Jump to content
k3o4

Sugestões SIC

Recommended Posts

Boas,

Viste ontem o programa de despedida?

Ela disse que não ia para uma guerra e que o principal objetivo era fazer um bom programa de entretenimento. 

Trocado por miúdos, assumiu a dificuldade em destronar a Fátima Lopes nas audiências 😂😎

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, כריסטיאנו סנטוס disse:

Boas,

Viste ontem o programa de despedida?

Ela disse que não ia para uma guerra e que o principal objetivo era fazer um bom programa de entretenimento. 

Trocado por miúdos, assumiu a dificuldade em destronar a Fátima Lopes nas audiências 😂😎

 

Essa declaração não me parece ser assim tão evidentemente esclarecedora em relação ao futuro horário.

Para mim, as duas hipóteses em cima da mesa serão sensivelmente:

14h30 Novelas portuguesas em reposição

16h15 Júlia

19h15 Gabriela 

ou

14h30 Júlia

17h15 Novelas portuguesas em reposição

19h15 Gabriela 

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 6 horas, Harry Cameron disse:

O problema é que o guito ainda tem que esticar pra tirar os fins de semana (principalmente domingo há noite) do esgoto. A Cristina Ferreira por si só não vai resolver nada... :sleep:

Pelos vistos o Daniel consegue ser tão cego quanto a Gabi no que toca ao modelo das duas novelas portuguesas. A segunda faixa é um flop, disso já ninguém tem dúvidas, custa assim tanto reconhecer esse facto e acabar com este tormento de vez?? :rolleyes:

Ya, eu sei, mas eu já estava a contar justamente com que sobrasse muito pouco dinheiro para os domingos à noite, porque o Daniel no entretenimento sempre fez muito com pouco. Na minha perspectiva, seria mais expectável um regresso do "Levanta-te e Ri" durante 2 meses... Mas o Daniel diz que será só um especial...

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 6 minutos, Hashtag disse:

Acho muito bem que a segunda faixa de ficção se mantenha. Sempre fui a favor dela, o que não fui é a favor de ser igual à primeira. Tem de ser algo disruptivo, e não me refiro só à história, mas principalmente à realização. Vejam o estilo de filmagem de Vingança, por exemplo. Os cortes de edição que tinha, as passagens temporais filmadas com estilo muito próprio. A novela tinha uma identidade única. Dar uma identidade única às novelas não é filmar e depois meter looks mais darks numas e mais lights noutras. Os próprios cenários. Etc. Vê-se perfeitamente pelo discurso do Daniel que mantendo a segunda faixa, quer algo diferente da primeira. Quem sabe não vem algo estilo série, p.e. vejam a realização e narrativa de Modern Family. Se for isto, continuam a querer acabar com ela? E a notoriedade que a SIC tem vindo a ganhar na ficção, a segurança e o trabalho que dá aos actores... O que se faz com isso? Acaba-se com tudo em prol de um Salve-se Quem Puder? A SIC tem mais é que pegar na segunda faixa e transformá-la em algo novo. Sejam isso novelas mais curtas, séries, o que for. E sinceramente, se o fizer, está a promover postos de trabalho e diversidade na TV também. Esse vosso ódio gratuito à segunda faixa parece mais embirração que outra coisa.

Não é gratuito, está mais que visto que a segunda faixa não funciona e deita abaixo o HN da SIC... eu fico chocado como ainda defendem isso, a sério. Independentemente da qualidade das novelas, a segunda faixa é um buraco negro que suga os recursos da SIC. Já para nem falar que desgasta o formato novela... mas ninguém vê que se continuam assim as pessoas chegam a um ponto e já nem novelas vão querer ver?! Tudo o que é demais enjoa!

  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 40 minutos, Harry Cameron disse:

Mas achas mesmo que a Júlia não vai ter uma duração superior a 2 horas?? :rolleyes: E o horário das 19 nunca foi de ter reposições, e sempre que as teve foram sobretudo flops (claro que Gabriela possivelmente resultará em qualquer horário, sendo uma exceção neste caso).

Percebe que o horário das 14h (e não so) tá morto pra SIC. A Júlia não pode cair ali de paraquedas, precisa sim de ter uma novela brasileira forte antes que a ajude a combater a Fátima, sim porque ela não pode fugir eternamente ao confronto com a Fátima, tem de enfrentar até porque se começar e acabar mais cedo nada nos garante que o público que por ventura possa estar a ver a Júlia, não se venha a juntar mais tarde ao já "super ultra" fidelizado que está sintonizado na TVI há hora do ATES. 

As pessoas voltariam (ou mais depressa voltariam) ao horário das 14h para ver a Gabriela ou Chocolate com Pimenta do que para ver a Júlia, isso é certo. :cool:

Dizes que a Júlia não pode cair de paraquedas no horário das 14h, mas queres que caia de paraquedas contra o "super ultra fidelizado" ATES. Sim, porque, mais uma vez, estás apenas a pensar em Gabriela e a assumir que Gabriela vai levantar a tarde toda da SIC e que a SIC vai ter uma sorte desmedida em ter novelas sempre fortes no horário das 14h. Se Gabriela nem vencer, ou qualquer outra que venha a seguir, lá vai a Júlia cair de paraquedas e aí a culpa já é da SIC ser igual à TVI, como tu te fartas de dizer.

Dizes que as pessoas voltariam mais depressa para ver Gabriela do que a Júlia e tens toda a razão nesse aspeto. Pois claro que vão, é exatamente por isso que a Júlia deve ir para um horário mais fraco do que ir logo para o horário da Fátima e o seu "super ultra fidelizado" ATES, como tu apregoas. Portanto, no meio desse poço de incongruências, só estás a admitir que a Júlia não tem capacidades, por si só, de vencer a Fátima e aí tens duas opções: ou foges ao ATES e vai para horários menos mortos (e o das 14h é um deles, quando comparado ao das 16h que já nem 10% de share faz), ou tens a sorte (lá está, sorte) de ter algo atrás que seja um sucesso e que se mantenha um grande sucesso durante anos. Mesmo que tenha 3 horas, entre estar as 3 horas a perder contra a Fátima e a fazer pouco mais que o Boa Tarde e estar apenas 1 hora contra o ATES e perder apenas nessa hora, eu acho que é óbvio que o caminho a seguir é exatamente o de colocar a Júlia fora do caminho da Fátima. Mas não, para ti, que admites que a Júlia já não é tão forte como o que era antes, o caminho é esbarrar a Júlia no horário da Fátima e rezar para que tudo antes corra bem, que Gabriela seja um sucesso estrondoso e que não venha nenhum flop a seguir.

O facto do horário das 19h nunca ter tido reposições é totalmente irrelevante. Não podes dizer que Gabriela será possivelmente um sucesso em qualquer horário e depois dizer que às 19h, num horário que já não irá ter Cristina Ferreira no ASP, não vai resultar só porque sim.

  • Like 2
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 minutes ago, Ruben Fonseca said:

Dizes que a Júlia não pode cair de paraquedas no horário das 14h, mas queres que caia de paraquedas contra o "super ultra fidelizado" ATES. Sim, porque, mais uma vez, estás apenas a pensar em Gabriela e a assumir que Gabriela vai levantar a tarde toda da SIC e que a SIC vai ter uma sorte desmedida em ter novelas sempre fortes no horário das 14h. Se Gabriela nem vencer, ou qualquer outra que venha a seguir, lá vai a Júlia cair de paraquedas e aí a culpa já é da SIC ser igual à TVI, como tu te fartas de dizer.

Dizes que as pessoas voltariam mais depressa para ver Gabriela do que a Júlia e tens toda a razão nesse aspeto. Pois claro que vão, é exatamente por isso que a Júlia deve ir para um horário mais fraco do que ir logo para o horário da Fátima e o seu "super ultra fidelizado" ATES, como tu apregoas. Portanto, no meio desse poço de incongruências, só estás a admitir que a Júlia não tem capacidades, por si só, de vencer a Fátima e aí tens duas opções: ou foges ao ATES e vai para horários menos mortos (e o das 14h é um deles, quando comparado ao das 16h que já nem 10% de share faz), ou tens a sorte (lá está, sorte) de ter algo atrás que seja um sucesso e que se mantenha um grande sucesso durante anos. Mesmo que tenha 3 horas, entre estar as 3 horas a perder contra a Fátima e a fazer pouco mais que o Boa Tarde e estar apenas 1 hora contra o ATES e perder apenas nessa hora, eu acho que é óbvio que o caminho a seguir é exatamente o de colocar a Júlia fora do caminho da Fátima. Mas não, para ti, que admites que a Júlia já não é tão forte como o que era antes, o caminho é esbarrar a Júlia no horário da Fátima e rezar para que tudo antes corra bem, que Gabriela seja um sucesso estrondoso e que não venha nenhum flop a seguir.

O facto do horário das 19h nunca ter tido reposições é totalmente irrelevante. Não podes dizer que Gabriela será possivelmente um sucesso em qualquer horário e depois dizer que às 19h, num horário que já não irá ter Cristina Ferreira no ASP, não vai resultar só porque sim.

Tu menosprezas constantemente o fator que tanto eu como o @skizzo temos evidenciado nesta discussão: A questão do lead in. ;) No horário do ATES a Júlia vai ter um lead in MAIS FORTE, sim porque Gabriela concerteza não fará menos que Mar Salgado naquele horário, e eu nem disse que a Júlia tem necessariamente de começar ao mesmo tempo que a Fátima, só digo que a concorrência entre ambas mais cedo ou mais tarde será inevitável. Eu punha a Júlia a começar (pelo menos) uma meia hora antes, de forma a terminar também antes do ATES. 

Dizes que o horário das 14h não está tão fraco como o das 16h... então por causa disso bora lá espetar um talk show ultra batido de 3 horas para o afundar tanto ou mais que o outro... :rolleyes: Enfim.

As reposições da Globo sempre resultaram bem no horário das 14, mesmo a de Duas Caras que quando passou da primeira vez na SIC não teve grandes audiências, aguentou o horário nos 20% de share, ao passo que o histórico do horário das 19 nos tem mostrado que as reposições por norma não resultam ali, e é justamente numa altura, em que as pessoas estão cada vez mais afastadas das generalistas (sobretudo da SIC), que tu achas que as coisas podem mudar... :mosking:

Enfim. Boa sorte para Gabriela no horário das 19. È provavél que resulte. a eventual substituta é que coitada... :sleep:

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 2 horas, Ruben Fonseca disse:

 Às 19h coloca-se Gabriela e depois podem muito bem investir em outros clássicos, não vejo mal nenhum nisso.

Mas isso és tu, e eu sou eu, já disse que não gosto dessa opção. Quanto ao resto, já repeti 500 vezes porque não concordo com a tua estratégia portanto não me vou alongar mais sobre o assunto, até porque não sou nenhum papagaio para repetir os mesmos pontos ao infinito. Se voltarem atrás estão lá os meus contra argumentos para essa estratégia. E por fim, não acho nada que a Julia com um lead in forte, perdesse para um ATES que está nas ruas da amargura. Se Gabriela + Julia não derrotam os 12% do ATES então podem fechar o canal sinceramente.

Edited by skizzo
  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tardes, 2ª a 6ªfeira

de Outubro a Janeiro

14h20 Júlia

17h15 Coração D´Ouro

18h15 Mar Salgado

19h15 Gabriela 

Fevereiro

14h20 Júlia

17h20 Concurso

18h20 Êta Mundo Bom!

19h15 Novela Portuguesa (2ª faixa)

Share this post


Link to post
Share on other sites

A Gabriela pode funcionar em todos os horários mas a questão é que a tarde está uma autentica confusão. À partida o Linha Aberta acaba em outubro e muito provavelmente a Gabriela irá para aí mas é como dizem, a novela estar às 14h é mais vantajoso para o resto das tardes do que estar às 19h porque é melhor não se esquecerem que o programa da Júlia é novo e ninguém pode prever como se vai portar e todos nós sabemos que a Gabriela é uma novela bastante popular entre os portugueses e estar às 14h pode puxar o programa da Júlia para valores melhores e a longo prazo impulsionar o programa para a liderança, primeiro pelo factor novidade (isto é se for diferente da concorrência!) e segundo porque o ATES está cada vez mais frágil . Acho que às 19h não é tão vantajoso primeiro porque não pode ter tanta hipótese de liderar como nos outros horários porque há dois programas de peso em exibição, o APS e o Preço Certo e segundo pode não impulsionar tanto o JN visto que este ultimo já tem um publico fidelizado e não me pareça que vá aumentar só porque tem a Gabriela como muleta. Pode ajudar  um pouco mas acho que não vá ser nada de extraordinário, até porque o telejornal é igual em todos os canais, sinceramente. Mas antes a SIC ainda tem de descalçar uma grande bota que são aqueles reposições de 300 episódios que temam em não terminar antes do inicio disto.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, Hashtag said:

Acho muito bem que a segunda faixa de ficção se mantenha. Sempre fui a favor dela, o que não fui é a favor de ser igual à primeira. Tem de ser algo disruptivo, e não me refiro só à história, mas principalmente à realização. Vejam o estilo de filmagem de Vingança, por exemplo. Os cortes de edição que tinha, as passagens temporais filmadas com estilo muito próprio. A novela tinha uma identidade única. Dar uma identidade única às novelas não é filmar e depois meter looks mais darks numas e mais lights noutras. Os próprios cenários. Etc. Vê-se perfeitamente pelo discurso do Daniel que mantendo a segunda faixa, quer algo diferente da primeira. Quem sabe não vem algo estilo série, p.e. vejam a realização e narrativa de Modern Family. Se for isto, continuam a querer acabar com ela? E a notoriedade que a SIC tem vindo a ganhar na ficção, a segurança e o trabalho que dá aos actores... O que se faz com isso? Acaba-se com tudo em prol de um Salve-se Quem Puder? A SIC tem mais é que pegar na segunda faixa e transformá-la em algo novo. Sejam isso novelas mais curtas, séries, o que for. E sinceramente, se o fizer, está a promover postos de trabalho e diversidade na TV também. Esse vosso ódio gratuito à segunda faixa parece mais embirração que outra coisa.

Não é mesmo porque essa mesma faixa é um flop gigante. ;)

Isso de dar trabalho e estabilidade aos atores portugueses é muito bonito, quase poético, mas quando os esforços de uma estação não se traduzem em audiências, é porque algo não está bem.

1 hour ago, Forbidden said:

Não é gratuito, está mais que visto que a segunda faixa não funciona e deita abaixo o HN da SIC... eu fico chocado como ainda defendem isso, a sério. Independentemente da qualidade das novelas, a segunda faixa é um buraco negro que suga os recursos da SIC. Já para nem falar que desgasta o formato novela... mas ninguém vê que se continuam assim as pessoas chegam a um ponto e já nem novelas vão querer ver?! Tudo o que é demais enjoa!

È por certos e determinados diretores pensarem dessa forma que a SIC está como está... nas sete quintas. :rolleyes:

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 13 minutos, Harry Cameron disse:

Tu menosprezas constantemente o fator que tanto eu como o @skizzo temos evidenciado nesta discussão: A questão do lead in. ;) No horário do ATES a Júlia vai ter um lead in MAIS FORTE, sim porque Gabriela concerteza não fará menos que Mar Salgado naquele horário, e eu nem disse que a Júlia tem necessariamente de começar ao mesmo tempo que a Fátima, só digo que a concorrência entre ambas mais cedo ou mais tarde será inevitável. Eu punha a Júlia a começar (pelo menos) uma meia hora antes, de forma a terminar também antes do ATES. 

Dizes que o horário das 14h não está tão fraco como o das 16h... então por causa disso bora lá espetar um talk show ultra batido de 3 horas para o afundar tanto ou mais que o outro... :rolleyes: Enfim.

As reposições da Globo sempre resultaram bem no horário das 14, mesmo a de Duas Caras que quando passou da primeira vez na SIC não teve grandes audiências, aguentou o horário nos 20% de share, ao passo que o histórico do horário das 19 nos tem mostrado que as reposições por norma não resultam ali, e é justamente numa altura, em que as pessoas estão cada vez mais afastadas das generalistas (sobretudo da SIC), que tu achas que as coisas podem mudar... :mosking:

Enfim. Boa sorte para Gabriela no horário das 19. È provavél que resulte. a eventual substituta é que coitada... :sleep:

 

Ainda há uns posts atrás (no primeiro que te citei) dizes que Gabriela ir para às 19h é menos importante porque o JDN já faz uma recuperação notável, logo estás a insinuar que, afinal, o lead-in não é assim tão importante quanto isso. Agora vens-me me falar do lead-in como que se as pessoas fossem burras ao ponto de não mudarem de canal a tarde toda só porque Gabriela dá às 14h. Que te contradizes várias vezes já não é uma surpresa, mas não podes ter as duas coisas. O lead-in é importante, mas não é tudo. E se formos pela importância que lhe estás a dar, então estás a dar-me ainda mais razão porque estás a insinuar que basta uma novela fraca às 14h para toda a tarde ir por aí abaixo.

Talk show ultra batido de 3 horas contra duas novelas ultra batidas, uma a dar há mais de um ano inclusive, que já nem 20% de share fazem quando antes a TVI chegava a atingir 30% de share nesse horário. Nem vou falar no rating, porque para ti é melhor colocar a Júlia num horário onde a SIC costuma fazer metade do que a TVI (e contra o tal "super ultra fidelizado" ATES) do que num onde a diferença costuma rondar os 100 mil espectadores ou às vezes nem isso. De facto, vai afundar tanto. Júlia é claramente pior que Mar Salgado, é óbvio.

Quanto ao resto:

> "é justamente numa altura, em que as pessoas estão cada vez mais afastadas das generalistas (sobretudo da SIC), que tu achas que as coisas podem mudar"
> defende que a SIC literalmente copie e cole a grelha da TVI à tarde, na esperança que as coisas mudem porque a ideia de dar opções diferentes ao espectador é uma blasfémia e porque certas coisas que resultavam há quase uma década atrás iriam agora resultar da mesma forma porque sim e porque o espectador é parvo e não muda de canal a partir das 14h porque dá Gabriela.

Isto dito pela pessoa que 1 em cada 10 posts critica a SIC por ser demasiado igual à TVI. 

  • Like 2
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

O ATES está tão fidelizado que ultimamente ganha com uma grande margem.😂

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 2 minutos, Harry Cameron disse:

Não é mesmo porque essa mesma faixa é um flop gigante. ;)

Isso de dar trabalho e estabilidade aos atores portugueses é muito bonito, quase poético, mas quando os esforços de uma estação não se traduzem em audiências, é porque algo não está bem.

È por certos e determinados diretores pensarem dessa forma que a SIC está como está... nas sete quintas. :rolleyes:

Sinceramente, eu pergunto quanto mais a 2ª faixa tem que descer para perceberem que é um erro? Tem que bater nos 4 de rating? Nos 2? Eu não entendo, a cada novela os resultados baixam, e querem continuar :|

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só duas achegas. Falavam aqui que Gabriela seria para as 19:00. Duvido ser possivel, trata-se de uma novela das 11. Com cenas que em Portugal apenas podem passar depois das 22:00 e não antes do jantar onde há crianças a ver. Para quem não se lembra, a primeira exibição era às 22.30 ou depois. A questão do 2º horário de novelas, já pensaram na questão da SIC querer apostar noutras coisas e ter praticamente o mesmo orçamento? Uma novela da Globo fica a1/3 de uma Nacional, pois apenas é o custo da compra e o dinheiro pode ser desviado para outros projetos, mantendo duas novelas, Portuguesa e Brasileira e entretenimento.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu compreendo os dois lados. Há ficção e ficção. Sempre defendi uma série no primeiro horário do HN. Mas compreendo que haja pessoas que gostariam de ver a grelha do HN com outro género que não o da ficção, como por exemplo, o do entretenimento que é o mais apregoado. Acho que ambos têm potencial, se forem realmente bem feitos. Uma boa série. Um bom programa de entretenimento. O problema é que até aqui tem se apostado na versão mais pobre desses géneros. A SIC nem ao Domingo à noite põe formatos fortes de entretenimento, tem sido um desastre nos últimos anos. Acho um passo demasiado grande para apostarem já num programa de entretenimento no HN, que apostem em grande ao Domingo primeiro. No que toca à ficção, claramente algo tem de mudar, e acho que uma excelente série é um passo mais fácil e realista para o HN, pelo menos para já. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, Hashtag disse:

Vocês estão a ler o que as outras pessoas estão a escrever, e depois conseguem ler-se a vós mesmos? Vou tentar clarificar e resumir: a segunda faixa de ficção não tem de ser uma novela; A segunda faixa de ficção não tem de ser igual e nos moldes à primeira, como é; A segunda faixa de ficção é ficção. Ficção não é obrigatoriamente novela; a segunda faixa de ficção nem sequer tem de ser posicionada a seguir à primeira. Será assim tão complicado entender? Vocês falam em audiências, que cada vez são piores e descem na segunda faixa, mas já perceberam que tudo o que por lá passou era o mesmo registo? Se for uma mini série de terror de 50 episódios, também tem de acabar? Se for uma novela passada nos anos 50, com 120 episódios, também tem de se exterminar e não pode ser? Tenham um bocado de dó e não metam tudo no mesmo saco sff. A segunda faixa como está e foi feita até aqui, isso sim, tem de acabar.

Como é óbvio, tanto eu como o @Harry Cameron nos referimos a novelas e não a séries. Se quiserem apostar em séries para a segunda faixa acho ótimo. Novelas de 120 eps? Mas há novelas portugueses com essa dimensão? Eu falo do que existe e do que é feito, não de uma imaginação...

Ainda assim, eu preferia entretenimento a mais ficção.

Edited by Forbidden
  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

A questão, e por isso falei em ódio gratuito à segunda faixa, é que logo no primeiríssimo post que eu coloquei a comentar isso, referi que eram outros moldes, outro tipo de conteúdos, outro tipo de novelas. Claro que é à mesma uma segunda faixa de ficção. Mas o que pareceu e parece é que vocês mal apanham o grupo de palavras "segunda faixa" já nem querem saber de ler o resto, é logo para abater antes que ponha ovo. Calma, pessoal... Aqui poucos serão fãs de uma faixa de novelas igual à primeira. A questão que se pôs nunca foi o que "é feito", e sempre o que pode vir a ser, no futuro, com estas declarações do Daniel. Mas enfim.

Com faixa ou sem faixa, o importante é que a grelha mexa.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora mesmo, Hashtag disse:

A questão, e por isso falei em ódio gratuito à segunda faixa, é que logo no primeiríssimo post que eu coloquei a comentar isso, referi que eram outros moldes, outro tipo de conteúdos, outro tipo de novelas. Claro que é à mesma uma segunda faixa de ficção. Mas o que pareceu e parece é que vocês mal apanham o grupo de palavras "segunda faixa" já nem querem saber de ler o resto, é logo para abater antes que ponha ovo. Calma, pessoal... Aqui poucos serão fãs de uma faixa de novelas igual à primeira. A questão que se pôs nunca foi o que "é feito", e sempre o que pode vir a ser, no futuro, com estas declarações do Daniel. Mas enfim.

Com faixa ou sem faixa, o importante é que a grelha mexa.

Mas se já disseram que uma novela supostamente só dá lucro a partir dos 150 eps, como é que vou pensar sequer que vão fazer novelas desse tamanho?! E em Portugal não se faz novelas de época, também porque é muito caro... há coisas que já se sabe que são assim e não vão mudar.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 5 minutos, skizzo disse:

Eu compreendo os dois lados. Há ficção e ficção. Sempre defendi uma série no primeiro horário do HN. Mas compreendo que haja pessoas que gostariam de ver a grelha do HN com outro género que não o da ficção, como por exemplo, o do entretenimento que é o mais apregoado. Acho que ambos têm potencial, se forem realmente bem feitos. Uma boa série. Um bom programa de entretenimento. O problema é que até aqui tem se apostado na versão mais pobre desses géneros. A SIC nem ao Domingo à noite põe formatos fortes de entretenimento, tem sido um desastre nos últimos anos. Acho um passo demasiado grande para apostarem já num programa de entretenimento no HN, que apostem em grande ao Domingo primeiro. No que toca à ficção, claramente algo tem de mudar, e acho que uma excelente série é um passo mais fácil e realista para o HN, pelo menos para já. 

Mas skizzo, repara bem... o conceito de segunda faixa, tudo bem que por norma vem depois da primeira, mas eu interpreto como sendo "faixa secundária" de ficção. Não quer nem dizer que venha para HN, pode perfeitamente vir para as 19h ou outro qualquer horário. Continuaria a ser uma segunda faixa de ficção, em termos de primazia, e não de ordem na grelha. Acho extremista reduzirem a ficção da SIC a uma só novela. Havendo dinheiro e se for para fazer algo diferente, por que não manter a segunda, mas com outra abordagem?

Agora mesmo, Forbidden disse:

Mas se já disseram que uma novela supostamente só dá lucro a partir dos 150 eps, como é que vou pensar sequer que vão fazer novelas desse tamanho?! E em Portugal não se faz novelas de época, também porque é muito caro... há coisas que já se sabe que são assim e não vão mudar.

Já disseram muita coisa, de facto. Mas aqui há uns anos faziam-se novelas com bem menos episódios. A própria TVI consegue fazê-lo quando quer. A palavra acho que é mais querer, e não ser possível. Lá está. No formato em que as novelas são feitas, com os cenários da maneira que são feitos, etc., acredito que não dê lucro fazer novelas com menos de 150.

Acho que a ideia deveria ser conseguir que uma novela dê lucro com poucos episódios, mudando a maneira de fazer a novela, em vez de querer que ela dê lucro com poucos episódios usando a receita habitual. O problema que existe parece-me mais ser este. E com o Daniel lá, acredito que seja possível dar a volta à questão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para mim seria assim:

de Outubro a Janeiro

14h40 Gabriela

15h30 Júlia

18h15 Mar Salgado

19h15 Linha Aberta

 

Fevereiro

14h40 Gabriela, depois um novo clássico da Globo

15h30 Júlia

18h10 Novela Portuguesa

19h15  Concurso de Cristina Ferreira

Share this post


Link to post
Share on other sites
27 minutes ago, Hashtag said:

A questão, e por isso falei em ódio gratuito à segunda faixa, é que logo no primeiríssimo post que eu coloquei a comentar isso, referi que eram outros moldes, outro tipo de conteúdos, outro tipo de novelas. Claro que é à mesma uma segunda faixa de ficção. Mas o que pareceu e parece é que vocês mal apanham o grupo de palavras "segunda faixa" já nem querem saber de ler o resto, é logo para abater antes que ponha ovo. Calma, pessoal... Aqui poucos serão fãs de uma faixa de novelas igual à primeira. A questão que se pôs nunca foi o que "é feito", e sempre o que pode vir a ser, no futuro, com estas declarações do Daniel. Mas enfim.

Com faixa ou sem faixa, o importante é que a grelha mexa.

Tu disseste que havia aqui um ódio á segunda faixa, o que é totalmente falso. O que nós temos condenado aqui nem é o facto de haver ficção naquele horário, e sim uma outra faixa de 350 episódios de xaropada interminável, como já acontece no primeiro horário.

Eu não me importava nada se apostassem em séries na segunda faixa, palavra que não! Mas a SIC mal tem dinheiro para ter duas novelas, entretenimento de jeito, talk shows em condições... como vão ter dinheiro para tanta coisa?? È isso que me faz mais espécie. :S

51 minutes ago, Ruben Fonseca said:

Ainda há uns posts atrás (no primeiro que te citei) dizes que Gabriela ir para às 19h é menos importante porque o JDN já faz uma recuperação notável, logo estás a insinuar que, afinal, o lead-in não é assim tão importante quanto isso. Agora vens-me me falar do lead-in como que se as pessoas fossem burras ao ponto de não mudarem de canal a tarde toda só porque Gabriela dá às 14h. Que te contradizes várias vezes já não é uma surpresa, mas não podes ter as duas coisas. O lead-in é importante, mas não é tudo. E se formos pela importância que lhe estás a dar, então estás a dar-me ainda mais razão porque estás a insinuar que basta uma novela fraca às 14h para toda a tarde ir por aí abaixo.

Talk show ultra batido de 3 horas contra duas novelas ultra batidas, uma a dar há mais de um ano inclusive, que já nem 20% de share fazem quando antes a TVI chegava a atingir 30% de share nesse horário. Nem vou falar no rating, porque para ti é melhor colocar a Júlia num horário onde a SIC costuma fazer metade do que a TVI (e contra o tal "super ultra fidelizado" ATES) do que num onde a diferença costuma rondar os 100 mil espectadores ou às vezes nem isso. De facto, vai afundar tanto. Júlia é claramente pior que Mar Salgado, é óbvio.

Quanto ao resto:

> "é justamente numa altura, em que as pessoas estão cada vez mais afastadas das generalistas (sobretudo da SIC), que tu achas que as coisas podem mudar"
> defende que a SIC literalmente copie e cole a grelha da TVI à tarde, na esperança que as coisas mudem porque a ideia de dar opções diferentes ao espectador é uma blasfémia e porque certas coisas que resultavam há quase uma década atrás iriam agora resultar da mesma forma porque sim e porque o espectador é parvo e não muda de canal a partir das 14h porque dá Gabriela.

Isto dito pela pessoa que 1 em cada 10 posts critica a SIC por ser demasiado igual à TVI. 

Tu parece que não leste nada do que nós tivemos pra aqui a escrever, mas esquece.

Venha Gabriela pras 19 e a Júlia pras 14 (isto se não for pras 16 após os grandes sucessos MS e CDO) :dance:

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 3 horas, Vtv disse:

Essa declaração não me parece ser assim tão evidentemente esclarecedora em relação ao futuro horário.

Para mim, as duas hipóteses em cima da mesa serão sensivelmente:

14h30 Novelas portuguesas em reposição

16h15 Júlia

19h15 Gabriela 

ou

14h30 Júlia

17h15 Novelas portuguesas em reposição

19h15 Gabriela 

O mais provável é que seja escolhida a tua primeira opção. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...