Pedro

Famosos

5624 posts neste tópico

1872705jx3.jpg

A 9 de Setembro de 1976, em Lisboa, nasceu Ana Lúcia Pereira Moniz. Filha dos músicos, Carlos Alberto Moniz e Maria do Amparo, desde muito cedo teve uma especial ligação com o mundo artístico.

Devido a esta forte ligação, com apenas seis anos de idade ingressou na Academia de Música de Santa Cecília e foi aos catorze que iniciou o estudo de dois instrumentos: violino e piano. Após completar o sexto ano de formação musical, equivalente ao conservatório, Lúcia Moniz foi estudar para os Estados Unidos durante um ano na Éden Prairie High School. Durante esse período fez parte do Concert Choir para o qual fez composições que lhe valeram o prémio de melhor compositora

Foi no regresso a Portugal que Lúcia decidiu tirar o curso de Design, um sonho antigo, que acabou por abandonar devido às várias propostas a nível musical e da representação. Integrou um sexteto de Jazz na Escola Metropolitana de Lisboa.

Em 1995, participou no espectáculo "Os Heróis e o Mar", no Casino do Estoril.

A grande oportunidade para Lúcia surgiu no ano seguinte, quando foi convidada para interpretar o tema "O meu coração não tem cor" no Festival RTP da Canção, chegando assim à final no dia 7 de Março, conquistando a representação portuguesa no Festival Eurovisão da Canção, onde alcançou o sexto lugar – o melhor lugar que Portugal conseguiu neste festival até aos dias de hoje.

Desde esse momento, Lúcia Moniz nunca mais parou e no mesmo ano estreou-se como actriz na peça "Saudades do Futuro" na qual vestia a pele de uma cantora, mas foi na novela "A Grande Aposta", em 1997, que se notabilizou como actriz, dando vida às gémeas Susana e Bárbara. Ainda em 1997 fez parte do elenco de um espectáculo de Filipe La Féria, "Leonardo, Babette, Leo e os Anjos", fazendo pareceria com João Henriques na autoria da música dessa mesma peça.

Em 1998, seguiu-se a novela "Terra Mãe" onde interpretou o papel de Ana e em Julho do mesmo ano gravou o CD "Lúcia Moniz e amigos ao vivo no festival das 4 cidades".

Foi em 1999 que Lúcia lançou o seu primeiro álbum intitulado Magnólia, por ser o nome da localidade onde o gravou nos Estados Unidos. Este trabalho incluiu temas pop muito diferentes do que tinha interpretado na Eurovisão e foi criado com a colaboração de Nuno Bettencourt. Esta parceria resultou muito bem e os dois acabaram por gravar em conjunto o conhecido tema "Try Again". Magnólia, tornou Lúcia um dos nomes mais promissores da música portuguesa, a saltar rapidamente para o topo das tabelas de vendas alcançando disco de Ouro.

No ano de 2000 foi convidada para participar no álbum "20 anos depois – Ar de Rock", uma homenagem a Rui Veloso, gravando "Hold me in a Decent Way". No mesmo ano, fez parte do elenco da novela "Ajuste de contas" interpretando o papel de Joaninha. Entrou ainda em três episódios da novela "Alves dos Reis" dando vida a Henriqueta.

2002, foi o ano da consolidação da sua carreira como cantora, regressando com um novo álbum, 67, composto por temas eminentemente rocks, compostos em parceria com autores como Jorge Palma, João Gil, Pedrp Campos e Maria do Amparo (sua mãe).

Em 2003 participou na novela "Saber Amar" na TVI interpretando o papel de Lúcia Vidal. Ainda esse ano, depois de se dedicar à divulgação do segundo álbum, Lúcia foi seleccionada para participar na comédia romântica Love Actually, na qual fizeram parte Hugh Grant, Emma Thompson, Colin Firth (Jamie), com quem a sua personagem, Aurélia, faz par num estranho relacionamento baseado na comunicação além das línguas, pois Aurélia só fala o português enquanto Jamie fala inglês.

Depois do enorme sucesso mundial do filme, Lúcia Moniz ficou grávida e decidiu dar tempo à sua vida pessoal. Durante esse período foi preparando composições para o terceiro disco, recolhendo-se assim na Ilha Terceira, nos Açores, onde deu à luz a sua filha Júlia, no dia 8 de Junho de 2004.

Em 2005, gravou o filme "Um Amor Próprio" e saiu o seu terceiro álbum, Leva-me p'ra Casa, com temas que reflectem uma Lúcia mais madura, calma e doce em relação aos álbuns anteriores.

Em 2006 gravou juntamente com Diogo Morgado e outros conhecidos actores o filme "A Escritora Italiana", com estreia prevista para fins de Outubro/Novembro de 2007. Ainda em 2006 fez uma pequena participação na série da SIC "Aqui não há quem viva", foi convidada por La Féria para fazer parte do elenco do musical "Música no Coração" dando vida a Maria Von Trap e começou a gravar a novela "Vingança", interpretando o papel de Laura, numa novela da SIC que marcou uma nova era da ficção nacional.

Em Junho de 2007, por motivos profissionais foi com grande tristeza que Lúcia deixou o elenco de "Musica no Coração".

Actualmente a novela Vingança está ainda no ar, praticamente no final e Lúcia Moniz encontra-se em fase de preparação para a gravação de um filme de Miguel Nogueira, onde interpretará o papel de uma treinadora de golfinhos.

Biografia realizada por Joaninha.

Nota: Brevemente será actualizada.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

70504402ay1.jpg

Nome Completo: Diogo Miguel Morgado Pinto

Data de Nascimento: 17 Janeiro de 1980

Signo: Capricórnio

Localidade: Campo Grande, Lisboa

Altura: 1,88 m

A sua infância foi passada no Alentejo

É uma pessoa muito ligada à família, principalmente aos pais e ao único irmão, Pedro.

Aos 14 anos torna-se modelo e a sua primeira novela foi em 1996, quando foi convidado pela NBP. Desde esse dia nunca mais deixou a representação.

Cinema

  • Amo-te Teresa (2000), personagem Miguel.
  • A Noiva (2000), personagem Eduardo.
  • Teorema de Pitágoras (2000), personagem Roberto.
  • A Selva (2002), personagem Alberto.
  • Crime do Padre Amaro (2005), personagem Libaninho
Televisão

  • Terra Mãe (1998), personagem Miguel.
  • A Hora da Liberdade (1999), personagem Teixeira.
  • A Lenda da Graça (1999)
  • Ajuste de Contas (2000), personagem Francisco.
  • Febre do Ouro Negro (2000)
  • Médico de Família (2000)
  • Jornalistas (2000)
  • Estação da Minha Vida (2001), personagem Raul.
  • Tudo Por Amor (2002), personagem Pedro.
  • O Quinto dos Infernos (2002), personagem D. Carlos.
  • O Prédio do Vasco (2004), várias personagens.
  • Os Malucos do Riso (2005), várias personagens.
  • Diário de Sofia (2005)
  • Inspector Max (2005), personagem Rui Leão.
  • Floribella (2006), personagem Dinis.
  • Aqui Não Há Quem Viva (2006), personagem Fernando.
  • Uma Aventura (2007), personagem Jaime.
  • Vingança (2007), personagem Santiago.
Teatro

  • Sexo e Batatas Fritas
  • Opressão
  • A Canção dos Oceanos
  • Acredita, Estou Possuído
Curiosidades

Livro: Brida

Filme: Forrest Gump

Actor: Tom Hanks

Actriz: Michelle Pfeifer

Música: Anos 80 e 90 - Eric Clapton, Dire Straits, entre outros

Estilista: Maria Gambina

Modelo: Karen

Pintor: Almeda Negreiro

Cor: Azul

Viagem: Machu Picchu, a cidade perdida dos Incas, no Perú

Hobbies: Canoagem, Atletismo, Natação, Leitura, Cinema, Viajar, Ouvir Música, Decorar a Casa, Namorar, Dançar e Rir

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

diogo37rb6.jpg

Nome: Diogo Maria Mendes Leal Pereira do Amaral

Data de Nascimento: 26 de Novembro de 1981

Idade: 25 anos

Signo: Sagitário

Altura: 1,79m

Olhos: Azuis

Cabelo: Castanho

Clube: Sport Lisboa Benfica

Em miúdo era chamado pelos amigos de Pirolito

Filho: Carlos Manuel Pereira do Amaral e Maria Amália de Albergaria Mendes

Frequentou:

A Universidade Lusíada, no Curso de Arquitectura (1º ano)

Curso de Formação de Actores da Oficinactores

Varios Workshop

Antes de ser Actor: Esteve no mundo da moda e fez locuções de publicidade para rádio e televisão

Enquanto Actor:

Na televisão: Fez Martim Sousa em Sonhos Traídos da TVI, Ricardo Moura Bastos nos Morangos com Açúcar da TVI, Guilherme Gomes em Mundo Meu da TVI, Frederico Fritzenwalden na Floribella da SIC, Inácio em Vingança, Óscar Ventura em Fascínos, Leonardo em "O Caso Mariana" e Gonçalo Branco em "Primavera Todo o Ano".

No teatro: Morangos Com Açúcar A Peça e Musical Ri-Fixe

Animal: Tubarão "Porque respeita o "bicho", não porque é mau"

Adora: Queijo e Sushi

Não gosta: Chocolate, batatas fritas e acordar cedo

Queria: "Ter boa voz, para cantar"

Odeia: "Falta de profissionalismo e respeito"

Refúgio: Janela do seu quarto

Perfume: Carolina Herrera

Estilo de roupa: T. Burberry

Bebida preferida: Água. "Não consigo passar sem ela"

Saídas à noite: Poucas

Principal defeito: Insegurança. "Por vezes dou por mim mal, a pensar que o mundo me odeia"

Actor: Brad Pitt

Actriz: Angelina Jolie

Musica e Grupos: Vários, fã de José Cid

Filme: América Proibida

Quando fosse "grande" queria ser: Bombeiro

Vicio: Roer as unhas

Manias: Beber água com gelo e pôr sempre dois pacotes de açúcar no café

Gostaria de conhecer: Edward Norton e o Diogo Infante

">

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

O actor, actualmente, está a gravar a série "A Vida Privada de Salazar" para a SIC, onde dá vida à personagem de Salazar.

Será que vai entrar, também, em "Tarde Demais", próxima novela da SIC?

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Sim Diogo vai entrar em " Tarde Demais " vai fazer par romantico com Claudia Vieira, a história vai rodar á volta dele com temas actuais e urbanos.

Em relação a " Salazar" saiu um artigo hoje no 24 horas, em que Diogo diz que está tendo um " trabalho intenso " , " Até me custa respirar", refere.

O actor para dar vida á personagem leu duas obras e leu a pesquisa que a produção da novela fez sobre Salazar na Torre do Tombo.

Devido ás várias mudanças porque passou Salazar ao longo da sua vida, Diogo vai passar por diversas tranformações, no final veremos-lo um pouco mais envelhecido, com cabelos brancos, rugas e um aspecto debilitado.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

QUOTE(Catita @ 16-Jul-2008, 18:04) <{POST_SNAPBACK}>
Sim Diogo vai entrar em " Tarde Demais " vai fazer par romantico com Claudia Vieira, a história vai rodar á volta dele com temas actuais e urbanos.

Isso ainda não é certo. Fala-se que a actriz vai para o Brasil, para entrar em "Negócio da China", novela da Globo.

É bem provável. A mesma produtora, que está a fazer o filme da vida de Amália", vai fazer o mesmo. A actriz, que tem vinte e tal anos, vai interpretar a vida toda da cantora, mesmo até à fase envelhecida.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Rui Mendes, nascido em Coimbra em 19 de Julho de 1940, é um actor e encenador português.

Estreia-se como actor profissional em Dezembro de 1956 na peça A Ilha do Tesouro no Teatro da Trindade.

Em 1961 abandona o Curso de Arquitectura quase no fim, para cumprir o serviço militar durante quatro anos, após o que ingressa definitivamente na actividade teatral, tendo integrado, entre outras companhias, Teatro do Gerifalto, Empresa Vasco Morgado, Teatro Popular de Lisboa, Teatro Moderno de Lisboa, Teatro Nacional Popular, Grupo 4/ Teatro Aberto(de que foi um dos fundadores), Teatro ABC, Teatro Adóque (de que também foi fundador), Teatro da Cornucópia, Teatro Nacional D. Maria II e Teatro da Malaposta.

Trabalhou com diversos encenadores, como António Manuel Couto Viana, Francisco Ribeiro, Adolfo Gutkin, Costa Ferreira, Fernando Gusmão, João Lourenço, João Mota, Luid Miguel Sintra, Jorge Lavelli, Fernanda Alves e José Peixoto.

Entre muitas interpretações no Teatro, salienta-se:

- A Tia de Charley (1961)

- Knack (1967)

- À espera de Godot (1968)

- Amanhã digo-te por Música (1969)

- Saídas da Casca (1971)

- Insulto ao Público (1972)

- O Círculo de Giz Caucasiano (1976)

- O Judeu (1981)

- Super Silva (1983)

- A Mulher do Campo (1986)

- A Escola das Mulheres (1993)

- O Magnífico Reitor (2001).

A partir de 1975 dedicou-se à encenação, tendo assinado entre outros trabalhos:

- Três Irmãs (1988 - Teatro da Cornucópia)

- Sonho de uma Noite de Verão (1991 - Teatro da Malaposta)

- Descendentes de Kennedy (1992 - Teatro da Malaposta)

- A Louca de Chaillot (1995 - Teatro D. Maria II)

- Tio Vânia (1998 - Teatro da Malaposta)

- Picasso e Einstein (2005 - Teatro da Trindade)

- Vermelho Transparente (2006 - Teatro D. Maria II).

No cinema participou em cerca de vinte películas, entre elas:

- Raça, de Augusto Fraga (1961)

- Dom Roberto, de José Ernesto de Souza (1961)

- O Meu Nome É..., de Fernando Matos Silva (1978)

- Nem Pássaro nem Peixe, de Solveig Nordlund (1978)

-Francisca, de Manoel de Oliveira(1981)

- Os Abismos da Meia-Noite, de António Macedo(1983)

- Paisagens Sem Barcos, de Lauro Antonio (1983)

- O Fim do Mundo, de João Mario Grilo (1992)

- Paraíso Perdido, de Alberto Seixas Santos(1995)

- O Milagre Segundo Salomé, de Mario Barroso(2004).

- O Crime do Padre Amaro (2005 )

Ao longo de mais de quarenta anos foi presença assídua na televisão (séries, telefilmes, novelas) sendo de salientar:

- O Caso Rosenberg (1975)

- Retalhos da Vida de Um Médico (1979)

- Uma Cidade como a Nossa (1980)

- Chuva na Areia (1984)

- Duarte e Companhia (1985/89)

- Um Amor feliz (1990),

- Sim, Sr. Ministro (1996)

- Alves dos Reis (2000/01)

- Ajuste de Contas (2000)

- Ganância (2001)

- Um Estranho em Casa (2002)

- A Ferreirinha ( 2004 )

- Baia das Mulheres ( 2004)

- João Semana (2005)

- Mundo Meu ( 2005/2006)

- O Quadro das Bermudas ( 2005 )

- Vingança (2007)

A par da actividade como actor, Rui Mendes trabalhou como cenógrafo e foi, durante duas décadas, professor da Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa (1980 - 2000).

Futuramente podemos vê-lo em " Equador", onde será o Conde de Valle Flor e em " Amália" com o papel de Avô António.

______________________________________

Desde já dou-lhe os meus parabéns, desejos de um dia diferente.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Eu tenho uma prima parecida com a Lúcia! Até me sinto uma estrela e tudo... xD :lol:

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Olá,

O Diogo Amaral é sem dúvida um grande Actor, e de quem gosto muito.

Caso ele, por acaso, visite este Site/Fórum, quero que saiba que lhe desejo tudo de bom, uma Carreira longa e cheia de Sucesso.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

O Diogo Morgado será o actor que dará vida à personagem principal de "Tarde Demais", ao lado de Cláudia Vieira.

Agora... imagem dele na série sobre Salazar:

cpiadedigitalizar000sl1qh0.jpg

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

QUOTE(_zapping_ @ 19-Jul-2008, 21:05) <{POST_SNAPBACK}>
Sabem qual será o seu próximo projecto?

DESEMPREGO!!! LOOOOOOL

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

QUOTE(Lud @ 19-Jul-2008, 21:34) <{POST_SNAPBACK}>
DESEMPREGO!!! LOOOOOOL

Sério? Talvez a SIC o vá buscar... Eles vão fechar o elenco de "Tarde Demais" até ao final do mês. A ver vamos...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

E está apontado como um dos actores que fará parte do elenco da novela do Vilhena...

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Por isso nada de DESEMPREGO :lol::lol::lol:

Comecei a segui-lo nos Morangos, e de lá para cá tem suprendido pela positiva, então em Vingança nem se fala, uma personagem muito bem apresentada.

E se continuar assim, terá um futuro bem promissor, esperemos que o sucesso não lhe suba á cabeça.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

QUOTE(Catita @ 19-Jul-2008, 22:31) <{POST_SNAPBACK}>
Por isso nada de DESEMPREGO :lol::lol::lol:

LOOOL

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!


Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!


Entrar agora