Jump to content

Audiências de quinta-feira [20/01/2022]


Diogo O.

Recommended Posts

há 15 minutos, Anonimo1 disse:

É engraçado perceber que foi com o BB em 2001 que a TVI começou a escalar a diferença nas audiências e 20 anos depois parece estar a acontecer o mesmo com este BB famosos.

Não façam novelas, please! O BB foi um programa revolucionário há 20 anos atrás, hoje em dia continua a poder funcionar muito bem, como tem provado com esta edição, mas não tem poder de mudar o hábito para um canal, no geral, nem pouco mais ou menos. 

  • Like 1
  • Thanks 2
Link to comment
Share on other sites

há 3 horas, pedroscunha disse:

O principal erro, para mim, foi ter estragado por completo o horário 18-20h.

Sim ele teve a oportunidade de ter uma liderança estável nesse horário durante muito tempo e estragou tudo com as experiências mirabolantes que inventou desde 2020. A culpa foi toda dele, agora resta aguentar e tentar resolver o problema. 

Link to comment
Share on other sites

ar :rofl: RAP continua muito bem. Diário do BB a fazer mais que AA :tv_scary:

Ontem foi a vez da campanha em mute passar na SIC :rofl::rofl::rofl: Zeraram às 19h tal e qual a TVI. Que mico :paperbag:
Ninguém na GFK resolve o problema?? Já deveriam de estar mais que preparados para situações sem som lol

há 4 minutos, RodrigoMarquês. disse:

Amanhã a SIC já ganha por dois pontos e volta tudo ao normal... Não vale a pena haver festa. Lol

É isto, basicamente :ph34r::rofl:

  • Like 2
  • Thanks 1
  • LOL 2
Link to comment
Share on other sites

1 hour ago, dankilaa said:

Não façam novelas, please! O BB foi um programa revolucionário há 20 anos atrás, hoje em dia continua a poder funcionar muito bem, como tem provado com esta edição, mas não tem poder de mudar o hábito para um canal, no geral, nem pouco mais ou menos. 

E foi só o BB 1 que fez mudar, mas também as novelas portuguesas como Jardins Proibidos e depois Olhos de Água e etc...

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Audiências. TVI domina tarde e tira liderança diária à SIC

Esta quinta-feira (20) correu de feição à TVI, que conseguiu ultrapassar a SIC e vencer o dia por sete décimas. A estação de Queluz manteve-se competitiva durante a manhã e o horário nobre, mas foi a liderança durante a maior parte da tarde que decidiu a vitória diária.

A TVI subiu aos 18,7% de share e passou a perna à SIC, que se situou nos 18% de quota de mercado. A RTP1 não foi além dos 10,9%, e a CMTV voltou a vencer entre os canais de cabo com 3,9%, segundo os dados da GfK.

Goucha conseguiu o melhor share do ano e venceu Júlia praticamente do início ao fim, cedendo a liderança apenas no intervalo e nos primeiros minutos da segunda parte. O talk show da TVI foi visto por 390 mil espectadores, correspondentes a 4,1% de audiência e 17,5% de share.

Júlia conseguiu uma média de 340 mil espectadores (3,6% / 14,7%), recuando para a audiência mais baixa do ano. Também A Nossa Tarde (1,5% / 7,5%) se destacou pela negativa, a registar mínimos de audiência e share na RTP1.

Antes de Goucha, também a reposição de A Única Mulher (4,1% / 19,1%) conseguiu recorde anual de share, vencendo por uma margem pouco habitual Linha Aberta (3,3% / 15,4%), que foi a mínimos. A RTP1, com Os Nossos Dias (1,9% / 8,7%), foi ultrapassada por alguns momentos pela CMTV.

Big Brother Famosos – Última Hora (7,4% / 18,9%) também bateu máximo de share e prolongou a liderança da TVI até às 19 horas, vencendo Orgulho & Paixão (6,6% / 17,2%) e Portugal em Direto (5% / 14,4%). Depois dos tempos de antena, a liderança no final da tarde voltou a ser de O Preço Certo (11,5% / 22,2%), enquanto o Diário (10,3% / 20%) do BB Famosos manteve-se perto do milhão de espectadores. Fina Estampa (7,8% / 15,5%) continua a marcar passo.

RAP volta a ser o mais visto do dia

Ricardo Araújo Pereira ocupou as duas primeiras posições do top, embora com alguma quebra face ao dia anterior. Cerca de 1 milhão e 255 mil espectadores viram a primeira parte de Isto é Gozar com Quem Trabalha – Especial Eleições, o que correspondeu a 13,2% de audiência e 24,2% de share.

Na segunda parte, a entrevista a João Oliveira foi vista em média por 1 milhão e 129 mil espectadores (11,9% / 22,9%). Isto é Gozar com quem Trabalha foi líder no horário, mas Festa é Festa (11,6% / 22,4%) aproveitou o intervalo entre as duas partes para ultrapassar a SIC.

Com 1 milhão e 103 mil espectadores, Festa é Festa III voltou a ser a novela mais vista do dia. Amor Amor Vol. 2 (10,2% / 22,1%), a ir para o ar mais tarde durante a campanha eleitoral, ficou praticamente empatada com Quero é Viver (10,1% / 22,2%). A novela da SIC, que ainda concorreu durante alguns minutos com Festa é Festa, falhou a liderança no seu horário por escassas décimas.

Num duelo menos renhido, A Serra (8,8% / 23,6%) não teve dificuldades em vencer Para Sempre (7,6% / 21,3%). Pela noite dentro, Big Brother Famosos – Extra (3,7% / 22%) conseguiu mais uma vitória contra as novelas Bom Sucesso (4,7% / 20,5%), que ainda conseguiu momentos de liderança, e Amor de Mãe (2,3% / 14,8%). Passadeira Vermelha (1,1% / 9,8%) também não ameaçou o reality show da TVI.

Outros destaques do dia

  • Primeiro Jornal (5,9% / 22,7%) continua líder incontestável à hora do almoço, mas caiu para os seus piores registos do ano, o que se refletiu nos resultados da tarde. Jornal da Uma (4,9% / 18,7%) e Jornal da Tarde (4,3% / 16,3%) ficaram mais próximos.
  • Casa Feliz (3,8% / 21,7%) foi líder durante a manhã mas teve Dois às 10 (3,6% / 20,6%) por perto. Cláudio Ramos e Maria Cerqueira Gomes, em substituição de Maria Botelho Moniz, conseguiram vencer a SIC na primeira parte do programa. Praça da Alegria (2% / 11,5%) manteve-se distante.
  • Novos mínimos para o 5 Para a Meia-Noite com Miguel Rocha, que não foi além de uma média de 79 mil espectadores (0,8% / 2,7%) e deixou a RTP1 a perder para a CMTV e a CNN Portugal em alguns momentos.
  • O debate para as Legislativas 2022 organizado pelas rádios foi transmitido em simultâneo na SIC Notícias (0,2% / 2,1%), RTP3 (0,3% / 2,4%) e CNN Portugal (0,3% / 2,4%), somando 0,8% de audiência e 6,9% de share. A CNN foi líder no segmento dos informativos, com 1,8% de share, contra 1,7% da SIC Notícias e 1,2% da RTP3.

EF

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

há 1 minuto, VascoSantos disse:

Audiências. TVI domina tarde e tira liderança diária à SIC

Esta quinta-feira (20) correu de feição à TVI, que conseguiu ultrapassar a SIC e vencer o dia por sete décimas. A estação de Queluz manteve-se competitiva durante a manhã e o horário nobre, mas foi a liderança durante a maior parte da tarde que decidiu a vitória diária.

A TVI subiu aos 18,7% de share e passou a perna à SIC, que se situou nos 18% de quota de mercado. A RTP1 não foi além dos 10,9%, e a CMTV voltou a vencer entre os canais de cabo com 3,9%, segundo os dados da GfK.

Goucha conseguiu o melhor share do ano e venceu Júlia praticamente do início ao fim, cedendo a liderança apenas no intervalo e nos primeiros minutos da segunda parte. O talk show da TVI foi visto por 390 mil espectadores, correspondentes a 4,1% de audiência e 17,5% de share.

Júlia conseguiu uma média de 340 mil espectadores (3,6% / 14,7%), recuando para a audiência mais baixa do ano. Também A Nossa Tarde (1,5% / 7,5%) se destacou pela negativa, a registar mínimos de audiência e share na RTP1.

Antes de Goucha, também a reposição de A Única Mulher (4,1% / 19,1%) conseguiu recorde anual de share, vencendo por uma margem pouco habitual Linha Aberta (3,3% / 15,4%), que foi a mínimos. A RTP1, com Os Nossos Dias (1,9% / 8,7%), foi ultrapassada por alguns momentos pela CMTV.

Big Brother Famosos – Última Hora (7,4% / 18,9%) também bateu máximo de share e prolongou a liderança da TVI até às 19 horas, vencendo Orgulho & Paixão (6,6% / 17,2%) e Portugal em Direto (5% / 14,4%). Depois dos tempos de antena, a liderança no final da tarde voltou a ser de O Preço Certo (11,5% / 22,2%), enquanto o Diário (10,3% / 20%) do BB Famosos manteve-se perto do milhão de espectadores. Fina Estampa (7,8% / 15,5%) continua a marcar passo.

RAP volta a ser o mais visto do dia

Ricardo Araújo Pereira ocupou as duas primeiras posições do top, embora com alguma quebra face ao dia anterior. Cerca de 1 milhão e 255 mil espectadores viram a primeira parte de Isto é Gozar com Quem Trabalha – Especial Eleições, o que correspondeu a 13,2% de audiência e 24,2% de share.

Na segunda parte, a entrevista a João Oliveira foi vista em média por 1 milhão e 129 mil espectadores (11,9% / 22,9%). Isto é Gozar com quem Trabalha foi líder no horário, mas Festa é Festa (11,6% / 22,4%) aproveitou o intervalo entre as duas partes para ultrapassar a SIC.

Com 1 milhão e 103 mil espectadores, Festa é Festa III voltou a ser a novela mais vista do dia. Amor Amor Vol. 2 (10,2% / 22,1%), a ir para o ar mais tarde durante a campanha eleitoral, ficou praticamente empatada com Quero é Viver (10,1% / 22,2%). A novela da SIC, que ainda concorreu durante alguns minutos com Festa é Festa, falhou a liderança no seu horário por escassas décimas.

Num duelo menos renhido, A Serra (8,8% / 23,6%) não teve dificuldades em vencer Para Sempre (7,6% / 21,3%). Pela noite dentro, Big Brother Famosos – Extra (3,7% / 22%) conseguiu mais uma vitória contra as novelas Bom Sucesso (4,7% / 20,5%), que ainda conseguiu momentos de liderança, e Amor de Mãe (2,3% / 14,8%). Passadeira Vermelha (1,1% / 9,8%) também não ameaçou o reality show da TVI.

Outros destaques do dia

  • Primeiro Jornal (5,9% / 22,7%) continua líder incontestável à hora do almoço, mas caiu para os seus piores registos do ano, o que se refletiu nos resultados da tarde. Jornal da Uma (4,9% / 18,7%) e Jornal da Tarde (4,3% / 16,3%) ficaram mais próximos.
  • Casa Feliz (3,8% / 21,7%) foi líder durante a manhã mas teve Dois às 10 (3,6% / 20,6%) por perto. Cláudio Ramos e Maria Cerqueira Gomes, em substituição de Maria Botelho Moniz, conseguiram vencer a SIC na primeira parte do programa. Praça da Alegria (2% / 11,5%) manteve-se distante.
  • Novos mínimos para o 5 Para a Meia-Noite com Miguel Rocha, que não foi além de uma média de 79 mil espectadores (0,8% / 2,7%) e deixou a RTP1 a perder para a CMTV e a CNN Portugal em alguns momentos.
  • O debate para as Legislativas 2022 organizado pelas rádios foi transmitido em simultâneo na SIC Notícias (0,2% / 2,1%), RTP3 (0,3% / 2,4%) e CNN Portugal (0,3% / 2,4%), somando 0,8% de audiência e 6,9% de share. A CNN foi líder no segmento dos informativos, com 1,8% de share, contra 1,7% da SIC Notícias e 1,2% da RTP3.

EF

A Única Mulher bastante bem! SIC com muitas dificuldades no final da tarde... 

Primeiro Jornal mais fraco. 

Bom Sucesso mais forte, mas BB muito bem. AdM melhor. :haha: BS inclusive ainda liderou frente ao BB pela curva.

Link to comment
Share on other sites

TVI muito bem a vencer o dia. E as duas partes do RAP foram os 2 programas mais vistos do dia. Se não tivessem dado a SIC perdia por mais de 1 ponto.

há 2 horas, MPombo disse:

Gente, é real. A TVI está a escalar a montanha ?

Só tenho pena por QeV! 

Se antes as novelas da SIC já começavam mais tarde, agora com o RAP ainda mais tarde começam. QéV concorre com AA.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

há 1 hora, Diogoo disse:

Conversas de outros sites são para ter tidos noutros sites :ball:

Pois eu sei, porque à uns anos levei pontos de aviso por causa disso. Mas acho isso uma regra bastante retrógrada, quase roça a ditadura, quer dizer post do dito site pode meter mas dizer simplesmente o nome já é contestado. 

  • LOL 1
Link to comment
Share on other sites

há 4 horas, RodrigoMarquês. disse:

Amanhã a SIC já ganha por dois pontos e volta tudo ao normal... Não vale a pena haver festa. Lol

:riso: Por dois pontos? Essa diferença é bem rara em dias da semana. 

Edited by DGA
Link to comment
Share on other sites

há 3 horas, VascoSantos disse:

Audiências. TVI domina tarde e tira liderança diária à SIC

Esta quinta-feira (20) correu de feição à TVI, que conseguiu ultrapassar a SIC e vencer o dia por sete décimas. A estação de Queluz manteve-se competitiva durante a manhã e o horário nobre, mas foi a liderança durante a maior parte da tarde que decidiu a vitória diária.

A TVI subiu aos 18,7% de share e passou a perna à SIC, que se situou nos 18% de quota de mercado. A RTP1 não foi além dos 10,9%, e a CMTV voltou a vencer entre os canais de cabo com 3,9%, segundo os dados da GfK.

Goucha conseguiu o melhor share do ano e venceu Júlia praticamente do início ao fim, cedendo a liderança apenas no intervalo e nos primeiros minutos da segunda parte. O talk show da TVI foi visto por 390 mil espectadores, correspondentes a 4,1% de audiência e 17,5% de share.

Júlia conseguiu uma média de 340 mil espectadores (3,6% / 14,7%), recuando para a audiência mais baixa do ano. Também A Nossa Tarde (1,5% / 7,5%) se destacou pela negativa, a registar mínimos de audiência e share na RTP1.

Antes de Goucha, também a reposição de A Única Mulher (4,1% / 19,1%) conseguiu recorde anual de share, vencendo por uma margem pouco habitual Linha Aberta (3,3% / 15,4%), que foi a mínimos. A RTP1, com Os Nossos Dias (1,9% / 8,7%), foi ultrapassada por alguns momentos pela CMTV.

Big Brother Famosos – Última Hora (7,4% / 18,9%) também bateu máximo de share e prolongou a liderança da TVI até às 19 horas, vencendo Orgulho & Paixão (6,6% / 17,2%) e Portugal em Direto (5% / 14,4%). Depois dos tempos de antena, a liderança no final da tarde voltou a ser de O Preço Certo (11,5% / 22,2%), enquanto o Diário (10,3% / 20%) do BB Famosos manteve-se perto do milhão de espectadores. Fina Estampa (7,8% / 15,5%) continua a marcar passo.

RAP volta a ser o mais visto do dia

Ricardo Araújo Pereira ocupou as duas primeiras posições do top, embora com alguma quebra face ao dia anterior. Cerca de 1 milhão e 255 mil espectadores viram a primeira parte de Isto é Gozar com Quem Trabalha – Especial Eleições, o que correspondeu a 13,2% de audiência e 24,2% de share.

Na segunda parte, a entrevista a João Oliveira foi vista em média por 1 milhão e 129 mil espectadores (11,9% / 22,9%). Isto é Gozar com quem Trabalha foi líder no horário, mas Festa é Festa (11,6% / 22,4%) aproveitou o intervalo entre as duas partes para ultrapassar a SIC.

Com 1 milhão e 103 mil espectadores, Festa é Festa III voltou a ser a novela mais vista do dia. Amor Amor Vol. 2 (10,2% / 22,1%), a ir para o ar mais tarde durante a campanha eleitoral, ficou praticamente empatada com Quero é Viver (10,1% / 22,2%). A novela da SIC, que ainda concorreu durante alguns minutos com Festa é Festa, falhou a liderança no seu horário por escassas décimas.

Num duelo menos renhido, A Serra (8,8% / 23,6%) não teve dificuldades em vencer Para Sempre (7,6% / 21,3%). Pela noite dentro, Big Brother Famosos – Extra (3,7% / 22%) conseguiu mais uma vitória contra as novelas Bom Sucesso (4,7% / 20,5%), que ainda conseguiu momentos de liderança, e Amor de Mãe (2,3% / 14,8%). Passadeira Vermelha (1,1% / 9,8%) também não ameaçou o reality show da TVI.

Outros destaques do dia

  • Primeiro Jornal (5,9% / 22,7%) continua líder incontestável à hora do almoço, mas caiu para os seus piores registos do ano, o que se refletiu nos resultados da tarde. Jornal da Uma (4,9% / 18,7%) e Jornal da Tarde (4,3% / 16,3%) ficaram mais próximos.
  • Casa Feliz (3,8% / 21,7%) foi líder durante a manhã mas teve Dois às 10 (3,6% / 20,6%) por perto. Cláudio Ramos e Maria Cerqueira Gomes, em substituição de Maria Botelho Moniz, conseguiram vencer a SIC na primeira parte do programa. Praça da Alegria (2% / 11,5%) manteve-se distante.
  • Novos mínimos para o 5 Para a Meia-Noite com Miguel Rocha, que não foi além de uma média de 79 mil espectadores (0,8% / 2,7%) e deixou a RTP1 a perder para a CMTV e a CNN Portugal em alguns momentos.
  • O debate para as Legislativas 2022 organizado pelas rádios foi transmitido em simultâneo na SIC Notícias (0,2% / 2,1%), RTP3 (0,3% / 2,4%) e CNN Portugal (0,3% / 2,4%), somando 0,8% de audiência e 6,9% de share. A CNN foi líder no segmento dos informativos, com 1,8% de share, contra 1,7% da SIC Notícias e 1,2% da RTP3.

EF

TVI para a SIC

ItuKx0m.gif

  • Like 2
  • Love 1
  • LOL 11
Link to comment
Share on other sites

há 8 horas, Dinis F. disse:

Hoje que a Tvi lidera por algum o Zap nem post faz, que pena.

Não foi o zapping. Mas acabei de ver isto no face e ri muito :riso:

https://www.atelevisao.com/sic/sic-fracassa-nas-audiencias-tres-programas-no-top-10-e-derrota-para-a-tvi/

Destaco claramente:

"E sem futebol, aquela justificação tantas vezes apontada para uma ou outra vitória da TVI." 

"SIC sem Informação já não é líder de audiências" 

"

Nos dias úteis de janeiro, se excluírmos a Informação, a estação de Queluz de Baixo sobe à liderança com uma média de meio ponto de vantagem.

Assim, em termos médios, de segunda a sexta-feira, com tudo incluído, a SIC regista 17,93% de share, enquanto a TVI se fixa nos 17,39%. Sem a Informação, o cenário inverte. 16,86% para a SIC e 17,37% para a TVI."

 

A Rita Ferro Rodrigues agora escreve po atv? 

:surpresa:

  • LOL 2
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...