Diana

Óbitos

1421 posts neste tópico

Morreu o cantor Michael Jackson

25 de Junho de 2009, 23:34

O cantor Michael Jackson, de 50 anos, morreu esta quinta-feira depois de sofrer uma paragem cardíaca, informou o site americano dedicado às celebridades TMZ. Segundo a informação disponível, Jackson sofreu um enfarte na tarde de hoje e os paramédicos já não conseguiram reanimá-lo.

Em declarações ao site TMZ vários familiares de Michael Jackson afirmaram que, antes de ser levado para o hospital, Jackson encontrava-se num estado muito crítico. Não é conhecido qualquer relatório clínico e alguns órgãos de comunicação não conseguem garantir junto de fontes hospitalares que o falecimento tenha ocorrido.

Para o próximo mês estava prevista uma digressão de Michael Jackson em Londres.

A série de concertos «This Is It!» começava a 13 de Julho de 2009 e terminava a 6 de Março de 2010.

Em Março, tinham esgotado os primeiros 750 mil bilhetes.

Devido a vários rumores sobre o estado de saúde de Michael Jackson, a pedido da produtora dos espectáculos em Londres o cantor foi sujeito a vários exames médicos.

Esta semana o jornal britânico The Sun revelou que Michael Jackson sofria de cancro na pele.

SAPO/AFP

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Acabei de ver a noticia agora na SIC, alías a emissão foi interrompida.

Segundo o noticiado foi o proprio MIckael Jachson que chamou os paramédicos, ainda o levaram para um hospital em Los Angeles mas não puderam fazer nada.

Morreu um grande vulto da Musica Mundial.

O seu estilo inconfundivel marcou uma geração.

Conhecido mundialmente pelos boms e pelos maus motivos.

O seu nome esteve ligado a várias causas e campanhas humanitárias.

Ultimamente os escandslos ligados ás suas tendencias sexuais deixaram-no em más situações financeiras, os concertos iam servir para equilibrar as coisas, agora já não interessam para nada.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Michael Jackson não morreu, porque morrer é esquecer, e o Michael Jackson nunca vai morrer por mais anos que dure, as suas musicas vão continuar a passar de gerações em gerações.

Sim o grande cantor que se perdeu-se fisicamente.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Polícia procura médico de Jackson

Fontes próximas do cantor dizem que Michael Jackson reagiu mal a uma injecção para as dores. O advogado confirmou o uso de medicamentos e comparou o caso à morte de Anne Nicole-Smith, vítima de “overdose” de medicamentos. A Polícia revistou e isolou a casa do cantor.

O gabinete do médico legista de Los Angeles anunciou que já começou a ser feita a autópsia ao corpo de Michael Jackson, que morreu, esta quinta-feira, alegadamente vítima de paragem cardíaca.

Segundo o site TMZ, o médico Lakshmanan Sathyavagiswaran está a conduzir a autópsia. É um médico já conhecido dos americanos, pois foi testemunha no julgamento de OJ Simpson.

Segundo o gabinete do médico legista, só este exame pericial não vai servir para esclarecer a morte, cada vez mais suspeita, de Michael Jackson. "Vamos proceder a exames toxicológicos e a uma exame rigoroso e intensivo. Os resultados poderão estar disponíveis dentro de seis a oito semanas", disse Ed Winter, porta-voz do Instituto Médico Legal de Los Angeles.

Injecção para as dores terá sido fatal

O jornal “The Sun” revela que assessores de Jackson terão dito aos médicos de serviço de emergência do Hospital Universitário de Los Angeles que o cantor entrou em colapso após uma injecção para as dores, depois de um ensaio para os concertos de Londres. “Pouco depois de tomar Demerol, começou a respirar lentamente e com dificuldades”, conta o tablóide britânico, citando uma fonte próxima do artista. “Começou a respirar cada vez mais lentamente, até que parou”, acrescentou.

Segundo o site TMZ, especializado em notícias sobre celebridades e o primeiro a avançar, quinta-feira, com a morte de Jackson, a polícia está à procura do médico que vivia com o artista. Supõe-se que esse clínico estaria com o cantor quanto este se sentiu mal e necessitou de assistência.

O homem, cuja identidade ainda não foi divulgada, está desaparecido. A polícia rebocou, da casa de Jackson, um BMW cinzento, alegadamente pertença do médico que terá dado a injecção ao cantor, pouco antes de este entrar em colapso, revela o site TMZ.

Família estava preocupada com a morfina

O "Daily Telegraph", citando fontes não especificadas próximas da família, diz que os familiares estavam preocupados com a quantidade, crescente, de morfina que Michael Jackson estava a tomar. O Demerol, medicamente alegadamente injectado ao cantor pouco antes da morte, é um poderoso medicamento para as dores, à base de morfina.

Revelações que entroncam na polémica lançada pelas declarações, à CNN, de Brian Oxman, advogado da família Jackson. “O uso de medicamentos estava a interferir com a vida dele. As lesões que sofreu ao actuar, nomeadamente a vértebra partida e a perna partida numa queda do palco, estavam a atrapalhar”, argumentou.

“Não quero apontar o dedo a ninguém porque quero esperar pelo relatório de toxicologia e ouvir o que o médico legista tem para dizer, mas é um facto que Michael Jackson tinha receitas para medicamentos à disposição sempre que queria”, disse o advogado Brian Oxman, ao programa da CBS "The Early Show". “Já tinha avisado toda a gente que isto um dia poderia acontecer, que o Michael Jackson um dia poderia acordar morto, o que é uma forma estranha de dizer as coisas...”

"As pessoas que o acompanhavam permitiram-lhe ter acesso (a medicamentos). Se pensam que houve abusos no caso de Anne Nicole Smith, isso não é nada ao lado de que vimos na vida de Michael Jackson", acrescentou.

A antiga estrela e manequim da Playboy morreu em 2007, aos 39 anos, após uma "overdose" de medicamentos. Dois médicos e o advogado de Anne Nicole Smith são acusados, na Califórnia, por lhe terem dado, indevidamente, acesso a medicamentos.

"Não conheço a quantidade dos medicamentos que tomava, mas o que percebi pela família é que era significativa", acrescentou Oxman, referindo-se à morte, aos 50 anos, daquele que era conhecido como o "rei da Pop".

Resultados a exames toxicológicos fundamentais

A autópsia ao corpo de Michael Jackson foi marcada para esta sexta-feira, em Los Angeles. O corpo foi transportado de helicóptero do hospital para o instituto de Medicina Legal, mas as autoridades norte-americanas avisam que podem ser precisos vários dias para determinar, ao certo, a causa da morte do cantor.

A conclusão da autópsia, envolta já em alguma suspeita, só será conhecida após os resultados dos exames toxicológicos. Estes testes pretendem aferir se Jackson estava a tomar algum tipo de drogas, álcool ou mesmo se consumia alguma medicação prescrita legalmente.

Detectives do Departamento de Roubo e Homicídios da Polícia de Los Angeles revistaram a casa de “Jacko” em Holmby Hills, a pedido do chefe William Bratton. Uma “operação de rotina”, especificaram fontes policiais, citadas pela Agência Reuters.

Amigo "culpa" o stresse dos concertos

A morte "do rei da Pop" aconteceu quando o cantor treinava intensamente para o regresso aos palcos, este Verão, em Londres, com 50 concertos, o primeiro a 13 de Julho.

No fim de Maio, os organizadores anunciaram que o lançamento da série de concertos foi adiado alguns dias em Julho, assegurando contudo que esse facto não tinha "nada a ver" com o estado de saúde da estrela. No entanto

"Penso que o stress, a ansiedade e a paixão que mostrava, querendo fazer do seu regresso um êxito, o venceram (...) Talvez o stress o tenha morto, é o que penso", disse Uri Geller. Em declarações à BBC, o animador israelita, famoso pela sua aparente facilidade em torcer colheres perante as câmaras, utilizando apenas a força da mente, disse estar “destruído” pela morte de Jackson.

"Tento ainda guardar uma fraca esperança de que não seja verdade. É demasiado irreal para mim assimilar que Michael já não está connosco", acrescentou Uri Geller, que teve Jackson como testemunha quando renovou os votos de casamento, em 2001.

Morte não surpreende antigo porta-voz

Um antigo porta-voz de Jackson, Michael Levine, afirmou "não estar surpreendido" pela morte do cantor. "Devo confessar que não fiquei surpreendido pela notícia trágica de hoje", indicou numa mensagem de correio electrónico.

"O Michael seguiu um caminho incrivelmente difícil e muitas vezes de autodestruição. O seu talento era indiscutível mas o seu desconforto relativamente às regras deste Mundo também o era. Um ser humano não pode suportar tal nível de stress", acrescentou.

A morte de Jackson, adiante o jornal "Los Angels Times", vai ser investigada por uma brigada de homicídios. Aparentemente, um procedimento comum, quando se trata da morte de figuras públicas.

ng1161445.jpg

FONTE

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

é uma grande perda para a música no geral, ontem fiquei preplexo a olhar para o ecrã da SIC Notícias, tal foi a surpresa da notícia. Ontem foi um dia mau, morreu Farrah Fawcett e Michael Jackson...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

É realmente uma perda grande para a música internacional, morre o rei da pop...por muito que não se gostasse do estilo todos nos iremos lembrar de Thriller ou Billie Jean...

Eu ouvia muito Michael Jackson por influência até dos meus irmãos...e gosto! Morre um vulto de peso da música mas vai continuar a morar no coração de todos os seus fãs...

Acho que essa é a melhor homenagem que lhe podem prestar...ouvir as músicas dele e prestar dessa forma tributo a esse grande cantor que marca gerações!

RIP Michael...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Eu tenho um vinyl do Michael Jackson que hoje poderia vender por um bom dinheiro,superior ao que eles custam...

Prefiro ter para recordar do que vender...

Se o médico agora for acusado por causa daquela injecção, estava a espera do quê?De não ser apanhado?Ainda por cima é uma pessoa bastante mediática, isto está me a parecer tipo caso maddie, dão lhe a injecção e depois não resistiu e já não sabem mais o que fazer.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Estive a ver a homenagem ao Michael Jackson...um tributo um pouco politizado pareceu-me...

Tirando discursos emocionados como o da Brooke Shields...que me pareceu sincero e o dos irmãos...era escusado terem posto a filha dele a falar...tadinha!

Não vi a cerimónia na totalidade mas do que vi foi francamente boa...era escusado a meu ver o corpo presente mas enfim...

O maior problema dele começa na infância com a pressão e com a fama a que foi sujeito, ele não teve tempo para ser criança...

Ninguém lhe tira o mérito de ter sido um génio da música pop e um criativo nato em coreografia...não fosse ele autor do moonwalk....

Espero que encontre a paz algures noutra vida! RIP Michael

Não sendo a morte dele suficiente, ainda fazem este circo total com a custódia das crianças, eu tenho mesmo pena delas porque quem vai sofrer no final de tudo são elas...

Já iria ser complicado esse crescimento sendo filhos de quem são mas com a morte do Michael tornou-se uma tarefa dificil...espero que se tornem excelentes seres humanos o que no meio daquela familia deve ser dificil...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Estive a ver uns videos e, de facto, era tão escusado a miúda ser sujeita àquilo.. :aggressive_mini: E o discurso da Brooke Shields foi muito bem feito! :popcorn:

OT: Encontrei um vid (há muitos) com o "fantasma" do MJ! Credo! Parece mesmo.. Para que me ponho a ver estas coisas! Aposto que hoje vou ter pesadelos! :rofl_mini:

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Agora ouve-se de tudo..

Penso que ele ainda não foi enterrado, está congelado à espera de saber se eles avançam com a investigação de homicídio ou não..

-- Terça, 04 Ago 2009 16:06 --

Michael Jackson candidato ao Nobel da Paz

Os fãs de Michael Jackson lançaram uma campanha online com o objectivo de propor Michael Jackson ao Nobel da Paz. A petição online já conta com mais de 15 mil assinaturas.

Já correm várias petições na Internet e duas mil pessoas já associaram o seu nome a esta campanha, que começou em Los Angeles, por iniciativa de uma estudante norueguesa, em 2007, Anneliese Nichole Brown.

Segundo a AFP, esta jovem espera "angariar" mais cem mil assinaturas. Uma outra petição, também online, já foi assinada por quinze mil pessoas. Estes fãs defendem que Michael Jackson deveria ser distinguido pelo seu trabalho a favor dos desfavorecidos e por toda uma vida dedicada ao bem-estar da humanidade.

Apesar de todo este esforço dos fãs de Michael Jackson, as nomeações para o Prémio Nobel da Paz não acontecem por vontade da opinião pública. Apenas membros de governos, professores e pessoas que já conquistaram o prémio podem sugerir nomes. Além disso, os prémios deixaram de poder ser atribuídos a título póstumo. As nomeações para o Nobel da Paz ocorrem em Setembro e os nomes dos nomeados são anunciados um mês depois, em Outubro.

Fonte

É que eu nem digo nada..

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Raul Solnado morreu este sábado aos 80 anos. O actor estava internado no hospital Santa Maria e esta manhã, pelas 10h50m, foi confirmado o óbito. Segundo informou o hospital, Solnado sucumbiu na sequência da evolução de um quadro clinico Cardio-Vascular grave.

No palco destacou-se como actor de mil faces, mas foi com as gargalhadas que Raul Solnado se tornou uma figura mítica do espectáculo. Um génio do humor que conseguiu pôr Portugal a rir de uma guerra sem sentido (com famosa rábula «a guerra de 1908»), numa altura em que a guerra colonial era um assunto tabu.

Gargalhadas que venceram uma guerra e que fizeram de Raul Solnado um recordista de vendas discográficas com um disco que nem canções tinha. O êxito dos monólogos «a guerra de 1908» e «a história da minha vida» foi de tal maneira que superou as vendas de Amália Rodrigues.

Raul Solnado assinou assim um tipo de humor nunca visto em Portugal, um humor que esgotou bilheteiras nas principais salas de espectáculo.

Fonte : Iol

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Grande humorista que hoje nos deixou! O melhor da sua época, pois iniciou um humor diferente daquele que era habitual em Portugal, muito mais inteligente! Tudo isto numa época conturbada, com muita censura...

As maiores condolências.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Estou a saber da notícia agora pelo TVU! :puppyeyes:

Perde-se realmente um grande vulto do humor nacional, um homem com um estilo inconfundivel e muito próprio...

Deixa um grande legado nomeadamente no que diz respeito à actriz Joana Solnado, que acho herdou o talento do avô...

RIP Raul Solnado... :cray_mini: :cray_mini:

-- Sábado, 08 Ago 2009 23:09 --

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!


Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!


Entrar agora