Jump to content

Memórias RTP2


Recommended Posts

https://m.arquivo.pt/wayback/20030701213616/http://publicoemprego.pt/noticias.asp?idCanal=&id=1151134

Ainda em 2003 havia uma grande incerteza face ao futuro da RTP 2. Na fase em que ia ser estudada a mudança para Canal Sociedade, não iriam ser emitidos programas em directo e a Universidade Aberta iria ter meia hora semanal, ao contrário das três horas que se mantiveram até 2007 (depois da renovação, salvo erro).

Já agora, consideram o nome protótipo um erro? Canal Sociedade não é digno de RTP, parece uma daquelas televisões públicas/governamentais brasileiras :D

Vá, ao menos o canal nem sequer chegou aos moldes da TV Cultura, que era aquilo que a RTP queria fazer com o segundo canal.

  • Love 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...
  • Replies 1k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Que giro, os antigos dogs da rtp2  

P.I.C.A. (2006-07) Programa juvenil, parte magazine cultural, parte ficção, com um bem jovem Ângelo Rodrigues nos arquivos da RTP: https://arquivos.rtp.pt/programas/pica/

Quando a RTP2, em 2008, teve o seu Shark Tank dos pequenitos, o «Audax - Negócios à Prova», apresentado pelo actual director de informação da TVI Sérgio Figueiredo.

  • 2 weeks later...
há 1 hora, Televisão 10 disse:

A RTP 2 esteve para se chamar T2 em 2004? Até encontrei este logótipo na Logopedia...

202

Era. Em Março de 2013 apareceu o protótipo do grafismo de 2004. Foi feito mais para o fim do ano pois ainda em 2003 falava-se de um tal "Canal Sociedade" em vez da 2: ou da T2.

"Em tempos de incerteza quanto ao futuro de Portugal e das suas companhias bandeira, senti a necessidade de recuperar um projecto que faz este ano 10 anos e que me parece continuar perfeitamente actual, apesar do meio dos audiovisuais ter uma enorme pressão para mudar: o rebranding da RTP em 2003. Incluo aqui a marca do 2º canal, que entretanto já sofreu novo rebranding, mas que na altura o objectivo era torná-lo autónomo da arquitectura de marca da RTP. As imagens aqui apresentadas são do projecto tal como ele foi apresentado a concurso e não a proposta como ela existe actualmente."

https://www.behance.net/gallery/7829823/RTP

O logo está desajustado com o protótipo, basta ver o T desfigurado (ainda por cima falta só um quadrado para estar correspondente com os planos) que pode ser visto no link acima.

(agora, gostaria de imaginar o que seria da RTP se a T2 avançasse mas com temática mais juvenil e se começassem o "Canal Sociedade" separadamente :D)

Edited by ATVTQsV
Link to post
Share on other sites
há 30 minutos, ATVTQsV disse:

Era. Em Março de 2013 apareceu o protótipo do grafismo de 2004. Foi feito mais para o fim do ano pois ainda em 2003 falava-se de um tal "Canal Sociedade" em vez da 2: ou da T2.

"Em tempos de incerteza quanto ao futuro de Portugal e das suas companhias bandeira, senti a necessidade de recuperar um projecto que faz este ano 10 anos e que me parece continuar perfeitamente actual, apesar do meio dos audiovisuais ter uma enorme pressão para mudar: o rebranding da RTP em 2003. Incluo aqui a marca do 2º canal, que entretanto já sofreu novo rebranding, mas que na altura o objectivo era torná-lo autónomo da arquitectura de marca da RTP. As imagens aqui apresentadas são do projecto tal como ele foi apresentado a concurso e não a proposta como ela existe actualmente."

https://www.behance.net/gallery/7829823/RTP

O logo está desajustado com o protótipo, basta ver o T desfigurado (ainda por cima falta só um quadrado para estar correspondente com os planos) que pode ser visto no link acima.

(agora, gostaria de imaginar o que seria da RTP se a T2 avançasse mas com temática mais juvenil e se começassem o "Canal Sociedade" separadamente :D)

Bem me parecia que o nome T2 não me era estranho. Já tínhamos falado nisto.

Ainda assim, continuo a não ser fã da 2:. Parece-me estranha esta ideia que tinham de autonomizar o canal da RTP...

Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Televisão 10 disse:

Parece-me estranha esta ideia que tinham de autonomizar o canal da RTP...

Agora que falas nisso, e olhando para trás, acho que a RTP 2 deveria ter continuado como era até 2004. O Acontece foi exterminado por causa da mudança, o seu sucessor (o Magazine) nem sequer tinha o mesmo charme. O programa "foi de férias" e o apresentador ficou consternado com a decisão de o cancelar.

Quando a RTP passou aquela promo compridona a dizer que "a televisão pública mudou", eu achava que os separadores verdes não eram os da RTP Açores mas sim uma versão descartada do que iria ser o grafismo da RTP 2. Quanto ao "Canal Sociedade" (cujo nome parece o Canal Saúde), parece que queriam fazer daquilo uma espécie de versão portuguesa da TV Cultura e Rede Brasil (actual TV Brasil).

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
4 hours ago, ATVTQsV said:

Agora que falas nisso, e olhando para trás, acho que a RTP 2 deveria ter continuado como era até 2004. O Acontece foi exterminado por causa da mudança, o seu sucessor (o Magazine) nem sequer tinha o mesmo charme. O programa "foi de férias" e o apresentador ficou consternado com a decisão de o cancelar.

A 2: no geral foi um equívoco, a ideia era tornar-se num canal totalmente autónomo da RTP - tinha inclusivé um contrato de concessão próprio - com programação feita pela chamada «sociedade civil», uma espécie de canal comunitário. Nunca conseguiu deixar de ser o segundo canal da RTP e foi consensual o regresso em pleno ao universo da RTP em 2007.

  • Like 4
Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Rangel disse:

A 2: no geral foi um equívoco, a ideia era tornar-se num canal totalmente autónomo da RTP - tinha inclusivé um contrato de concessão próprio - com programação feita pela chamada «sociedade civil», uma espécie de canal comunitário. Nunca conseguiu deixar de ser o segundo canal da RTP e foi consensual o regresso em pleno ao universo da RTP em 2007.

Infelizmente é que eles aperceberam de que Portugal não tem as mesmas capacidades que o Brasil - não temos recursos suficientes para - sei lá eu - uma TV Cultura de Lisboa, Televisão Educativa do Porto, ou até mesmo uma Minhota Educativa (e olhe que nós não temos governos distritais). Tenho a vaga ideia de que a RTP 2 que temos hoje ainda está pegada à concessão de 2004 embora as obrigações tenham sido desviadas.

Aplaudi a mudança da RTP 2 em 2007, embora nalguns aspectos parecia uma continuação da 2:.

Link to post
Share on other sites

Nessa altura a RTP2 teve quase a ser priatizada, mas depois criaram esse modelo, que na minha opinião até que não era mau. A melhor altura foi a mudança em 2007, tinha como base o modelo de 2004, mas já com o ADN da RTP. A partir de 2012 é que começou a ir abaixo (culpa dos mesmos que mandavam em 2004).

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...
  • 4 weeks later...
  • 2 weeks later...

Aqui podemos ver o mesmo efeito visual (stock) que aparecia no princípio do separador de 1985, utilizado num outro canal:

 

 

 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Nos arquivos da RTP. Não sei ao certo se estas séries passaram na RTP 2, mas acho que sim.

"Napoleão, Meu Amor" (1990) com Carlos Areia e Mila Ferreira

https://arquivos.rtp.pt/programas/napoleao-meu-amor/

"Histórias Fantásticas" (1991) com Alexandra Lencastre, Rita Salema e Nuno Melo

https://arquivos.rtp.pt/programas/historias-fantasticas/

 

Link to post
Share on other sites
há 6 horas, FraisesSucrées disse:

Nos arquivos da RTP. Não sei ao certo se estas séries passaram na RTP 2, mas acho que sim.

"Napoleão, Meu Amor" (1990) com Carlos Areia e Mila Ferreira

https://arquivos.rtp.pt/programas/napoleao-meu-amor/

 

De acordo com o site + o Diário de Lisboa, a série deu na RTP 1:

http://casacomum.org/cc/visualizador?pasta=06891.208.31684#!62

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...
Posted (edited)

Ninguém arranja a abertura desta encarnação do Jornal 2 com a Fátima Campos Ferreira e, depois, a Alberta Marques Fernandes? 

Terminava com uma efeméride. É daquelas memórias que tenho muito difusas e que gostaria de aclarar...

 

 

Edited by bacalhaucomnatas
  • Like 1
Link to post
Share on other sites

É incrível, este vídeo está no YouTube há uma dúzia de anos* e até agora ninguém postou o genérico. Parece que havia muita gente que gravava os filmes e começava sempre a meio do Jornal 2, sem mostrar o início.

*uma dúzia de anos (literalmente), tendo em conta que o vídeo foi publicado, se a minha memória não falha, em 2008, nos tempos do LUSITANIALORD (que pouco tempo durou) e que depois mudou para o LUSITANIATV depois do fecho do outro.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 13 minutos, LAboy 456 disse:

Pena que não hajam sites que digitalizem números de revistas de televisão antigas...

Uma coisa que eu tanto imploro há anos.

Link to post
Share on other sites
On 5/26/2020 at 12:14 AM, bacalhaucomnatas said:

Ninguém arranja a abertura desta encarnação do Jornal 2 com a Fátima Campos Ferreira e, depois, a Alberta Marques Fernandes? 

Terminava com uma efeméride. É daquelas memórias que tenho muito difusas e que gostaria de aclarar...

 

 

Só se arranja o genérico 'cortado' (dá para ver os nomes das cidades que apareciam no genérico completo) que usavam como separador para o intervalo.

https://archive.org/details/jornal22002

  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Uma coisa que me veio à mente: será que o indicativo da Fé dos Homens, intocado praticamente há quase 23 anos, salvo uma versão 16:9 que está no ar em 16:9, foi criado pelo Edson Athayde? Aquela espécie de presépio, com imagens a poucos frames por segundo, acompanhados por uma espécie de pano azul tipo RTP 1 de 1996?

Considerando os seguintes aspectos:

  • ele foi o responsável pelos grafismos da RTP 1 e 2 em 1996;
  • ele também realizou os separadores de início e fecho da RTP 2, seguindo uma estética parecida;
  • A Fé dos Homens começou a 15 de Setembro de 1997, na altura havia o Anúncios de Graça - sendo que o programa dele iria ter uma segunda temporada (com genérico completamente diferente) - cujo genérico tinha traços característicos das obras dele na RTP?

Se tal for verdade, parabéns, ainda és o último resistente do grafismo de 1996. Quanto ao separador das televendas ainda estou na dúvida pois eu acho que já estava em uso antes da renovação de Abril de 1996, quando a emissão da TV2 tinha televendas à tarde antes da emissão abrir (se bem que não tinha o indicador de "PUBLICIDADE" do grafismo de 1996, a meu ver, a não ser que surjam provas).

  • Like 3
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...