Jump to content

A Casa das Sete Mulheres


Recommended Posts

  • Replies 117
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Terminei hoje a série. Que últimos episódios de tirar o fôlego! Desde o parto da Anita feito pela Manuela, que rendeu uma das sequências mais emocionantes da série, ao sofrimento da Mariana nas mãos daquele monstro sem alma que se auto intitula de mãe dela (nem as outras duas sofreram aquilo que a Mariana penou nas mãos da Maria), passando também pelo final emocionante da Rosário, que infelizmente (ou não) não podia ter terminado de outra forma. Eu destaco a última cena da Manuela como

Amei toda aquela sequência do ataque dos soldados imperiais à estância. Foi tão bom ver todas as mulheres da casa a defenderem o seu "território" com unhas e dentes! A parte em que a Teresa salva a Perpétua de ser molestada por aquele "caramuru" nojento e asqueroso foi a minha preferida! Foi tão bonito vê-las mais tarde a fazerem as pazes! A Caetana também esteve soberba em todos os momentos! Aliás foi dela que partiu a iniciativa de não ceder à "chantagem" dos imperiais quando começou a dispa

O final da Manuela é horrível, que tristeza. Pior de tudo é que esta mulher existiu mesmo, e esperou pelo Garibaldi até ao fim dos seus dias, ficando para a história como a "eterna noiva de Garibaldi". E é ainda mais triste, pois na serie eles ainda se encontram, mas na vida real nunca mais se viram desde que o Garibaldi saiu da estância da Tia Antónia.  Acho que romantizaram o Garibaldi muito nesta serie, na vida real ele não deve te sido muito correto com as mulheres, chegando mesmo a s

A Maria está cada vez mais execrável! Nem aquele acidente terrível que ela teve com a Mariana quando ambas iam a caminho da antiga casa em Pelotas a conseguiu tornar mais flexível. A Manuela mostrou naquele momento ser a filha que todas as mães (e pais) gostariam de ter. Sempre tão atenciosa e preocupada com a mãe, mas nem assim aquela criatura asquerosa se comove! Adorei quando a Caetana lhe deu aquele valente bofetadão na cara depois das coisas horríveis que ela disse da Perpétua! :rofl: Senti-me tão vingada naquele momento malta! E depois a Caetana ainda teve a humildade e sobriedade de lhe ir pedir desculpa. A Maria deve ser das personagens mais detestáveis que nós já vimos num produto de ficção! Ela não se sensibiliza nem com o facto de ter toda a estância de roda dela derivado ao acidente que teve com a filha. Enfim.

Coitadinha da Mariana! :crying:Algo me diz que esta pobre rapariga vai sofrer tanto ou mais do que as irmãs nas mãos daquela mãe cruel e amargurada.

5 hours ago, Duarte com D said:

Não consigo rir com a situação da Rosário @Maya.

Uma jovem linda, cheia de vida, cok tanto o qye viver pela frente, enlouquecer assim, viver numa realidade de mentira, alheia a tudo o quese passa à sua volta é só triste. A morte do Estêvão foi tão, tão triste e cruel, eles fazem um casal tão bonito, uma pena. :crying:

 

Rir de admiração, de estupefacção, e de alguma incongruência até. A Rosário, mesmo estando completamente enlouquecida e fora de si, é feliz assim e não permite que nada nem ninguém neste mundo estrague essa felicidade, ainda que resulte de um estado de demência total. A própria Consuelo é sempre muito parca nas palavras que lhe dirige, pois sabe que ela só será feliz se continuar a acreditar naquilo em que acredita. A Rosário é uma personagem estranha, Duarte. Umas vezes consigo achá-la encantadora e fascinante, mas noutras olho para ela e acho-a tão chata e perdida na sua própria lógica. É um oito ou oitenta, como dizia o outro.

A Mariana Ximenes estava linda com aquele vestido de noiva, embora este já estivesse todo sujo e rasgado de tanto que a Rosário correu por aquela mata! Lembras-te deste momento?

Eu gosto muito das cenas da Rosário com a madre do convento, que consegue ser bem mais doce e maternal para com ela do que a Maria. É que nem se compara! <3

Link to post
Share on other sites
há 2 horas, Maya disse:

Mariana Ximenes estava linda com aquele vestido de noiva, embora este já estivesse todo sujo e rasgado de tanto que a Rosário correu por aquela mata! Lembras-te deste momento?

Eu gosto muito das cenas da Rosário com a madre do convento, que consegue ser bem mais doce e maternal para com ela do que a Maria. É que nem se compara! <3

Totalmente, eu lembro-me bem, quando ela queria voltar a todo o custo para o seu Estevão.

A Madre é muito boa com a Rosário, e a única que não a trata como louca.

Quanto à Maria e Mariana, sim, a Mariana vai ser a que mais vai sofrer, por isso disse que a Maria ainda estava longe de ser má nos primeiros episódios, porque comparando com os últimos... Pior mãe da ficção brasileira.

@Maya quando acabares, quero um resumão à altura como fazes com as novelas que te marcaram. :happy: Até agora, achas que tem potencial de entrar num Top20 das melhores novelas que viste?

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
28 minutes ago, Duarte com D said:

Totalmente, eu lembro-me bem, quando ela queria voltar a todo o custo para o seu Estevão.

A Madre é muito boa com a Rosário, e a única que não a trata como louca.

Quanto à Maria e Mariana, sim, a Mariana vai ser a que mais vai sofrer, por isso disse que a Maria ainda estava longe de ser má nos primeiros episódios, porque comparando com os últimos... Pior mãe da ficção brasileira.

@Maya quando acabares, quero um resumão à altura como fazes com as novelas que te marcaram. :happy: Até agora, achas que tem potencial de entrar num Top20 das melhores novelas que viste?

Mas o espírito do Estevão agora acomodou-se naquele convento?! Não percebo o porquê dela já não o conseguir ver na estância ou mesmo na mata como chegou a acontecer no passado.

Eu também gosto muito da madre Cecília. A outra freira por sua vez é uma intriguista do pior! Foi muito digna a atitude da Rosário de a ter salvo do castigo de ter que comer os restos dela até segunda ordem.

A Maria, ao que tudo indica, também se apaixonou por um peão como o Gutierrez quando tinha a idade da Mariana. Acredito que ainda tenha momentos muito fortes à minha espera nestes doze episódios que me restam.

Depende de como preferires classificar esta grande produção. Se olhar-mos para 'A Casa das Sete Mulheres' como se de uma série se tratasse, sem dúvida que teria um lugar cativo no meu top de melhores séries brasileiras de todos os tempos. Se a encarar-mos como uma "novela escancarada", não a colocaria à primeira vista num top 10 de melhores novelas de sempre. A história desta produção é extraordinária, mas a Globo já teve tantas novelas lindas e inesquecíveis Duarte! Nós (eu, tu e tantos outros) ultimamente temos alargado tanto  os nossos horizontes no que diz respeito a essas grandes produções, ao retroceder-mos cronologicamente para ver histórias com mais de 15 e/ou até 20 anos, que Isso acaba por dificultar muito mais esta nossa tarefa de elaborar os chamados "tops".

  • Love 1
Link to post
Share on other sites
há 1 hora, Maya disse:

Mas o espírito do Estevão agora acomodou-se naquele convento?! Não percebo o porquê dela já não o conseguir ver na estância ou mesmo na mata como chegou a acontecer no passado.

Eu também gosto muito da madre Cecília. A outra freira por sua vez é uma intriguista do pior! Foi muito digna a atitude da Rosário de a ter salvo do castigo de ter que comer os restos dela até segunda ordem.

A Maria, ao que tudo indica, também se apaixonou por um peão como o Gutierrez quando tinha a idade da Mariana. Acredito que ainda tenha momentos muito fortes à minha espera nestes doze episódios que me restam.

Depende de como preferires classificar esta grande produção. Se olhar-mos para 'A Casa das Sete Mulheres' como se de uma série se tratasse, sem dúvida que teria um lugar cativo no meu top de melhores séries brasileiras de todos os tempos. Se a encarar-mos como uma "novela escancarada", não a colocaria à primeira vista num top 10 de melhores novelas de sempre. A história desta produção é extraordinária, mas a Globo já teve tantas novelas lindas e inesquecíveis Duarte! Nós (eu, tu e tantos outros) ultimamente temos alargado tanto  os nossos horizontes no que diz respeito a essas grandes produções, ao retroceder-mos cronologicamente para ver histórias com mais de 15 e/ou até 20 anos, que Isso acaba por dificultar muito mais esta nossa tarefa de elaborar os chamados "tops".

Para mim é uma novela, e como top, só perde para Chocolate com Pimenta.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Mas "A Casa das Sete Mulheres" para a Globo não é novela, foi vendida como minissérie. Mesmo sendo uma minissérie grande de 51 capítulos, não entra como uma novela em si para a década de 2000.  Mesmo também sendo uma história folhetinesca e um tom de novela. Para os padrões de 2000 e até hoje, A Casa das Sete Mulheres e até "Queridos Amigos" (a ultima minissérie acima dos 20 capítulos) de 2008, foram tratadas como minisséries. Outro fator para os padrões daquele tempo, estas minisséries eram tramas fechadas, que já tinham definidos seu começo, meio e fim, sem intervenção da Globo. Mesmo como minisséries de poucas repercussões e baixa audiência como "Os Maias",  "Mad Maria" e "Queridos Amigos".

Edited by DanielNunes
  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Fiquei tão mal com aquele episódio 40. Coitadinha da Perpétua! O marido tinha que ser ferido em combate logo agora que ela descobriu que estava grávida!  :crying:O Inácio não pode morrer! :crying:

A Maria continua a mesma criatura amarga e peçonhenta de sempre. Que raiva que me dá sempre que ela maltrata e humilha a Manuela, que apesar de tudo continua firme e forte ao lado da mãe. <3

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Terminei hoje a série.

Que últimos episódios de tirar o fôlego! Desde o parto da Anita feito pela Manuela, que rendeu uma das sequências mais emocionantes da série, ao sofrimento da Mariana nas mãos daquele monstro sem alma que se auto intitula de mãe dela (nem as outras duas sofreram aquilo que a Mariana penou nas mãos da Maria), passando também pelo final emocionante da Rosário, que infelizmente (ou não) não podia ter terminado de outra forma.

Eu destaco a última cena da Manuela como a mais comovente e a minha favorita desta magnífica produção. Ela esperou pelo grande amor da sua vida até ao fim dos seus dias! :crying:Não consigo imaginar o que será viver toda uma vida em função de um grande amor "não correspondido". 

Custou-me um bocadinho ver praticamente todos os personagens a deixarem a estância, mas com a proclamação do "cessar fogo" desta guerra dos farrapos contra o império do Brasil, outra coisa não seria de esperar.

Os finais dos casais Caetana e Bento e Perpétua e Inácio foram os melhores! Adorei a homenagem que estes dois últimos fizeram à Teresa, ao batizarem a primeira filha de ambos com o mesmo nome da falecida esposa do Inácio. <3

Só tenho maravilhas a dizer à cerca desta produção maravilhosa! Elenco, diálogos, realização, banda sonora, guarda-roupa... tudo e todos irrepreensíveis!

Vou ter muitas saudades, acreditem. <3

  • Like 1
  • Love 3
Link to post
Share on other sites

O final da Manuela é horrível, que tristeza. Pior de tudo é que esta mulher existiu mesmo, e esperou pelo Garibaldi até ao fim dos seus dias, ficando para a história como a "eterna noiva de Garibaldi". :crying: E é ainda mais triste, pois na serie eles ainda se encontram, mas na vida real nunca mais se viram desde que o Garibaldi saiu da estância da Tia Antónia. 

Acho que romantizaram o Garibaldi muito nesta serie, na vida real ele não deve te sido muito correto com as mulheres, chegando mesmo a seduzi-las e iludi-las como me parece que foi o caso de Manuela, pois ele passava de mulher em mulher muito rápido, assim que a Anita morreu, arranjou logo outra, e nem foi a Manuela, essa ele nunca mais quis saber. O grande amor de Garibaldi era a guerra, nada mais.

  • Like 2
  • Sad 1
Link to post
Share on other sites
19 minutes ago, Duarte com D said:

O final da Manuela é horrível, que tristeza. Pior de tudo é que esta mulher existiu mesmo, e esperou pelo Garibaldi até ao fim dos seus dias, ficando para a história como a "eterna noiva de Garibaldi". :crying: E é ainda mais triste, pois na serie eles ainda se encontram, mas na vida real nunca mais se viram desde que o Garibaldi saiu da estância da Tia Antónia. 

Acho que romantizaram o Garibaldi muito nesta serie, na vida real ele não deve te sido muito correto com as mulheres, chegando mesmo a seduzi-las e iludi-las como me parece que foi o caso de Manuela, pois ele passava de mulher em mulher muito rápido, assim que a Anita morreu, arranjou logo outra, e nem foi a Manuela, essa ele nunca mais quis saber. O grande amor de Garibaldi era a guerra, nada mais.

Foi precisamente dessa forma que ela foi descrita na última cena da série: "...Manuela faleceu aos 84 anos de idade, e até ao fim da sua vida ficou conhecida como A NOIVA DE GARIBALDI". :crying:

Haja coração para tanta emoção!

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 5 months later...

 

 

"Porque me vou embora Amore" "Adio Joia mia" :crying: 

 

 

"Não tornes fugaz, o que pode ser eterno" :giveheart: 

As saudades que tenho disto, a história, paisagens, os casais e arrebatadora banda sonora :wub:  saudades deste diamante. :crying: 

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...