Jump to content

Daqui Houve Resistência [brevemente]


VascoSantos

Recommended Posts

“Daqui houve resistência”, nova série da RTP baseada em factos e personalidades reais da ditadura, vai ser filmada em Guimarães e nas envolventes de Braga, Famalicão e Fafe. A rodagem arranca em março e estende-se até junho. A estreia é apontada para o fim do ano.

A série terá cinco episódios de 60 minutos cada, é liderada por Rodrigo Areias, e será produzida pela Bandoaparte e pela Olho de Vidro - Associação Cinematográfica de Guimarães. 

A ação centra-se nos 13 anos anteriores à queda do regime e gira à volta de figuras históricas como José Casimiro Ribeiro, que será interpretado por Albano Jerónimo, Santos Simões (João Pedro Vaz), a católica progressista e sindicalista Lurdinhas de Urgezes (Carolina Amaral), além do inevitável agente Nogueira, da PIDE (Miguel Borges). O projeto conta com apoio da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril, Turismo de Portugal, Câmara de Guimarães e Ministério da Cultura, entre outros.

A história assenta na recolha de inúmeros casos reais feita por César Machado, advogado e ex-vereador da Câmara de Guimarães, sobre as vidas de antifascistas que editou no livro “25 - Guimarães: Daqui houve resistência”. 

“Há dez anos, quando falei deste projeto ao César Machado pela primeira vez, a ideia era fazermos um filme”, revelou Rodrigo Areias ao JN. “Mas percebemos  logo que não era possível encaixar a multiplicidade de histórias nesse registo”. O realizador garante que “não falta material para uma segunda temporada, até porque há muita coisa que teve que ficar de fora”. 

A câmara vimaranense dá apoio logístico e 20 mil euros para alojamento de atores e equipas técnicas.

https://www.jn.pt/2458324104/resistencia-do-norte-a-ditadura-vai-dar-nova-serie-televisiva/

  • Like 6
Link to comment
Share on other sites

há 10 minutos, VascoSantos disse:

“Daqui houve resistência”, nova série da RTP baseada em factos e personalidades reais da ditadura, vai ser filmada em Guimarães e nas envolventes de Braga, Famalicão e Fafe. A rodagem arranca em março e estende-se até junho. A estreia é apontada para o fim do ano.

A série terá cinco episódios de 60 minutos cada, é liderada por Rodrigo Areias, e será produzida pela Bandoaparte e pela Olho de Vidro - Associação Cinematográfica de Guimarães. 

A ação centra-se nos 13 anos anteriores à queda do regime e gira à volta de figuras históricas como José Casimiro Ribeiro, que será interpretado por Albano Jerónimo, Santos Simões (João Pedro Vaz), a católica progressista e sindicalista Lurdinhas de Urgezes (Carolina Amaral), além do inevitável agente Nogueira, da PIDE (Miguel Borges). O projeto conta com apoio da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril, Turismo de Portugal, Câmara de Guimarães e Ministério da Cultura, entre outros.

A história assenta na recolha de inúmeros casos reais feita por César Machado, advogado e ex-vereador da Câmara de Guimarães, sobre as vidas de antifascistas que editou no livro “25 - Guimarães: Daqui houve resistência”. 

“Há dez anos, quando falei deste projeto ao César Machado pela primeira vez, a ideia era fazermos um filme”, revelou Rodrigo Areias ao JN. “Mas percebemos  logo que não era possível encaixar a multiplicidade de histórias nesse registo”. O realizador garante que “não falta material para uma segunda temporada, até porque há muita coisa que teve que ficar de fora”. 

A câmara vimaranense dá apoio logístico e 20 mil euros para alojamento de atores e equipas técnicas.

https://www.jn.pt/2458324104/resistencia-do-norte-a-ditadura-vai-dar-nova-serie-televisiva/

Esta série já tinha garantido apoios da parte do ICA penso que até é em 2021 mas demorou a arrancar.

 

Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...
On 1/28/2024 at 2:31 AM, VascoSantos said:

“Daqui houve resistência”, nova série da RTP baseada em factos e personalidades reais da ditadura, vai ser filmada em Guimarães e nas envolventes de Braga, Famalicão e Fafe. A rodagem arranca em março e estende-se até junho. A estreia é apontada para o fim do ano.

A série terá cinco episódios de 60 minutos cada, é liderada por Rodrigo Areias, e será produzida pela Bandoaparte e pela Olho de Vidro - Associação Cinematográfica de Guimarães. 

A ação centra-se nos 13 anos anteriores à queda do regime e gira à volta de figuras históricas como José Casimiro Ribeiro, que será interpretado por Albano Jerónimo, Santos Simões (João Pedro Vaz), a católica progressista e sindicalista Lurdinhas de Urgezes (Carolina Amaral), além do inevitável agente Nogueira, da PIDE (Miguel Borges). O projeto conta com apoio da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril, Turismo de Portugal, Câmara de Guimarães e Ministério da Cultura, entre outros.

A história assenta na recolha de inúmeros casos reais feita por César Machado, advogado e ex-vereador da Câmara de Guimarães, sobre as vidas de antifascistas que editou no livro “25 - Guimarães: Daqui houve resistência”. 

“Há dez anos, quando falei deste projeto ao César Machado pela primeira vez, a ideia era fazermos um filme”, revelou Rodrigo Areias ao JN. “Mas percebemos  logo que não era possível encaixar a multiplicidade de histórias nesse registo”. O realizador garante que “não falta material para uma segunda temporada, até porque há muita coisa que teve que ficar de fora”. 

A câmara vimaranense dá apoio logístico e 20 mil euros para alojamento de atores e equipas técnicas.

https://www.jn.pt/2458324104/resistencia-do-norte-a-ditadura-vai-dar-nova-serie-televisiva/drift hunters

Acaba de ser lançado o livro Guimarães Daqui houve resistência, coordenado por César Machad

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • 2 months later...
Posted (edited)

Gravações de série da RTP condicionam trânsito em Elvas

09/05/2024

A cidade de Elvas irá acolher, entre sábado e segunda-feira, de 11 a 13 de maio, a gravação da nova série da RTP “Daqui Houve Resistência”, informa a Câmara Municipal.

As gravações, tendo em conta que se irão realizar em zonas exteriores da cidade, mais precisamente no Museu Militar, Avenida de São Domingos e Estrada das Alpedreirinhas, levarão a que, em alguns momentos, o trânsito esteja temporariamente condicionado.

Assim, de sábado para domingo, o trânsito irá estar condicionado na Avenida de São Domingos, entre as 15 e as 4 horas; e de domingo para segunda-feira, estará condicionado na Estrada das Alpedreirinhas, entre as 17 e as 5 horas.

Nestes períodos poderá ser necessário utilizar vias alternativas para circulação de trânsito.

O Município de Elvas “lamenta os inconvenientes causados e apela à compreensão dos elvenses para esta situação”.

 

https://radioelvas.com/2024/05/09/gravacoes-de-serie-da-rtp-condicionam-transito-em-elvas/

A série tem estado a ser gravada em Guimarães em grande parte até Junho mas gravará cenas em outros locais como é o caso de Elvas e Peniche.

Edited by AndreRob
  • Like 4
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...