Jump to content
Ambrósio

Memórias da TV Cabo

Recommended Posts

há 17 horas, ATVTQsV disse:

O do DN Madeira numa biblioteca. Depois dou link. Entre 1993 e 1998 publicava grelhas de certos canais da Cabo TV Madeirense aos domingos.

Update: Foi ao arquivo do DN Madeira e, por coincidência, nem sequer tem o ano de 2005, que é o que eu ando à procura.

Procuro esse ano em específico, porque ainda quero descobrir a data deste vídeo:

Pela lógica, deduzi que é de finais de Setembro de 2005:

  • A maior parte do vídeo anuncia filmes para o mês de Outubro
  • O Canal Hollywood usou este design entre 2005 e Dezembro de 2006 (quando entrou o actual)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só estão digitalizados arquivos até 31 de Dezembro de 2000. A pior parte é que as grelhas da Cabo TV Madeirense pararam por volta de 1998.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que muitos já viram este anúncio online, mas esta versão, com legendas em inglês, e enviada para o festival de publicidade em Cannes já é rara. Só não sei se ganhou prémios.

2005/2006 (anúncios de rádio), do site onde encontrei o anúncio em cima:

Eurosport e Playboy: http://www.adeevee.com/2006/12/tv-cabo-portugal-cable-tv-tennis-radio/

National Geographic e VH1 Classic + SportTV e Mezzo: http://www.adeevee.com/2006/12/tv-cabo-portugal-cable-tv-monkey-cabo-f1-radio/

Share this post


Link to post
Share on other sites

Disclaimer que aparecia no Climax antes de abrir as suas emissões.

Como a abertura em si é demasiado erótica para estar em aberto, decidi colocar num spoiler.

Spoiler

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Êêê saudade da peste. Saudades do people+arts (acho que este grafismo foi duradouro e foi usado até ao fecho em 2010). Numa altura em que os canais Discovery valiam a pena. Hoje são só canais de "reality" e afins.

Hoje a Discovery mete os seus canais secundários nas suas versões da Europa Central e as promos ficam em inglês (caso contrário seria uma salganhada de textos). Ao menos mencionam o nosso fuso horário nas promos.

E acho que a razão pela qual o Discovery e afins passaram a legendados foi por causa da mudança geral do tipo de conteúdos. Quando houve uma mudança do formato para pior (de canal educativo a canal de "reality"), achavam que dobrar aquilo não tinha piada e tiveram de reforçar as legendas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 47 minutos, ATVTQsV disse:

Êêê saudade da peste. Saudades do people+arts (acho que este grafismo foi duradouro e foi usado até ao fecho em 2010). Numa altura em que os canais Discovery valiam a pena. Hoje são só canais de "reality" e afins.

Hoje a Discovery mete os seus canais secundários nas suas versões da Europa Central e as promos ficam em inglês (caso contrário seria uma salganhada de textos). Ao menos mencionam o nosso fuso horário nas promos.

E acho que a razão pela qual o Discovery e afins passaram a legendados foi por causa da mudança geral do tipo de conteúdos. Quando houve uma mudança do formato para pior (de canal educativo a canal de "reality"), achavam que dobrar aquilo não tinha piada e tiveram de reforçar as legendas.

Há também quem diga que essa questão de passar para legendagem deve-se ao facto dos nosso "actores de voz" não estarem habituados a fazer voice-over que era o tipo de dobragem feito: a voz portuguesa e a voz original baixinha em pano de fundo.

Mas sim, saudades de ver o Bear Grylls dobrado em Sobrevivência e dos erros ortográficos nas promos. Nunca percebi o método de trabalho deles: Pediam ao editor das promos para escrever o título em Português e ele mesmo assim escrevia mal. Graças a isso temos pérolas como o filme "Tiburão" (este erro pode ser visto no vídeo do LUSITANIATV e no archive.org)!

Share this post


Link to post
Share on other sites

nada bate esta pérola:

326973988_4bed946a5b.jpg

"20-Nov-2006. Canal Panda, um canal de TV por cabo feito em Espanha, por espanhóis, para crianças portuguesas; cromo enviado por um amigo. Não sei que tipo de excrementos produz um panda, por isso perdoem-me se estiver errado ao chamar bosta a este exemplar de portunhol."

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando o GNT era um "bebé" gostoso de se ver. Peca pela má qualidade das fitas, mas ficam as promos valiosas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Segundo o meu pai, mudámos da Bragatel para a TV Cabo por volta desta altura em Março de 2001. Já aqui tenho contado: foi por causa da SIC Notícias que ainda não entrou em negociações com as extintas operadoras locais. Por volta da primavera, SIC Notícias, Gold e Radical entrariam na grelha da Bragatel.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Top TV Cabo, Abril de 2003. Dava no extinto Canal 21.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 23/07/2016 at 11:53, ATVTQsV disse:

Era sim:

No Google Groups existe muita informação sobre como era a TV Cabo nos anos 90 (mas nada de informações da Bragatel, infelizmente).

Mais ou menos pela altura em que passou o anúncio, alguém queixou-se de não publicar a grelha do Canal Fiesta.

O mosaico da TV Cabo Mondego chegou a estar desactualizado em 1998.

Sobre a reclamação do TNT ter apenas legendas em inglês, queria saber se tais legendas precisavam ser ativadas no ecrã através do controle remoto como a legendagem oculta (a.k.a. Closed Caption) ou se já vinham no sinal de vídeo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 27/05/2019 at 06:04, PierreDumont disse:

Sobre a reclamação do TNT ter apenas legendas em inglês, queria saber se tais legendas precisavam ser ativadas no ecrã através do controle remoto como a legendagem oculta (a.k.a. Closed Caption) ou se já vinham no sinal de vídeo.

A julgar pela forma como as operadoras ainda trabalham a legendagem de canais estrangeiros até aos dias de hoje, muito provavelmente as legendas eram embutidas no vídeo. Muito raro a haver CC ou faixas extra de legendagem nas operadoras por cá. Mesmo áudio extra é uma raridade.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 28/05/2019 at 11:22, JDaman disse:

A julgar pela forma como as operadoras ainda trabalham a legendagem de canais estrangeiros até aos dias de hoje, muito provavelmente as legendas eram embutidas no vídeo. Muito raro a haver CC ou faixas extra de legendagem nas operadoras por cá. Mesmo áudio extra é uma raridade.

É deveras estranho que o TNT fosse legendado em inglês para Portugal. A Turner sempre fora cuidadosa com o sinal do TNT desde o começo das emissões para o Brasil, em 15/09/1991. O sinal vinha de Atlanta com dois canais de áudio: canal 1 com dobragem em espanhol e canal 2 com dobragem em português brasileiro. Também era possível a emissão do sinal com áudio original e legendagem. As operadoras costumavam a oferecer as duas opções através de canais duplicados: TNT 1 (dobrado) e TNT 2 (áudio original com legendas). Isso perdurou até a digitalização das operadoras nos anos 2000.

Os canais à cabo do Brasil eram quase todos legendados (Telecine, HBO, MGM...), com exceção do TNT, Telecine Pipoca, dos documentários e dos infantis. Os sinais vinham com a legenda embutida no vídeo, porém, como a dobragem começou a aparecer nos canais, eles também passaram a receber legendagem eletrônica extra, que é acionada apenas pelo Controle Remoto. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 30/05/2019 at 00:23, PierreDumont disse:

É deveras estranho que o TNT fosse legendado em inglês para Portugal. A Turner sempre fora cuidadosa com o sinal do TNT desde o começo das emissões para o Brasil, em 15/09/1991. O sinal vinha de Atlanta com dois canais de áudio: canal 1 com dobragem em espanhol e canal 2 com dobragem em português brasileiro. Também era possível a emissão do sinal com áudio original e legendagem. As operadoras costumavam a oferecer as duas opções através de canais duplicados: TNT 1 (dobrado) e TNT 2 (áudio original com legendas). Isso perdurou até a digitalização das operadoras nos anos 2000.

Os canais à cabo do Brasil eram quase todos legendados (Telecine, HBO, MGM...), com exceção do TNT, Telecine Pipoca, dos documentários e dos infantis. Os sinais vinham com a legenda embutida no vídeo, porém, como a dobragem começou a aparecer nos canais, eles também passaram a receber legendagem eletrônica extra, que é acionada apenas pelo Controle Remoto. 

Por cá as operadores perdem imenso tempo a trabalhar funcionalidades extra como VoD, "gravações automáticas", RestartTV, etc., mas depois falham em muita coisa básica, como oferecer som multicanal (Dolby Digital 5.1), oferecer escolha de diferentes faixas áudio, oferecer escolha de diferentes opções de legendagem, e por aí fora. E ridículo pagar-se €10 por mês pelos canais de cinema TVCine e estes continuarem a oferecer sessões de filmes animados só com dobragem portuguesa, sem haver opção para mudar a faixa de áudio.

Com base nisto, não fiques chocado pelas operadoras cá estropiarem o sinal que um canal envia. Já é hábito (infelizmente).

  • Like 1
  • Sad 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...