Jump to content

DoAudiovisual

Membros
  • Content Count

    775
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

742 Repórter de vacas bravas na CMTV

About DoAudiovisual

  • Rank
    Sou palmista no Você na TV

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. A acusação, não é fuga ao fisco simples é fraude fiscal. Mas juntos cerca de 4 Milhões, mas já devolveram parte.
  2. Em Espanha, a série está em risco. O ministério público pede 27 anos de prisão para o ator que faz de António e 32 para a actriz que faz de Mercedes (Margarida) por fuga ao fisco. O marido dela que é o produtor também pode ter pena pesada.
  3. Fazer uma proposta comercial com alguém que não faz parte de um projeto, estranho.
  4. Vivi em Espanha há dez anos e comecei a assistir aí e depois assisti na tve internacional que transmitiu até à temporada passada.
  5. O grande problema é mesmo o salto de 10 anos. Na Espanha, o Marcelo (personagem do Romeu Vala) era o companheiro de casa do Carlos quando ele saiu de casa dos pais e foi viver sozinho. O Tino era o namorado do Marcelo e o Marcelo sim, era o melhor amigo do Carlos quando ele saiu do bairro antigo. Mas estão a fazer grandes baralhacoes. A adaptar do original, mas fora da temporada. Por exemplo, o Carlos e a Ana Paula nunca perderam o contato. Na temporada anterior eles separaram-se e ela voltou casada com um ambientalista. Duas ou três temporadas antes desta, a Isabel, já viuva, fez cinekinky, ou seja filmes eróticos ou pornografia softcore como se quiser chamar. Na Espanha ela enviuva na 12 ou 13 e já está separada, aqui que é a adaptação da 17,ela é viuva recentemente. Seguindo a história à risca será muito surpreendente a conclusão da história da Isabel com o Inácio.
  6. Estrategicamente para Portugal, o ideal é vencer Passpartout. E porem como interpretes Barbara Tinoco e Tiago Nacarato, com ele sempre em palco. Não esquecer das centenas de comentarios de brasileiros na altura do The Voice e que por essa Europa fora há muito emigrante brasileiro e ao contrário dos nossos, eles votam nos seus artistas.
  7. Não é sexismo. É a constatação de uma realidade de uma época de grande politicamente as mulheres não existiam. Ou eram esposas ou amantes.
  8. Nesta altura no original, o Toni andava fugido por causa de uma reportagem. Só voltou nos episódios finais quando a irmã ia casar. Em Espanha está de facto tudo muito ao revez daquilo que conhecemos da família.
  9. Quando a Teresa Guilherme vai lá precisamente por essa peça. Não perguntar isso seria absolutamente ridículo e incompetente.
  10. Muito dificilmente. Estão a adaptar a temporada 17 e isso passou tudo entre a 12 e a 15. Ela recupera em 79. O António pode ser possível,visto que isso só aconteceu na temporada 19. Possivelmente até chegará a essa fase. Se estão a produzir 52 episódios em Espanha 3 temporadas são 57. Podem bem cortar 5.
  11. A maior diferença que há é o primo inventado à pressão e a sócia e a personagem da Sofia Marques que apareceu neste episódio também metida à pressão para substituirem algumas personagens em falta. No original, são o Miguel e a Nazaré que são casados e a Clara que voltou a ser cabeleireira depois da botique ter dado para o torto e falta a Nani que voltou a trabalhar com ela. O Zé deveria ser taxista e sócio do Renato(dos amigos do António é o único que se mantém no elenco) e falta a melhor amiga da Margarida, que seria a Ilda, mas quando o Marinho saiu, ela acabou por sair também e na altura criaram a personagem da Eugénia para dar suporte à história do Dino que acabou como já foi referido por casar com a Ilda. Outra coisa, a Mercearia é no bairro velho porque era a mercearia da mãe da Ana Paula que a vendeu ao avô do Bruno(que deveria ser mudo). Cortaram a prisão e o envolvimento em drogas do Carlitos e da Isabel, assim como a fase de atriz de filmes eróticos e kinki. A adição ao jogo, carreira política e primeira infidelidade do António, o Cancro da Margarida etc. Foram tudo coisas de temporadas passadas, mas deveriam ser referidas para criar a narrativa atual e não cortadas para dar outro rumo.
  12. Neste episódio, quando falam das drogas é dito que felizmente nunca houve casos na família. Mais uma alteração feita ao original. Em 1984, a Isabel espanhola é uma ex toxicodependente que se envolveu nas drogas em 1976 e foi adicta até 1979.
  13. Só se mudarem totalmente o original. Ele só se apercebe quase no final da temporada.
  14. Se for assim, é para prolongar a série. As grelhas galegas são feitas para 70 minutos , drama e 30 para comédia.
×
×
  • Create New...