Jump to content

Johnman

Membros
  • #Conteúdo

    1402
  • Registado Em

  • Última Visita

Reputação

2431 Excelente

Sobre Johnman

  • Rank
    TV é comigo!
  • Aniversário Fevereiro 19

Profile Information

Quem visitou o meu perfil

1588 visitas ao perfil
  1. Mar Salgado ® [estreia a 26 de fevereiro]

    Bem, a novela foi da autoria dela, portanto, mesmo que os colaboradores tenham escrito, duvido que a palavra dela não fosse o dedo guia. Concordo que, metendo os pés na Terra, a premissa de AM até parecia ter forte potencial. Mas sinceramente, acho que a Francisca veio a prejudicar mais do que ajudar a história geral. Tudo isto girava inteiramente à volta dela, e como a novela se recusava a deixar que as filhas adotivas se vissem livres dela até ao final, a história nunca passava do mesmo. A premissa devia ser simplesmente a Clara envolver-se em porcarias com o Lobo por causa do irmão e por isso ter de fugir do homem que amava. Acho que se conseguia arrancar uma história muito mais versátil desta ideia simples do que meter tudo no campo gravitacional de uma gaja a fazer a mesma maldade 200 vezes seguidas. Quanto mais, se quisessem ter a Francisca ali no meio, eu acho que deviam ter estabelecido uma relação muito mais sólida entre ela e a Clara desde o princípio. Por exemplo, começassem a novela a mostrar a tragédia da história de origem dela (fruto de uma infidelidade e abandonada como criança, deixada à mercê de um par de monstros como pais adotivos em Santo TIrso). Depois, a Lia Gama chegava-se à frente, encontrava-a e levava-a consigo ainda como adolescente, e deixava-a entrar na casa dela à escapada, apesar de não a introduzir aos irmãos (e por essa altura, a Ana Padrão já tinha dado à luz à Clara, com quem a Francisca adolescente brincava quando era bebé). Sempre que pudesse, trazia-a lá para casa. A Francisca brincava com a Clara como forma de esquecer o trauma que tinha vivido e como não perdoava a mãe enquanto ela vivia no luxo. Depois, os irmãos conhecem a Francisca e é barraco, obviamente. A Francisca implora aos irmãos que a aceitem, mas eles não conseguem (a Padrão é mais vocal que o Samora). Mas a Francisca e a Clara continuam a ter boa cumplicidade. Depois então, passávamos para a atualidade, onde as duas são adultas. Aí a história é semelhante àquilo que tivemos: Francisca, de certa forma enraivecida pelo desprezo que a irmã sempre teve por ela (desprezo esse que, nesta "minha" versão, ela tentou combater), envolve-se com o marido dela; a Padrão morre, num acidente, e aqui a Francisca começa a ganhar cada vez mais frieza, não sentindo muita empatia pela morte da irmã. Entretanto, a Clara apaixona-se por um polícia, e depois mete-se lá com o gang do Lobo para proteger o irmão de uma dívida que lhe deve. A Francisca, no meio disto tudo, adota as irmãs da Clara, e no princípio parece estar tudo bem. Mas quando o bófia descobre que a Clara é uma criminosa, ele vai logo cair nos braços da Francisca, que começa a sentir cada vez mais nojo pelo seu marido atual, já que antes era o marido da irmã. Impulsivamente acaba por matá-lo... ela não queria fazê-lo, mas após fazê-lo, não se arrepende. O seu lado de psicopata começa a mostrar-se um bocadinho. É a partir daqui que tanto a Clara como os irmãos dela começam a estranhar a atitude da Francisca, e mais tarde ou mais cedo, esta declara guerra à Clara por sequer se tentar aproximar do bófia e voltar a fazer o que a mãe e a avó lhe fizeram (roubar a sua felicidade). Isto tudo dava para preencher um bom bocado da novela. A partir daí, era ser-se inteligente e sensato com o resto do desenvolvimento.
  2. TVI em Direto

    Ora, eu nem prestei atenção...... e sim, já tinha reparado nisso, nem o gancho existe
  3. Mar Salgado ® [estreia a 26 de fevereiro]

    Uma bodega do pior, sem dúvida. Valha me Nossa Senhora que se não fosse pelos bons núcleos secundários, tinha sido uma Podre-osas V2.... alguma vez uma novela escrita pela autora de MS e um elenco daqueles tinha de ter uma qualidade tão fraquinha? É que foi mesmo a antítese de MS - esta última notava-se que, como a própria Inês Gomes disse, teve muito tempo de preparação; já Amor Maior foi uma coisa aos dois punhos que ela teve de inventar do meio do nada sem tempo nenhum para pensar como deve ser. Aliás, eu até já tou a ver como é que AM foi um flop de qualidade tão grande: se bem se recordam todos, o título original da novela era "Golpe do Destino". Imagino que o tal 'golpe do destino' fosse o evento que supostamente deu início ao grande conflito da novela: o assalto ao museu organizado pelo gang do Lobo e que a Clara teve de cumprir para proteger o irmão. Foi a tal cena que despertou a premissa sugerida de que a Clara era uma criminosa e uma fugitiva da lei e o gajo que estava apaixonado por ela era um polícia e tinha de a apreender. Com isto dito, eu imagino que a Inês Gomes tenha pensado: "oh, não era brutal se eu fizesse um romance entre um polícia e uma criminosa mas boa pessoa?"... teve uma boa ideia inicial. Mas depois para desenvolver o resto da história, tá quieto. "Bem... a Gaby encomendou uma vilã feminina, portanto vamos fazer uma gaja que é madrasta da Clara e que foi abandonada à nascença! Ya, isso parece-me fixe!" "Então mas qual é o desenvolvimento dela?" "Uhhhhhh.......... ela vai bater na Catarina Rebelo e na Beatriz Frazão em todos os episódios!!!!"
  4. TVI em Direto

    Vê lá tu que quando veio o mini break de 4 minutos, eu pensava que já tinha acabado a novela e desliguei o Player Como é possível que ainda queiram meter outro intervalo longo em cima? Serão mongos? Bom, eu não me apetece ver o resto agora que já tou concentrado a ver outra coisa, vejo amanhã o resto
  5. Mar Salgado ® [estreia a 26 de fevereiro]

    E depois no ano seguinte veio Amor Maior e a Gomes estava tão cansada, tão cansada que escreveu os mesmos 2 meses de novela em loop durante um ano (Francisca bate em miúdas, miúdas choram, Clara e Canastridalgo metem-se no vai e não vai) O potencial que essa novela tinha......... enfim. Claro que isto é para provar de novo o teu ponto: os autores precisam de longo descanso para refrescar as ideias.
  6. TVI em Direto

    BARRACÃO ÉPICO Nandona e Homem de Sá a arrasar!
  7. TVI em Direto

    Agora bateu aquela nostalgia da Massa Fresca
  8. TVI em Direto

    Por onde ele passa, há sempre Guerra
  9. TVI em Direto

    Mal começa, já temos barraco
  10. Mar Salgado ® [estreia a 26 de fevereiro]

    Isto é um erro. MS seria uma ótima aposta.... daqui a 3 ou 4 anos. Agora era a altura perfeita para que a SIC se deixe de armar em Diva e saque do arquivo da Globo. Uma Chocolate com Pimenta, Ti Ti Ti, Caras e Bocas, Morde e Assopra, Cobras e Lagartos... tantas escolhas ótimas para o horário. Enfim.
  11. Jogo Duplo

    Pois, era a 2ª opção. Ainda bem para eles; simplesmente trouxe isto à luz porque achava que era o outro
  12. Jogo Duplo

    Acabei de apanhar esta foto no Instagram da Alba Baptista, e..... gostava de saber se partilham opinião comigo sobre uma coisa: ....é impressão minha, ou o rapaz é parecido com (ou se calhar é mesmo) o Rodrigo Tomás aka Alexandre? Até porque nos comentários o Sabri Lucas meteu "finalmente" Seria brutal se os dois dessem o nó na vida real
  13. Jogo Duplo

    Bem, não sei se viste a revolta que alguns tiveram sobre as cenas lésbicas desta mesma novela no Facebook ou no Twitter (Mas também, qual assunto é aquele que não tem ninguém revoltado no FB ou no Twitter? Só mesmo o 4chan e a deep web para fazerem esse dois sites parecer algo que não seja uma lixeira.)
  14. Jogo Duplo

    Claro, é verdade, mas acho que mesmo nesse caso a resposta dele parecia-me fria demais para ser um simples "já não gosto de ti". Há sempre uma certa delicadeza de atitude mesmo numa situação semelhante que eu não reparei de forma nenhuma. Mas também não pus de parte a hipótese, não Enfim.... ao contrário de vós, eu até acho este twist uma ideia algo ousada (em Portugal, pelo menos). Claro que o Félix de Amor à Vida foi muito popular, mas mesmo assim, um vilão gay não deixa de ser um risco. E aprecio que o autor assuma esse risco e o leve a cabo com uma personagem complexa como o Tiago.
  15. Jogo Duplo

    Eu acho que ele não "descobre" que é gay. No fundo, ele sempre soube; simplesmente escondeu-se num armário imaginário e quis-se convencer a si próprio que não o era (daí casar-se com uma mulher mas depois maltratá-la; e reagir com fúria quando alguém lhe chama maricas ou insinua alguma coisa). E acho que os sinais sempre estiveram presentes. Isto é um exemplo subjetivo, mas eu sempre suspeitei que ele pudesse ser gay desde o início, quando dizia à Emília que "ela lhe metia nojo" quando ela tentava se aproximar e ter relações com ele. Uma pessoa é o seu ser mais verdadeiro quando está nos piores momentos, e quando um homem diz sem provocação à sua esposa que ela o enoja....
×