Jump to content

PT 04

Membros
  • Content Count

    2,330
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by PT 04

  1. PT 04

    Big Brother 2020

    O Cláudio ficava melhor lá dentro do que como apresentador. E vinha a Maria apresentar o palco que merece.
  2. MENTIRA! Acho que liderou as 03h as 05h!
  3. PT 04

    Notícias TVI

    Cofina arrisca pagar €20 milhões por compra falhada da TVI. Dois grupos espanhóis são beneficiários 19.05.2020 às 14h20 OPA da Cofina sobre 5% da Media Capital pode favorecer grupo espanhol Abanca, num momento em que está a fechar a compra do banco EuroBic, de Isabel dos Santos FOTO TIAGO MIRANDA ACofina arrisca ter de pagar 20 milhões de euros com a compra falhada da TVI. Além da caução de 10 milhões que a espanhola Prisa considera ser sua por direito, a proprietária do Correio da Manhã pode agora ter de gastar outros 10,5 milhões na oferta pública de aquisição (OPA) que se pode ver obrigada a lançar sobre 5% da Media Capital. Esse montante irá, na sua quase totalidade, para o também espanhol Abanca. Os valores podem ser ainda mais expressivos se houver indemnização, como quer a Prisa. Como anunciou ontem, a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) considera não haver razões fundadas para que a Cofina deixe cair a OPA sobre 5% da Media Capital, apesar de ter falhado o acordo para a compra dos restantes 95% à Prisa. Ainda que a empresa dirigida por Paulo Fernandes tenha espaço para responder nos próximos nove dias úteis, a possibilidade de ter de lançar a OPA está em cima da mesa. E pode custar dinheiro. ABANCA PODE GANHAR 10 MILHÕES EM ALTURA DE COMPRA DO EUROBIC Esta oferta foi lançada a um preço de 2,3336 euros por ação, o que pode obrigar a Cofina a pagar 10,5 milhões de euros pelos cerca de 5% da Media Capital que não estão nas mãos da Prisa. Deste montante, quase 10 milhões de euros são destinados ao banco espanhol Abanca que, em Portugal, é dono da antiga rede de balcões do Deutsche Bank e está, neste momento, em processo de aquisição do EuroBic. O valor de compra do banco português, de que Isabel dos Santos é a principal acionista, não foi divulgado. Quando o negócio entre Cofina e Prisa ainda estava a decorrer, o Abanca iria vender a sua participação na OPA, para depois reinvestir esse montante na dona do Correio da Manhã, quando era intenção desta vir a adquirir a Media Capital. Não aconteceu. Agora, não se sabe se irá vender - é a possível venda da sua posição que mais custará à empresa portuguesa, se a OPA efetivamente se efetivar. A outra parcela, de cerca de 500 mil euros, servirá para pagar a outros acionistas, com participações muito residuais, caso queiram vender as ações da Media Capital - empresa que, além da TVI, é dona da produtora Plural e de rádios como a Comercial A realização da OPA é uma decorrência da decisão preliminar da CMVM em considerar que a Cofina desistiu porque quis do aumento de capital de 85 milhões de euros, quando faltavam apenas 3 milhões para compor aquele montante – e, sendo esta uma condição essencial para a compra de 95% da Media Capital à Prisa, a operação não aconteceu por decisão própria, segundo o regulador. Além disso, a CMVM também considera que não se encontram reunidas as condições para ser invocada “alteração das circunstâncias” por conta da pandemia para abortar o negócio. Assim, há agora um período para a Cofina se pronunciar, e depois haverá a decisão final da autoridade dos mercados que, se for na mesma linha do projeto de decisão, obriga à realização da OPA sobre os 5%. CAUÇÃO E OUTROS DANOS A Cofina pode, assim, gastar 10,5 milhões para ficar com 5% da Media Capital depois de ter caído a compra dos outros 95%. Aliás, esse cancelamento também pode já ter outro custo. A Cofina tinha avançado com uma caução de 10 milhões no negócio de compra à Prisa, dinheiro que o grupo espanhol considera agora ser seu devido à extinção da operação. A disputa pelos 10 milhões está a decorrer em tribunal arbitral, junto da Câmara do Comércio e Indústria Portuguesa. Só que, além de reclamar esse montante, atualmente à guarda do BPI (banco português que integra o grupo espanhol CaixaBank), a Prisa reclama também a condenação da Cofina “no pagamento dos danos que vier a conseguir demonstrar, em caso de condenação”. Os espanhóis, que são proprietários do jornal El País, consideram que a Cofina desistiu do processo por vontade própria – e ganham, agora, um aliado de peso na CMVM, já que esta defende que o negócio caiu por vontade da empresa sob o comando de Paulo Fernandes. Mário Ferreira RUI DUARTE SILVA 2% DA COFINA SÃO “LIXO” PARA MÁRIO FERREIRA Na prática, a Cofina pode vir a gastar 20 milhões de euros num negócio falhado, em que pode vir a ficar com 5% de uma empresa cujos principais acionistas lhe são agora hostis. A Prisa continua a ser a maioritária da Media Capital, mas reduziu a sua posição de 95% para 64% do capital da Media Capital, vendendo cerca de 30% ao empresário Mário Ferreira por 10,5 milhões de euros – o empresário iria ser parceiro da Cofina, e iria participar no aumento de capital entretanto abortado. Aliás, o fim desse aumento de capital e consequente extinção da compra da TVI pela Cofina levou a um desaguisado entre Mário Ferreira, que acabou por ficar com cerca de 2% do capital da Cofina (com o aumento de capital falhado, o objetivo era ter até 15%), e Paulo Fernandes. O dono da Douro Azul ainda hoje disse à Renascença que não quer as ações representativas de 2% da Cofina para nada e deixou críticas ao jornal de que ia ser acionista. “Para mim [as ações] são lixo, como é o jornal de que ele é proprietário. Mas tenho-as porque estou a perder umas centenas de milhares de euros nas ações, e neste momento não faz sentido nenhum vendê-las. Vou aguentando. Tenho poucas esperanças, a ver se o preço melhora. Se não acontecer qualquer dia vendo-as, não sei”, continuou.
  4. PT 04

    Big Brother 2020

    A Ana Garcia Martins sim.
  5. Nesta quarentena o homem já vez o pleno de concertos...
  6. PT 04

    Big Brother 2020

    Um closet com sanitas e banheiras? O closet acho que está fechado. Eles ontem juntaram lá pares fechados para falarem.
  7. PT 04

    Big Brother 2020

    Eles passam a vida a chorar na casa de banho!
  8. O programa é o grande trunfo da TVI. Eu não gosto enquanto espectador mas é dos poucos se não o único que lidera na TVI por isso eles tem mais do que se preocupar.
  9. PT 04

    Big Brother 2020

    O que eu critico é eles estarem todos a chorar?? Estão numa casa com câmaras, dizem as coisas e acham que elas vão ser apagadas?? Agora também o tema já cansa! Agora querem dizer que são todos homofóbicos.
  10. PT 04

    Big Brother 2020

    Mas isto é um bando e crianças?? Todos os dias choram??
  11. PT 04

    Olha Por Mim

    O programa não tem logo??
  12. PT 04

    Cinema SIC

    Drama Queens
  13. PT 04

    Passadeira Vermelha

    Elas tem a mesma idade.
  14. PT 04

    Big Brother 2020

    Na grelha da NOS a gala acaba às 00:15.
  15. PT 04

    Sugestões SIC

    Não é tudo para a SIC.
  16. PT 04

    Big Brother 2020

    Isso é a versão Kids.
  17. PT 04

    Cinema TVI

    É com Y. Em português é que se diz com J.
  18. PT 04

    A Generala [brevemente]

    Podiam era por séries às 21:45 até 22:45 e ai o entretenimento mas secalhar saia muito caro.
  19. PT 04

    A Generala [brevemente]

    O Balsemão disse mesmo k diminuíram....
  20. PT 04

    Sugestões SIC

    Eles não vão produzir séries para dar as 23:00 e com episódios de hora e meia. Além disso, pessoalmente acho k não faz muito sentido a novela dar de segunda a quinta.
  21. PT 04

    A Generala [brevemente]

    E sabes para que horário??
  22. E muito bem! Não é por Xenófobas e ''Meio-Homofóbicos'' nos realities que eles tem sucesso.
×
×
  • Create New...