Jump to content
Sign in to follow this  
k3o4

Festival Eurovisão da Canção 2013

Recommended Posts

 

Souberam disto? O homem ainda vai para o palco lutar  :haha:

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Souberam disto? O homem ainda vai para o palco lutar  :haha:

 

Um país com dinheiro e empenhado em ganhar, tem de apostar forte. 

 

Não estou a ver uma "Hold Me" com coreografia de capoeira :mosking: : haha:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Está giro, até.

 

Promete mesmo! :D 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A Estónia também anda on fire, já disponibilizou a música em mais 4 línguas: Castelhano, Inglês, Russo e Sueco...

 

Este gente tenta tudo para agradar antes do festival! A música em Inglês é muito mazinha, perde a magia toda a meu ver :(



E o vídeo da Roménia? Que pirosada de videoclip, deixem-me que vos diga :P

 

 

  Edited by stylemikro

Share this post


Link to post
Share on other sites

Neste segundo dia de pequenas avaliações, temos os países: AzerbaijãoBielorrússia e Bélgica.

 

Azerbaijão:

Mais do mesmo, outra balada. :dry:  Não contando com isso, é uma balada muito gira. Uma voz não estonteante, mas boa. É provavelmente dos meus favoritos.
Piorou e ainda significativamente do ano passado, já que a Safura ficou em 2º no meu top.

Chega à final, sem quaisquer problemas. E talvez chegue ao top 10 (vendo bem, não há ano que o Azerbaijão está abaixo disso. e com músicas piores).

Uma classificação pessoal de 16,5.

 

Bielorrússia:

Típica música eurovisiva. Não acho nada de especial, nem a voz nem a música. 
Nem consigo avaliar se melhorou ou não dos "heróis" do ano passado. Talvez melhorou, mas só um bocadinho.

Deve chegar à final, mas não penso que vá obter um bom lugar.

Classificação de 11.

 

Bélgica:

Por onde começar  :rolleyes: Embora o cantor seja good looking (lol), canta mal. Os concertos dele mostram que a voz dele não é muito bem para aquele género de música, só se a mudarem antes do festival, e espero bem que sim.

A pensar que não podia piorar do ano passado, piorou.

Não chega à final. 

Classificação de 7,5.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que life tão emocionante, Cezar. :mosking: 

 

-----------------------------------

 

Azerbaijão
 

É apenas mais uma balada, para mim uma desilução tendo em conta o que mandaram em anos anterirores. Não acho a música nada de especial, 22º no meu top...

Preferia muito mais a música deste ano, a Safura era bem melhor que o Farid.

Vai chegar à final e quiçá até a um top10, tendo em conta o país que é...

Pontuação: 10,5

 

Bielorrússia

 

Preferia bem mais a primeira música que esta agora... Não gosto da música, 34º no meu top...

No ano passado, era das músicas, à semelhança da Suíça, que queria ver na final. Muito pior em relação à do ano passado. 

Não sei se passam à final...

Pontuação: 4

 

Bélgica

 

"Waiting for the better pill" define... :mosking: Se não fosse aquele refrão, a música até que podia ficar um pouco melhor. Mesmo assim, deixa muito a desejar, 32º no meu top...

Piorou em relação ao ano passado, se bem que entre um e outro, não sei qual delas a melhor.

Não passa à final, e deve ficar entre os últimos da semi-final.

Pontuação: 4,5

Edited by Ruben Fonseca
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Azerbaijão:

Boring song, o vocal do Farid é fraco nas partes mais baixas da música...e toda a música é mais do mesmo que o Azerbaijão apresenta (desde 2010 que as músicas seguem todas o mesmo estilo)

A Sabina é definitivamente melhor que o Farid, não tenho dúvidas.

Finalista? Sem dúvida, resta saber onde vão comprar os votos desta vez, para além dos habituais votos de certos países :):rolleyes:

Na final vai chegar ao top 10 muito facilmente.

Classificação: 7,4/20

 

Bielorrússia:

Ao início encantei-me com a música, mas agora aborrece-me muito. A música em si é um uptempo antigo, mas esperemos que a Alyona consiga fazer uma boa presença. Acho que ganha pontos pela variedade em termos do que o festival oferece este ano.

Muito melhor que a do ano passado.

Finalista? Talvez

Classificação: 11/20

 

Bélgica:

Waiting for my "bitter" pill so I can forget this SONG! Cause this song kills over and over Tudo mal, tudo! :P Vale pela tentativa de modernizar o instrumental

A Íris era melhorzinha

Finalista: Então não? Vai ficar em 1º na final :smoke::cool::rolleyes:

Classificação: 2/20

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu estou a ver que estou a dar pontos simpáticos ao Bellarosa xD 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Azerbaijão

Música: É para mim a pior canção que o Azerbaijão já levou, mas isso não quer dizer que não goste. Aliás tenho-a no top 15 do meu ranking, assim como todas as anteriores do país. O rapaz aguenta-se bem com a música e consegue passar a emoção da mesma.

Comparação: Piorou. "When the music dies" é a minha música preferida das que os azeris já levaram ao ESC.

Passar à final? Sim, sem dúvida. Top 10 na final

Nota: 15/20

 

Bielorrússia

Música: Típica música eurovisiva. Já cheguei a gostar muito mais, mas ainda assim gosto. E a Alyona canta bem, embora tenha de conter aqueles olhares demoníacos para as câmaras faz, por vezes, quando diz "Solayoh".

Comparação: Pouco, mas melhorou.

Passar à final? Acho que consegue a passagem à final e ficará nos 10 últimos lugares da final

Nota: 13/20

 

Bélgica

Música: Ficou muito melhor com as alterações e acho que com algum treino o Roberto pode melhor a sua prestação vocal. Até gostava que passasse.

Comparação: Tal como a Bielorrússia: melhorou um pouquinho.

Passar à final? Acho que não consegue passar à final. Já será muito bom se escapar dos últimos 3 lugares da semifinal

Nota: 11/20

Edited by Claudio

Share this post


Link to post
Share on other sites

E o design da página da ESC acabou de ser mudado. :cool: http://www.eurovision.tv/page/malmo-2013 Gostei! :D

 

Está giríssimo! Até tem uma timeline.

 

Bom, vou fazer as minhas avaliações:

Azerbaijão

Instrumental: É giro. Gosto, não sendo nada de especial.

Comparação: A Sabina era melhor... Mas, a diferença não é muita.

Voz: Também não é nada mal, e safa-se nas notas mais agudas. Gosto

Nota: 15,4.

 

Bielorrússia

Instrumental: Adoro, cheio de power.

Voz: É gira. Gosto.

Comparação: Muito melhor este ano, Solayoh dá uma porrada a "We Are The Heroes".

Nota: Faltava uma música deste tipo!  16,2.

 

Bélgica (vou ser processada)

Instrumental: Horripilante. Ainda por cima, com esta nova versão com um toque de dubstep, fica pior que horrível!

Voz: HORRÍVEL! Canta pior que a Nikki!

Comparação: Gostava muito mais da Iris, embora não fosse umas das favoritas, para mim, do ano passado.

Nota: 3,4.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu estou a ver que sou o mais forreta nos pontos :P

Share this post


Link to post
Share on other sites

Do que vi do palco não fiquei muito surpreendido, quero acreditar que seja da perspetiva... espero que na TV me pareça melhor.

 

Comparação com 2012

Azerbaijão: acho que estão mais ao menos ao mesmo nível (um bom nível), mas tenho alguma perferência pela de 2012.

Bielorrussia: gosto mais da deste ano.

Bélgica: gostei mais da de 2012, mas são ambas para o fraquinho.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Azerbaijão

À semelhança da Geórgia, soa-me um pouco a falso e artificial... não é má, mas também não é grande coisa. Deixa-me um bocado indiferente. Falta-lhe qualquer coisa. Ainda assim, acho que é a melhor música azeri desde 2010.  :D

Acho que passa à final, sem grandes problemas.

Dou-lhe um 12/20.

 

Bielorrússia

Antiquada, vem uns 10 anos atrasada. Acho a música um enorme dèja-vu, nada de especial. Meh.

Acho que não passa à final, sinceramente. Mas também não descarto a hipótese contrária.

Dou-lhe um 6/20.

 

Bélgica

Devo ser a única, mas gosto bastante da música... a letra tem uns versos menos inspirados, mas isso até lhe dá uma certa piada. xD Gosto do instrumental e da voz do Roberto. 

Tem algumas hipóteses de passar à final, se a actuação foi minimamente decente, na minha opinião. Destaca-se das 24882348924 baladas que a antecedem.  :cool:

Dou-lhe um 14/20.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu gostei do palco. Às vezes menos é mais  :P

Share this post


Link to post
Share on other sites

Concordo com a Marie, nomeadamente em relação à Bélgica, não acho a música assim tão má. Já ouvi bem pior.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim... palcos gigantescos não favorecem ninguém. xD

 

Não me referia ao tamanho, ultimamente têm sido demasiado grandes o que dispersa um pouco os vários elementos que estão em cima do palco (vem-me logo à cabeça o exemplo dos "Flor-de-Lis" na Rússia...). Referia-me à confusão que aquilo me pareceu... mas como disse, pode ser da perspetiva e também suponho que não esteja totalmente finalizado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não me referia ao tamanho, ultimamente têm sido demasiado grandes o que dispersa um pouco os vários elementos que estão em cima do palco (vem-me logo à cabeça o exemplo dos "Flor-de-Lis" na Rússia...). Referia-me à confusão que aquilo me pareceu... mas como disse, pode ser da perspetiva e também suponho que não esteja totalmente finalizado.

 

Eu também acho que ainda faltam muitos detalhes para vermos o "produto final" :D

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu também não ando expectante acerca do palco. Este ano não me parece convecer muito como em 2009/2011/2012... Mas como o João disse pode ser que ainda não esteja finalizado ou da perspectiva das fotos. Espero estar enganado dia 14...

Edited by Ruben Fonseca
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Falando de palcos, o meu favorito dos últimos 4 anos, que foram os que acompanhei com mais atenção, foi o da Noruega e até foi o mais pequeno... simples e eficaz. Aquele jogo de espelhos e leds, funcionou muito bem, e eu a pensar que ia sentir falta de um videowall como era e é costume... Então, na nossa atuação, acho que estava perfeito. Acho que essa edição foi mesmo ao meu gosto em tudo, no grafismo, na forma como preencheram o espaço entre as atuações com o panorama do público, o aparecimento do mapa do país, a perspetiva de um dos seus monumentos com os fãs, seguido de uma apresentação da preparação do cantor em palco (live on stage) e no fim a bandeira a dissolver-se antes da atuação, achei isto um máximo!

 

 

(sim, eu sei, a maioria não gostou tanto deste palco como dos outros...)

 

Claro que os palcos da Rússia e Alemanha também eram potentes.

 

No da Rússia, aquela roda gigante de ecrãs suspensos era o que lhe dava mais graça, talvez o maior problema fosse o palco em si ser exageradamente grande. Nesta edição, gostei também dos separadores entre as músicas.

 

O da Alemanha era muito bom também com aquele círculo de riscas luminosas no chão e no teto a serem o destaque, mas atingiu a sua plenitude na altura do anúncio das votações, quando abriu para mostrar a green room que se encontrava atrás. O grafismo desta edição também foi brutal, nada a apontar. Só não gostei dos separadores entre as músicas à moda antiga com promoção ao país organizador.

 

A última edição talvez tenha sido a mais fraca em termos de palco, os pontos positivos foram as perspetivas do público com a green room atrás de frente para o palco e as perspetivas das cores das bandeiras no exterior da arena. 

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Falando de palcos, o meu favorito dos últimos 4 anos, que foram os que acompanhei com mais atenção, foi o da Noruega e até foi o mais pequeno... simples e eficaz. Aquele jogo de espelhos e leds, funcionou muito bem, e eu a pensar que ia sentir falta de um videowall como era e é costume... Então, na nossa atuação, acho que estava perfeito. Acho que essa edição foi mesmo ao meu gosto em tudo, no grafismo, na forma como preencheram o espaço entre as atuações com o panorama do público, o aparecimento do mapa do país, a perspetiva de um dos seus monumentos com os fãs, seguido de uma apresentação da preparação do cantor em palco (live on stage) e no fim a bandeira a dissolver-se antes da atuação, achei isto um máximo!

 

 

(sim, eu sei, a maioria não gostou tanto deste palco como dos outros...)

 

Claro que os palcos da Rússia e Alemanha também eram potentes.

 

No da Rússia, aquela roda gigante de ecrãs suspensos era o que lhe dava mais graça, talvez o maior problema fosse o palco em si ser exageradamente grande. Nesta edição, gostei também dos separadores entre as músicas.

 

O da Alemanha era muito bom também com aquele círculo de riscas luminosas no chão e no teto a serem o destaque, mas atingiu a sua plenitude na altura do anúncio das votações, quando abriu para mostrar a green room que se encontrava atrás. O grafismo desta edição também foi brutal, nada a apontar. Só não gostei dos separadores entre as músicas à moda antiga com promoção ao país organizador.

 

A última edição talvez tenha sido a mais fraca em termos de palco, os pontos positivos foram as perspetivas do público com a green room atrás de frente para o palco e as perspetivas das cores das bandeiras no exterior da arena. 

 

Concordo com tudo João! O ano passado salvou-se as cores das bandeiras cá fora...porque de resto achei um espectáculo normal. E gostei da promoção ao Azerbaijão, mostraram imagens excelentes deles.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Falando de palcos, o meu favorito dos últimos 4 anos, que foram os que acompanhei com mais atenção, foi o da Noruega e até foi o mais pequeno... simples e eficaz. Aquele jogo de espelhos e leds, funcionou muito bem, e eu a pensar que ia sentir falta de um videowall como era e é costume... Então, na nossa atuação, acho que estava perfeito. Acho que essa edição foi mesmo ao meu gosto em tudo, no grafismo, na forma como preencheram o espaço entre as atuações com o panorama do público, o aparecimento do mapa do país, a perspetiva de um dos seus monumentos com os fãs, seguido de uma apresentação da preparação do cantor em palco (live on stage) e no fim a bandeira a dissolver-se antes da atuação, achei isto um máximo!

 

 

(sim, eu sei, a maioria não gostou tanto deste palco como dos outros...)

 

Claro que os palcos da Rússia e Alemanha também eram potentes.

 

No da Rússia, aquela roda gigante de ecrãs suspensos era o que lhe dava mais graça, talvez o maior problema fosse o palco em si ser exageradamente grande. Nesta edição, gostei também dos separadores entre as músicas.

 

O da Alemanha era muito bom também com aquele círculo de riscas luminosas no chão e no teto a serem o destaque, mas atingiu a sua plenitude na altura do anúncio das votações, quando abriu para mostrar a green room que se encontrava atrás. O grafismo desta edição também foi brutal, nada a apontar. Só não gostei dos separadores entre as músicas à moda antiga com promoção ao país organizador.

 

A última edição talvez tenha sido a mais fraca em termos de palco, os pontos positivos foram as perspetivas do público com a green room atrás de frente para o palco e as perspetivas das cores das bandeiras no exterior da arena. 

 

Tens a opinião igual à minha. 2010, foi um ano encantador...

Adorei, em 2010, também os apresentadores! Só mesmo a Noruega, para fazer assim um espetáculo com requinte e formal sem ser demasiado.

2011, também gostei, embora ache que os apresentadores eram um bocado frios, e não ligaram tanto ao lado humano, coisa que a Noruega fez. Mas, isso faz parte da cultura alemã.

E sim, os separadores a mostrar a Alemanha, não eram nada famosos. Mas, este ano, espero que os separadores sejam muito giros (eu acho que vai ser).

 

Já agora, um aparte: adorava que a Itália organizasse uma Eurovisão. Em 2012, ainda tive esperança que o Azerbaijão não conseguisse, e a organização passasse para as mãos do 2º classificado, a Itália. Acho que iria ser um festival estupendo, não sei porquê.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...