Jump to content
k3o4

Conta-me Como Foi [T6]

Recommended Posts

há 5 minutos, Televisão 10 disse:

Por acaso, não gostei muito do episódio de ontem.

Primeiramente, não entendi quem era o Tino e achei toda a história estranha. Se a personagem tivesse aparecido noutros episódios... O Carlos disse que era um amigo que brincava com ele e com o Emídio no bairro, mas não tenho tal lembrança. Questiono-me até se quem adapta esta temporada viu as outras... :rolleyes:

Ponto positivo para as imagens do Zé a conduzir ao lado do Carlos Lopes. Era algo comum nas outras temporadas (integrarem as personagens nas imagens de arquivo) e gostei de ver...

Por fim, não gosto nada do Inácio. A Isabel merecia melhor em termos de história...

Também não gostei nada disso. Não faço ideia quem é o Tino, é suposto ter algum sentimento pela sua morte?

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 minutes ago, Vieira said:

Também não gostei nada disso. Não faço ideia quem é o Tino, é suposto ter algum sentimento pela sua morte?

Pois, concordo, esse aspecto foi muito mal contextualizado.

A mim pareceu-me servir só para fazer eco ao fenómeno Sida em Portugal naquela década, e não propriamente à história.

Ficou mais didático do que fictício, não gostei também... Mas de resto, até gostei.

Penso que o reatar do Inácio/Isabel ainda vai trazer novos contornos.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
há 23 horas, Pedro Ponte disse:

Pois, concordo, esse aspecto foi muito mal contextualizado.

A mim pareceu-me servir só para fazer eco ao fenómeno Sida em Portugal naquela década, e não propriamente à história.

Ficou mais didático do que fictício, não gostei também... Mas de resto, até gostei.

Penso que o reatar do Inácio/Isabel ainda vai trazer novos contornos.

O grande problema é mesmo o salto de 10 anos. Na Espanha, o Marcelo (personagem do Romeu Vala) era o companheiro de casa do Carlos quando ele saiu de casa dos pais e foi viver sozinho. O Tino era o namorado do Marcelo e o Marcelo sim, era o melhor amigo do Carlos quando ele saiu do bairro antigo. Mas estão a fazer grandes baralhacoes. A adaptar do original, mas fora da temporada. Por exemplo, o Carlos e a Ana Paula nunca perderam o contato. Na temporada anterior eles separaram-se e ela voltou casada com um ambientalista. Duas ou três temporadas antes desta, a Isabel, já viuva, fez cinekinky, ou seja filmes eróticos ou pornografia softcore como se quiser chamar. Na Espanha ela enviuva na 12 ou 13 e já está separada, aqui que é a adaptação da 17,ela é viuva recentemente. Seguindo a história à risca será muito surpreendente a conclusão da história da Isabel com o Inácio. 

Edited by DoAudiovisual
  • Like 2
  • Shock 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 3/2/2020 at 3:51 PM, DoAudiovisual said:

O grande problema é mesmo o salto de 10 anos. Na Espanha, o Marcelo (personagem do Romeu Vala) era o companheiro de casa do Carlos quando ele saiu de casa dos pais e foi viver sozinho. O Tino era o namorado do Marcelo e o Marcelo sim, era o melhor amigo do Carlos quando ele saiu do bairro antigo. Mas estão a fazer grandes baralhacoes. A adaptar do original, mas fora da temporada. Por exemplo, o Carlos e a Ana Paula nunca perderam o contato. Na temporada anterior eles separaram-se e ela voltou casada com um ambientalista. Duas ou três temporadas antes desta, a Isabel, já viuva, fez cinekinky, ou seja filmes eróticos ou pornografia softcore como se quiser chamar. Na Espanha ela enviuva na 12 ou 13 e já está separada, aqui que é a adaptação da 17,ela é viuva recentemente. Seguindo a história à risca será muito surpreendente a conclusão da história da Isabel com o Inácio. 

De facto nota-se que a adaptação do guião espanhol foi complicada, tendo em conta a realidade portuguesa.

Preferia que a RTP tivesse comprado os direitos (genéricos, à falta de melhor termo) da série, e depois recriasse-a na sua totalidade, de forma livre, aos anos 80.

Essa situação do rapaz que morreu com Sida foi, de facto, exemplo pragmático dessa desorientação de quem procedeu à escrita do guião. A maioria das pessoas não percebeu. Pelo menos não enquanto parte da história fictícia, e sim como elemento 'didático' para explicar o que se passava no país na altura acerca desse assunto.

Adoro esta série, mas lamento profundamente as enormes diferenças (da escrita de guião, da falta de contexto, e não da mudança de década), em relação às anteriores...

Onde vês, se for possível partilhares, essas informações detalhadas sobre a série espanhola? Ficava muito agradecido. :-)

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 8 horas, Pedro Ponte disse:

De facto nota-se que a adaptação do guião espanhol foi complicada, tendo em conta a realidade portuguesa.

Preferia que a RTP tivesse comprado os direitos (genéricos, à falta de melhor termo) da série, e depois recriasse-a na sua totalidade, de forma livre, aos anos 80.

Essa situação do rapaz que morreu com Sida foi, de facto, exemplo pragmático dessa desorientação de quem procedeu à escrita do guião. A maioria das pessoas não percebeu. Pelo menos não enquanto parte da história fictícia, e sim como elemento 'didático' para explicar o que se passava no país na altura acerca desse assunto.

Adoro esta série, mas lamento profundamente as enormes diferenças (da escrita de guião, da falta de contexto, e não da mudança de década), em relação às anteriores...

Onde vês, se for possível partilhares, essas informações detalhadas sobre a série espanhola? Ficava muito agradecido. :-)

Vivi em Espanha há dez anos e comecei a assistir aí e depois assisti na tve internacional que transmitiu até à temporada passada. 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 17 minutos, Pedro Ponte disse:

Ainda não há promo desta semana?

Esta semana não dá, a final do Festival da Canção começa logo às 21h. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 6 minutos, DoAudiovisual disse:

Em Espanha, a série está em risco. O ministério público pede 27 anos de prisão para o ator que faz de António e 32 para a actriz que faz de Mercedes (Margarida) por fuga ao fisco. O marido dela que é o produtor também pode ter pena pesada. 

porra mas quanto é que devem ao fisco?

  • Thanks 1
  • LOL 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 hours ago, Televisão 10 said:

 

Deviam arrancar com a promoção semanal mais cedo e com mais intensidade... Nisso começo a dar razão à Rita Blanco.

 

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 23 horas, joanna disse:

porra mas quanto é que devem ao fisco?

A acusação, não é 

fuga ao fisco simples é fraude fiscal. Mas juntos cerca de 4 Milhões, mas já devolveram parte. 

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Gostei muito do episódio de hoje.

Bom entroncamento da realidade da época com a história familiar (sem ser pura didática, como no caso da morte pela SIDA).

Adorei a maior envolvência com o bairro onde vivem, finalmente! e uma Margarida mais frontal, como dantes!

E a cena da família do Inácio, esplêndida - diálogos soberbos, muito mordazes, no ponto.

O que acharam?

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
há 10 horas, Pedro Ponte disse:

Gostei muito do episódio de hoje.

Bom entroncamento da realidade da época com a história familiar (sem ser pura didática, como no caso da morte pela SIDA).

Adorei a maior envolvência com o bairro onde vivem, finalmente! e uma Margarida mais frontal, como dantes!

E a cena da família do Inácio, esplêndida - diálogos soberbos, muito mordazes, no ponto.

O que acharam?

Também gostei.

Gostei especialmente da referência à Nani, que no final da temporada anterior se tinha tornado polícia.

Gosto destas pequenas relações com as temporadas anteriores.

Edited by Televisão 10
  • Like 3
  • Love 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 hours ago, Maya said:

Eu estou agora a seguir a nova temporada pela RTP Play. Ainda me faltam 9 episódios mas creio que até sexta-feira vou conseguir conclui-la.

A intro ao primeiro episódio foi bem impactante! Esta série tem mesmo algo muito especial. Ao ver algumas cenas muitas vezes dou por mim a lembrar-me das histórias que os meus avós me contavam do tempo da ditadura. A dona Hermínia então é tão parecida com a minha avó paterna!

'Conta-me como Foi' é sem dúvida uma excelente opção para passar o tempo nestes dias tão difíceis. É puro autodidatismo gratuito! <3

 

Fiz o mesmo nos últimos dois meses, depois de ter visto a série entre os 10 e os 14 anos.

Hoje tenho quase 24, e já sou licenciado, e naturalmente tive toda uma nova perspectiva sobre a série: a época, o contexto político-social, as várias referências à História - embora sendo ficção.

Vi 103 episódios, falta 1 - o do dia 25 de Abril. Ainda não vi porque não aceito que vai acabar outra vez. :triste:

  • Love 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
30 minutes ago, Pedro Ponte said:

Fiz o mesmo nos últimos dois meses, depois de ter visto a série entre os 10 e os 14 anos.

Hoje tenho quase 24, e já sou licenciado, e naturalmente tive toda uma nova perspectiva sobre a série: a época, o contexto político-social, as várias referências à História - embora sendo ficção.

Vi 103 episódios, falta 1 - o do dia 25 de Abril. Ainda não vi porque não aceito que vai acabar outra vez. :triste:

Eu não acompanhei as primeiras temporadas na altura em que foram transmitidas (só as vi anos mais tarde), embora sempre tenha tido nos meus pais dois fãs "incorrigíveis" da série desde a época em que foi para o ar a primeira temporada.

Na minha perspectiva, a série toca-nos profundamente porque nos faz ver a vida em "modo" retrospectiva. As relações familiares e o ênfase que é aqui dado à família, as vicissitudes provenientes desse mesmo contexto político-social que mudou a história de Portugal e de milhões de portugueses, o elenco, os aspetos técnicos (esta realização está mesmo um primor!), entre tantos outros atrativos que fazem desta série um dos melhores produtos de ficção de sempre feitos em Portugal.

Estou a gostar muito desta entrada da série no universo dos anos 80, uma década onde se fez história e na qual Portugal e o mundo nunca mais foram os mesmos. <3

 

  • Like 2
  • Love 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Podiam ter dado outro nome à personagem... Já havia uma Clara na série.

  • Like 3
  • Love 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 hours ago, Televisão 10 said:

Podiam ter dado outro nome à personagem... Já havia uma Clara na série.

Super concordo.

E promo desta semana, já há?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Há episódio hoje, pelas 21.

Como habitualmente, mas a RTP esta semana nem uma promo fez... Compreendo algum descontentamento do elenco sobre esta falta de promoção.

Episódio já na RTP Play também.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 13 minutos, Pedro Ponte disse:

Há episódio hoje, pelas 21.

Como habitualmente, mas a RTP esta semana nem uma promo fez... Compreendo algum descontentamento do elenco sobre esta falta de promoção.

Episódio já na RTP Play também.

A RTP tem feito promoção todas as semanas. Se calhar, não colocaram na Internet e deu na televisão. Por outro lado, podem não ter profissionais para o fazer fruto da atual situação.

Se há coisa que o elenco não se pode queixar muito é da falta de promoção. Deve ter sido a série da RTP com mais promoção dos últimos tempos.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 55 minutos, Televisão 10 disse:

A RTP tem feito promoção todas as semanas. Se calhar, não colocaram na Internet e deu na televisão. Por outro lado, podem não ter profissionais para o fazer fruto da atual situação.

Se há coisa que o elenco não se pode queixar muito é da falta de promoção. Deve ter sido a série da RTP com mais promoção dos últimos tempos.

Confirmo, vi uma promo na televisão que focava na personagem da Inês Castel-Branco.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 3/21/2020 at 2:12 PM, Filipe Simões said:

Confirmo, vi uma promo na televisão que focava na personagem da Inês Castel-Branco.

Referia-me unicamente às promos habituais via redes sociais. E tendo em conta a opinião da Rita Blanco, obviamente. Mas fico feliz por isso!

A dor no peito da Margarida...

Spoiler

poderá ser um futuro nódulo? Penso que na versão espanhola ela teria um cancro na mama. :unsure:

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nota para o facto de o episódio de amanhã começar às 21h20, 20 minutos mais tarde do que o habitual.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Como estou aborrecido em casa, fui ao RTP Play e pus-me a ver o episódio mais recente (ep. 15, da actual temporada). 

Adorei!!!

Não tinha visto mais esta temporada porque achei os dois primeiros episódios fraquitos, muito parados.  Mas este episódio foi muito bom.  Vou continuar a ver :D   :clap:

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...