Jump to content

Séries Internacionais RTP2


Recommended Posts

há 21 horas, miguelalex23 disse:

Ainda vai para as 10h30... :rolleyes:

Por acaso, a Candice está com sorte e vai manter-se às 18h00 de sábado. A repetição da 7.ª temporada foi adiada uma semana, portanto vai começar no dia 26.

 

Entretanto, já se sabia que as séries juvenis vão deixar de ser transmitidas pelas 20h45 dos dias úteis. Teresa Paixão não é Teresa Paixão sem fazer surpresas, como já sabem. :mosking: Assim, a excelente programadora :clown: decidiu agora que o horário indicado para estas séries é a partir das 18 horas de domingo! Vai ser assim a partir de dia 27. :unsure:

Pelas 18h00, em modo episódio duplo, estreia-se a 3.ª temporada de Encontra-me em Paris <3 (que é gravada em estúdios na Bélgica, curiosamente :mosking:).

Tem 26 episódios. Nunca entendi porque é que não repetem as temporadas anteriores...

Às 19h00, também em episódio duplo, repetem a 1.ª temporada de Degrassi: A Turma Seguinte.

Assim, a grelha vai ficar desta forma:

  • 18h00 Encontra-me em Paris
  • 18h30 Encontra-me em Paris
  • 19h00 Degrassi: A Turma Seguinte ®
  • 19h30 Degrassi: A Turma Seguinte ®
  • 19h55 Vamos à Descoberta ®
  • 20h25 Cuidado com a Língua! ®
  • 20h40 Nina :crying:

E assim confirma-se que o sucesso das tardes de domingo Nina se vai fixar no turno da noite, antes do Jornal 2... :crying:Teresa Paixão não aguenta um sucesso.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
  • Replies 2.5k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

@Maya, @Ivo, @João 94, @Pedro M., @LFTV, @Ambrósio, @Rafael A., @SIM, @ZDK, @Manú Tenry, @JDuarte, @Ashtoon4, @Pamsf998, @AGUI lovers, @luadpp, @Forbidden, @João_O, @rsc, @Ana Maria Peres, @TaniaM, @Visky, @Ruben Fonseca, @joanagsantos (desculpa, esqueci-me de ti) Se eu coloquei pela primeira vez uma assinatura, é porque vocês estão mesmo a perder um excelente produto.

Eis a nova série do horário nobre da RTP 2: Chega a série da televisão pública alemã O Desertor (Der Überläufer), que se desenrola em 1944. A série conta a história de Walter Proska, um jovem soldado que começa a questionar o propósito da guerra, quem é o real inimigo e qual deve ser o seu dever: defender o seu país ou a sua consciência. Não é possível determinar o número de episódios, pois no site da distribuidora referem uma emissão com 4 horas. https://www.betafi

Séries de 3 episódios durante a semana... Deviam guardá-las para os espaços de exibição semanal (Domingo às 22h).

há 7 horas, Televisão 10 disse:

Por acaso, a Candice está com sorte e vai manter-se às 18h00 de sábado. A repetição da 7.ª temporada foi adiada uma semana, portanto vai começar no dia 26.

Tem 26 episódios. Nunca entendi porque é que não repetem as temporadas anteriores...

Às 19h00, também em episódio duplo, repetem a 1.ª temporada de Degrassi: A Turma Seguinte.:crying:

E assim confirma-se que o sucesso das tardes de domingo Nina se vai fixar no turno da noite, antes do Jornal 2... :crying:Teresa Paixão não aguenta um sucesso.

Ainda bem que a Candice vai repetir à tarde, do mal o menos.

Esse bloco de séries juvenis fazia mais sentido das 13h às 15h, em vez de prolongar o Zig Zag até tão tarde, mas enfim. E fazia mais sentido despacharem a repetição de Encontra-me em Paris (se de facto não repetiram).

Quanto a Nina às 20h40, pode ser que tenha a sorte de repetir os números simpáticos que A Estagiária conseguiu na recta final. De qualquer forma, estas mudanças de horário são negativas.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, miguelalex23 disse:

Ainda bem que a Candice vai repetir à tarde, do mal o menos.

Esse bloco de séries juvenis fazia mais sentido das 13h às 15h, em vez de prolongar o Zig Zag até tão tarde, mas enfim. E fazia mais sentido despacharem a repetição de Encontra-me em Paris (se de facto não repetiram).

Quanto a Nina às 20h40, pode ser que tenha a sorte de repetir os números simpáticos que A Estagiária conseguiu na recta final. De qualquer forma, estas mudanças de horário são negativas.

Outra coisa que eu acho é que, em vez de emitirem estas séries em modo episódio duplo só ao domingo, transmitiam só um episódio ao sábado e outro ao domingo. 

Entretanto, destaque negativo para o fraco resultado da estreia da quarta temporada de Os Durrell: 0,5%/1%. :crying:

Link to post
Share on other sites
há 9 minutos, miguelalex23 disse:

A 14ª temporada de Il Commissario Montalbano já está nas sinopses! Vem aí... @canal5

Deve ir para o fim de semana à tarde, se calhar num Sábado e Domingo (dias 3 e 4) às 15h. 

https://www.rtp.pt/programa/tv/p39451

Acho que foi transmitida há pouco tempo na Rai. 

Ainda vai para o horário nobre. :ph34r:

Link to post
Share on other sites
há 19 minutos, Televisão 10 disse:

Acho que foi transmitida há pouco tempo na Rai. 

Ainda vai para o horário nobre. :ph34r:

Por favor não, quero ver isto a destruir a RTP1 aos domingos :riso:

Edited by canal5
  • Love 1
  • LOL 2
Link to post
Share on other sites
On 14/09/2020 at 21:51, miguelalex23 disse:

A 14ª temporada de Il Commissario Montalbano já está nas sinopses! Vem aí... @canal5

Deve ir para o fim de semana à tarde, se calhar num Sábado e Domingo (dias 3 e 4) às 15h. 

https://www.rtp.pt/programa/tv/p39451

Acertaste! Vai estrear-se no dia 3, às 15h00. 

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Ontem, com o documentário final, terminou a saga dos Durrels. Vi a série toda agora com a RTP2 e resolvi partilhar convosco que adorei a série. Nem todos os episódios me aprazaram, mas no geral foi uma série muito bem escrita, envolvia muito o espectador. O facto de ser baseado em factos reais envolvia-me muito mais, porque interpretava como um convite para viver com eles naquele sítio tão idílico. E a transmissão do documentário no dia seguinte ao final da série foi digno de programação de uma privada, a meu ver. Parabéns à Teresa Paixão.

O final da série soube a muito pouco, por conta das circunstâncias que os levaram a sair da ilha. Num produto de ficção, estamos habituados a que no fim todos fiquem felizes e não foi o que aconteceu aqui. Nesta série, vemos as personagens principais a serem forçadas a deixarem o seu lar, o local onde conseguiram ser felizes, por circunstâncias alheias que começaram por afetar a Albânia, ali tão perto. Deu mesmo a sensação de que foi um final "e não foram felizes para sempre, porque não puderam". A transmissão do documentário veio assim preencher essa lacuna, contando como o Larry se tornou um escritor famoso, como a Margot acabou por abraçar o seu espírito livre e como o Gerry se tornou uma figura mundial da zoologia e conservação animal. Infelizmente, o Leslie, no documentário, tornou-se uma nota de rodapé. Falaram muito pouco sobre ele, o que me motivou a ir ao Google tentar descobrir o que lhe aconteceu. Ora, o Leslie foi o único que acabou por não escrever memórias da sua vida, daí se calhar ser o irmão de que se sabe tão pouco, mas do pouco que li, o coitado se calhar não se sentia motivado para escrever sobre si. Afinal, todos os negócios em que investia não davam retorno. Mas o mais triste foi saber que nenhum dos seus irmãos foi ao seu funeral, o que me leva a questionar se ocorreu algo que simplesmente os afastou.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
há 23 minutos, srcbica disse:

Ontem, com o documentário final, terminou a saga dos Durrels. Vi a série toda agora com a RTP2 e resolvi partilhar convosco que adorei a série. Nem todos os episódios me aprazaram, mas no geral foi uma série muito bem escrita, envolvia muito o espectador. O facto de ser baseado em factos reais envolvia-me muito mais, porque interpretava como um convite para viver com eles naquele sítio tão idílico. E a transmissão do documentário no dia seguinte ao final da série foi digno de programação de uma privada, a meu ver. Parabéns à Teresa Paixão.

O final da série soube a muito pouco, por conta das circunstâncias que os levaram a sair da ilha. Num produto de ficção, estamos habituados a que no fim todos fiquem felizes e não foi o que aconteceu aqui. Nesta série, vemos as personagens principais a serem forçadas a deixarem o seu lar, o local onde conseguiram ser felizes, por circunstâncias alheias que começaram por afetar a Albânia, ali tão perto. Deu mesmo a sensação de que foi um final "e não foram felizes para sempre, porque não puderam". A transmissão do documentário veio assim preencher essa lacuna, contando como o Larry se tornou um escritor famoso, como a Margot acabou por abraçar o seu espírito livre e como o Gerry se tornou uma figura mundial da zoologia e conservação animal. Infelizmente, o Leslie, no documentário, tornou-se uma nota de rodapé. Falaram muito pouco sobre ele, o que me motivou a ir ao Google tentar descobrir o que lhe aconteceu. Ora, o Leslie foi o único que acabou por não escrever memórias da sua vida, daí se calhar ser o irmão de que se sabe tão pouco, mas do pouco que li, o coitado se calhar não se sentia motivado para escrever sobre si. Afinal, todos os negócios em que investia não davam retorno. Mas o mais triste foi saber que nenhum dos seus irmãos foi ao seu funeral, o que me leva a questionar se ocorreu algo que simplesmente os afastou.

Do documentário, também lamentei terem falado pouco do Leslie. É que os irmãos reuniam-se todos os anos no Sul de França, à exceção dele. Gostava de saber o que se passou na relação dos irmãos com ele.

Entretanto, vou falar desta série excelente, que avalio com 10/10.

Como sabem, sou um grande fã de séries familiares e esta apaixonou-me. Simultaneamente familiar e histórica, com boas prestações, personagens carismáticas, com cenários idílicos e lindíssimos, com uma nova cultura... Tão bons ingredientes tornaram esta série fantástica. Confesso que não esperava que tivesse tido o final que teve, mas, sendo um retrato da história dos Durrell, teve de assim ser, embora já tenha lido que a história é romantizada na série.

É difícil escolher uma personagem favorita, porque todas elas foram muito agradáveis à sua maneira, cada uma com as suas particularidades. 

O que mais aprecio nesta família é ter partido ao desconhecido, em busca do paraíso. Quem não gostaria de fazer o mesmo às vezes? Deixar tudo para trás e começar uma vida do zero, num local onde ninguém nos conhece, sem preocupações e ainda por cima num local tão bonito como Corfu. Fiquei com vontade de lá ir, sinceramente. Temos de fazer uma excursão, @srcbica. :mosking:

É como digo: a Teresa Paixão escolhe muito bem conteúdos e sobretudo séries. Esta é mais um exemplo disso e, por essa razão, cada vez mais defendo a aposta em séries europeias neste canal. A Paixão só precisava mesmo de alguém que lhe programasse a grelha em condições!

  • Love 1
Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, Televisão 10 disse:

Do documentário, também lamentei terem falado pouco do Leslie. É que os irmãos reuniam-se todos os anos no Sul de França, à exceção dele. Gostava de saber o que se passou na relação dos irmãos com ele.

Entretanto, vou falar desta série excelente, que avalio com 10/10.

Como sabem, sou um grande fã de séries familiares e esta apaixonou-me. Simultaneamente familiar e histórica, com boas prestações, personagens carismáticas, com cenários idílicos e lindíssimos, com uma nova cultura... Tão bons ingredientes tornaram esta série fantástica. Confesso que não esperava que tivesse tido o final que teve, mas, sendo um retrato da história dos Durrell, teve de assim ser, embora já tenha lido que a história é romantizada na série.

É difícil escolher uma personagem favorita, porque todas elas foram muito agradáveis à sua maneira, cada uma com as suas particularidades. 

O que mais aprecio nesta família é ter partido ao desconhecido, em busca do paraíso. Quem não gostaria de fazer o mesmo às vezes? Deixar tudo para trás e começar uma vida do zero, num local onde ninguém nos conhece, sem preocupações e ainda por cima num local tão bonito como Corfu. Fiquei com vontade de lá ir, sinceramente. Temos de fazer uma excursão, @srcbica. :mosking:

É como digo: a Teresa Paixão escolhe muito bem conteúdos e sobretudo séries. Esta é mais um exemplo disso e, por essa razão, cada vez mais defendo a aposta em séries europeias neste canal. A Paixão só precisava mesmo de alguém que lhe programasse a grelha em condições!

O documentário falou que após a publicação de "My Family and other animals" o turismo britânico em Corfu aumentou consideravelmente. Não seria de admirar que a série o voltasse a fazer e aumentasse o de outros povos também. Eu também fiquei com vontade de lá ir. :haha:

É de facto muito estranho, para quem está de fora, ver que os irmãos descrevem bem o Leslie, não falam mal dele nas suas memórias, mas depois não se reencontravam. Uma pena. :(

A Teresa é ótima a escolher séries, mas, a meu ver, para além de precisar de alguém que a ajude na organização da grelha, precisa de alguém que a relembre de não colocar múltiplas séries de seguida com a mesma temática no mesmo horário. Mas isso parece que anda muito melhor agora ou então são as séries de fim de semana que andam a mascarar melhor a coisa. :P

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Ótimo resultado de A Estagiária na quinta-feira: 0%/0,2%. :clown:

Continua a apostar em séries de manhã, Teresa Paixão!

On ‎14‎/‎09‎/‎2020 at 22:22, canal5 disse:

Por favor não, quero ver isto a destruir a RTP1 aos domingos :riso:

Parece que O Comissário Montalbano só vai dar ao sábado, logo esse teu desejo não se vai concretizar. :cryhappy:

  • Sad 3
Link to post
Share on other sites
On 09/04/2020 at 12:04, Televisão 10 disse:

Entretanto, vem aí a 2.ª temporada de uma série já conhecida para os telespectadores da RTP 2: Salvação. 

 

Nota para o facto de esta segunda temporada ter estreado no dia 1 de abril, logo a RTP 2 vai exibir com um curto intervalo em relação à exibição original.

Tem 6 episódios e estreia-se no dia 22 de abril, às 22h12, como habitual.

Esta série, que já era para se ter estreado em abril na RTP 2, chega no dia 5 de outubro, segunda-feira, pelas 22h15, à antena do canal, sendo a substituta de Agência Clandestina.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Resultados da nova faixa de séries juvenis, ao final da tarde de domingo:

  • Encontra-me em Paris (1.º episódio) - 0,3%/0,8%
  • Encontra-me em Paris (2.º episódio) - 0,5%/1,2%
  • Degrassi: A Turma Seguinte (1.º episódio) - 0,6%/1,3%
  • Degrassi: A Turma Seguinte (2.º episódio) - 0,4%/0,9%
  • Like 1
  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites

O Comissário Montalbano vai estrear-se neste sábado, pelas 15h00, e, no sábado seguinte, vai dar pelas 18h00, 3 horas depois :rolleyes:, por causa do regresso do Desporto 2.

Desta forma, nesse dia, não repetem Candice Renoir, que costuma dar às 18h00. A inspetora continua a ser maltratada pela Teresa Paixão. :cryhappy:

Link to post
Share on other sites

Dia 13 de outubro, pelas 22h15, estreia-se a nova série dos dias úteis da RTP 2.

A série finlandesa Nyrkii (Shadow Lines) é a próxima a passar pelo canal.

Ambientada nos anos 50, portanto durante a Guerra Fria, num país que era o ponto central entre os blocos Ocidental e de Leste, a série acompanha uma agência secreta cuja missão é defender a Finlândia custe o que custar.

Esta série de 2019 tem uma única temporada com 19 episódios.

  • Like 2
  • Love 1
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...