Jump to content

FraisesSucrées

Membros
  • #Conteúdo

    418
  • Registado Em

  • Última Visita

Reputação

604 Excelente

1 Seguidor

Sobre FraisesSucrées

  • Rank
    Hoje sei o que dá na TV

Quem visitou o meu perfil

1297 visitas ao perfil
  1. Festival Eurovisão da Canção 2018

    Pelos snippets, gostei mais desta
  2. Vidas Opostas [estreia em abril]

    Renato Godinho novamente vilão? Até a Maya Booth fez intervalos entre as suas famosas psychos.
  3. Memórias TVI

    E antes da TVI, o Batatinha e o Companhia tiveram praticamente o mesmo programa que "Vamos Ao Circo", na RTP sob o título de "Alegria".
  4. Festival Eurovisão da Canção 2018

    Eu acho excessivo este foco nos compositores. Sim são essenciais, mas os intérpretes é que são decisivos para elevar ou arruinar as canções. No ESC, raramente dão destaque aos compositores (a Luísa foi das poucas excepções) e o foco é quase todo nos intérpretes.
  5. Memórias SIC

    Nos anos 90, havia uma crónica anónima no Jornal "Semanário", assinada como "O Dantas", que insinuava várias ligações amorosas e sexuais entre várias caras da SIC. Algumas delas viriam a confirmar-se verdadeiras (como Emídio Rangel e Margarida Marante), outras eram totalmente inventadas. Uma dessas especulações envolveu Felipa Garnel, com o Dantas a escrever que ela tinha um caso com Pinto Balsemão. Reza a lenda que certo dia de 1996 perto de um restaurante lisboeta em voga na altura, Felipa cruzou-se com o então director do "Semanário". Este disse-lhe "Olá Felipa" e pôs a cara a jeito para um beijo mas em vez disso levou uma chapada de Felipa, que a seguir proferiu esta frase pouco "Mundo VIP": "Seu grande filho da **ta! Voltas o pôr o meu nome no teu jornal e eu divulgo uma lista de homens casados que dormiram com a tua mulher!".
  6. Memórias RTP1

    O Publionário foi uma das estratégias da RTP face ao aparecimento das estações privadas em 1992 e 1993. De segunda a sexta-feira, a cada dia, havia um segmento onde era mostrado um excerto de um anúncio publicitário. As pessoas tinham de adivinhar qual a marca ou produto desse excerto através de um cupão publicado na revista Tele Guia (que foi lançada para este efeito em 1992 e durou até 2001, já bem depois do fim do concurso em Abril de 1993 - a revista pertencia ao grupo TV Guia e era basicamente uma TV Guia em formato de bolso). Havia um sorteio para os cupões de cada dia da semana (prémio 200 contos - 1000 euros) e outro para os cupões semanais (prémio 1000 contos - 5000 euros) que continham todas as respostas dos cinco dias.
  7. Festival Eurovisão da Canção 2018

    A canção da Suíça
  8. Memórias TVI

    Para mim, o mais próximo que Olhos De Água teve de uma vilã foi a Cremilda Gil (Angelina). Lembro-me de ser a personagem que mais me chateou, fartava-se de fazer chantagem emocional com a Leonor, era contra qualquer contacto entre as gémeas. Para não falar que raptou a Leonor em criança em Moçambique.
  9. Festival Eurovisão da Canção 2018

    A canção de Malta para Lisboa
  10. Festival Eurovisão da Canção 2018

    1: As diferenças entre o Medina e o presidente de câmara de Kiev (um dos irmãos Klitschko, campeões de boxe). 2: Daqui a 10 anos, aquele mega porta-chaves tem de ser entregue num carrinho de mão.
  11. Festival Eurovisão da Canção 2018

    "Selvador Sabral"
  12. Festival Eurovisão da Canção 2018

    Entretanto no The Voice da Ucrânia
  13. Espelho d'Água

    Não existe no universo das telenovelas nacionais ou então são corruptos e facilmente enganados/subornados pelos vilões.
  14. Espelho d'Água

    Não estava a falar desta telenovela em particular, mas o bebé da Rita foi raptado logo à nascença e agora a Sara está a usá-lo contra a Rita e o António e isso fez-me lembrar as gémeas de AUM que fartavam-se de ser raptadas, as pyschos que ameaçavam matar o bebé só para manterem o tipo junto delas (Inês DD, Catarina RF, Bárbara DC), o filho mais novo da Teresa JP e por aí fora. No universo das telenovelas portuguesas, os bebés sofrem logo à nascença. Isto para não falar nas desgraças das crianças mais velhas.
  15. Espelho d'Água

    Coisas que já não há pachorra nas telenovelas portuguesas #672: Bebés que são raptados 67 vezes, vítimas de tentativa de homicídio 49 vezes e usados como alvo de chantagem 173 vezes antes de completarem um ano de vida.
×