Jump to content
Corppiz

Cinema RTP2

Recommended Posts

Eu gostei bastante do filme... achei que sim as cenas de sexo exageram um pouco mas a beleza do filme reside muito nas duas protagonistas e na forma como está filmado. Podia ser uma história de amor como outra qualquer... fossem gays, lésbicas ou heteros é uma visão muito simplista das relações. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sábado ás 22h30

 

O que há de novo no Amor?

 

Seis histórias de amor - cada uma realizada por um realizador diferente - de seis amigos que têm uma banda e todas as noites se encontram numa cave para fazer música. O João faz canções, a Rita escreve letras e toca baixo, o Marco toca guitarra, o Edu toca bateria, o Samuel toca órgão e a Inês é a vocalista. Mas se à noite na garagem é possível ensaiar cada canção as vezes sem fim, durante o dia, na vida, não há ensaios. Cada tentativa deixa marcas.

 

  • Com:Ângelo Rodrigues, David Cabecinha, Joana Metrass, Joana Santos, João Cajuda, Nuno Casanovas, Sónia Balacó
  • Realização:Mónica Santana Baptista, Hugo Martins, Rui Alexandre Santos, Tiago Silva Nunes, Hugo Alves, Patrícia Raposo
  • Autoria:Octávio Rosado
Edited by pickles
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

o filme foi um bocado chato... eram várias histórias e algumas delas nem percebemos nada do que se passou. fiquei um bocado desiludido. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

o filme foi um bocado chato... eram várias histórias e algumas delas nem percebemos nada do que se passou. fiquei um bocado desiludido.

Tu querias era um filme como aquele da Adele. :haha:

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tu querias era um filme como aquele da Adele. :haha:

 

Se o realizador quisesse até podia ser... espaço para isso tinha bastante. Mas limitou-se a uma cena do Cajuda com outro actor dos morangos. lol 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se o realizador quisesse até podia ser... espaço para isso tinha bastante. Mas limitou-se a uma cena do Cajuda com outro actor dos morangos. lol 

 

O filme da Adele tem qualidade, e isso e o que interessa, penso eu...

 

Se e pra cenas de sexo, o que nao falta e filmes porno ou filmes rasca com cenas dessas, sem qualidade nenhuma.

 

De filmes portugueses, recomendo-te o A Passagem da Noite e o Julgamento, nao sei se ja vistes...

Edited by Forbidden
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

O filme da Adele tem qualidade, e isso e o que interessa, penso eu...

 

Se e pra cenas de sexo, o que nao falta e filmes porno ou filmes rasca com cenas dessas, sem qualidade nenhuma.

 

De filmes portugueses, recomendo-te o A Passagem da Noite e o Julgamento, nao sei se ja vistes...

 

Já vi o julgamento.... há muitos bons filmes portugueses mas a maioria é muito fraquinha e ou se focam em temas pouco convencionais ou são uma longa e pachorrenta porcaria com eternos planos parados com diálogos de adormecer e fotografia escura e teatral.

 

Os filmes escolhidos para este ciclo não podiam ser dos piores... mas acho que é mais por serem inéditos na tv portuguesa.

 

Acho que dos 5 este era capaz de ser o mais apelativo porque tem um elenco jovem e fala sobre uma banda... o que aí vem preparem a almofada.

 

É preciso algum espírito de sacrifício e boa vontade para ver este cinema. 

Edited by pickles

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje 

 

Filme do Desassossego

 

A própria matéria dos sonhos torna-se física, palpável, visível...

Lisboa, hoje. Um quarto de uma casa na Rua dos Douradores. Um homem inventa sonhos e estabelece teorias sobre eles. A própria matéria dos sonhos torna-se física, palpável, visível.
O próprio texto torna-se matéria na sua sonoridade musical. E, diante dos nossos olhos, essa música sentida nos ouvidos, no cérebro e no coração, espalha-se pela rua onde vive, pela cidade que ele ama acima de tudo e pelo mundo inteiro. Filme desassossegado sobre fragmentos de um livro infinito e armadilhado, de uma fulgurância quase demente mas de genial claridade. O momento solar de criação de Fernando Pessoa. A solidão absoluta e perfeita do EU, sideral e sem remédio. Deus sou eu!, também escreveu Bernardo Soares.
Adaptado do Livro do Desassossego de Bernardo Soares/ Fernando Pessoa.

 

 

    • Com:Alexandra Lencastre,Catarina Wallenstein,Cláudio da Silva, Marcello Urgeghe,Margarida Vila-Nova,Mónica Calle, Ricardo Aibéo, Rita Blanco
    • Realização:João Botelho

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Passou hoje de tarde o filme portugues Republica.

O filme estreou em 2010 na rtp1 e divide-se em duas partes.

Amanha por volta das 18h da a segunda parte.

Aconselho a verem, e muito interessante!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém me sabe informar quanto fez o filme "Hiroshima, meu amor" no último sábado?

Aliás, gostava de saber como foi a tabela da Rtp2 desse dia, mas não sei onde encontrar tal. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém me sabe informar quanto fez o filme "Hiroshima, meu amor" no último sábado?

Aliás, gostava de saber como foi a tabela da Rtp2 desse dia, mas não sei onde encontrar tal. 

 

Fez 0.6 de rating e 1.7 de share

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

A RTP2 vai transmitir em directo os European Film Awards no dia 13, sábado, a partir das 18h.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nem nas audiências aparece o resultado da gala... sem comentários.

 

Os dois filmes que a rtp2 deu estes domingos são um bom exemplo daquilo que se deve valorizar no canal. Tanto o Cônsul de Bordéus como Operação Outono são filmes que deviam e mereciam ter um destaque maior na grelha assim como promoção no primeiro canal. 

 

Existem muito bom cinema português e este são bons exemplos e sobretudo pela importância histórica dos temas que devia ser uma mais valia da estação pública.

 

Agora lamento que a rtp tenha ignorado totalmente o aniversário de Manoel de Oliveira e numa semana de cinema português nem um único filme ou documentário exibiu sobre o senhor... isto não faz sentido sobretudo num canal como a rtp2 ter falhas destas. 

 

Espero que no próximo ano e com o aumento do orçamento previsto o canal não volte a cair na miséria que foi a maior parte do ano.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nem nas audiências aparece o resultado da gala... sem comentários.

 

Os dois filmes que a rtp2 deu estes domingos são um bom exemplo daquilo que se deve valorizar no canal. Tanto o Cônsul de Bordéus como Operação Outono são filmes que deviam e mereciam ter um destaque maior na grelha assim como promoção no primeiro canal. 

 

Existem muito bom cinema português e este são bons exemplos e sobretudo pela importância histórica dos temas que devia ser uma mais valia da estação pública.

 

Agora lamento que a rtp tenha ignorado totalmente o aniversário de Manoel de Oliveira e numa semana de cinema português nem um único filme ou documentário exibiu sobre o senhor... isto não faz sentido sobretudo num canal como a rtp2 ter falhas destas. 

 

Espero que no próximo ano e com o aumento do orçamento previsto o canal não volte a cair na miséria que foi a maior parte do ano.

 

A RTP 2 esta em coma...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém viu o filme "O Grande Kilapy" que deu dia 28 de Dezembro? Tem atores portugueses e angolanos, a Sílvia Rizzo apareceu nua (numa cena de sexo) e a São José Correia fez um strip, e ficou com as maminhas à mostra :haha:  desconhecia a existência deste filme. Até achei interessante (claro que não me refiro só às cenas de nudez xD)

Edited by Ivo_ML93

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém viu o filme "O Grande Kilapy" que deu dia 28 de Dezembro? Tem atores portugueses e angolanos, a Sílvia Rizzo apareceu nua (numa cena de sexo) e a São José Correia fez um strip, e ficou com as maminhas à mostra :haha: desconhecia a existência deste filme. Até achei interessante (claro que não me refiro só às cenas de nudez xD)

OK, a gente acredita. :haha:

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém viu o filme "O Grande Kilapy" que deu dia 28 de Dezembro? Tem atores portugueses e angolanos, a Sílvia Rizzo apareceu nua (numa cena de sexo) e a São José Correia fez um strip, e ficou com as maminhas à mostra :haha:  desconhecia a existência deste filme. Até achei interessante (claro que não me refiro só às cenas de nudez xD)

Ainda não vi mas já tinha ouvido uns zunzuns. Gravei o filme é vou ver quando tiver tempo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parece que resolveram dar cinema português... embora o filme tenha dado em dezembro. Mas assinala-se amanhã o aniversário da morte de Humberto Delgado parece-me justificado.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Este mês ciclo de cinema de Hitchcock

 

A rtp2 devia ter um dia da semana (sexta talvez) para dar cinema português... é uma continua falha desta grelha...

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

E este mês fizeram finalmente uma nova promo ao ciclo mensal, em vez daquela que era sempre igual e se limitava a dizer os nomes dos filmes.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Agora sim, já se percebe o nexo daqueles 4 filmes que a RTP2 vai exibir na próxima semana às 23h. Estão integrados numa rubrica chamada «A Banda Sonora de...», que só vai ter estes 4 episódios, e em que músicos portugueses vão comentar estas que são algumas das bandas sonoras mais marcantes do cinema. Isto no âmbito dos Dias da Música, que este ano têm como tema o cinema. É uma boa iniciativa, mas era bom que promovessem e que esclareçam que é uma programação excepcional.

 

Segunda: Mário Laginha - Serenata à Chuva

Terça: Maestro João Paulo Santos - O Feiticeiro de Oz

Quarta: Artur Pizarro - Um Dia em Nova Iorque

Quinta: António Victorino dAlmeida - Casablanca

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Agora sim, já se percebe o nexo daqueles 4 filmes que a RTP2 vai exibir na próxima semana às 23h. Estão integrados numa rubrica chamada «A Banda Sonora de...», que só vai ter estes 4 episódios, e em que músicos portugueses vão comentar estas que são algumas das bandas sonoras mais marcantes do cinema. Isto no âmbito dos Dias da Música, que este ano têm como tema o cinema. É uma boa iniciativa, mas era bom que promovessem e que esclareçam que é uma programação excepcional.

 

Segunda: Mário Laginha - Serenata à Chuva

Terça: Maestro João Paulo Santos - O Feiticeiro de Oz

Quarta: Artur Pizarro - Um Dia em Nova Iorque

Quinta: António Victorino dAlmeida - Casablanca

 

Sendo assim já me parece coerente... ligado ao evento dos dias da música no fim de semana seguinte...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...