Jump to content

Oportunidade de Vida


Gui
 Share

Recommended Posts

Já tinha colocado esta história no tópico de sugestões TVI, mas decidi publica-la aqui pois quero-vos mostrar em breve o que para mim ia ser o primeiro episódio e o último. E antes de publicar o último faço uma síntese do que iria acontecer a meio da trama. 

 

 

A História 

Constantim Ribeiro e Silva é um dos homens mais influentes e ricos no ramo da cortiça, possui inúmeras propriedades onde mete funcionários a explora-las para tirar de lá o melhor proveito de cortiça. Além de a exportar, tem uma grande loja no Porto onde vende produtos feitos de cortiça. Constantim é casado com uma mulher extraordinária que gosta de ajudar toda a gente, Anabela Ribeiro e Silva, onde todos se aproveitam da sua boa vontade.

 

Marta Castanho e Rui Castanho, são um casal que trabalha para a família Ribeiro e Silva. São maquiavélicos de natureza e querem a toda a força enriquecer. Juntos têm um filho, Paulo Castanho, que desprezam desde nascença e a dada altura farto da vida que leva Paulo diz querer acabar com a própria. E é neste ponto que toda a história surge.

 

Anabela Ribeiro e Silva conduzia para casa, numa noite de um grande nevoeiro quando Paulo vê um carro e decide meter-se á frente dele. O jovem fica paraplégico e os seus pais estão dispostos a retirar a queixa do acidente se Constantim e a sua mulher trocarem de vida com eles. Com muito custo a família aceita esta troca e mete tudo o que tem em nome dos “Castanho”. Anabela com os últimos acontecimentos fica numa depressão demasiado séria e Constantim torna-se empregado de Rui. A filha mais velha de Anabela e Constantim, Ana Ribeiro e Silva, não aceita estas reviravoltas na sua vida e vai tentar ser uma “Castanho”.

 

Paulo quando se apercebe do que se passou volta a discutir com os pais e admitiu tencionar contar à polícia toda a chantagem feita e que ele meteu-se propositadamente à frente da viatura de Anabela, mas Marta e Rui sem dó nem piadade dão uma valente sova ao filho e dizem ser pior se ele abrir a boca. Paulo vai ganhar um objetivo de vida repor a verdade e a vida dos Ribeiro e Silva e para isso vai criar laços com a filha mais educada deles, Rita Ribeiro e Silva que é sua colega na faculdade.

 

Teresa Nicolau e Joaquim Nicolau são o casal mais estranho de que há memória no Bairro do Trevo (Porto), são misterioso, tem poucos amigos, e mal são avistados na zona. Na verdade este casal é líder de contrabando de órgãos de crianças. Raptam as pobres inocentes e exportam-nas para outros países.

 

Carlota e Diana são irmãs e donas do “Snak-bar do Trevo”, juntas gerem este negócio que lhes foi deixado pelos seus pais. A primeira tem o sonho de se converter em freira e a segunda é uma fracassada na vida amorosa e leva os dias a tentar arranjar um namorado.

 

Zezinha/Maria José da Encarnação tem uma loja de fruta, que a usa para afastar suspeitas da sua outra face. Ela é quem orienta a prostituição deste Bairro, que de noite atua nas zonas mais escondidas. E quando algumas das suas “meninas” faz algum disparate que vai contra as suas regras trata-lhe da vida da pior maneira possível. 

 

Personagens 

 

---- Família Ribeiro e Silva ---

 

Constantim Ribeiro e Silva – Nasceu num berço de ouro, é um homem humilde, e com um ótimo coração. Desde pequeno que trabalha no ramo da cortiça, e gosta de ajudar os seus empregados quando passam dificuldades. Mas a vida de Constantim está prestes a mudar, quando passa de patrão a empregado e perde tudo o que herdou do seu pai.

 

Anabela Ribeiro e Silva – Mulher de Constantim, namoram desde os tempos do liceu, sempre gostaram muito um do outro. É uma mulher com um “M” grande ajuda toda a gente da maneira que pode. Mas ao ter de fazer a troca com a família “Castanho” e ao deixar Paulo paraplégico entra numa séria depressão e nunca mais será a mesma. A sua sorte é ter a filha mais nova e o seu marido para lhe dar todo o apoio, assim como os moradores do “Bairro do Trevo” para onde terá de ir viver com a sua família. Anabela vai muitas vezes tentar acabar com a sua vida.

 

Rita Ribeiro e Silva – É a filha mais nova do casal, é uma excelente aluna e rapariga. Vive uma relação com Duarte, que lhe bate demasiadas vezes. Esta relação vai ficar abalada quando conhece Paulo. Rita vai ser o grande apoio da família neste momento de grande mudança. Para pagar as contas da faculdade vai ter de tomar a difícil decisão e ir trabalhar na prostituição do Bairro, algo que foge completamente aos seus princípios.

 

Ana Ribeiro e Silva – Desde sempre que foi habituada a ter tudo o que queria, é licenciada em gestão de empresas mas nunca exerceu a profissão por opção própria. Ana é malvada não olha a meios para atingir os fins, mas ao mesmo tempo é um bocado ingénua. Ana namora com Ricardo e faz dele tudo o que quer, usa e abusa do amor que o rapaz nutre por ela. Quando tem de ir viver para o “Bairro do Trevo” com a sua família, Ana não aceita e vai querer juntar-se aos “Castanho” e ser uma deles. 

 

 ---- Família Castanho ----

 

Marta Castanho – Desde sempre que foi pobre, em pequena andava a pedir nas ruas com a sua mãe para poder sobreviver. Começou a trabalhar com a família “Ribeiro e Silva” quando o pai de Constantim os quis ajudar. Marta é má por frustração da vida que leva, sempre quis mais do que tem e nunca quis saber do filho. Como chef de família, vai aproveitar o acidente do filho para ficar com tudo o que é dos “Ribeiro e Silva”.

 

Rui Castanho – Rui conheceu Marta quando começou a trabalhar para Constantim, foi logo amor à primeira vista. De pressa se identificaram um com o outro, talvez por ambos terem aquela ambição de subirem na vida sem olharem para as consequências. Rui sempre odiou crianças por isso não quer saber do filho. Agora com a sua nova vida, vai fazer a vida negra aos seus empregados com a ajuda de Marta ao mesmo tempo que vai tentar manter o negócio nos eixos e não o deixar cair. Rui todas as quintas-feiras dá uma escapadinha à noite ao  “Bairro do Trevo” para cair em tentação.

 

Paulo Castanho - Vive amargurado e sem entusiamos de vida devido à forma como sempre foi tratado e desprezado pelos pais. É simples, estudioso, humilde, e tudo o que há de bom numa pessoa. A partir do acidente fica paraplégico e passa da miséria à riqueza, algo que ele não aceita pois não ficaram ricos de forma humilde. Vai tentar desmascarar os seus pais com a ajuda de Rita. Paulo e Rita vão acabar por se apaixonar, mas Ana vai fazer de tudo para dar cabo dessa paixão, a mando dos “Castanho”.

 

---- Família Nicolau ---

 

Teresa Nicolau – É licenciada em medicina, no seu ano foi distinguida uma aluna de mérito, trabalhou em alguns hospitais e em grandes consultórios privados onde conheceu Joaquim, por quem se apaixonou e casou. Um dia Teresa recebeu um telefonema a combinar uma entrevista de emprego, e foi ai que lhe propuseram entrar para o tráfico de órgãos de crianças juntamente com o seu marido. Com o passar dos anos tornaram-se os líderes do tráfico. Na sua casa tira os órgãos às crianças e o resto do corpo serve de alimento à meia dúzia de cães que possui. É misteriosa, reservada e não gosta de ter muitos amigos.

 

Joaquim Nicolau – Joaquim, não dispensa beber um bom vinho no “Snak-Bar do Trevo”, mas fá-lo solitariamente, não gosta de conviver é bastante mal encarado e reservado. É ele quem rapta as crianças e as leva para a sua casa no bairro para lhes extraírem os órgãos, de noite leva os órgãos até ao cais de embarque. Muita das vezes, Joaquim abusa sexualmente das vítimas sem a sua mulher saber.  

 

---- Família Vaz ----

 

Carlota Vaz – Desde pequena que é muito ligada à religião e sempre teve o sonho de se tornar freira. Tem um belíssimo corpo mas esconde-o, e quando recebe assédios de clientes vai à igreja confessar-se. Carlota sabe da existência da prostituição do bairro e faz de tudo para acabar com o negócio, pois vai contra as regras de Deus. Desde sempre que gosta de estragar os namoros da sua irmã, quer que ela se converta a freira com ela.

 

Diana Vaz – Mulher bonita, deslumbrante, abusa nas minissaias e nos decotes. Sempre gostou de ter um namorado mas é uma fracassada nesse campo por culpa da sua irmã que lhe arruína os encontros e os namoros. É cómica e desleixada não tem jeitinho nenhum para trabalhar no negócio com a sua irmã. Adora receber assédios mas quando recebe um, Carlota interrompe-o e faz-lhe um ritual que ele diz ser para afastar as más energias do assédio. Diana é a única que sabe quem gere a prostituição do bairro, e algumas vezes quando alguma menina falha é ela quem a vai substituir. Tem o sonho de casar na praia com um homem rico, ir para as Caraíbas de lua-de-mel, comprar uma mansão, ter três filhos, e vender o snak-bar para nunca mais fazer nada da vida. 

 

---- Loja de Fruta/Prostituição ----

 

Zezinha/Maria José da Encarnação – É a mulher em que toda a gente confia no bairro e gostam de ter como amiga e confidente. Muitas das vezes vão à sua loja só para comentarem o que se passou da noite e ela finge estar contra isso. É a melhor amiga de Diana. Usa a loja só para gerir o seu negócio, tem quatro meninas em quem confia os trabalhos da noite, mas quando alguma se porta mal castiga-as da pior maneira possível. Ora lhes bate, ora as deixa dias trancadas numa casa como um cão, e em casos mais drásticos pode ate chegar a mata-las. Finge ser muito boa pessoa, mas no fundo não o é, só para Diana. Zezinha é a única que se dá com o Joaquim, pois são amantes e ela faz de tudo para saber o que eles fazem mas sem sucesso. Por veze arrasta Diana com ela para juntas o espiarem. Vive na casa com as suas “empregadas”, entra para lá por uma porta secreta da sua loja, finge morar do outro lado do bairro.

 

Matilde – É a mais experiente das quatro, sabe bem como cativar os clientes. É sedutora, manipuladora e gananciosa e consegue tudo o que quer. Vive na casa luxuosa, por detrás da loja de fruta, com as suas companheiras de profissão e com a sua patroa onde de noite levam para lá as suas “presas”. Sonha gerir o negócio, por isso mantém uma amizade forte com Zezinha.

 

Joana – Joana é estudante de comunicação social, tem o sonho de apresentar programas com “bolinha vermelha” como a própria diz. Começou neste ramo para pagar as contas da faculdade e ficou fascinada com o que Zezinha lhes ensina e com este mundo. Vai propor muitas vezes à sua chef e colegas de ramo para participarem em programas caseiros que a própria realiza e apresenta. É pouco manipuladora o que faz com que leve muitos avisos sérios da patroa por não saber extorquir mais dinheiro aos clientes.

 

Constança  – Começou à pouco tempo a trabalhar para Zezinha, é a menos experiente, mas não se deixa enganar. É inteligente, vaidosa, e arrogante é louca por compras e por brinquedos sexuais. É a grande ameaça de Matilde pois sabe tao bem como ela como seduzir a carteira dos clientes. 

 

---- Empregados da família Ribeiro e Silva/Castanho ----

Vera – era a secretária de Constantim, não aceita o novo patrão mas este faz de tudo para que ela fique. É bonita e encantadora e é a melhor amiga de Ana. Também não aceita que Ana queira ser uma Castanho e vai fazer de tudo para ajudar os antigos patrões a recuperar o que lhes pertence. Vai ser vitima de Rui, este irá obriga-la a envolver-se sexualmente com ele ou então quem paga são os antigos patrões.

 

Aníbal – É quem gere os empregados da empresa. Vai envolver-se em muitas discussões com o novo patrão e vai organizar muitas manifestações nas herdades. 

 

Maria – Governanta da mansão. Sofre com a troca dos patrões, vai ser o grande apoio de Paulo.

 

Acácio – É marido de Maria, trabalha na cortiça, e ao contrário dela adora os novos patrões, acha que tem um feitio parecido com os dele. Nunca suportou os Ribeiro e Silva por serem demasiado bons. Vai querer aliar-se ao novo patrão para ficar com o cargo de Aníbal.

 

Joana – Vive no Bairro do Trevo, e é a melhor amiga de Anabela. Trabalha na loja de cortiça, e quer despedir-se quando trocam de patrões mas Constantim não a deixa, prefere que ela fique perto do inimigo. 

 

----Outras----

 

Duarte – Namorado de Rita, bastante agressivo e adepto da violência domestica. Encontrou em Rita alguém que lhe financiava os seus gastos. E quando ela deixa de ter dinheiro descobre que não a pode deixar, pois gosta mesmo dela. Vai ser o grande rival de Paulo, vai fazer de tudo para que Rita não o veja e para dar cabo da amizade deles.

 

Ricardo - Namora com Ana, sabe bem como ela é mas e faz tudo o que ela quer pois tem uma grande paixão por ela. Não aceita que ela queira deixar a sua família e vai fazer de tudo para a por no lugar. É advogado, organizado, e bastante responsável.

 

Santiago – É o padre do Bairro do Trevo e grande amigo de Carlota. É bastante jovem mas o fascínio da vida religiosa nasceu com ele. É um residente assíduo do Snak-Bar das irmãs, mantém uma ótima relação com todos os moradores do Bairro. Adora dar grandes lições de vida as pessoas e é fascinado em procissões e romarias. Mas certo dia o próprio padre vai cair em tentação. Mantém um lado ainda mais oculto em criança foi abusado sexualmente e ia sendo vitima de tráfico de órgãos, quando descobre o que a família Nicolau faz quer-se juntar a eles. 

 

BREVEMENTE 1º EPISÓDIO!!!

Link to comment
Share on other sites

Oportunidade de Vida – 1º episódio

 

Porto 2013

 

A história começa com imagens deslumbrantes da cidade invicta passando depois para pano de fundo a herdade da família Ribeiro e Silva onde os seus empregados trabalham na extração da cortiça.

 

 

Na herdade, Constantim agradece aos seus homens por mais um dia de dedicação e anuncia-lhes que este mês lhes irá dar um aumento a todos e manda-os ir descansar para casa.

 

 

Numa das zonas mais sombrias do Porto encontra-se Joaquim Nicolau pronto para dar o golpe e raptar mais uma criança para a violar e a dar à sua mulher para lhe extrair os órgãos.

 

A noite cai e na casa modesta dos Castanhos no Bairro do Trevo está a haver uma grande discussão entre pais e filho. Marta e Rui chamam a Paulo todos os nomes possíveis e imaginários e dizem que se pudessem que o davam para adoção. Paulo sai de casa enfurecido e diz querer acabar com a vida.

 

Joaquim Nicolau depois de algumas horas a investigar “presas” rapta uma pobre menina e viola-a dentro da sua carrinha.

 

Quem se encontra no Bairro do Trevo é Anabela Ribeiro e Silva que foi tomar um chá com Joana, a sua melhor amiga. A noite mete medo e está um nevoeiro cerrado, mas mesmo assim Anabela quer conduzir para casa. Paulo estava sentado no coreto quando vê um carro e foge para se meter à frente dele para ver se era atropelado.

 

 

Anabela não o vê e atropela o rapaz.

 

 

Joaquim Nicolau ia para casa nesse momento e assistiu a tudo mas não parou para os auxiliar pois tinha medos que descobrissem que tinha uma criança raptada dentro da carrinha.

 

Constantim está em casa mais as filhas e os namorados das filhas preocupadíssimo com Anabela, por não o atender e ir conduzir com um grande nevoeiro. E Rita decide ir ao bairro mais o namorado buscar a mãe.

 

 

No bairro do trevo o aparato é total e encontra-se lá mais de metade do bairro junto ao acidente, Anabela está desesperada e impaciente à espera da ambulância. Diana Vaz bate à porta de casa dos Castanho para lhes contar. O casal pouco preocupado vai ver o que se passa.

O encontro dá-se Anabela fica a saber que o jovem que atropelou è filho dos seus empregados. Marta encena ser uma mãe preocupada e destroçada mas ninguém acredita nela.

 

 

Rita chega ao Bairro com o namorado já os ânimos tinham acalmado e nem vestígios do acidente há. Decide ir a casa de Joana e é esta que lhe conta o que se passou, o namorado da rapariga liga à família a avisar e vão todos para o hospital.

 

 

Na casa luxuosa de Zezinha a noite só agora vai começar, Matilde ajuda a novata Constança a seduzir um cliente, enquanto Joana já se encontra a satisfazer uma “presa”. Zezinha encontra-se no armazém da sua loja de fruta onde dá uma valente sova a uma das suas meninas, e a despede dos seus serviços.

 

Acaba de chegar ao hospital, a família Ribeiro e Silva e os respetivos namorados das filhas. Rapidamente vão consolar Anabela que se encontra de rastos. Enquanto isso Constantim fica a dar uma palavra a Rui e Marta. O médico chega diz-lhes que o jovem fica paraplégico. Anabela desmaia e Marta finge estar a chorar.

 

A noite vai longa e em casa da família Nicolau, Teresa está a fazer mais uma extração de órgãos e vê-se Joaquim a dar os restos da criança aos cães que possui.

 

 

Ainda no hospital e depois de recuperar os sentidos Anabela manda as filhas para casa. E o casal vai ao quarto ver o jovem Paulo que se encontra lá ainda inconsciente com os seus pais. E começa a chantagem Marta diz só não fazer queixa caso tudo o que é dos Ribeiro e Silva passe a ser deles, o casal fica em estado choque. 

Edited by Gui
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...