Jump to content

Young Royals [Netflix]


Dimitri

Recommended Posts

E5OtGTeX0AAebO5.jpg:medium

A série acompanha jovem príncipe gay e a sua vida numa colégio interno. "Um jovem príncipe com um dilema ancestral: o amor ou o dever?", questiona a produção no slogan da série protagonizada por Edvin Ryding, jovem ator sueco que veste a pele do o Príncipe Wilhelm, o protagonista da história de "Young Royals".

  • Like 2
  • Love 2
Link to comment
Share on other sites

On 06/07/2021 at 10:07, CascasJr disse:

Provavelmente uma das mais bonitas séries que vi.

 

On 06/07/2021 at 11:45, Duarte com D disse:

Achei uma bosta. :bad:   

Quando vens tentar perceber se vale a pena ver e ainda ficas mais confuso :triste:

  • LOL 3
Link to comment
Share on other sites

há 55 minutos, Bruno disse:

Quando vens tentar perceber se vale a pena ver e ainda ficas mais confuso :triste:

Cada um com os sues gostos, eu não gostei, tu podes adorar. :p 

Provavelmente eu já nem sequer idade tenho para ver este tipo de series (vi por ser LGBT), e talvez por isso não tenha gostado. 

Eu já não tenho muita paciência para gatas borralheiras, e por lamber de botas a minorias tornando tudo irrealista. Já estou tão cansado de certos ativismos nas series, e ainda para mais nem discutem o assunto de forma pertinente. 

Edited by Duarte com D
Link to comment
Share on other sites

há 1 hora, Duarte com D disse:

Cada um com os sues gostos, eu não gostei, tu podes adorar. :p 

Provavelmente eu já nem sequer idade tenho para ver este tipo de series (vi por ser LGBT), e talvez por isso não tenha gostado. 

Eu já não tenho muita paciência para gatas borralheiras, e por lamber de botas a minorias tornando tudo irrealista. Já estou tão cansado de certos ativismos nas series, e ainda para mais nem discutem o assunto de forma pertinente. 

Eu sei que os gostos variam muito e não gostamos todos do mesmo, só achei graça ao contraste :mosking:

Quanto a essa parte do ativismo e irrealismo não percebi, mas talvez compreenda depois de ver a série.

Edited by Bruno
Link to comment
Share on other sites

há 3 horas, Bruno disse:

Quanto a essa parte do ativismo e irrealismo não percebi, mas talvez compreenda depois de ver a série.

É no geral que eu falo não só desta serie . Infelizmente acho que hoje me dia se perde tanto tempo a mostrar o quão as minorias são especiais, que perde-se o foco do problema, e não se aborda os temas de forma correta do "porquê" de serem "minorias" e marginalizados. Apenas gastam o tempo de tela a mostrar que porque são isto ou aquilo são belos, inteligentes, especiais, é uma graxa que para mim torna tudo irrealista, pois o mundo real não é assim... Talvez seja o objetivo desta e outras  series como ela, ser irreal e utópica e apenas um escape da realidade.

Eu prefiro algo como Euphoria, que realmente mostra o preconceito e os problemas que as minorias enfrentam, de uma forma crua e nua sem os colocarem num pedestal de ser especiais e mais que os outros ao seu redor.

Link to comment
Share on other sites

há 2 horas, Duarte com D disse:

É no geral que eu falo não só desta serie . Infelizmente acho que hoje me dia se perde tanto tempo a mostrar o quão as minorias são especiais, que perde-se o foco do problema, e não se aborda os temas de forma correta do "porquê" de serem "minorias" e marginalizados. Apenas gastam o tempo de tela a mostrar que porque são isto ou aquilo são belos, inteligentes, especiais, é uma graxa que para mim torna tudo irrealista, pois o mundo real não é assim... Talvez seja o objetivo desta e outras  series como ela, ser irreal e utópica e apenas um escape da realidade.

Eu prefiro algo como Euphoria, que realmente mostra o preconceito e os problemas que as minorias enfrentam, de uma forma crua e nua sem os colocarem num pedestal de ser especiais e mais que os outros ao seu redor.

Também adorei Euphoria pela razão que mencionaste. É tão realista e por isso é que teve sucesso. 

Não sei que séries viste e que te deram essa ideia. Eu sinto isso em várias séries (mesmo em não lgbt), mas também sou suspeito. Muitas séries afastam-se da realidade, na generalidade. Para a comunidade lgbt acho que só tem vantagens em ser retratada de forma real e plural (com bons, maus, mais perfeitos e mais imperfeitos, etc...). De outro modo nem tem interesse. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Eu sinceramente não senti qualquer tipo de activismo nesta série. Se achas que isto tem activismo, então séries tipo love, Simon... 

No geral até gostei, as personagens são interessantes. Não há propriamente boas ou más pessoas, mas sim pessoas normais que reagem de diferentes formas ao que está acontecer ao seu redor. 

Os actores são capazes e o casal principal tem bastante química. Acho que foi um bom final, se não tiver uma segunda temporada, não seria um desperdício. 

 

Edited by M2M
  • Like 2
  • Thanks 1
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...
  • 2 weeks later...
  • 1 year later...
  • 1 month later...
  • 1 month later...

Temporadas 1 e 2

Overall, gostei. Não dava nada por esta série e alguns episódios da primeira temporada deixaram-me bastante aborrecido, mas acho que a segunda foi muito superior. Adorei como mostraram a ingenuidade de alguém que se está a descobrir e ter uma relação pela primeira vez. Revi-me muito em muitas (re)ações do Wille :crying: O Wille teve uma evolução fantástica da primeira para a 2ª temporada, gostei muito :yes:  O August foi uma montanha russa. Quando achava que estava, finalmente, a tornar-se numa pessoa decente, faz aquilo, tudo sempre em nome do proveito próprio e do título real que ele tanto deseja :dry: O mesmo para a Sara. Consigo perceber que ela estava a passar uma fase de fascínio: um primeiro amor que até começou a ser correspondido, mas era o irmão dela :unsure: Curioso para ver as repercurssões da decisão que tomou no último episódio, bem como o futuro da relação com o Simon.

Also, é possível amar mais esta música? :girl_crying:Com todo um sentimento de nostalgia e saudade :crying: deixa-me de uma maneira que até parece que fui que que vivi na série :rofl: 

 

 

  • Love 1
Link to comment
Share on other sites

  • 4 months later...
  • 3 months later...
  • 1 month later...
  • 1 month later...
  • 2 months later...

Temporada 3

Não estou bem :triste_teresa: Embora, overall, não tenha sido uma temporada tão sólida como queria, há sempre algo nestas séries que retratam alunos do secundário que me deixa destruído, especialmente quando abordam a graduação.  Estou feliz e triste e de coração partido e ao mesmo tempo a sentir-me realizado com este final. :triste_teresa: Isto merecia mais umas temporadas, embora o final deixe a história bastante fechada.

Vou sentir saudades deste mundo :drama: 

E uma menção honrosa para a banda sonora, com destaque para as duas músicas abaixo. Que composições magníficas :crying: 

 

 

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...