Jump to content

Praxx [OPTO SIC]


Filipe
 Share

Recommended Posts

Elenco de luxo. Só falta saber o autor - já tinha apostado em Patrícia Müller pela sua ligação com ficção histórica, inclusive para a OPTO.

É um tema arriscadíssimo. Maltratado e sem corroboração factual pode resultar até em problemas legais. Apropriado corretamente, pode ser uma ótima série.

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Sinceramente acho que a Patrícia Müller não é uma autora boa para isto. Ela é excelente em ficção histórica. Aqui precisamos de um autor com experiência e tacto para poder escrever sobre uma situação legal ainda muito presente e recente. Alguém na onda do Moita Flores.

Até apostava mesmo num Artur Ribeiro aqui.

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

há 2 horas, AndreRob disse:

muito provavelmente apenas será inspirada no caso e não deverá usar referências a pessoas reais envolvidas no caso, até porque teriam de ceder direitos de imagem e com algumas pendências na justiça ainda duvido mesmo que o unico sobrevivente aceitasse ser retratado.

o mais certo é criar uma narrativa que nada tem a ver com o que aconteceu e apenas se pendurar nisso para chamar a atenção sobre praxes e vida académica... já com o caso das mães de brangança, em luz vermelha, foi igual, nada daquilo era sobre o caso real era apenas pontualmente inspirado.

Também acho que deve ser isso que vai acontecer, mas creio que não haveria tema de direitos. Existem vários exemplos de filmes e séries que constituem biografias não autorizadas.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 5 horas, Filipe disse:

Série sobre a tragédia no Meco, que culminou na morte de seis estudantes da Universidade Lusófona durante uma praxe académica.

No elenco estão atores como João Jesus, Isabel Valadeiro, Madalena Almeida, Maria João Pinho, Catarina Rebelo, Vera Moura e Mariana Pacheco.

Uma série da Santa Rita Filmes para a OPTO.

IsabelA :lol:

  • LOL 2
Link to comment
Share on other sites

há 16 horas, George disse:

Também acho que deve ser isso que vai acontecer, mas creio que não haveria tema de direitos. Existem vários exemplos de filmes e séries que constituem biografias não autorizadas.

os direitos cá penso que é só a questão de usarem nomes reais, se a pessoa estiver viva pode exigir que não seja referido o seu nome, sobretudo quando se refere a situações mais delicadas... o que geralmente fazem é mudar o nome e metem um aviso do tipo "este programa é uma obra de ficção inspirada livremente em factos reais"

 

 

Edited by AndreRob
  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...

Patrícia Sequeira realiza.

As gravações terminaram, aparentemente. Tendo em conta o histórico das séries da OPTO, deve estar quase quase a estrear.

Aliás, as gravações até duraram um bom tempo, não?

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

há 17 minutos, Pedro M. disse:

Patrícia Sequeira realiza.

As gravações terminaram, aparentemente. Tendo em conta o histórico das séries da OPTO, deve estar quase quase a estrear.

Aliás, as gravações até duraram um bom tempo, não?

Deve substituir Vanda. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 16 horas, André disse:

Deve substituir Vanda. 

Tens noção que é a OPTO. Ou seja, nenhum conteúdo substitui outro conteúdo. Acrescentam-se ao catálogo e passam a estar disponíveis. Essa coisa de "substituir" é da TV tradicional. E está a morrer, lentamente... 

Link to comment
Share on other sites

há 18 minutos, Rita Carocha disse:

Tens noção que é a OPTO. Ou seja, nenhum conteúdo substitui outro conteúdo. Acrescentam-se ao catálogo e passam a estar disponíveis. Essa coisa de "substituir" é da TV tradicional. E está a morrer, lentamente... 

Sem contar com A Lista, têm lançado praticamente uma série de cada vez.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 16 horas, Pedro M. disse:

Patrícia Sequeira realiza.

As gravações terminaram, aparentemente. Tendo em conta o histórico das séries da OPTO, deve estar quase quase a estrear.

Aliás, as gravações até duraram um bom tempo, não?

Duraram 2 meses.

Vi num stories do João Jesus que ele gravou 50 e tal dias.

Deve ser uma série com um bom número de episódios.

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

há 23 horas, André disse:

Sem contar com A Lista, têm lançado praticamente uma série de cada vez.

Sim. É verdade. E porquê? Orçamento. O dinheiro vai todos para as telenovelas. A VANDA só foi feita por ter apoio do ICA, aka estado, aka, nossos impostos. 

O que eu corrigi é que na OPTO, tal como na Netflix, as séries não "substituem", acrescentam. Ou seja, seria mais correto dizer que esta série será a próxima estreia, sem substituir nada. Poderás ver o Clube, a Lista, Vanda, Glória e todas as outras. na TV tradicional, uma telenovela termina e não a podes voltar a ver, a não ser uns anos depois numa reposição. Ou, no caso da TVI, uns meses depois... à tarde, com audiências zero. 

É por isso que as séries, apesar de terem menos episódios e se tornarem mais caras de produzir por causa disso, são um produto mais rentável para as estações, porque podem ser  exibidas mais vezes. Olha o exemplo das manhãs da TVI. Andam há 15 anos a passar os mesmos episódios do Max. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 11 horas, Rita Carocha disse:

Sim. É verdade. E porquê? Orçamento. O dinheiro vai todos para as telenovelas. A VANDA só foi feita por ter apoio do ICA, aka estado, aka, nossos impostos. 

O que eu corrigi é que na OPTO, tal como na Netflix, as séries não "substituem", acrescentam. Ou seja, seria mais correto dizer que esta série será a próxima estreia, sem substituir nada. Poderás ver o Clube, a Lista, Vanda, Glória e todas as outras. na TV tradicional, uma telenovela termina e não a podes voltar a ver, a não ser uns anos depois numa reposição. Ou, no caso da TVI, uns meses depois... à tarde, com audiências zero. 

É por isso que as séries, apesar de terem menos episódios e se tornarem mais caras de produzir por causa disso, são um produto mais rentável para as estações, porque podem ser  exibidas mais vezes. Olha o exemplo das manhãs da TVI. Andam há 15 anos a passar os mesmos episódios do Max. 

Na OPTO podes :galderia: e não acho que a TV esteja a morrer. Precisa é de ter conteúdo novos e reinventados.

Quanto a esta série, espero que façam uma abordagem seria e correta, que sensibilize para os perigos de certos abusos na praxe e do álcool. É de facto um escândalo delicado, que inspira muitos cuidados

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

3 minutes ago, Marta90 said:

Vi nos instagrams da Patrícia Sequeira e  Margarida Bakker que acabaram agora as filmagens da nova série da Opto: "Praxx".

Parece estar relacionada com as praxes académicas e tem no elenco: Margarida Bakker, Vera Moura, Catarina Rebelo, Alexandre Jorge, Diogo Mazur, Jason Fernández, Isabela Valadeiro, Madalena Almeida, Ana Padrão, Rui Morrison, Maria João Pinho

Podem alterar o título para Praxx, quase de certeza que é esta série.

Edited by Fernando
  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

há 5 horas, AndreRob disse:

Que raio de nome é este Praxx ?? Já a série Vanda andaram a mudar o nome tanta vez e ficou aquilo tão básico...

Só mudaram uma vez. Mudaram de "A Viúva Negra" para "Vanda".

Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...
 Share

×
×
  • Create New...