentários. :D Deverei fazer uma espécie de série, com episódios. :) Tem o nome provisório de "Refém". E ainda tenho de tratar do logo e assim... 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 6 months later...

Estou a pensar ainda este ano publicar o meu 1º projeto aqui convosco! :) Acho que ia ser interessante!

Mas.......já tem 160 folhas LOL! :mosking:

 

Ui, acho que entao mais vale acabas lo e mandares para algumas editoras  :P

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Ui, acho que entao mais vale acabas lo e mandares para algumas editoras  :P

Oh pá é que eu começo a escrever, a escrever e não consigo parar porque tenho tantas ideias que depois quero passar para o papel :haha: Tenho de organizar e estruturar isto muito bem :mosking: Eu já escrevo isto desde o ano passado xD

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Oh pá é que eu começo a escrever, a escrever e não consigo parar porque tenho tantas ideias que depois quero passar para o papel :haha: Tenho de organizar e estruturar isto muito bem :mosking: Eu já escrevo isto desde o ano passado xD

 

Eu percebo :P

 

Tambem comecei a escrever uma historia ha pouco tempo, mas ainda vai no inicio... mas se eu tiver interesse em acaba-la, devera ser uma coisa pequena (nao deve exceder 20 paginas). 

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Eu percebo :P

 

Tambem comecei a escrever uma historia ha pouco tempo, mas ainda vai no inicio... mas se eu tiver interesse em acaba-la, devera ser uma coisa pequena (nao deve exceder 20 paginas). 

Sim mas sabes eu inicialmente não tinha em vista publicar isto aqui no fórum, mas depois começei a pensar que se calhar não era muito má ideia, até porque a minha história tem em vista mudar certas mentalidades! É o grande objetivo. Acaba isso :P

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Sim mas sabes eu inicialmente não tinha em vista publicar isto aqui no fórum, mas depois começei a pensar que se calhar não era muito má ideia, até porque a minha história tem em vista mudar certas mentalidades! É o grande objetivo. Acaba isso :P

 

Eu nao tenho propriamente um objetivo... simplesmente apareceu me na cabeça uma ideia que eu capaz de ser interessante, e que eu tivesse interesse em escrever, e que conseguisse claro. Se a conseguir acabar, e se gostar do produto final, sou capaz de publica-la aqui. Se bem que nao estou a pensar em dividir a historia por capitulos nem nada, nao tem muito sentido, porque vai ser uma historia pequena (e 1 capitulo num livro ocupa para ai 15-20 paginas).

 

Mas mauro, se for assim muito grande nao sei se sera boa ideia... podias era tentar fazer um resumo da historia (para ai 15-20 paginas) e publicavas aqui. E o manuscrito maior, podias tentar publicar numa editora, podes conseguir, nunca se sabe. Mas isto e so uma sugestao, faz o que achares melhor  :P

Link to post
Share on other sites

Eu nao tenho propriamente um objetivo... simplesmente apareceu me na cabeça uma ideia que eu capaz de ser interessante, e que eu tivesse interesse em escrever, e que conseguisse claro. Se a conseguir acabar, e se gostar do produto final, sou capaz de publica-la aqui. Se bem que nao estou a pensar em dividir a historia por capitulos nem nada, nao tem muito sentido, porque vai ser uma historia pequena (e 1 capitulo num livro ocupa para ai 15-20 paginas).

 

Mas mauro, se for assim muito grande nao sei se sera boa ideia... podias era tentar fazer um resumo da historia (para ai 15-20 paginas) e publicavas aqui. E o manuscrito maior, podias tentar publicar numa editora, podes conseguir, nunca se sabe. Mas isto e so uma sugestao, faz o que achares melhor  :P

Pois eu sei, a ideia que me surgiu foi fazer isto por temporadas! Fazer umas adaptações, cortar certas cenas desnecessárias, porque eu sei que as há, mudar alguns diálogos, encortá-los dentro do possível. É que o meu problema não é a quantidade das cenas, mas sim o seu tamanho. Eu tenho cenas que me ocupam uma folha inteira quase :haha: Quanto à parte da editora... eu não sei se eles iriam aceitar algo como isto que eu tenho. São temas um pouco polémicos, sabes? :)

Relativamente ao teu projeto, Forb tenho a certeza de que com boas ideias, uma bos história, boas personagens, uma boa escrita, fluída, sem ser chata e repetitiva, tudo se consegue e o produto final falará por si :)

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Estou a pensar ainda este ano publicar o meu 1º projeto aqui convosco! :) Acho que ia ser interessante!

Mas.......já tem 160 folhas LOL! :mosking:

 

O melhor que fazias era mesmo terminar a obra e enviar para uma editora, já que tem um bom numero de páginas. :) quem sabe não tens sucesso com a mesma?  :cool: À que tentar pelo menos.  :P

 

Eu também ando a escrever uma história que inicialmente tinha grandes planos para tentar levá-la a uma editora, mas depois surgiu-me a ideia de publicar a mesma tanto aqui no fórum como no meu blog, por isso optei por escrever algo mais pequeno, no entanto mantive toda alinha da história inicial, apenas cortei em pormenores e histórias paralelas à principal. :) Um dia mais tarde pelo no material que tenho e aprofundo para aí tentar o meu plano inicial. 

 

Mas podias levar esse teu projeto a uma editora e depois fazias um espécie de cortes onde mantinhas apenas o mais importante (claro que teria que levar muitos ajustes) e partilhavas aqui, tal como o Forb sugeriu.  :P

Quanto à parte da editora... eu não sei se eles iriam aceitar algo como isto que eu tenho. São temas um pouco polémicos, sabes? :)

 

 

Isso seria um ponto a teu favor. Acredita.  :D

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Pois eu sei, a ideia que me surgiu foi fazer isto por temporadas! Fazer umas adaptações, cortar certas cenas desnecessárias, porque eu sei que as há, mudar alguns diálogos, encortá-los dentro do possível. É que o meu problema não é a quantidade das cenas, mas sim o seu tamanho. Eu tenho cenas que me ocupam uma folha inteira quase :haha: Quanto à parte da editora... eu não sei se eles iriam aceitar algo como isto que eu tenho. São temas um pouco polémicos, sabes? :)

Relativamente ao teu projeto, Forb tenho a certeza de que com boas ideias, uma bos história, boas personagens, uma boa escrita, fluída, sem ser chata e repetitiva, tudo se consegue e o produto final falará por si :)

 

 

Olha, se o Lolita foi publicado nos anos 50, que para a altura que foi e o tema que fala deve ter sido uma bomba, qualquer coisa pode ser publicada agora   :P

 

Hoje em dia aceita se quase tudo, e uma boa polemica ate e bem aceite para chamar publico... e o que eu acho  :P

Edited by Forbidden
  • Like 1
Link to post
Share on other sites

O melhor que fazias era mesmo terminar a obra e enviar para uma editora, já que tem um bom numero de páginas. :) quem sabe não tens sucesso com a mesma?  :cool: À que tentar pelo menos.  :P

 

Eu também ando a escrever uma história que inicialmente tinha grandes planos para tentar levá-la a uma editora, mas depois surgiu-me a ideia de publicar a mesma tanto aqui no fórum como no meu blog, por isso optei por escrever algo mais pequeno, no entanto mantive toda alinha da história inicial, apenas cortei em pormenores e histórias paralelas à principal. :) Um dia mais tarde pelo no material que tenho e aprofundo para aí tentar o meu plano inicial. 

 

Mas podias levar esse teu projeto a uma editora e depois fazias um espécie de cortes onde mantinhas apenas o mais importante (claro que teria que levar muitos ajustes) e partilhavas aqui, tal como o Forb sugeriu.  :P

Pois é isso, tens toda a razão! Eu inicialmente levava isto como um hobbie para te ser honesto, mas a coisa foi ficando séria :haha:

Nem eu imaginava que isto ia ficar assim como está.

É isso, eu tenho mesmo que fazer altas mudanças, sem estragar os pontos base e fulcrais na história, também nao quero alterar do nada as essências da personagens, ia ser um pouco radical, mas fazer apenas uns ajustes, umas modificações, e quem sabe....publicar! A minha história aborda temas como homosexualidade, violência, sado-masoquismo, jornalismo, fotografia, entre outros assuntos....por isso não sei até que ponto a editora iria aceitar.... não sei :unsure::P

Quanto à editora... tenho medo :mosking:

Link to post
Share on other sites

Pois é isso, tens toda a razão! Eu inicialmente levava isto como um hobbie para te ser honesto, mas a coisa foi ficando séria :haha:

Nem eu imaginava que isto ia ficar assim como está.

É isso, eu tenho mesmo que fazer altas mudanças, sem estragar os pontos base e fulcrais na história, também nao quero alterar do nada as essências da personagens, ia ser um pouco radical, mas fazer apenas uns ajustes, umas modificações, e quem sabe....publicar! A minha história aborda temas como homosexualidade, violência, sado-masoquismo, jornalismo, fotografia, entre outros assuntos....por isso não sei até que ponto a editora iria aceitar.... não sei :unsure::P

Quanto à editora... tenho medo :mosking:

 

Nao acho esses temas muito polemicos... quer dizer, a homossexualdiade ja ta mais que batida, e o sado masoquismo teve imenso sucesso com as 50 sombras de grey, por isso quer dizer que ha publico para isso...

Link to post
Share on other sites

Pois é isso, tens toda a razão! Eu inicialmente levava isto como um hobbie para te ser honesto, mas a coisa foi ficando séria :haha:

Nem eu imaginava que isto ia ficar assim como está.

É isso, eu tenho mesmo que fazer altas mudanças, sem estragar os pontos base e fulcrais na história, também nao quero alterar do nada as essências da personagens, ia ser um pouco radical, mas fazer apenas uns ajustes, umas modificações, e quem sabe....publicar! A minha história aborda temas como homosexualidade, violência, sado-masoquismo, jornalismo, fotografia, entre outros assuntos....por isso não sei até que ponto a editora iria aceitar.... não sei :unsure::P

Quanto à editora... tenho medo :mosking:

 

Ah ah  :haha:  medo? De quê?  :P

 

 

 

Todos os Autores famosos começaram por ser desconhecidos. Na Chiado Editora sabemos que assim é, pelo que prestamos toda a atenção aos originais recebidos por e-mail ou correio tradicional, analisando-os sem qualquer espécie de preconceito.

A Chiado Editora é especializada na publicação de autores portugueses e brasileiros contemporâneos, sendo atualmente a maior editora em Portugal neste segmento, e uma das editoras em maior crescimento no Brasil.

Assim, se deseja ver o seu original analisado, poderá enviá-lo para a Chiado Editora. O nosso conselho editorial terá disponibilidade para o ler cuidadosamente. E, se o mesmo for compatível com a nossa linha editorial, não hesitaremos em apresentar uma proposta de edição ao Autor! Quer estejamos ou não interessados em editar o original recebido comunicaremos sempre com o Autor, para assim o informarmos relativamente à nossa decisão. O prazo máximo para a análise de cada original é de 10 dias, a partir da data em que o mesmo é recebido.

 

Podes sempre pedir uma opinião, eles na Chiado Editora como dizem acima analisam as obras primeiro. :)

Link to post
Share on other sites

Nao acho esses temas muito polemicos... quer dizer, a homossexualdiade ja ta mais que batida, e o sado masoquismo teve imenso sucesso com as 50 sombras de grey, por isso quer dizer que ha publico para isso...

Oh Forb sim, para ti pode não incomodar, mas há tanta gente comichosa, sensível, etc etc etc neste país que eu sei lá .... :unsure: Sim, mas a homosexualidade pode ser retratada em vários prismas, entendes? Eu queria retratar de uma forma honesta, mas real e crua! :)

Ah ah  :haha:  medo? De quê?  :P

 

 

Podes sempre pedir uma opinião, eles na Chiado Editora como dizem acima analisam as obras primeiro. :)

Oh pá eu sou um pouco inseguro entendes? :haha: E então .... tenho medo não sei explicar! Mas por outro lado sei que me surpreendi a mim mesmo :unsure:

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

 

Oh pá eu sou um pouco inseguro entendes? :haha: E então .... tenho medo não sei explicar! Mas por outro lado sei que me surpreendi a mim mesmo :unsure:

 

Decidas o que decidires, boa sorte!  :P  :D

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...