Jump to content

TDT - Televisão Digital Terrestre


Recommended Posts

  • Replies 1.4k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Esperemos não ter de esperar até 2030 para virem mais canais...

Bem, umas primeiras impressões. Com a crise económica e a aparente falta de interessados no anterior caderno de encargos para os dois canais privados (a ideia de um de desporto e outro de informação, que parecia já ter caído há algum tempo), o Governo parece que vai desistir do concurso para já. Para não perder a face e cumprir a promessa de dois novos canais na TDT, surgem estas duas soluções de recurso. A RTP África é uma solução a custo "zero", e para todos os efeitos é um canal que tamb

Sou contra a presença dos serviços internacionais da RTP na TDT nacional pelo simples motivo de que não servem o público nacional. A RTP Internacional não é feita para quem vive em Portugal, mas sim para a diáspora portuguesa ou falantes de português lá fora. Faz zero sentido estar na TDT e ainda por cima com os custos que isso acarreta. O BE devia parar um bocadinho para pensar antes de enviar este tipo de propostas à pressa.

há 21 horas, Nogueiraa03 disse:

e isso vem mudar/acrescentar o que à atual situação?!

Passa a ser oficial o que já foi anunciado.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

O governo deveria repensar bem o futuro da TDT ( ou uma plataforma que distribua conteúdos ( canais) gratuitamente a população)).

O tempo está a se esgotar em 2023 a altice deixará de ser a gestora e fornecedora da rede TDT.

Edited by emanuel92
  • Like 2
Link to post
Share on other sites
há 5 horas, emanuel92 disse:

O governo deveria repensar bem o futuro da TDT ( ou uma plataforma que distribua conteúdos ( canais) gratuitamente a população)).

O tempo está a se esgotar em 2023 a altice deixará de ser a gestora e fornecedora da rede TDT.

Isto era muito fácil , era liberalizar o mercado , desde que compra com as regras e queira emitir na TDT , paga e começa a emitir. Simples. 

Edited by Dafiel
  • Like 3
Link to post
Share on other sites
há 8 horas, emanuel92 disse:

O tempo está a se esgotar em 2023 a altice deixará de ser a gestora e fornecedora da rede TDT.

Se for à Zé Tuga, provávelmente ainda nem começaram a pensar nisso. E quando chegar a altura dizem algo do género '' Só 500 mil pessoas é que usam o sistema''.

O governo tem tudo a ganhar com o pago, quanto mais subscrições mais IVA arrecadam :(.

É claro, que eu preferia que a realidade fosse diferente.

  • Like 2
  • Sad 1
Link to post
Share on other sites
há 2 horas, Tuor disse:

Se for à Zé Tuga, provávelmente ainda nem começaram a pensar nisso. E quando chegar a altura dizem algo do género '' Só 500 mil pessoas é que usam o sistema''.

O governo tem tudo a ganhar com o pago, quanto mais subscrições mais IVA arrecadam :(.

É claro, que eu preferia que a realidade fosse diferente.

Oxalá não deixem morrer a TDT! Seria muito injusto para os que dela dependem para ver TV, e mais um mau exemplo nosso em comparação com o resto da Europa...

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
há 20 horas, Dafiel disse:

Isto era muito fácil , era liberalizar o mercado , desde que compra com as regras e queira emitir na TDT , paga e começa a emitir. Simples. 

A questão é:

E os emissores que são da altice?

Não é só liberalizar, a Altice é dona dos emissores tem a gestão da rede TDT mas quer vender os emissores.

Link to post
Share on other sites

Pequena atualização sobre o futuro da tdt:

"Governo cria grupo de trabalho interministerial sobre o futuro da TDT"

Citação

O secretário de Estado do Cinema, Audiovisual e Media anunciou hoje a criação de um "grupo de trabalho interministerial" com o secretário de Estado Adjunto e das Comunicações para recolher opiniões e estudos sobre o futuro da TDT.

Nuno Artur Silva falava na comissão parlamentar de Cultura e Comunicação, na audição sobre a revisão do contrato de concessão do serviço público de rádio e de televisão, no âmbito de um requerimento do PSD.

"Ficou decidido por mim e pelo secretário de Estado Adjunto e das Comunicações a criação de um grupo de trabalho interministerial que vai ter como objeto de trabalho a recolha de opiniões e de estudos" sobre a televisão digital terrestre (TDT), afirmou o governante.

"O objeto é no fundo um relatório sobre o futuro da TDT em Portugal que tenha em conta as opções que temos de tomar", nomeadamente em relação ao 'multiplexer' B [bolsa de canais] e "em relação a todas as questões" relacionadas com o dossiê da televisão digital terreste [que disponibiliza canais gratuitos].

Nuno Artur Silva recordou que o contrato da concessionária da TDT, a Altice Portugal, termina em dezembro de 2023, o qual assegura o acesso de toda a população aos canais gratuitos.

Com este grupo de trabalho, pretende-se "também perceber como isso está", ou seja, "cenários para o futuro da TDT", prosseguiu.

Este grupo de trabalho informal irá recolher informações de várias entidades, desde reguladores, operadores e especialistas "para podermos chegar a uma boa conclusão", rematou Nuno Artur Silva.

fonte: https://www.noticiasaominuto.com/economia/1669152/governo-cria-grupo-de-trabalho-interministerial-sobre-o-futuro-da-tdt

Eles falam na possibilidade do Mux B.. Mas só acredito se ver.

Edited by Nogueiraa03
  • Like 2
  • Shock 2
Link to post
Share on other sites

Israel funciona em regime híbrido, tem um MUX DVB-T e um DVB-T2. O segundo MUX foi activado há uns anos e o canal árabe da KAN foi transferido para lá em 2018.

Link to post
Share on other sites
há 3 horas, Nogueiraa03 disse:

"Governo cria grupo de trabalho interministerial sobre o futuro da TDT"

Eles falam na possibilidade do Mux B.. Mas só acredito se ver.

Quanto ao grupo interministerial acho que já deveria ter sido criado à muito, eu só queria que esse grupo de uma vez por todas desse ouvidos ao povo, e o povo pede diversidade na tdt, para ontem de preferência.

Em relação ao Mux B, nós somos o país que demorou 12 anos (de 2009 até 2021, e ainda não vieram os canais prometidos recentemente) a completar o alinhamento do actual Mux A, cheira-me que é mais tanga de políticos, mais do mesmo dos últimos 12 anos, mas espero estar errado.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
On 17/01/2021 at 22:00, LP 98 disse:

Oxalá não deixem morrer a TDT! Seria muito injusto para os que dela dependem para ver TV, e mais um mau exemplo nosso em comparação com o resto da Europa...

Infelizmente, partes do resto da Europa já começaram a abandonar o DVB-T. Suíça e Bélgica são dois exemplos.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 1 hora, Televisão 10 disse:

E como é que fazem? Ficam só com televisão por Cabo?

 

há 1 hora, Nogueiraa03 disse:

abandonam o dvb-t para lançaram somente o dvb-t2, não?! @JDaman

Nestes dois casos, nem DVB-T2, sequer. Ou compras um cartão descodificador e acedes aos canais via satélite ou és obrigado a ter uma subscrição de TV paga. Com sorte, até nem precisas de subscrição, caso o teu prédio seja um dos sortudos com instalação de TV por cabo gratuita para todos os residentes.

  • Shock 2
Link to post
Share on other sites
há 11 minutos, Nogueiraa03 disse:

Olha que usar a tecnologia satélite para emitir os canais não era nada mau pensado.

Desde que fossem emitidos muitos mais canais do que são agora e em HD

Noutros países o satélite é uma forma popular de se obter TV gratuita. Um caso bem famoso é o da Alemanha, onde o satélite e as instalações de cabo nos prédios são as formas mais populares de se receber TV.

Link to post
Share on other sites

No caso português, tenho entendido que só fornecem uma parabólica no caso do sinal não chegar em condições ao local onde se pretende colocar TDT. Nesse caso, um técnico dirige-se ao dito local para comprovar que o mesmo fica de facto numa zona com sinal muito fraco ou mesmo inexistente (a chamada "zona de penumbra").

Link to post
Share on other sites
há 2 horas, LP 98 disse:

No caso português, tenho entendido que só fornecem uma parabólica no caso do sinal não chegar em condições ao local onde se pretende colocar TDT. Nesse caso, um técnico dirige-se ao dito local para comprovar que o mesmo fica de facto numa zona com sinal muito fraco ou mesmo inexistente (a chamada "zona de penumbra").

Acho que começaram a abrir excepções nos últimos anos, muito porque certas zonas que não eram sombra eram-no maior parte das vezes, mesmo com verificação técnica. Contudo não é algo plenamente liberalizado, como se vê noutros países. Na Alemanha só precisas de comprar o cartão descodificador se quiseres ver os canais privados em HD. Tudo o resto está em aberto. No Reino Unido tens o Freesat que funciona com qualquer receptor e sem ser necessário cartão descodificador e podes sintonizar quando te der na real gana.

Por cá as generalistas até se podiam juntar para algo do género, mas se já nem as operadoras pagas se entendem para poupar espaço no Hispasat e acabar com canais duplicados, quanto mais termos os canais em aberto a entenderem-se para criar um Freesat português.

Edited by JDaman
  • Like 2
Link to post
Share on other sites
On 21/01/2021 at 02:13, JDaman disse:

Por cá as generalistas até se podiam juntar para algo do género, mas se já nem as operadoras pagas se entendem para poupar espaço no Hispasat e acabar com canais duplicados, quanto mais termos os canais em aberto a entenderem-se para criar um Freesat português.

As generalistas juntarem-se para criar um sat grátis? Para depois não termos mais do que os 7 canais que temos agora? Não mesmo..

Eu nunca tinha pensado nessa hipotese de emitir em sinal aberto por satélite, sendo uma ótima alternativa por ter cobertura em todo o pais e aguentar canais HD e 4k. Aliás, vê-se já muitas TVs com DVB-S2 embutido, os clientes que não tivessem compravam um descodificador e a instalação da antena podia ser feita sob pagamento.

Era uma entidade que soubesse do assunto, abria uns transponders para depois alugar o espaço aos canais que quisessem. Eu imagino :adoro:

Edited by Nogueiraa03
Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...
há 4 minutos, Televisão 10 disse:

E amanhã a TDT ganha um novo canal: #EstudoEmCasa para o Ensino Secundário.

Basicamente o mesmo que fizeram no México, onde adicionaram subcanais educativos divididos por ciclos e em canais diferentes, e no Brasil com a Redevida Educação

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
há 46 minutos, Televisão 10 disse:

E amanhã a TDT ganha um novo canal: #EstudoEmCasa para o Ensino Secundário.

Como assim? E vai ficar na posição 8?

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...