Jump to content

Profissionais TVI


Recommended Posts

  • Replies 35.2k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

  • Mr. Carter

    1512

  • Vieira

    1418

  • ZDK

    1270

  • Duarte com D

    945

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Obrigado pela consideração aos comuns plebeus, Rita Pereira  

Cristina saturou tanto o "setembro é amanhã" que estou com medo de acordar amanhã e ser 32 de agosto 

isto é equivalente à ressurreição da princesa Diana, ninguém estava à espera

Um dos profissionais mais versáteis dos quadros da TVl, acho muito bem que seja aproveitado, tem provas dadas na condução de talent shows, game shows e talk shows, portanto seja qual for a tipologia de programa que lhe seja entregue estou certo que irá ter um bom desempenho.

 

  • Like 4
Link to post
Share on other sites

“Havia a ideia de que só de sentir o cheiro da Cristina nos corredores já dava para ganhar”

Cristina Ferreira esteve nas "Manhãs da Comercial" e fez um balanço sobre o primeiro mês após o regresso ao ecrã da TVI. A apresentadora e diretora refletiu sobre as críticas e diz que “é preciso arrumar muita coisa".

Lembrando que entrou na TVI num carro que nem era dela e que regressou como dona, a apresentadora (que é também diretora e acionista) partilhou que “achava que isso era uma história bonita de ser contada e que as pessoas iam gostar de saber que isso é possível”.

Críticas à parte, Cristina Ferreira assumiu-se preparada para o desafio que enfrenta na TVI que encontrou no regresso a casa. “A empresa está pior, mas vai ficar melhor. Havia a ideia de que eu chegava e a TVI era líder, só de sentir o cheiro da Cristina nos corredores já dava para ganhar. Mas as coisas não são assim”. Comparando a sua história com a do conto infantil dos Três Porquinhos, a apresentadora referiu que não quer construir “com palha”.

“É preciso arrumar muita coisa, era um trabalho que eu não tinha antes mas que é desafiante. Muitas das pessoas estavam destruídas, sem saber o que lhes ia acontecer, sem líder. As pessoas olham para mim e dizem “ainda bem que vieste para nos ajudar a construir”, partilhou a estrela do canal.

https://magg.sapo.pt/celebridades/artigos/cristina-ferreira-cheiro-cristina-corredores-ganhar

  • Like 4
Link to post
Share on other sites
há 1 minuto, Mar-Vell disse:

“Havia a ideia de que só de sentir o cheiro da Cristina nos corredores já dava para ganhar”

Cristina Ferreira esteve nas "Manhãs da Comercial" e fez um balanço sobre o primeiro mês após o regresso ao ecrã da TVI. A apresentadora e diretora refletiu sobre as críticas e diz que “é preciso arrumar muita coisa".

Lembrando que entrou na TVI num carro que nem era dela e que regressou como dona, a apresentadora (que é também diretora e acionista) partilhou que “achava que isso era uma história bonita de ser contada e que as pessoas iam gostar de saber que isso é possível”.

Críticas à parte, Cristina Ferreira assumiu-se preparada para o desafio que enfrenta na TVI que encontrou no regresso a casa. “A empresa está pior, mas vai ficar melhor. Havia a ideia de que eu chegava e a TVI era líder, só de sentir o cheiro da Cristina nos corredores já dava para ganhar. Mas as coisas não são assim”. Comparando a sua história com a do conto infantil dos Três Porquinhos, a apresentadora referiu que não quer construir “com palha”.

“É preciso arrumar muita coisa, era um trabalho que eu não tinha antes mas que é desafiante. Muitas das pessoas estavam destruídas, sem saber o que lhes ia acontecer, sem líder. As pessoas olham para mim e dizem “ainda bem que vieste para nos ajudar a construir”, partilhou a estrela do canal.

https://magg.sapo.pt/celebridades/artigos/cristina-ferreira-cheiro-cristina-corredores-ganhar

Imagino a cara de pau do Nuno Santos a ouvir estas declarações. :cryhappy:

Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, Mar-Vell disse:

“É preciso arrumar muita coisa, era um trabalho que eu não tinha antes mas que é desafiante. Muitas das pessoas estavam destruídas, sem saber o que lhes ia acontecer, sem líder. As pessoas olham para mim e dizem “ainda bem que vieste para nos ajudar a construir”, partilhou a estrela do canal.

Esta frase vai ser muito criticada, porque a Cristina fala demais e estamos numa fase em que as pessoas têm pavio curto para tudo o que ela diz. Mas na verdade, visto de fora, a TVI de hoje não é a mesma TVI de há uns meses. No entretenimento, as pessoas parecem muito mais motivadas e com força para fazer coisas diferentes. Parece haver espírito de equipa. Na informação, o João Fernando Ramos hoje no VNTV e o Pedro Mourinho quando lá foi mostram estar muito envolvidos nesta nova fase, parecem muito felizes em estarem na equipa liderada pelo Anselmo Crespo. O Pedro Pinto e o JAC têm uma energia renovada. Assim visto de fora, as mudanças notam-se. Não digo que o Nuno Santos não seja um bom gestor (parece ser), mas de facto é preciso líderes e pessoas que saibam motivar os outros. A TVI não tem isso provavelmente desde a saída do Moniz, em 2009. Ainda bem que esse espírito está a voltar à empresa.

Link to post
Share on other sites
há 11 minutos, PedroTexas disse:

Imagino a cara de pau do Nuno Santos a ouvir estas declarações. :cryhappy:

Realmente...

Eu acho os discursos da Cristina bonitos, acredito que queira mesmo ajudar a estação, mas fica-lhe mal referir com tanto ênfase que os profissionais da TVI sentiam-se num barco à deriva, sem fundo. O Nuno Santos está a ficar com uma imagem de homem frouxo.

Não é que não tenha razão, porque tem. Mas podia controlar as palavras.

Link to post
Share on other sites

A aposta no Pedro Fernandes só vem mostrar que existe espaço para os bons. Espero que o Marco Horácio se ficar no canal seja somente para a ficção e longe da apresentação, mas podia bem ser dispensado.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 3 minutos, BlueScorpion disse:

Não quer saber de audiências, só quer ser feliz, tem a password mas nem acede e é o colaborador que lhe manda os números que ela vê contra-feita mas depois na prática.... se o grandioso "Dia de Cristina" não corresponder tira imediatamente do ar, está-se a "borrifar", quer lá saber. O tal programa revolucionário, megalómano, redifinidor da televisão, que afinal ela terminará em três tempos. Uma tradição para ela, podia ser coveira de programas, que se lixe quem acompanha. 

Toda esta mulher é uma contradição pegada. Os outros é que são maus, as pessoas "é que não souberam apreciar conquistas", o discurso das mamas e vagina. Do sexismo. Ela já disse tudo e o seu oposto a ver que argumento cola mais e nenhum pega. 

Tenho pena dela porque o dinheiro não é tudo. E ela foi, de facto, no Programa da Cristina, uma apresentadora realmente brutal, competente, carismática e com total carinho do público. Foi A Senhora Televisão e certamente chegou a aspirar liderar um país ou candidatar-se para tal. Hoje não passa de uma caricatura, de um cartoon. 

Agora nunca percebi foi uma coisa - um dos motivos muito fortes para o regresso à TVI foi estarem lá os amigos. Então e quando o Goucha ou a Teresa se reformarem? Quando um Pedro Teixeira ou outro profissional mudar de estação? Também têm esse direito. Quando descartarem um Rúben Rua ou uma Iva Domingues quiser abraçar novos projetos? Ou acha que o rebanho a seguirá religiosamente para todo o sempre? 

As contradições da Cristina são iguais às contradições de qualquer pessoa. Ela apenas peca por falar demais, querer mostrar transparência e cai no exagero, e é óbvio que os haters vão pegar em tudo para a atacar. :D :D O que é realidade hoje para ela (e mesmo a opinião sobre determinado tema) pode ser diferente daqui por meia dúzia de dias, e isso acontece com a Cristina ou com qualquer um. É lidar. 

  • Like 4
Link to post
Share on other sites
há 26 minutos, Da ni el disse:

Esta frase vai ser muito criticada, porque a Cristina fala demais e estamos numa fase em que as pessoas têm pavio curto para tudo o que ela diz. Mas na verdade, visto de fora, a TVI de hoje não é a mesma TVI de há uns meses. No entretenimento, as pessoas parecem muito mais motivadas e com força para fazer coisas diferentes. Parece haver espírito de equipa. Na informação, o João Fernando Ramos hoje no VNTV e o Pedro Mourinho quando lá foi mostram estar muito envolvidos nesta nova fase, parecem muito felizes em estarem na equipa liderada pelo Anselmo Crespo. O Pedro Pinto e o JAC têm uma energia renovada. Assim visto de fora, as mudanças notam-se. Não digo que o Nuno Santos não seja um bom gestor (parece ser), mas de facto é preciso líderes e pessoas que saibam motivar os outros. A TVI não tem isso provavelmente desde a saída do Moniz, em 2009. Ainda bem que esse espírito está a voltar à empresa.

A TVI de hoje não é a mesma mas em pouco difere.. As manhãs melhoraram, e o HN também, com dois produtos de ficção inéditos era bastante previsível que isso fosse acontecer (graças ao trabalho de QoD) mal era se uma novela inédita fosse fazer os valores de EI na sua terceira reposição! 

Havia a ideia de que só de sentir o cheiro da Cristina nos corredores já dava para ganhar

Aqui acho que ela tem razão, efetivamente as pessoas acreditaram mesmo que só por ela estar na TVI esta ia logo liderar, os profissionais da casa sentiram-se motivados porque sabiam que a Cristina era sinónimo de audiências, não foi pela Cristina ser mais competente enquanto diretora! Quando entrou a Filipa Garnel também veio cheia de ideias novas e também diziam que estavam muito motivados com ela (nunca vão dizer o contrário também) mas rapidamente ela foi substituída e a verdade é que os sucessos de hoje da TVI são todos dela! Afinal terá a tvi memória? 

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...