Jump to content

New Amsterdam [NBC]


Diogo_M
 Share

Recommended Posts

Hidden Content

    Sign in or sign up to see the hidden content.

Inspirado pelo Bellevue, o hospital público mais antigo dos Estados Unidos, o drama médico New Amsterdam segue o brilhante e encantador Dr. Max Goodwin, o mais recente diretor médico da instituição, que se propõe a acabar com a burocracia e fornecer cuidados excepcionais. Sem aceitar “não” como resposta, o Dr. Goodwin desestabiliza o status quo e faz de tudo para dar nova vida a esse hospital carente, subestimado e de poucos recursos – mesmo sendo o único no mundo capaz de tratar pacientes de Ebola, prisioneiros de Rikers e o Presidente dos Estados Unidos sob o mesmo teto - e devolvê-lo à glória que o colocou no mapa.

No elenco estão: Ryan Eggold (The Blacklist), Janet Montgomery (Salem), Freema Agyeman (Sense8, Doctor Who), Anupam Kher (Sense8), Tyler Labine (Reaper), Jocko Sims (The Last Ship).

 

Link to comment
Share on other sites

  • 5 weeks later...
há 44 minutos, Diogo_M disse:

Amo que a estreia tbm tenha hitado com 1.9 :cryhappy: Este momento é nossoooooo, @Gabriel_C

Mais um smash para o melhor canal americano e não choca

Enquanto isso outras séries médicas regressam com series low

No final, o bem sempre vence

Hidden Content

    Sign in or sign up to see the hidden content.

  • Love 1
Link to comment
Share on other sites

há 4 horas, TheSecret disse:

É boa a série? 

A NBC este ano está a ir com tudo, está cheia de hits

Porra, vejam todos isto! Eu vi o episódio há um bocadinho e que HINO, isto está super bom. New Amsterdam, escolhi te amar.

Logo eu que estava com um hate à série porque nem o trailer nem a sinopse me tinham prendido. :cryhappy:

 

Link to comment
Share on other sites

há 1 minuto, HugoMiguel disse:

Então se manca que vou tirar 1 valor a cada episódio de POI. Depois quero ver o dado :fancy:

Vai ficar com a mesma média que Lost então. Duas séries que provam que você é uma anta que não consegue reconhecer qualidade.

Edited by Gabriel_C
Link to comment
Share on other sites

há 7 minutos, Gabriel_C disse:

Vai ficar com a mesma média que Lost então. Duas séries que provam que você é uma anta que não consegue reconhecer qualidade.

HÁ SEMANAS QUE ESPERO POR ESTE MOMENTO! Chupa sua anta, já mudei a nota de Lost há semanas e esperava esse ataque para te atirar à cara que Lost está com média de 9.02. AAAAAAAAA ESTE MOMENTO É MEEEEEEU

Link to comment
Share on other sites

há 20 minutos, HugoMiguel disse:

HÁ SEMANAS QUE ESPERO POR ESTE MOMENTO! Chupa sua anta, já mudei a nota de Lost há semanas e esperava esse ataque para te atirar à cara que Lost está com média de 9.02. AAAAAAAAA ESTE MOMENTO É MEEEEEEU

Nada vai apagar já ter estado com média inferior a 7. Só significa que ganhaste dois dedos de testa. kkqmico.png

Link to comment
Share on other sites

há 3 minutos, Gabriel_C disse:

Nada vai apagar já ter estado com média inferior a 7. Só significa que ganhaste dois dedos de testa. kkqmico.png

Eu vou tanto matar-te que olha, nem sei o que dizer. E nada vai apagar o facto de achares Single Parents a melhor estreia da fall.

  • LOL 1
Link to comment
Share on other sites

há 4 minutos, HugoMiguel disse:

Eu vou tanto matar-te que olha, nem sei o que dizer. E nada vai apagar o facto de achares Single Parents a melhor estreia da fall.

Lamento mas a melhor estreia do fall foi You. Pode ir ver ao meu projeto fall season.

Link to comment
Share on other sites

  • 1 year later...
  • 1 year later...
  • 3 months later...

Bem, depois de uma segunda temporada em que, em minha opinião, a série se perdeu um bocadinho, esta terceira temporada está óptima. Quase desisti disto na segunda temporada porque me parecia ter muita coisa para encher. Nesta T3 sinto que retomaram o espírito original adoro particularmente a forma como a série olha e aborda alguns dos temas mais estruturantes e fraturantes do nosso tempo e, sobre todos eles (seja as alterações climáticas, o racismo, etc.), conclui pelo menos uma coisa: nãose resolvem problemas complexos com soluções simples e simplistas ou imediatas. Em vários episódios, vemos o Max a tentar mudar o mundo (como fazia na T1, embora aí fosse de uma forma mais fechada, circunscrita à realidade da prestação de cuidados de saúde nos EUA), mas ele acaba sempre por perceber que, além de sozinho não conseguir mudar nada, grande parte das soluções que encontra para resolver o problema não mais são que meros remendos ou tentativas bondosas que não resolvem o problema verdadeiramente. Para quem gosta do drama médico puro e duro, encontrará garantidamente em Anatomia de Grey ou em The Resident uma alternativa melhor a New Amsterdam. Porém, o que me faz gostar mesmo desta série (e o que a acaba por tornar única) é a forma singular como nos tenta pôr a pensar sobre os problemas do nosso tempo e, mais importante ainda, nos convoca a refletir sobre o caminho e a forma como, com o imediatismo contemporâneo que nos pressiona, tentamos resolver esses problemas.

Em termos narrativos, só se constata que esta série se baseia na premissa do caos. O fim do último episódio afirma-o mais uma vez.

Edited by Tomás_RL
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...