Jump to content

DanielLuis

Membros
  • Content Count

    1,357
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

1,744 Artista do Somos Portugal

About DanielLuis

  • Rank
    Comento crimes na CMTV
  • Birthday 12/21/1996

Informações de Perfil

  • Género
    Homem

Recent Profile Visitors

3,058 profile views
  1. A Catarina Furtado não tem personalidade. É horrível
  2. Pois, tanto é que a única coisa que diferencia o formato base do SS do formato base do BB, os segredos e o foco desse aspeto em termos de jogo, são basicamente completamente ignorados pela produção e pela apresentadora há anos. Quase que se pode dizer que o único que realmente se focou nisso foi o SS1. Não percebo porque é que vêm tanta diferença nos dois formatos.
  3. Tal como já foi dito muitas vezes neste tópico, o formato do Big Brother se for bem esmiuçado, como é feito lá fora, pode ser muito mais forte do que o do SS. Aliás, há países em que o formato do SS foi usado apenas como o twist de uma temporada do Big Brother, e na temporada seguinte voltaram a fazer algo diferente. Além disso, acho que a imagem deste tipo de reality-shows está completamente desgastada e queimada em Portugal, tal como a imagem da TVI. Acho que a única maneira de recuperar é mesmo voltar às origens e ao formato inicial que iniciou tudo e usar essa abordagem do back to basics que tanto estão a apregoar.
  4. A Mena já confirmou que apresenta o FdC 2020. Claro que até lá ainda pode mudar de ideias, mas não me parece
  5. É da Austrália, mas vão adotar o formato Americano.
  6. Se há coisa que eu não mudava dos BB's antigos era esse instrumental. É épico.
  7. Eu acho que devem reinventar completamente o formato e adaptar ideias que foram feitas no estrangeiro. E parece que é isso que pretendem fazer, pelas coisas que se focaram na reportagem no jornal das 8, no debate até com o novo logo. Se for essa a ótica, para mim não faz sentido ser a Teresa a apresentar. Ela está presa ao passado e basicamente tornou o SS, um formato muito poderoso, numa casa do amor. Além de que não tem piada nenhuma, não consegue mudar o registo e a pessoas ainda a associam à antiga TVI e ao antigo paradigma dos realitys cá, o que na minha opinião faria com que isto morresse ainda antes de estrear. O tempo dela e forma que ela tem de fazer realitys já passou à muito Anda that's the tea Claro que também não deve ser o Goucha a apresentar, não tem perfil para isto. Mas seja quem for, se se basearem no que é feito lá fora o apresentador não é assim tão importante quanto isso. Por exemplo no UK, que vocês tanto dizem ser a melhor versão, o apresentador apenas faz isso, apresenta os programas em direto. O contacto que tem com os concorrentes é para dizer quem foi expulso e para entrevistar o expulso, mais nada. O mesmo no BBB. Não é suposto ser o apresentador a interagir com os concorrentes e a influenciar o que acontece na casa como aqui no SS, é suposto ser a produção/o Big Brother. Essa ideia de que o apresentador é essencial para o desenrolar do formato é uma ideia do registo tipico portugues e da TVI dos realities, que claramente está mais que morto. Não me importava que adaptassem o formato estratégico dos EUA, mas não me parece que o nosso público esteja pronto para isso. Talvez no próximo ciclo quando o BB fizer 30 anos. Mas talvez tirarem umas notas do BBB, que basicamente é uma mistura do formato americano com o nosso, não era mau pensado. E por favor, façam o que fizerem, invistam a sério nisto. Mandei aquela barraca da venda do pinheiro a baixo e comecem tudo do 0.
  8. Não é que o Goucha seja a melhor opção, mas isto descreve perfeitamente o que eram os BBs/SSs com a Tetecas. As pessoas têm memória curta. É preciso sangue novo para revitalizar o formato e trazê-lo com a cara lavada, com uma nova identidade e com investimento, como faziam no UK, em Espanha, etc.
  9. Supostamente estão com uma divida à EBU que chega aos milhões de euros. Se não resolverem isso brevemente vão acabar por ser impedidos de participar como a Bósnia ou como a Roménia em 2016.
  10. DanielLuis

    Você na TV!

    O Livre não é um partido de extrema esquerda.
  11. Não consigo não me rir com a diferença entre o vídeo de apresentação que a VRT fez para a Bélgica e o vídeo que a RTVE fez para a Espanha. Acho que diz muito da profissionalidade dos dois canais.
  12. DanielLuis

    Notícias TVI

    A Kelly Bailey é daquele tipo de atrizes que usa as mesmas expressões faciais e o mesmo tom de voz e inflexão monocórdica para todas as personagens e todas as cenas que faz, independentemente de supostamente estar triste, feliz, irritada, etc. Muito má, na minha opinião, só conseguiu ser protagonista tão rapidamente por ser bonita e por ter tantos seguidores.
  13. Não é assim tão impossível. A Rosalía já disse numa entrevista que se ofereceu para ir em 2019. Só que os idiotas da RTVE quiseram manter a aposta na OT. Entretanto ela voltou a dizer que era algo que considerava, desde que a RTVE lhe desse completa liberdade criativa, o que não sei se seria algo que eles aceitassem...
  14. Os rumores dizem que foram contactadas a Rosalía e a Lola Indigo.
  15. DanielLuis

    Like Me

    Na verdade fez com que as pessoas fossem expandir o seu vocabulário
×
×
  • Create New...