Jump to content

Faded

Membros
  • Content Count

    11,970
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

10,334 [email protected] pela Ana Leal

About Faded

  • Rank
    Percebo algo de VOSDAL

Recent Profile Visitors

1,396 profile views
  1. Chegada de "Disney+" a Portugal, acelera "guerra do streaming" em Portugal
  2. Revolut lança cartão ‘Pride’ para apoiar comunidade LGBTI+ " Para encomendar o cartão, os clientes têm de fazer uma doação mínima de três euros. O valor total angariado será doado à ILGA Europe, a organização responsável pela defesa dos direitos humanos de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e intersexuais na Europa e na Ásia." Com as doações mínimas obrigatórias, o banco digital estima que conseguirá angariar mais de meio milhão de euros.
  3. Faded

    Política

    Portugal tem um novo partido: o Volt! 😁
  4. Love, Victor showrunner is already plotting more seasons with more ‘authentic, red-blooded’ sex scenes as Victor grows up "As we progress into future seasons, and as our teenagers grow up, these things that make up the fabric of teenage life – including adult and sexual experiences – are just going to be easier to tell on a more adult network like Hulu.”
  5. Faded

    Sexualidade

    Happy Pride Month!
  6. Vi agora o primeiro episódio e adorei. Este é mesmo o meu tipo de série.
  7. E a Disney é uma empresa que até há pouco tempo, licenciava contéudo para outros canais. Não é como se tivessem a produzir conteúdo exclusivo para alguma plataforma. Daí que o catálogo de filmes/séries exclusivas da plataforma, seja reduzido, neste momento. Parece-me lógico. Isso, já é subjetivo e depende daquilo que consideras "pouco apelativo". Da mesma forma que há pessoas que parece haver pessoas que estão empenhadas em que o Disney+ seja um flop.
  8. O serviço foi lançado há menos de um ano. A Netflix quando foi lançada tinha um catálogo tão vasto como tem agora?
  9. Faded

    Profissionais TVI

    Que nojo. É da COFINA?
  10. Ou filmes mais recentes, ou clássicos Disney, do Disney Vault, tipo "Rei Leão", " A Bela e o Monstro", etc. Também acho pouco provável deixarem que a SIC emita filmes do universo Marvel/Star Wars. Mas é tudo especulações, e acho que vai depender da resposta do público à plataforma OTT. Eles devem analisar o contexto de cada país.
  11. Eu acho que a Disney vai conseguir abarcar um leque variado de consumidores com o Disney+. As expetativas de crescimento do serviço estão em alta, de acordo com a Forbes. Acho que eles não têm nada com que se preocupar, nesse campo. E depois, virão mais tarde com os bundles com o Hulu+Disneyplus, que vão colmatar essa falta de conteúdo para jovens/adultos, que o Disneyplus tem atualmente. O mais lógico seria fundir todos os conteúdos dos diferentes players da fox, que são não-Disney, no Hulu. Até porque: Disney aims to lauch Hulu internationally (in 2021) Eu posso dizer-te que quando o serviço foi lançado, a expetativa da Disney, era de que o Disney+ consegui-se uma média de subscritores entre os 60 e os 90 milhões de subscritores até 2024. Ora, a plataforma conseguiu atingir praticamente esse valor, em seis-sete meses de lançamento! A expetativa dos analistas da Forbes, é que o Disney+ consiga chegar a 30 mil milhões de dólares em receitas, daqui a 5 anos. Portanto, não me parece que eles tenham grande dificuldade de conseguir público para utilizar o serviço. fonte: https://www.forbes.com/sites/genedelvecchio/2020/05/11/disney-plus-has-the-potential-to-become-a-30-billion-giant-in-only-5-years/
  12. O FOX+ deve ser para fechar, quando o HUlu chegar a Portugal. Adoro essa conversa, como se o nosso Universo de amigos representasse alguma coisa. O serviço já tem 54 milhões de utilizadores e só foi lançado em meia dúzia de países. Em Portugal, pode demorar a implementar-se (como o netflix), mas vai de certeza ser uma aposta ganha. Disso não há dúvidas.
  13. Se eu fosse a Disney, iria manter os meus filmes mais famosos, em exclusivo na plataforma. Mas não sei ainda o que eles vão fazer, em relação a isso.
  14. Não é díficil, mas a Disney está a mudar toda a sua estratégia até aqui adotada, de licenciar conteúdo para outros canais, a ser ela própria a ter uma plataforma em que pode ter todo o seu conteúdo de forma exclusiva e recebe todo o dinheiro, sem intermediários. Não é à toa que gastaram 50 mil milhões a comprar a FOX, para terem exclusivo de séries como os Simpsons. Mas quem vai subscrever ao Disney+, não quer ver só um ou outro filme. Esses , podem sempre continuar a comprar DVDs ou a sacar da net. Não é essa a questão. O grande problema é que a Disney é que pagou o filme e que tem os direitos do mesmo. Portanto, pode fazer o que bem entender com as suas IPs sem terem de prestar contas a ninguém. E o Rei Leão continua a ser dos filmes mais aclamados deles, é normal que queiram utilizar esse tipo de filmes como chamariz para o Disney+.
×
×
  • Create New...