Jump to content
k3o4

Política

Recommended Posts

Postado: (editado)
há 3 minutos, Televisão 10 disse:

Se tivesses uma casa para arrendar, talvez não fosse o teu discurso. Há um contrato de arrendamento. Se o contrato terminou, eu tenho direito a aumentar a renda ou a mudar os inquilinos, independentemente da sua idade. 

As leis mudam, muitas das vezes pra melhor, como é este o caso. E por acaso já havia excepções antes, se o inquilino morar lá há mais de 25 anos não podes despeja-lo.

Editado por Forbidden
  • Gostar 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 10 minutos, jgsantos disse:

O smn foi aumentado, as reformas também, acabou-se com os contratos de associação onde há escolas públicas, etc... É justo aumentar as rendas a idosos com reformas baixas?

Se têm reformas baixas, é porque descontaram pouco. E sim, é justo aumentar a renda, se a propriedade for minha. 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 2 minutos, Duarte disse:

Por favor, analisem as coisas como elas são.

Tenho uma casa no centro de Lisboa - ou onde quer que seja - e aluguei-a a um senhor já há muito tempo etc e ele agora é idoso. No entanto, a minha casa agora está a valorizar e eu vou ter que ficar a perder dinheiro só porque o meu inquilino envelheceu? Tá tudo doido? 

Quer dizer, este governo devia, claramente, estar a tomar medidas para evitar que viver em Lisboa seja possível, porque da maneira como as coisas estão o rendimento da classe média não suporta o custo de vida na capital. 

Ora aí é que entra o dito Estado Providência, no auge do seu conceito. Ninguém tem que sair prejudicado. O meu inquilino não pode ir viver para debaixo da ponte aos 70 anos da mesma maneira que eu não posso ficar a perder dinheiro. 

Não sei o que é o Estado Providência.:dontknow:

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 8 minutos, Forbidden disse:

Se ficas incomodado com isso não alugues a casa a um idoso, simples.

 

Mas... mas... a lei não protege os idosos? Pois, é muito bonito esse tipo de leis, até perceberem que um senhorio, ao ver isso, vai deixar de alugar a casa a um idoso apenas porque essa lei existe. Ou então declaram que vão precisar da casa, não renovam o contrato com o idoso, ou ficam até disposto a pagar uma indemnização porque vão ganhar muito mais dinheiro com a valorização da casa e o idoso é despejado.

Aliás, não só não vai, como já há uma aceleração dos despejos por causa dessa lei, antes que esteja em vigor. Simples, de facto.

há 5 minutos, jgsantos disse:

nem nas periferias, as casas são baratas. há rendas que rondam os 500€. Se há idosos que ganham 300€, como as podem pagar?

Que culpa tenho eu que haja condições para arrendar uma casa a 500€? Chama-se mercado, Joana. Se não gostas, Cuba, Venezuela e Coreia do Norte dizem olá.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 3 minutos, srcbica disse:

Mas também não é justo o coitado de um velho ser despejado. Iria para onde? Para o lar para morrer? É incrível como esta sociedade não quer saber dos seus velhos e seja necessário impor compaixão pelas leis. Mas também é certo que a lei só será aprovada porque partiu do PS; criminalizar o abandono dos idosos, como partiu do CDS, já é uma medida da direita populista.

Sinceramente enoja- me que só pensem no dinheiro e estejam a ir contra os idosos, que já contribuíram tanto para a sociedade e merecem ser protegidos e valorizados. É mesquinho, simplesmente mesquinho. E não vou comentar mais isto pra não me irritar.

  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 4 minutos, srcbica disse:

Mas também não é justo o coitado de um velho ser despejado. Iria para onde? Para o lar para morrer? É incrível como esta sociedade não quer saber dos seus velhos e seja necessário impor compaixão pelas leis. Mas também é certo que a lei só será aprovada porque partiu do PS; criminalizar o abandono dos idosos, como partiu do CDS, já é uma medida da direita populista.

Para o lar para morrer? Continuo a não perceber o que as pessoas têm contra os lares. A maioria deles fazem um bom trabalho e não são como prisões. As pessoas, com autorização, até podem sair do edifício. Eu, sinceramente, digo: espero ter, na altura certa, dinheiro para ir para um lar.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 2 minutos, Forbidden disse:

Sinceramente enoja- me que só pensem no dinheiro e estejam a ir contra os idosos, que já contribuíram tanto para a sociedade e merecem ser protegidos e valorizados. É mesquinho, simplesmente mesquinho. E não vou comentar mais isto pra não me irritar.

Ainda bem que há pessoas como tu que não se importam com a nova lei. Aliás, se tiveres uma casa arrendada a um idoso, sugiro que nem lhe peças renda, pois só assim o vais valorizar e proteger.

 

  • Gostar 3
  • Confuso 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Agora mesmo, Televisão 10 disse:

Ainda bem que há pessoas como tu que não se importam com a nova lei. Aliás, se tiveres uma casa arrendada a um idoso, sugiro que nem lhe peças renda, pois só assim o vais valorizar e proteger.

 

Faz-me lembrar os refugiados. Toda a gente os quer, mas nunca nas suas casas. :haha: 

  • Gostar 2
  • Haha 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 5 minutos, Ruben Fonseca disse:

Mas... mas... a lei não protege os idosos? Pois, é muito bonito esse tipo de leis, até perceberem que um senhorio, ao ver isso, vai deixar de alugar a casa a um idoso apenas porque essa lei existe. Ou então declaram que vão precisar da casa, não renovam o contrato com o idoso, ou ficam até disposto a pagar uma indemnização porque vão ganhar muito mais dinheiro com a valorização da casa e o idoso é despejado.

Aliás, não só não vai, como já há uma aceleração dos despejos por causa dessa lei, antes que esteja em vigor. Simples, de facto.

Que culpa tenho eu que haja condições para arrendar uma casa a 500€? Chama-se mercado, Joana. Se não gostas, Cuba, Venezuela e Coreia do Norte dizem olá.

Sempre a mesma conversa de Cuba e da Venezuela, já dá sono :lazy:

Se pensam que a Esquerda se resume a isso deviam pesquisar mais.

O Estado serve como regulador do dito mercado, e deve intervir como puder pra proteger quem deve ser protegido.

  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Postado: (editado)
há 10 minutos, Televisão 10 disse:

Para o lar para morrer? Continuo a não perceber o que as pessoas têm contra os lares. A maioria deles fazem um bom trabalho e não são como prisões. As pessoas, com autorização, até podem sair do edifício. Eu, sinceramente, digo: espero ter, na altura certa, dinheiro para ir para um lar.

Eu já vi gente a ir para o CHUC por negligência dos lares. Já vi, inclusive, um senhor que foi lá parar por uma mísera desidratação, porque, pasme-se, o centro da sede não funciona tão bem quando ficamos velhos e não pedimos água, mesmo que necessitemos.

Mas, vá, eu não ando a ver a proveniência dos lares. Se os da Figueira são bons, ótimo. Mas tenho sempre pena de quem vai parar ao de Mira, a menos que seja alguém que não preste.

Editado por srcbica
  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Agora mesmo, Forbidden disse:

Sempre a mesma conversa de Cuba e da Venezuela, já dá sono :lazy:

Se pensam que a Esquerda se resume a isso deviam pesquisar mais.

O Estado serve como regulador do dito mercado, e deve intervir como puder pra proteger quem deve ser protegido.

Quando pensas que o Estado serve como regulador do dito mercado e que deve intervir quando bem lhe apetece sob a desculpa de "proteger quem deve ser protegido" [exatamente como fazem nesses países que tu não gostas de ouvir falar], é porque a esquerda, de facto, só se resume a restringir a liberdade do indivíduo.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 2 minutos, Forbidden disse:

Sempre a mesma conversa de Cuba e da Venezuela, já dá sono :lazy:

Se pensam que a Esquerda se resume a isso deviam pesquisar mais.

O Estado serve como regulador do dito mercado, e deve intervir como puder pra proteger quem deve ser protegido.

Então mas porque é que são os idosos que têm que ser protegidos e não eu? Qual é o critério? É suposto proteger os dois, ou isto é tipo os descontos da multióticas, quando maior a idade maior o benefício? 

há 1 minuto, Ruben Fonseca disse:

Quando pensas que o Estado serve como regulador do dito mercado e que deve intervir quando bem lhe apetece sob a desculpa de "proteger quem deve ser protegido" [exatamente como fazem nesses países que tu não gostas de ouvir falar], é porque a esquerda, de facto, só se resume a restringir a liberdade do indivíduo.

O meu problema é que eu acho que isso é precisamente a função do Estado. Só que a Esquerda interpreta isso como "defender os pobres" e não os indivíduos. 

  • Haha 4

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 1 minuto, srcbica disse:

Eu já vi gente a ir para o CHUC por negligência dos lares. Já vi, inclusive, um senhor que foi lá parar por uma mísera desidratação, porque, pasme-se, o centro da sede não funciona tão bem quando ficamos velhos e não pedimos água, mesmo que necessitemos.

Mas, vá, eu não ando a ver a proveniência dos lares. Se os da Figueira são bons, ótimo. Mas tenho sempre pena de quem vai parar ao de Mira.

Não conheço todos os lares da Figueira. Conheço uma IPSS da minha zona, onde costumo ir com frequência. É verdade que, inicialmente, alguns idosos resistem ao lar. No entanto, depois de algum tempo, acabam por nem querer sair de lá. Antes assim do que sozinhos em casa, sem ninguém com quem conversar. 

  • Gostar 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Agora mesmo, Duarte disse:

Então mas porque é que são os idosos que têm que ser protegidos e não eu? Qual é o critério? É suposto proteger os dois, ou isto é tipo os descontos da multióticas, quando maior a idade maior o benefício? 

Eu não acredito que li isto :|

Talvez, só talvez, porque a idade avançada debilita as pessoas?! Porque uma pessoa de 70 anos não tem a mesma desenvoltura que uma de 30?

  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 2 minutos, srcbica disse:

Eu já vi gente a ir para o CHUC por negligência dos lares. Já vi, inclusive, um senhor que foi lá parar por uma mísera desidratação, porque, pasme-se, o centro da sede não funciona tão bem quando ficamos velhos e não pedimos água, mesmo que necessitemos.

Mas, vá, eu não ando a ver a proveniência dos lares. Se os da Figueira são bons, ótimo. Mas tenho sempre pena de quem vai parar ao de Mira.

Sinceramente acho que, dependendo das situações, é melhor os idosos irem para um lar. Não “para os despachar”, mas sim para a sua própria segurança.

Estou num sítio em que 70% das pessoas que vão lá são idosos e oiço cada coisa que acho que alguns deviam ir para um lar para estarem mais seguros. 

Ou são assaltados, ou esquecem-de de pagar a luz/ água/ gás e ficam sem o serviço, ou são enganados e trocam-lhe a empresa de forneciemento, etc etc. 

Além disso, há muitos que vivem sozinhos e a companhia de outras pessoas da mesma idade no lar lhes fazia bem.  

Claro que há lares e lares. Mas isso é em tudo. 

  • Gostar 3

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 4 minutos, Ruben Fonseca disse:

Quando pensas que o Estado serve como regulador do dito mercado e que deve intervir quando bem lhe apetece sob a desculpa de "proteger quem deve ser protegido" [exatamente como fazem nesses países que tu não gostas de ouvir falar], é porque a esquerda, de facto, só se resume a restringir a liberdade do indivíduo.

Comparar democracias com ditaduras é comparar alhos com batatas. As pessoas que estão num Estado Democrático estão lá temporariamente e com a legitimidade de terem sido eleitas pelo povo, portanto a regulação do Estado tem legitimidade, ao contrário do que acontece numa ditadura.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Agora mesmo, Forbidden disse:

Eu não acredito que li isto :|

Talvez, só talvez, porque a idade avançada debilita as pessoas?! Porque uma pessoa de 70 anos não tem a mesma desenvoltura que uma de 30?

Então pronto, eu vou facilitar-te o raciocínio, pode ser que assim te seja mais fácil ponderar.

O sujeito A tem 70 anos, trabalhou a vida toda, aplicou as suas poupanças num imóvel porque achou, vá-se lá saber porque, que isso ia ser uma mais valia para si. O sujeito B tem 70 anos, trabalhou a vida toda, aplicou as suas poupanças a viajar, a comer fora, etc, porque, lá está, achou que era uma mais valia para si. O sujeito A aluga o seu segundo imóvel ao sujeito B. Vamos beneficiar o sujeito B porquê? Ou vamos beneficiar quem nasceu em Janeiro e não em Agosto, já que o objetivo é proteger o mais velho. 

Spoiler

e não, não condeno de todo o sujeito B, até porque provavelmente era o que eu faria. Simplesmente as pessoas têm que tomar decisões em consciência e acartar com as suas consequências, mas isso já não é conversa para aqui.

 

  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Agora mesmo, CatarinaC disse:

Para mim o Estado é uma entidade externa, está ao meu serviço ou devia estar.

Esta lei não as vai proteger, vai fazer precisamente o contrário, vai lhes dificultar o arrendamento.

Se o Estado quer protege idosos dá-lhes habitação (o Estado tem imóveis), não pode obrigar privados a substituírem o Estado numa função que é dele. O que este governo quer fazer é obrigar os privados cumprirem um função de política social sem qualquer custo para o Estado. Privados não são a Santa Casa da misericórdia. 

 

Quando fores idosa e essa ideologia se virar contra ti pode ser que mudes de ideias. Não me vou alongar mais sobre isto.

  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Eu só sei que estes problemas não existiam se cuidássemos dos velhos como eles cuidaram de nós.

  • Gostar 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 1 minuto, Forbidden disse:

Quando fores idosa e essa ideologia se virar contra ti pode ser que mudes de ideias. Não me vou alongar mais sobre isto.

Porque não convêm, não é? 

Agora mesmo, srcbica disse:

Eu só sei que estes problemas não existiam se cuidássemos dos velhos como eles cuidaram de nós.

This. 

mas isso implica toda uma discussão que não se enquadra aqui. 

  • Obrigado 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Postado: (editado)
há 3 minutos, srcbica disse:

Eu só sei que estes problemas não existiam se cuidássemos dos velhos como eles cuidaram de nós.

O pior é quando os mais velhos cuidaram mal dos mais novos...

Editado por Televisão 10
  • Gostar 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 3 minutos, Duarte disse:

Porque não convêm, não é? 

This. 

mas isso implica toda uma discussão que não se enquadra aqui. 

Não é porque não me convem, não tenho é paciencia pra estar aqui a fazer testamentos, além de que não pretendo mudar a ideia dos outros.

  • Haha 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 10 minutos, アンドレ disse:

Sinceramente acho que, dependendo das situações, é melhor os idosos irem para um lar. Não “para os despachar”, mas sim para a sua própria segurança.

Estou num sítio em que 70% das pessoas que vão lá são idosos e oiço cada coisa que acho que alguns deviam ir para um lar para estarem mais seguros. 

Ou são assaltados, ou esquecem-de de pagar a luz/ água/ gás e ficam sem o serviço, ou são enganados e trocam-lhe a empresa de forneciemento, etc etc. 

Além disso, há muitos que vivem sozinhos e a companhia de outras pessoas da mesma idade no lar lhes fazia bem.  

Claro que há lares e lares. Mas isso é em tudo. 

Exato. Ainda me lembro de um caso aqui na minha terra. Uma senhora que já morreu, tinha 90 anos, vivia sozinha, não queria ir para um lar e fizeram-lhe um contrato com a Optimus (daqueles que vendiam porta a porta, enganando as pessoas), mesmo sem ela saber ler nem escrever. A minha avó, amiga, pois os filhos estavam no estrangeiro, teve que ir à loja e ainda se riram. Depois, teve um triste fim: morreu sozinha e esteve assim 3 dias, sozinha em casa, isto numa aldeia. A minha avó estranhou a sua ausência, foi à casa, partiu a janela e encontrou-a. Num lar, podia ter tido uma velhice mais feliz e quem sabe morrer de uma forma mais digna.

  • Triste 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora

×