Jump to content
RCP

HBO

Posts Recomendados

Se isto for verdade... É apenas marketing.

Tal como já tínhamos noticiado em primeira mão, o canal premium americano HBO vai ter uma forte presença em Portugal. A HBO afirma contudo que não se trata dum canal ou serviço de streaming online em Portugal.

Tal como já tínhamos noticiado em primeira mão, o canal premium americano HBO vai ter uma forte presença em Portugal, contudo não no formato que alguns imaginaram. A notícia chegou na passada quarta-feira através de um vídeo lançado no canal do Youtube da HBO, bem como dum curioso site com uma contagem decrescente apontando a data de 1 de setembro, e onde se informava que a HBO estava a chegar a Portugal.

Ora de acordo com Anna Nicoll (contactada pelo Diário Económico), responsável pelo departamento de comunicação internacional da HBO, o vídeo e o site, criados pela NOS Lusomundo TV, fazem parte duma campanha relacionada com a obtenção, por parte do operador, da licença para transmissão das séries da HBO no canal TVSéries. Não se trata pois do lançamento do canal propriamente dito, em Portugal nem (por enquanto) do seu serviço de streaming online (HBO Go).

Embora esta informação, ao que sabemos, ainda não tenha sido confirmada pela NOS, ela vai ao encontro de uma das hipóteses que levantámos anteriormente a propósito da presença do canal americano em Portugal, e que seria uma parceria com o popular canal TVSéries, responsável pela transmissão de outras séries com o selo da HBO.

De facto, se observarmos a programação do canal para o mês de setembro, é possível verificarmos que para além das estreias já confirmadas, nomeadamente Ballers, Show Me a Hero, Olive Kitteridge, Uma Morte Súbita e The Brink, teremos também a transmissão de outras produções da HBO, como é o caso de Game of Thrones (anteriormente transmitida pelo canal SyFy), cujo primeiro episódio da primeira temporada tem a data de exibição prevista para 8 de setembro, pelas 19h e 25.

Caso esta hipótese se verifique, a transmissão das produções da HBO estará indiretamente também acessível às operadoras concorrentes MEO, Cabovisão e Vodafone, pois também têm disponíveis os canais de cinema e séries da NOS Lusomundo TV, TVCine e TVSéries.

    Embora já exista uma confirmação da parte da HBO a expectativa acerca desta notícia irá continuar, até que aconteça a confirmação final pela NOS Lusomundo TV, que se  espera  ocorra  na próxima semana, revelando mais detalhes desta excelente notícia.

Fonte:

http://www.magazine-hd.com/apps/wp/hbo-em-portugal-pela-nos/

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Eu só espero é que isto vá para que operador que for, seja o meu ou não, seja grátis. Não dá com nada mais um canal pago...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Eu só espero é que isto vá para que operador que for, seja o meu ou não, seja grátis. Não dá com nada mais um canal pago...

Pelo que diz a notícia, as séries do HBO vão passar a ser praticamente todas transmitidas no TVSéries, que é premium... É apenas isso, não tem a ver com os operadores.
Em alguns casos até vai ser pior (o GoT vai sair do Syfy, que era dos packs de canais e só vai ser visto na TV neste canal premium)...
________________________________________________________________________________________________________________________


Parece que está confirmado: as séries do HBO vão para a TV Séries e não vai haver nenhum novo canal...
O site foi mesmo alterado, provavelmente para acabar com a especulação:

http://hboportugal.pt/


Vai tudo praticamente na mesma. Não acho que assim tanta gente vá subscrever a TVSéries só por causa disto...
Desculpem o double-post...

Editado por canal5

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Afinal foi só para nos convencer? Ainda dá para esperar.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

A nível de marketing. Grande estratégia. A nível de credibilidade... Pois!

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

ter os conteúdos da hbo enfiados num canal da treta como o tv séries... não obrigado. vou continuar a sacar da net. hehe

  • Gosto 3

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

ter os conteúdos da hbo enfiados num canal da treta como o tv séries... não obrigado. vou continuar a sacar da net. hehe



Nada melhor que sacar e fazer stream com hdmi ou chromecast. :p sem publicidade. ;)

Enviado do meu GT-I9195 através de Tapatalk

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Nada melhor que sacar e fazer stream com hdmi ou chromecast. :p sem publicidade. ;)



Enviado do meu GT-I9195 através de Tapatalk


 

Já tive o TVSéries subscrito e aquilo tem zero de publicidade (a única excepção são às vezes anúncios entre os programas).

Sinceramente, se trouxessem também o "Last Week Tonight", pensaria duas vezes.

Fiquem Bem.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Aquisição da Time Warner pela operadora AT&T recebeu luz verde

time-warner-att-300x169.jpg

Chegou ao fim o impasse que durava há quase dois anos e a aquisição da Time Warner pela operadora norte-americana AT&T, por uma verba na ordem dos 85 mil milhões de dólares, vai mesmo avançar. A luz verde para a concretização do negócio foi dada esta terça-feira pelo juíz federal Richard Leon, que considerou infundadas as preocupações levantadas pela Administração Trump de que a fusão entre os dois gigantes dos media seria prejudicial para a livre concorrência no mercado de televisão norte-americano e que, por esse motivo, o negócio de concentração vertical violava as leis concorrenciais.

“Continuamos a acreditar que o mercado dos canais pagos de televisão vai ser menos competitivo e menos inovador em resultado da fusão proposta entre a AT&T e a Time Warner”, afirmou na sequência da decisão do tribunal, em declarações à Reuters, Makan Delrahim, procurador-geral assistente de antitrust do Departamento de Justiça dos Estados Unidos. O juiz federal Richard Leon considerou que as preocupações levantadas se “alicerçam em noções impróprias”, tendo aceite a concretização do negócio sem colocar condições para que este possa avançar, deixando o recado de que espera que “o Governo tenha a sabedoria e a coragem” de não apresentar recurso da decisão.

A AT&T é uma operadora de telecomunicações com presença em 25 milhões de lares norte-americanos enquanto a Time Warner é um gigante dos media, sendo dona dos estúdios de cinema Warner Bros, além das cadeias televisivas como a CNN ou HBO.

Fonte:http://www.meiosepublicidade.pt/2018/06/aquisicao-da-time-warner-pela-operadora-att-recebeu-luz-verde/
 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

AT&T assume controlo da Time Warner e muda designação para WarnerMedia

time-warner-att-300x169.jpg

Time Warner, um dos nomes históricos da indústria de media e entretenimento, vai desaparecer na sequência da aquisição da empresa concluída na última semana pela operadora de telecomunicações norte-americana AT&T. Com o negócio fechado, a operadora informou, através de um comunicado interno a que a Bloomberg teve acesso, que a empresa assumirá agora a designação WarnerMedia, justificando a decisão com o objectivo de colocar um ponto final na confusão que leva as pessoas a não distinguirem a Time Warner, a empresa de media, da outra Time Warner, a antiga empresa de televisão. “A nossa pesquisa de mercado indica que essa confusão não vai desaparecer tão cedo”, aponta John Stankey, executivo da AT&T que passa a estar à frente da WarnerMedia num negócio que incluiu as estações HBO e CNN, a Turner Broadcasting e o estúdio Warner Bros.

Recorde-se que a Time Inc., braço da área de revistas, fundiu-se em 1989 com a Warner Communications Inc., empresa de televisão paga, filmes e música, dando origem à Time Warner Inc. Entretanto a empresa foi dividida, tendo a Time Inc. sido adquirida no ano passado pela editora Meredith Inc., enquanto a Time Warner Cable foi vendida, em 2016, à Charter Communications Inc.

Fonte:http://www.meiosepublicidade.pt/2018/06/att-assume-controlo-da-time-warner-muda-designacao-warnermedia/
 

  • Obrigado 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

HBO prepara lançamento em Portugal e está a recrutar

A HBO Europe está a preparar a chegada ao mercado português e procura distribution sales manager e marketing manager. Saiba mais.

850_400_0-design-sem-nome-28_1529918691.

A HBO é a produtora líder global de programação de alta qualidade e internacionalmente aclamada. Game of Thrones, Westworld, Girls, Sopranos e Sex and the City são alguns exemplos de séries HBO de sucesso mundial.

A HBO Europe opera em 17 países europeus com programação original da HBO, bem como uma ampla seleção das melhores séries de outros produtores de conteúdo, programação infantil, documentários e filmes.

Na Europa Central, a HBO está disponível como Serviço SVOD diretamente para consumidores na Hungria, República Checa, Eslováquia, Polónia, Roménia, Bulgária, Eslovénia, Croácia, Sérvia, Montenegro, Macedónia e Bósnia e Herzegovina. A HBO Nordic opera na Suécia, Noruega, Finlândia e Dinamarca. A HBO Espanha está disponível como um serviço SVOD, através de parceria exclusiva com a Vodafone.

Atualmente, a produtora está a preparar a sua entrada no mercado português e está a recrutar em Lisboa. Conheça as oportunidades.

Oportunidades emprego HBO Portugal


A produtora está à procura de distribution sales manager talentoso e experiente que será responsável por garantir o crescimento futuro da HBO Portugal nos canais de vendas B2C e B2B.

As principais responsabilidades deste profissional vão ser definir, desenvolver e implementar um roteiro de alto nível com o principal parceiro da HBO Portugal; estabelecer relacionamentos sólidos com parceiros (operadoras, fabricantes de hardware e outras afiliadas) e servir como ponto de contacto principal; identificar potencial para novas parcerias; criar embaixadores para a marca; identificar e impulsionar campanhas de vendas; fornecer atualizações do mercado local ou pesquisa para novas oportunidades e desafios; compreender o funil de vendas e os fluxos de atendimento ao cliente dos parceiros.

Para candidatar-se deverá ter, no mínimo de 5 anos de experiência relevante em parcerias de medias e vendas de parceiros; experiência em OTT ou empresas de assinatura; sólido histórico em vendas e marketing, com forte foco nas vendas de parceiros; conhecimento do mercado TV / VOD / SVOD e tendências em Portugal; forte interesse em televisão e cinema, bem como tendências inovadoras em marketing e parcerias; paixão por ambientes empreendedores e de start-up; excelentes capacidades de comunicação / interpessoal e de apresentação, com afinidade por impulsionar o entusiasmo nos elementos da equipa; forte perspicácia comercial e abordagem pro-ativa e autocrítica, com a capacidade de executar em ambiente acelerado e em constante mudança e fluência em inglês e português, escritos e falados.

Há também uma vaga para marketing manager criativo e data-driven para ajudar a preparar o lançamento em Portugal. Será responsável por conduzir as melhores campanhas/atividades de marketing que posicionarão a HBO como o melhor serviço de streaming do mercado português.

A função consiste na gestão e avaliação de todas as campanhas de marketing da marca, avaliando as metas de negócios (ROI e KPIs) e otimizando constantemente o desempenho; gestão e acompanhamento do orçamento de marketing da marca em Portugal; em avaliar a experiência do cliente end-to-end em vários canais e pontos de contacto com o cliente; manter e criar um alto padrão de cooperação com parceiros; coordenação da implementação de estratégias de crescimento inovadoras e criativas e em acompanhar as tendências de marketing e estar em constante busca de oportunidades inovadoras de marketing de alta qualidade no mercado português.

Mínimo de 5 anos de experiência relevante em campanhas e atividades de marketing bem-sucedidas e inovadoras; sólido histórico em marketing de marca, incluindo o desenvolvimento de importantes ativos de criação e campanhas de marca integradas; conhecimento profissional do mercado de TV / VOD / SVOD e tendências em Portugal; experiência prática na gestão de relacionamentos com parceiros e agências externas; forte interesse em televisão e cinema, bem como marketing e tendências digitais; paixão por construir marcas em ambiente empreendedor e de start-up; excelente comunicação / habilidades interpessoais e de apresentação com a capacidade de conduzir a criatividade e entusiasmo nos outros elementos; visão de negócios forte, competências de gestão de projetos e abordagem orientada para dados com a capacidade de executar em ambiente acelerado e em constante mudança e fluência em inglês e português, escritos e falados, são os requisitos apresentados pela HBO Europe.

Ficou interessado em fazer parte da família HBO? Saiba mais ou candidate-se aqui.

Fonte:https://www.e-konomista.pt/noticia/emprego-hbo/

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Parece que a HBO vai lançar à espanhola, ou seja, sem pelo menos um canal linear como noutras paragens.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

HBO prepara entrada no mercado português e está a recrutar
[IMG]
A HBO, cujos conteúdos têm sido até agora distribuídos em Portugal através de uma parceria exclusiva com o canal TV Séries, está a constituir equipa local para iniciar operação no mercado português, confirmou o M&P junto da cadeia de televisão norte-americana. Em causa estará a disponibilização da sua plataforma OTT (over-the-top) HBO Go. Ao M&P, Tom Nielsen, vice-presidente de relações públicas da HBO Europe, diz apenas que “não podemos fazer mais comentários nesta fase além de confirmar que estamos a contratar em Portugal”. No entanto, o processo de constituição da equipa da HBO Portugal arrancou com abertura de uma vaga para a posição de director de marketing com o objectivo de “ajudar a abrir caminho para o lançamento no mercado português”, sendo que a principal missão do profissional, trabalhando a partir de Lisboa e reportando directamente ao senior vice president da HBO Europe, passará por “conduzir acções/campanhas de marketing que irão posicionar a HBO como o melhor serviço de streaming no mercado português”.

O serviço de streaming da cadeia de televisão responsável por séries como Guerra dos Tronos ou Westworld está já disponível em vários mercados europeus, com a entrada no mercado espanhol no final de 2016 a fazer questionar quando chegaria a Portugal, mercado onde aquele que será o seu principal concorrente, o Netflix, está implementado há quase três anos. Por saber ficam os moldes em que a plataforma HBO Go será disponibilizada no mercado português. No caso do mercado espanhol, o serviço está disponível para subscrição através de uma parceria com a Vodafone, que em Portugal foi também a primeira operadora de telecomunicações a permitir aos seus clientes subscrever o Netflix directamente através da sua box.

Questionado sobre o tipo de operação que a HBO terá em Portugal, se esta será similar aquela que foi desenvolvida no mercado espanhol ou se passará também pelo lançamento de um canal cabo em Portugal, onde a HBO mantém uma parceria com o canal TV Séries (detido pela operadora NOS), Tom Nielsen escusou-se a adiantar detalhes nesta fase, remetendo para mais tarde esclarecimentos sobre os contornos da operação.

O profissional escolhido para o cargo de director de marketing da HBO Portugal deverá ainda trabalhar em estreita ligação com o responsável de vendas e distribuição, função para a qual a cadeia de televisão da Warner Media, recentemente adquirida pela operadora de telecomunicações norte-americana AT&T, lançou também entretanto um processo de recrutamento. Aos directores de marketing e de distribuição e vendas, juntar-se-ão ainda na equipa da HBO Portugal em Lisboa mais dois profissionais, estando também em curso a contratação de um gestor de projectos CRM e um coordenador de social media.
Fonte:http://www.meiosepublicidade.pt/2018/07/hbo-prepara-entrada-no-mercado-portugues-esta-recrutar/

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Gigante HBO vai entrar no mercado português
A HBO está à procura de talento em Lisboa e assume que se encontra em preparativos para entrar no mercado português. HBO Portugal pode ser realidade já em 2019.
[IMG]
A HBO está à procura de talento em Lisboa e assume que se encontra em preparativos para entrar no mercado português. HBO Portugal pode ser realidade já em 2019.

A gigante norte-americana HBO vai lançar-se em Portugal e está à procura de talento para as áreas de marketing, redes sociais, vendas e relações com os clientes. No LinkedIn, a empresa assume que estes profissionais irão fazer parte do “lançamento da empresa no mercado português”. De acordo com o Dinheiro Vivo, que avançou a notícia, uma HBO Portugal poderá ser realidade já em 2019.

A HBO Europe tem já quatro vagas abertas para Lisboa. Está à procura de um coordenador para a vertente das redes sociais, um gestor de relações com os clientes, um gestor de marketing e um gestor de vendas e distribuição de conteúdos. A HBO é detida pela AT&T, que comprou recentemente a Time Warner. Antes, a companhia era diretamente detida pela WarnerMedia.

Como lembra o Dinheiro Vivo, as operações da HBO no mercado nacional assentam atualmente numa parceria de conteúdos com a Nos Lusomundo TV. Os conteúdos da HBO são distribuídos nos canais TVCine & Séries, mas a parceria está a ser revista. Ao ECO, fonte oficial da TV Cine & Séries diz que a empresa trabalha “diretamente com os principais estúdios e distribuidores a nível mundial, assegurando a exibição do que de melhor e mais recente se faz na indústria”. E acrescenta: “Com esse foco, estamos neste momento a rever o âmbito da nossa parceria com a HBO”.

A HBO, conhecida por ser uma rede de televisão premium por cabo e satélite, tem vindo a destacar-se como um player cada vez mais relevante na área dos conteúdos televisivos. Em Portugal, deverá concorrer mais diretamente com o serviço Netflix. As últimas estimativas, de 2015, apontavam para que a HBO esteja avaliada em cerca de 30 mil milhões de dólares.
Fonte:https://www.sapo.pt/noticias/tecnol...no-mercado-portugues_5b44d58506aac4cd04ddb8d8

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

E se pudesse ver “Os Sopranos”, Guerra dos Tronos” ou “The Wire” sempre que quisesse? HBO Now chega a Portugal em 2019

Serviço de streaming é semelhante ao Netflix mas distribui conteúdo da HBO, produtora de algumas das mais populares séries de televisão. Empresa está neste momento em processo de recrutamento.

sopranos_770x433_acf_cropped.jpeg

A HBO prepara-se para lançar o serviço HBO Now em Portugal em 2019. Ainda não há data oficial, mas o desaparecimento das estreias da grelha do TV Séries e os anúncios de emprego no Linkedin revelaram primeiras pistas. A própria HBO Europa confirmou que está em curso um processo de recrutamento, com particular atenção em cargos comerciais e de marketing. E é esse processo que procura criar uma equipa inicial para fazer arrancar a plataforma de streaming.

Ao que o Observador apurou, o projeto terá uma equipa de cinco pessoas para que em 2019 o HBO Now possa juntar-se a outros serviços semelhantes disponíveis em Portugal, como Netflix, Amazon Prime ou Filmin, ficando a faltar (entre os grandes “players”) apenas o Hulu, que também produz conteúdo próprio, sendo o mais popular a série “The Handmaid’s Tale”, que em Portugal é transmitida em exclusivo pela NOS Play.

Já no verão de 2015 existiram rumores da chegada de um canal da HBO e do HBO Go (serviço de subscrição associado ao canal HBO) a Portugal, quando nem Netflix ou Amazon Prime estavam disponíveis por cá. Foi uma falsa partida: o que foi anunciado foi uma parceria entre o canal TV Séries e a HBO para a distribuição do seu conteúdo. O TV Séries, canal premium, ficou então conhecido como “Home Of HBO”, estreando as novas séries/temporadas e alguns filmes em simultâneo com a HBO norte-americana, com a excepção de algumas séries, como “Game Of Thrones” e “Curb Your Enthusiasm”, que já tinham contratos com outros canais em Portugal.

Contudo, essa parceria terminou. O “Home Of HBO” desapareceu da comunicação da NOS – responsável pelos canais TV Cine e TV Séries – e as estreias de duas das mais importantes séries da HBO deste ano não aconteceram: “Succession” e “Sharp Objects”. Pelo menos durante uns tempos não existirão estreias em simultâneo de novas séries, como foi hábito ao longo dos últimos três anos. Mas apenas durante uns tempos.

[o trailer de “Sharp Objects”:]

O que é o HBO Now?

É um serviço de streaming de conteúdos da HBO — e não só, na Europa de Leste distribuem produções do Showtime e do Hulu — derivativo do HBO Go. A grande diferença? O Now não implica a subscrição do canal HBO na televisão (que não existirá em Portugal). É, antes, um serviço de subscrição direta, tal como o Netflix ou Amazon Prime. Pode ser acedido através do respetivo site ou das habituais aplicações disponíveis para telemóveis, tablets, consolas ou smart TVs. Surgiu no final de 2014 e dá acesso a vários conteúdos da HBO, como séries, filmes, documentários ou eventos desportivos. O serviço tem expandido a sua área de acção e na Europa já está disponível em alguns países no norte da Europa (Suécia, Finlândia e Dinamarca), ou no leste europeu (Roménia, Polónia, Hungria, Eslovénia, entre outros). Portugal será um dos próximos.

Se o modelo for semelhante ao praticado nos países do leste europeu, lançado no final do ano passado, o preço mensal HBO Now rondará os €6.99 (para dois streams a correrem ao mesmo tempo e até cinco dispositivos associados à conta), e terá disponível conteúdos da HBO mas também de outros serviços/canais, que variam consoante os direitos de transmissão que já existem nesse país e que não se resumem só a séries, mas também filmes e documentários.

[trailer de “Os Sopranos”:]

O que isto significa? Que, em breve, os conteúdos da HBO estarão disponíveis a qualquer momento e em qualquer lugar para quem subscrever o serviço. Será possível ver as temporadas todas de “Os Sopranos”, “The Wire”, “Sexo e a Cidade”, “Sete Palmos de Terra”, “Deadwood” ou “Boardwalk Empire”, bem como de séries que ainda estão a decorrer, como “Game Of Thrones”, “Westworld”, “Big Little Lies”, “Ballers”, “Sillicon Valley”, “The Deuce” ou as que estrearam recentemente ou que ainda estão por estrear, como “Succession”, “Sharp Objects”, “Chernobyl” ou “Watchmen”. Sem esquecer os filmes produzidos pela HBO e os seus documentários.

Ainda não se sabe se todos os conteúdos irão directamente para a plataforma assim que estrearem, algumas das grandes séries, como “Game Of Thrones”, “Westworld” ou “Big Little Lies” têm contratos com outros canais em Portugal e poderão não ter estreia simultânea com a plataforma: tal como acontece com “House Of Cards” da Netflix, as novas temporadas só surgem no serviço de streaming em Portugal após a transmissão da sua totalidade no TV Séries, que tem o exclusivo de estreia em Portugal.

Fonte:https://observador.pt/2018/07/10/e-se-pudesse-ver-os-sopranos-guerra-dos-tronos-ou-the-wire-sempre-que-quisesse-hbo-now-chega-a-portugal-em-2019/

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 28 minutos, TekClub disse:

E se pudesse ver “Os Sopranos”, Guerra dos Tronos” ou “The Wire” sempre que quisesse? HBO Now chega a Portugal em 2019

Serviço de streaming é semelhante ao Netflix mas distribui conteúdo da HBO, produtora de algumas das mais populares séries de televisão. Empresa está neste momento em processo de recrutamento.

sopranos_770x433_acf_cropped.jpeg

A HBO prepara-se para lançar o serviço HBO Now em Portugal em 2019. Ainda não há data oficial, mas o desaparecimento das estreias da grelha do TV Séries e os anúncios de emprego no Linkedin revelaram primeiras pistas. A própria HBO Europa confirmou que está em curso um processo de recrutamento, com particular atenção em cargos comerciais e de marketing. E é esse processo que procura criar uma equipa inicial para fazer arrancar a plataforma de streaming.

Ao que o Observador apurou, o projeto terá uma equipa de cinco pessoas para que em 2019 o HBO Now possa juntar-se a outros serviços semelhantes disponíveis em Portugal, como Netflix, Amazon Prime ou Filmin, ficando a faltar (entre os grandes “players”) apenas o Hulu, que também produz conteúdo próprio, sendo o mais popular a série “The Handmaid’s Tale”, que em Portugal é transmitida em exclusivo pela NOS Play.

Já no verão de 2015 existiram rumores da chegada de um canal da HBO e do HBO Go (serviço de subscrição associado ao canal HBO) a Portugal, quando nem Netflix ou Amazon Prime estavam disponíveis por cá. Foi uma falsa partida: o que foi anunciado foi uma parceria entre o canal TV Séries e a HBO para a distribuição do seu conteúdo. O TV Séries, canal premium, ficou então conhecido como “Home Of HBO”, estreando as novas séries/temporadas e alguns filmes em simultâneo com a HBO norte-americana, com a excepção de algumas séries, como “Game Of Thrones” e “Curb Your Enthusiasm”, que já tinham contratos com outros canais em Portugal.

Contudo, essa parceria terminou. O “Home Of HBO” desapareceu da comunicação da NOS – responsável pelos canais TV Cine e TV Séries – e as estreias de duas das mais importantes séries da HBO deste ano não aconteceram: “Succession” e “Sharp Objects”. Pelo menos durante uns tempos não existirão estreias em simultâneo de novas séries, como foi hábito ao longo dos últimos três anos. Mas apenas durante uns tempos.

[o trailer de “Sharp Objects”:]

O que é o HBO Now?

É um serviço de streaming de conteúdos da HBO — e não só, na Europa de Leste distribuem produções do Showtime e do Hulu — derivativo do HBO Go. A grande diferença? O Now não implica a subscrição do canal HBO na televisão (que não existirá em Portugal). É, antes, um serviço de subscrição direta, tal como o Netflix ou Amazon Prime. Pode ser acedido através do respetivo site ou das habituais aplicações disponíveis para telemóveis, tablets, consolas ou smart TVs. Surgiu no final de 2014 e dá acesso a vários conteúdos da HBO, como séries, filmes, documentários ou eventos desportivos. O serviço tem expandido a sua área de acção e na Europa já está disponível em alguns países no norte da Europa (Suécia, Finlândia e Dinamarca), ou no leste europeu (Roménia, Polónia, Hungria, Eslovénia, entre outros). Portugal será um dos próximos.

Se o modelo for semelhante ao praticado nos países do leste europeu, lançado no final do ano passado, o preço mensal HBO Now rondará os €6.99 (para dois streams a correrem ao mesmo tempo e até cinco dispositivos associados à conta), e terá disponível conteúdos da HBO mas também de outros serviços/canais, que variam consoante os direitos de transmissão que já existem nesse país e que não se resumem só a séries, mas também filmes e documentários.

[trailer de “Os Sopranos”:]

O que isto significa? Que, em breve, os conteúdos da HBO estarão disponíveis a qualquer momento e em qualquer lugar para quem subscrever o serviço. Será possível ver as temporadas todas de “Os Sopranos”, “The Wire”, “Sexo e a Cidade”, “Sete Palmos de Terra”, “Deadwood” ou “Boardwalk Empire”, bem como de séries que ainda estão a decorrer, como “Game Of Thrones”, “Westworld”, “Big Little Lies”, “Ballers”, “Sillicon Valley”, “The Deuce” ou as que estrearam recentemente ou que ainda estão por estrear, como “Succession”, “Sharp Objects”, “Chernobyl” ou “Watchmen”. Sem esquecer os filmes produzidos pela HBO e os seus documentários.

Ainda não se sabe se todos os conteúdos irão directamente para a plataforma assim que estrearem, algumas das grandes séries, como “Game Of Thrones”, “Westworld” ou “Big Little Lies” têm contratos com outros canais em Portugal e poderão não ter estreia simultânea com a plataforma: tal como acontece com “House Of Cards” da Netflix, as novas temporadas só surgem no serviço de streaming em Portugal após a transmissão da sua totalidade no TV Séries, que tem o exclusivo de estreia em Portugal.

Fonte:https://observador.pt/2018/07/10/e-se-pudesse-ver-os-sopranos-guerra-dos-tronos-ou-the-wire-sempre-que-quisesse-hbo-now-chega-a-portugal-em-2019/

Portanto, vai fazer concorrência com o TV Séries? 😮 

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 3 minutos, Mr. Robot disse:

Portanto, vai fazer concorrência com o TV Séries? 😮 

 

Pelo que percebi só algumas series que já tem contrato e que vão dar em primeiro no TV Séries, as novas já não vão fazer contratos com nenhum canal.

Com isto do desaparecimento do Home Of HBO vamos la ver se vem um novo grafismo para os TVCines...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Agora mesmo, TekClub disse:

Pelo que percebi só algumas series que já tem contrato e que vão dar em primeiro no TV Séries, as novas já não vão fazer contratos com nenhum canal.

Com isto do desaparecimento do Home Of HBO vamos la ver se vem um novo grafismo para os TVCines...

O TV Séries vai provavelmente acabar. Vão ficar sem conteúdo atrativo. 😮 

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

E os portugueses vão mesmo pagar só pra ver séries da HBO... sim, claro. Viu-se o grande sucesso da Netflix por aqui, esta ainda vai ser pior :mosking:

Não entendo porque tentam reproduzir um modelo que pode ter dado certo no continente americano, mas que aqui em Portugal claramente não dará certo.

  • Gosto 1
  • Confuso 3

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Se eu fosse da HBO iria comprar os canais TVCine e Séries. O HBO principal seria o TVSéries em termos de formato.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 29 minutos, Forbidden disse:

E os portugueses vão mesmo pagar só pra ver séries da HBO... sim, claro. Viu-se o grande sucesso da Netflix por aqui, esta ainda vai ser pior :mosking:

Não entendo porque tentam reproduzir um modelo que pode ter dado certo no continente americano, mas que aqui em Portugal claramente não dará certo.

lol.

A Warner acabou de ser comprada pela AT&T. Isto faz parte de um plano de expansão internacional da AT&T. 

E sim, acredita que há muitas séries icónicas da HBO, que o pessoal quer ver. Ainda para mais, porque a HBO Now decerteza que irá ter uma app nas boxes. 

Mesmo que não vingue inicialmente, eles vão continuar a insistir, porque têm imenso dinheiro e não querem saber se o breakeven em Portugal for daqui a 5 anos. Óbvio que estas coisas levam tempo. Mas lá está, falar sem saber...

Editado por Mr. Robot
  • Gosto 2
  • Haha 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
HBO prepara entrada direta em Portugal e está a contratar
hbo.jpg
Companhia operava até aqui com um acordo de conteúdos com a NOS. Entrada poderá ocorrer no próximo ano

A HBO está a preparar a entrada direta no mercado nacional e já está a contratar. A empresa norte-americana não comenta esta informação, mas fontes ouvidas pelo Dinheiro Vivo admitem que uma HBO Portugal poderá arrancar no próximo ano.

A HBO operava em Portugal desde 2015 através de uma parceria de conteúdos com a NOS Lusomundo TV, distribuídos nos canais TV Cine & Séries. Ao Dinheiro Vivo, fonte oficial TV Cine & Séries admite que neste momento estão a “rever o âmbito da nossa parceria com a HBO.”

“Os Canais TV Cine & Séries têm por missão disponibilizar os melhores, mais diversos e premiados conteúdos aos seus subscritores, nos diferentes operadores de pay TV nacionais. Por esse motivo, trabalhamos diretamente com os principais estúdios e distribuidores a nível mundial, assegurando a exibição do que de melhor e mais recente se faz na indústria. Com esse foco, estamos neste momento a rever o âmbito da nossa parceria com a HBO”, disse ao Dinheiro Vivo.

Fonte oficial da HBO não quis comentar esta informação. Ao Dinheiro Vivo, Tatiana Carral, gestora de relações públicas da HBO Espanha, diz apenas que “neste momento não temos nenhum comentário oficial acerca da HBO Portugal”.

Na rede social LinkedIn a empresa norte-americana tem quatro ofertas de empresa disponíveis para o mercado nacional: social media coordinator, Marketing manager, distribution sales manager e CRM Project Manager. As ofertas que têm Lisboa como localização, sendo que a companhia admite que procura colaboradores para participar “no seu lançamento no mercado nacional”.

Expansão no pós compra da AT&T

No mercado português a companhia vai concorrer diretamente com o Netflix, no mercado desde 2015. Uma entrada que surge num momento em que já está concluída a compra da Warner Media (antiga dona da HBO) pela operadora de telecomunicações AT&T. No domingo, num encontro em Nova Iorque, o novo responsável da Warner Media, John Stankey, dava conta dos desafios esperados.

“Vai ser um ano duro”, disse John Stankey, citado pelo New York Times. “Vai ser muito trabalho para alterar e mudar um pouco a direção.”

Uma nova direção que poderá levar a HBO para um rumo mais próximo do Netflix. O novo responsável, um antigo executivo da AT&T, quer aumentar o número de horas que os telespectadores dedicam a ver os programas HBO.

“Precisamos mais horas por dia”, disse, referindo-se ao tempo despendido pelos telespectadores. “Não é horas por semana ou horas por mês. Precisamos horas por dia. Estamos a competir com aparelhos que estão nas mãos das pessoas e que cativam a sua atenção cada 15 minutos”.

O responsável quer aumentar o número de subscritores HBO. Nos Estados Unidos o canal que criou Os Sopranos tem 40 milhões de assinantes, valor a que se junta 142 milhões em todo o mundo. Números que não suficientes para Stankey.

Stankey também admite que a companhia terá de aumentar investimento, embora sem revelar valor. E em boa hora. Nos últimos três anos, a HBO injetou mais de 2 mil milhões de dólares na sua programação, tendo gerado lucros de cerca de 6 mil milhões de dólares. O rival Netflix já anunciou planos de investir cerca de 8 mil milhões de dólares este ano.

Uma aposta que surge num momento em que o consumo de conteúdos de vídeo está a mudar de forma substancial.

Não são conhecidos dados sobre Portugal, mas nos Estados Unidos, um estudo levado a cabo pela Cowen & Co, revela que o Netflix já a plataforma preferida para ver programas de entretenimento à frentes da televisão por cabo, televisões generalistas ou o YouTube. À pergunta ‘que plataforma usa mais frequentemente para ver conteúdos de vídeo na TV?’, 27% de um conjunto de 2500 americanos adultos escolheu o Netflix, bem à frente do YouTube (17%), do cabo (12,6%), da Hulu (7,6%) e da televisão generalista (7,5%).

Fonte:https://www.dinheirovivo.pt/empresas/hbo-prepara-entrada-directa-em-portugal-e-esta-a-contratar/

Editado por TekClub

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Adeus principal motivo para qualquer alma santa ter o NOS Play.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Junta-te a nós!

Podes agora comentar e registar-te depois. Se tens uma conta, Entra para responderes com a tua conta.

Visitante
Responder a este tópico

×   Colaste conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   O teu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar apenas como link

×   Uau! O teu conteúdo anterior foi recuperado.   Limpar Tudo?

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Criar Novo...