Jump to content

Audiências de terça-feira [26/01/2021]


Ruben

Recommended Posts

há 57 minutos, Mundo disse:

Eta Mundo Bom a lakrar completamente, vai ter uma reta final explosiva! Walcyr Carrasco continua a dar cartas na SIC, tem um pacto, não é possível...:clap:

Público já a mobilizar-se em força para assistir a Viver a Vida. Posso estar muito errado, mas o público do Última Hora vem muito de fora (outros canais e pessoas que não estavam a ver televisão). VAV deve ir buscar muita gente ao próprio Goucha (para além da Júlia, claro). Juntando isso à força do próprio Júlia, está tudo feito.

A Fátima volta e meia liderava LOL Adiciona aí mais uma ou duas voltas, porque quem te ler até pensa que liderava uma vez por semana. Ia a 2 ou 3 por mês e já era ótimo. 

Agora, claro que era um programa bem competitivo, principalmente para o panorama que a TVI estava a passar. Não esquecer que a Fátima tinha um público minimamente fiel, estava na tarde há muitos anos, o Goucha acabou de chegar.  Como dizia a outra: "Está a fazer o seu caminho". E não, não considero o Goucha um flop, caso contrário teria de considerar o própria Júlia um flop também.  Os resultados não são tão diferentes quanto isso. Posso dizer que faz menos do que merecia fazer, se colocares isto nestes termos, posso concordar. O programa tem futuro e anda a fazer por isso, não esquecer que a Júlia tem um lead-in e um lead-out líderes e muito fortes, estando na estação líder e sendo um nome das tardes. Para além disso, enquanto a Júlia calca mais o lado emocional e apelativo ao público das tardes, o Goucha está a adotar um registo muito mais cultural e intelectual ( por exemplo, a entrevista ao Moita Flores foi um momento que eu não esperava ver nas tardes de um canal generalista fora RTP, em que se tratou muito mais do que do tema da corrupção, foi uma viagem pela história e pela cultura do país). 

Pois, a outra bem dizia "está a fazer o seu caminho" anos a fio a perder. Que eu me lembre só houve um programa de day time que efetivamente fez o seu caminho até chegar a líder que foi o vntv, com muito mérito da dupla mas também com demérito da direção da SIC na altura que não tomou boas decisões. O público foi ver o Goucha, os números da primeira semana comprovam isso, houve curiosidade (não interessa se lead in era vencedor ou não) , a realidade é que o público não ficou, logo dificilmente irá voltar, o Goucha está dependente dos convidados que tem. Ainda é cedo para uma conclusão, mas na história do daytime não há muitos derrotados que viram vencedores, veremos. 

Link to comment
Share on other sites

há 2 horas, RTF disse:

“Amar Demais” volta a subir para novo máximo

“Amar Demais” voltou ontem a atingir um novo máximo do ano. A novela cresceu cerca de 50 mil espectadores face ao dia anterior.

Escrita por Maria João Costa, a história de vingança protagonizada por Graciano Dias fixou-se nos 9.6/20.9%. Em média, 906.300 espectadores estiveram com “Amar Demais” e conferiram um pico de 10.4/20.0%.

Apesar da subida da rival, a SIC manteve-se líder de audiências no confronto direto. Paço de Arcos emitia a parte final do episódio de “Terra Brava” e o arranque de “Golpe de Sorte”. A média foi de 11.1/24.0% (1 milhão e 50 mil espectadores).

A RTP1 esteve sempre muito longe de qualquer uma das privadas. O debate do “É Ou Não É?” era a aposta da estação pública que, nesta faixa de confronto, se fixou nos 2.2 de rating, 4.8% de share e 211.700 espectadores fidelizados.

A novela começar mais cedo e colada a "BMQ" está a dar frutos. A novela também parece estar a estabilizar! 

Venha @Duarte! Este momento é seu! :vip:

Edited by Poderoso TV!
  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

há 3 horas, FLP disse:

O Daniel tem que manter a linha das 19 com novelas. Perder este embalo agora é um erro enorme. As experiencias sociais nao garantem uma continuidade ( podem haver sucessos como outras que perdem gás). Mas também se coloca um problema: a escolha de uma novela que entregue garantias de funcionar na sequencia de EMB. Não vai ser fácil. Td bem que o publico nao rejeitou VaV quando nada fazia acreditar que funcionasse minimamente, mas uma inédita - ou semi - ( do acervo da Globo, visto que as inéditas ainda nao estao em velocidade cruzeiro) das disponiveis, poucas são de claramente boas opçoes. 

Eu não concordo com novelas às 19h sempre. Mas podem recorrer a elas quando não houver entretenimento com diários...

Acho que podem ir alternando novelas com o "Casados" e o "Agricultor". Mas este ano por causa da pandemia, eu vinha com outra novela a seguir a "Êta Mundo Bom".

Parece-me que o "Hells" não terá diários. E para serem de 30 minutos é melhor não ter.

A SIC ainda tem boas opções de novelas semi inéditas... "Flor do Caribe", "Boogie Oogie", "Rock Story", "Além do Tempo", "Pega Pega", "Tempo de Amar", "Deus Salve o Rei", "Éramos Seis", "Verão 90".

Todas boas opções para as 19h na minha opinião. Porque vi e gostei delas.

Portanto às 18h ficam reposições.

Às 19h entretenimento sempre que houver. Senão novela.

Link to comment
Share on other sites

há 38 minutos, JMML disse:

Eu não concordo com novelas às 19h sempre. Mas podem recorrer a elas quando não houver entretenimento com diários...

Acho que podem ir alternando novelas com o "Casados" e o "Agricultor". Mas este ano por causa da pandemia, eu vinha com outra novela a seguir a "Êta Mundo Bom".

Parece-me que o "Hells" não terá diários. E para serem de 30 minutos é melhor não ter.

A SIC ainda tem boas opções de novelas semi inéditas... "Flor do Caribe", "Boogie Oogie", "Rock Story", "Além do Tempo", "Pega Pega", "Tempo de Amar", "Deus Salve o Rei", "Éramos Seis", "Verão 90".

Todas boas opções para as 19h na minha opinião. Porque vi e gostei delas.

Portanto às 18h ficam reposições.

Às 19h entretenimento sempre que houver. Senão novela.

As novelas nao podem ser usados "quando for preciso". Uma novela até pegar, pena horrores e depois de alcançar um sucesso relativo ser interrompida a sequencia, faz com que a que ocupe o horario futuramente volte a passar as passas do algarve. Ou apostam em entretenimento fixo, ou em novelas. As alternâncias nao levam a estabilidade.

  • Like 3
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

há 40 minutos, FLP disse:

As novelas nao podem ser usados "quando for preciso". Uma novela até pegar, pena horrores e depois de alcançar um sucesso relativo ser interrompida a sequencia, faz com que a que ocupe o horario futuramente volte a passar as passas do algarve. Ou apostam em entretenimento fixo, ou em novelas. As alternâncias nao levam a estabilidade.

Não concordo de todo com o teu argumento da estabilidade.

A SIC conseguiu estabilidade com o "Casados" e com o "Agricultor"... Mas "O Carro do Amor", "Amigos Improváveis" e "Prémio de Sonho" tremeram.

Com novelas pode acontecer a mesma coisa... "Êta Mundo Bom" é um sucesso, mas a próxima pode não pegar e afundar o horário... Nem todas as novelas tem o mesmo desenpenho! A SIC já teve novelas bem diferentes ao fim da tarde e todas floparam... "Em Familia", "Babilônia", "Haja Coração", "Novo Mundo"...

Portanto, para não quebrar o sucesso não basta ter mais do mesmo. Nada indica que se viesse um "Casados" não seria um sucesso. Como nada indica que se vier uma novela seja um sucesso. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 7 horas, EFernando disse:

Vocês aí a surtar com os valores e a esquecerem-se que estamos a meio de um confinamento onde os valores estão inflacionados até dizer chega. 

Está inflacionado o rating, ou seja à mais pessoal a consumir, mas os shares estão mais fracos, porque há muita dispersão de público nos vários canais e programas, e isso reflete na média diária, que é feita a partir do share. 

Link to comment
Share on other sites

há 34 minutos, Dinis F. disse:

Está inflacionado o rating, ou seja à  (há) mais pessoal a consumir, mas os shares estão mais fracos, porque há muita dispersão de público nos vários canais e programas, e isso reflete-se na média diária, que é feita a partir do share. 

Fica a correção ?

  • Love 1
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

há 1 hora, JMML disse:

Não concordo de todo com o teu argumento da estabilidade.

A SIC conseguiu estabilidade com o "Casados" e com o "Agricultor"... Mas "O Carro do Amor", "Amigos Improváveis" e "Prémio de Sonho" tremeram.

Com novelas pode acontecer a mesma coisa... "Êta Mundo Bom" é um sucesso, mas a próxima pode não pegar e afundar o horário... Nem todas as novelas tem o mesmo desenpenho! A SIC já teve novelas bem diferentes ao fim da tarde e todas floparam... "Em Familia", "Babilônia", "Haja Coração", "Novo Mundo"...

Portanto, para não quebrar o sucesso não basta ter mais do mesmo. Nada indica que se viesse um "Casados" não seria um sucesso. Como nada indica que se vier uma novela seja um sucesso. 

Eu percebo o que dizes, mas não considero o mais eficaz. As opçoes de diarios das expriencias foram parar as 19 porque havia uma necessidade de preencher horario. Tanto que assim que houve necessidade de remanejar os produtos, saltaram porque já havia uma alternativa ( que nao havia antes, porque a aposta numa novela ali do nada seria um investimento arriscado com poucas garantias imediátas) que era a novela AaV, que tendo feito um caminho razoavel, se nao tivesse sido o confinamento na sua fase do meio para o fim, dificilmente tinha agarrado uma fatia de publico qque se manteve até hoje e com o qual a SIC pode ir gerindo, com maior sucesso ou com valores mais modestos, um bom inicio de noite. Reconquistada essa base de publico, não há necessidade nenhuma de andarem a testar formatos no horario - não dá para andarem a intercalar o agricultor com o casados ad-eternum e novos formatos podem gerar muito maior oscilaçao que novelas. 

Nao podemos chamar a equaçao as novelas citadas, dado que estavamos em periodo de queda a pique da SIC, por multiplas razões. A SIC tb teve novelas muito diferentes ao fim da tarde e todas com sucesso, como Caras e Bocas, Escrito nas Estrelas, Tititi, Fina Estampa..etc. è uma questao de fidelizaçao de publico, que pode obviamente tb correr mal e fazerem escolha errada e arruinar o horario, mas isso é como tudo. 

Principalmente, considero que dada aa gestao financeira que leva a uma utilizaçao muito moderada de produtos, prefiro e acho muito mais interessante usarem os programas a preencher horarios que não devem ter novelas, como os fins de semana em horario nobre, pós horario nobre.. fiinal da tarde ou até mesmo terem outras opçoes no horario da meia noite, onde uma novela é, ai sim, dispensáavel.

 

 

  • Like 2
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

há 9 minutos, FLP disse:

Eu percebo o que dizes, mas não considero o mais eficaz. As opçoes de diarios das expriencias foram parar as 19 porque havia uma necessidade de preencher horario. Tanto que assim que houve necessidade de remanejar os produtos, saltaram porque já havia uma alternativa ( que nao havia antes, porque a aposta numa novela ali do nada seria um investimento arriscado com poucas garantias imediátas) que era a novela AaV, que tendo feito um caminho razoavel, se nao tivesse sido o confinamento na sua fase do meio para o fim, dificilmente tinha agarrado uma fatia de publico qque se manteve até hoje e com o qual a SIC pode ir gerindo, com maior sucesso ou com valores mais modestos, um bom inicio de noite. Reconquistada essa base de publico, não há necessidade nenhuma de andarem a testar formatos no horario - não dá para andarem a intercalar o agricultor com o casados ad-eternum e novos formatos podem gerar muito maior oscilaçao que novelas. 

Nao podemos chamar a equaçao as novelas citadas, dado que estavamos em periodo de queda a pique da SIC, por multiplas razões. A SIC tb teve novelas muito diferentes ao fim da tarde e todas com sucesso, como Caras e Bocas, Escrito nas Estrelas, Tititi, Fina Estampa..etc. è uma questao de fidelizaçao de publico, que pode obviamente tb correr mal e fazerem escolha errada e arruinar o horario, mas isso é como tudo. 

Principalmente, considero que dada aa gestao financeira que leva a uma utilizaçao muito moderada de produtos, prefiro e acho muito mais interessante usarem os programas a preencher horarios que não devem ter novelas, como os fins de semana em horario nobre, pós horario nobre.. fiinal da tarde ou até mesmo terem outras opçoes no horario da meia noite, onde uma novela é, ai sim, dispensáavel.

Já estamos é a fazer off tópico... ?

Mas para concluir, também entendo o que dizes. Não concordo inteiramente. Vamos ver.

  • Love 1
Link to comment
Share on other sites

há 6 horas, JMML disse:

Não concordo de todo com o teu argumento da estabilidade.

A SIC conseguiu estabilidade com o "Casados" e com o "Agricultor"... Mas "O Carro do Amor", "Amigos Improváveis" e "Prémio de Sonho" tremeram.

Com novelas pode acontecer a mesma coisa... "Êta Mundo Bom" é um sucesso, mas a próxima pode não pegar e afundar o horário... Nem todas as novelas tem o mesmo desenpenho! A SIC já teve novelas bem diferentes ao fim da tarde e todas floparam... "Em Familia", "Babilônia", "Haja Coração", "Novo Mundo"...

Nem todas as novelas brasileiras que a Sic teve ao fim da tarde floparam. Longe disso. O historial até é composto na sua grande maioria por casos de sucesso. E os exemplos que resolveste citar como termo de comparação parecem-me algo enviezados e pouco enquadrados com a realidade. Na estratégia seguida actualmente pela Sic o fim de tarde (18-20h) é encarado como um todo, como um bloco compacto, ocupado pela Globo. Muito semelhante a um periodo de ouro da Sic em que não faltam exemplos de novelas brasileiras de sucesso nos finais de tarde (e que te esqueceste de referir). E um pouco diferente dum periodo de má gestão onde os finais de tarde foram algo negligenciados e pouco articulados no seu todo (18-20h).

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 7 horas, Vtv disse:

Nem todas as novelas brasileiras que a Sic teve ao fim da tarde floparam. Longe disso. O historial até é composto na sua grande maioria por casos de sucesso. E os exemplos que resolveste citar como termo de comparação parecem-me algo enviezados e pouco enquadrados com a realidade. Na estratégia seguida actualmente pela Sic o fim de tarde (18-20h) é encarado como um todo, como um bloco compacto, ocupado pela Globo. Muito semelhante a um periodo de ouro da Sic em que não faltam exemplos de novelas brasileiras de sucesso nos finais de tarde (e que te esqueceste de referir). E um pouco diferente dum periodo de má gestão onde os finais de tarde foram algo negligenciados e pouco articulados no seu todo (18-20h).

Eu sei disso tudo.

O que eu referi, foi enquadrado no meu pensamento que está explícito no texto antes. Que tu retiraste do meu contexto e isolaste.

É claro que a SIC até tem um histórico de novelas de sucesso maior do que flop. Mas eu quis dizer que... Pode haver um fracasso nas novelas como também pode haver um fracasso no entretenimento!

Link to comment
Share on other sites

há 11 minutos, JMML disse:

Eu sei disso tudo.

O que eu referi, foi enquadrado no meu pensamento que está explícito no texto antes. Que tu retiraste do meu contexto e isolaste.

Não retirei nem isolei nada. Apenas destaquei em jeito de sumário. Porque no texto antes só olhas especificamente para a faixa das 19, não relacionando o sucesso desse horário em conjugação com a faixa anterior. E essa falta de visão para o horário das 18 foi justamente um dos erros da Sic em determinadas fases, e em boa parte contribuiu para o afundanço das 19. Por isso escrevi que pegar em vários exemplos de novelas que foram fracassos às 19h numa fase em que a faixa das 18h não estava a ser tratada convenientemente (quase menosprezada) não deveria ser usado como termo de comparação com a fase em que as experiências sociais conseguiram a tal estabilidade de que falas, e nem com a fase actual. Porque são realidades pouco semelhantes.

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 39 minutos, Vtv disse:

Não retirei nem isolei nada. Apenas destaquei em jeito de sumário. Porque no texto antes só olhas especificamente para a faixa das 19, não relacionando o sucesso desse horário em conjugação com a faixa anterior. E essa falta de visão para o horário das 18 foi justamente um dos erros da Sic em determinadas fases, e em boa parte contribuiu para o afundanço das 19. Por isso escrevi que pegar em vários exemplos de novelas que foram fracassos às 19h numa fase em que a faixa das 18h não estava a ser tratada convenientemente (quase menosprezada) não deveria ser usado como termo de comparação com a fase em que as experiências sociais conseguiram a tal estabilidade de que falas, e nem com a fase actual. Porque são realidades pouco semelhantes.

 

Falei da faixa das 19h porque era o assunto que estávamos a falar...

Mas obviamente que é uma estratégia integrada o horário das 18h e 19h!

Mas a estratégia do Daniel para esse bloco não foi 2 novelas. Foi novela e entretenimento. Agora é que a estratégia inicial foi redirecionada.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 1 hora, JMML disse:

Falei da faixa das 19h porque era o assunto que estávamos a falar...

Mas obviamente que é uma estratégia integrada o horário das 18h e 19h!

Sim, mas volto a dizer que acho que a escolha dos exemplos citados foi enviezada. E acho que já entendeste o porquê de eu dizer isto.

 

há 1 hora, JMML disse:

Mas a estratégia do Daniel para esse bloco não foi 2 novelas. Foi novela e entretenimento. Agora é que a estratégia inicial foi redirecionada.

Daniel Oliveira iniciou uma reconstrução total dos fins de tarde (que estavam no lodo). E fê-lo de forma concertada, olhando para o bloco 18-20h de forma conjugada, em articulação. E claro que não poderia ter começado logo com 2 novelas. As coisas constroem-se; não aparecem já feitas, do nada. Nessa altura a Globo não atravessava os melhores dias na antena da Sic. Tinha sido subvalorizada e tapada pela anterior direção, e o seu peso e importância eram mínimos, quer em termos de audiências, quer em termos de presença na grelha (havia apenas um produto em exibição). Era necessário, primeiro que tudo, reabilitar a Globo,  devolver-lhe algum brilho e torná-la relevante para a Sic. E isso não poderia ser feito apressadamente, dum momento para o outro, mas sim de forma trabalhada, gradual e progressiva. E é inegável que isso foi conseguido. Olhe-se para a grelha e audiências hoje, e olhe-se para as de 2018. (...e olhe-se para o percurso entre os 2 pontos)

Edited by Vtv
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

há 16 minutos, Vtv disse:

Sim, mas volto a dizer que acho que a escolha dos exemplos citados foi enviezada. E acho que já entendeste o porquê de eu dizer isto.

 

Daniel Oliveira iniciou uma reconstrução total dos fins de tarde (que estavam no lodo). E fê-lo de forma concertada, olhando para o bloco 18-20h de forma conjugada, em articulação. E claro que não poderia ter começado logo com 2 novelas. As coisas constroem-se; não aparecem já feitas. Nessa altura a Globo não atravessava os melhores dias na antena da Sic. Tinha sido subvalorizada e tapada pela anterior direção, e o seu peso e importância eram mínimos, quer em termos de audiências, quer em termos de presença na grelha (havia apenas um produto em exibição). Era necessário, primeiro que tudo, reabilitar a Globo,  devolver-lhe algum brilho e torná-la relevante para a Sic. E isso não poderia ser feito apressadamente, dum momento para o outro, mas sim de forma trabalhada, gradual e progressiva. E é inegável que isso foi conseguido. Olhe-se para a grelha e audiências hoje, e olhe-se para as de 2018. (...e olhe-se para o percurso entre os 2 pontos)

Sim, os exemplos que citei foram flops inseridos no flop que era a SIC à época...

Muito provavelmente se "Em Família" ou "Babilônia" dessem agora às 18h tinham muito melhores audiências...

Link to comment
Share on other sites

Alguns dados adicionais:

Golos - Boavista x Sporting (CMTV, 21h14) - 1,9 / 3,5
Duelo Final - Boavista x Sporting (CMTV, 23h02) - 1,6/3,4
Liga d'Ouro (CMTV, 23h08) - 2,4/6,8
Notícias CM (1h29) - 1,2 / 9,8

Edição do Meio Dia (SICN, 10h) - 0,9/4,8
Opinião Pública - 1,0 / 3,8
Edição do Meio Dia (12h) - 1,3 / 4,0

Notícias 3 às 10 (RTP3) - 0,6 / 3,0

Desencontros (RTP Memória, 17h01) - 0,3/0,8
Magnum, P.I. (20h11) - 0,5/0,9
Os Imortais (21h) - 0,6/0,9
Uma Família às Direitas (21h50) - 0,4/0,7
Liberdade 21 (22h15) - 0,3/0,5
Voo Directo (23h13) - 0,1/0,3

  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...